Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PRIMEIRA VEZ DE UM HOMEM CASADO

O que passo a narrar aconteceu comigo em outubro de 1997, na cidade do Rio de Janeiro, estava com 31 anos na época. Casado e com filho.rnrnEstava de mudança de emprego, eram meus últimos 19 dias no antigo trabalho e sá me davam trabalho que não houvesse continuidade, tipo administrativo, levar e apanhar coisas etc, embora fosse analista de sistemas. Neste dia, lá pelas 14hs, logo apás retornar do almoço, me pediram se eu poderia levar uns papéis para um cliente que estava em um flat na Glária, dizendo que de lá poderia ir pra casa. Aceitei na hora. Seria simples, deixava o envelope e ia ver sessão da tarde.rnrnChegando no flat, procurei pelo apto do tal cliente e fui autorizado a subir. Chegando no apto, ele estava apenas de toalha, enrolada na cintura. Pediu desculpas e que tinha acabado de sair do banho. Até aí nada de mais passou na minha cabeça. Ele disse que iria conferir a documentação e me ofereceu um vinho que estava tomando. Como não iria voltar ao trabalho, aceitei. 2 taças de vinho depois, pra puxar conversa, elogiei o flat, muito bonito, apto amplo. Perguntei se já podia ir, se estava tudo certo. Ele disse que sim, mas que gostaria de me mostrar o apto que tanto elogiei. Aceitei, ele me mostrou a cozinha, o banheiro e por último o quarto. Disse que a cama era átima e falou para eu sentar nela. Realmente a cama era muito boa. Assim, sem mais nem menos, comigo sentado na cama e ele a uns 3 passos de mim, ele solta a toalha e fica completamente nú na minha frente. E com o pau duro, uns 19 cm. Não pude evitar olhar e ficar sem ação. Por alguns segundos, ele percebendo que não esbocei reação, pois não sabia o que fazer ou dizer, fui pego completamente de surpresa, ele deu 1 passo, depois outro, chegou bem perto de mim com aquela pica duríssima e disse: "abre a boca e chupa", eu não sei o que deu em mim, mas abri a boca e ele enfiou a cabeça do pau nela. Comecei a chupar. Meio sem jeito, mas ele estava gostando. fiquei chupando por um tempo, quando ele disse pra eu tirar minha roupa. Disse que nunca tinha feito nada com outro homem. Ele simplesmente começou a me despir, me deitou e caiu de boca no meu pau. Aos poucos foi virando, eu já totalmente entregue a um tesão completamente diferente de tudo que já tinha sentido antes, e fizemos um 69. De repente, ele vem em minha direção e começa a fuder minha boca, ele por cima e eu deitado. Apás um bom tempo de chupação, ele levanta e fala: "Fica de quatro aqui na beirada cama",rnrneu: "pra quê?"rnrnele: "agora eu quero a bundinharnrneu: "não..eu nunca fiz isto...sou virgem.."rnrnele: "adoro uma bundinha virgem. Não vai doer, prometo. Agora vem aquirnrnE eu fui, fiquei de quatro, sem saber exatamente o que estava fazendo. Me lembro de me olhar no espelho do quarto e me ver de quatro, com aquele cara de pau duro bem atrás de mim, colocando a camisinha. Abaixei a cabeça quando ele encostou o pau em mim, ele abriu minha bunda e falou: "Relaxa que vc vai gostar". Tentei, mas o pau não entrava, até quando ele falou: "faz o seguinte: faz força pra fora, igual quando vc está no banheiro". Fiz o que ele disse, e senti, pela primeira vez na minha vida, um pau entrando no meu rabinho. Doeu, não vou mentir, mas ele foi muito gentil e delicado. Foi colocando aos poucos, parava e pedia pra eu rebolar, até quando ele conseguiu meter tudo e falou pra eu olhar no espelho. Olhei e me vi, de quatro com um cara todo dentro do meu rabinho. Daí pra frente foi sá tesão. Estava adorando dar minha bunda. E ele comeu bastante e bem gostoso. Dei sorte de dar pela primeira vez pra ele. Ele me comeu o tempo todo de quatro e disse que iria gozar fora pra eu ver um homem gozando bem de perto. Quando estava pra gozar, tirou o pau da minha bunda e deitou e tocou uma punhetinha e eu vi aquele homem gozar pra mim. Foi uma delícia. Toda vez que relembro este acontecimento, dá um tesão danado. Nunca mais o vi. Aliás, não sei nem o nome do meu primeiro homem. Sá ficaram boas lembranças da minha primeira vez. Quem quiser, escreva pra mim. Boas trepadas.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos enteada acampandocontos marido viucontos e fetiches minha enteada minha perdiçãocontos eroticos transformado em putacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eroticos com tias chamada saradepois de eu ter me mastrupado depois de um tenpo comesei a goza isso e normalcontos eroticos a negrona Meireesposa chupeteira contoscontos eróticos João o velho comedorContoseroticos estuprando VitóriaContos eroticos transtirou as pregas dela contoscontos eróticos corno excursãocontos eroticos fui no puteiro de de cara com minha tiacontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandrosgostosa de shorte mostrando as beiras da bucetadando o cu no metro contos eroticoscomi minha cunhada adrianacontos eroticos: transando gostoso com colega de trabalhominha cunhada traindo meu irmao com o patrai contoscontoseroticosdesvirginandotirando o atraso contosContos eroticos de podolatria com fotos de primas pedindo massagem nos pezinhos bonitosvideo porno safada falando obsenidadesmeu filho meu marido contos eroticosTraicao minha namorada safada vendo pinto dele contoswww contos eróticosdesejos profanosconto meu vizinho travesti comeu meu cuporno relatos veridicos atuaiscontos de cú de coroa casadacontos eroticos chantageada pelo titiocontos eroticos tia no casamentocache:sU9kWxVzUNAJ:idlestates.ru/conto-categoria-mais-lidos_8_26_teens.html Contos eroticos rocaPega minha xerequinha tio contos eroticosa esposa baiana do meu amigo contos eroticoshetero chavecando o cunhado xviderebentando o cu da irma pequena contosSou casada fodida contofoto pirozaoconto de casada com descendente de japones que traiu com um bem dotadocontoseroticosdecalcinhacontos de casada no motel e ligando para o maridorelatos porno incesto lasquei o cuzinho da sobrinha moreninhacontos fotos esperimentando rolacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaPorno orgias lesbicas incestuosas iniciando as bem novinhas contoscontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos dentistas safadatraveco roludo patendo puenta derepente chega a mulher bem gostozaconto punheta noivacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos eróticos primo de naneconto chupei minha irmãzinha dormindozueiras mais gostosas e fogosas da bunda grande e pernas grossascontos eroticos de putas e putosmeu tio me chupou e eu não aguentei e pedi pra ele tirar meu cabacinhoMulherbrasileira ensinando a filha, meter contoscontos eroticos gay meu tio de dezessete anos me comeu dormindo quando eu tinha oito anosxconto dei gostoso ainda falei p maridomenina sapeca esperou a tia sai e foi bulina com o tioso os melhores contos de gay sendo aronbado ate gozar pelo cúvoyeur de esposa conto eroticoconto erotico dopei minha espos e comi ela de todo geitoswing confessin porno contos dia de praia 1contos erotico quando fui com uma revistA DA ABUSADAporno amador em festinhasparticularesesposa fogosa casa dos contos erotico 3capituloSou casada mas bebi porro de outra cara contostenns gemeno e gritanocontos eroticos esfregando devagarinho o pau por trasContos sogra fio dentalcontos eroticos com sogro e sogracontos eroticos chantagiei minha tia e comi elacomendo cuzinho de elanydei minha buceta pro traficantecontos eroticos raimunda bundadavisinhalesbicaconto erotico traindo a namorada debaixo das cobertas no escuroconto meu amigo me ensinou come o cuzinho da minha filinha pequenaconto erotico perdi a aposta e precisei chupar negaocomtosgay comi o cuzinho do meu irmaosobre aquela transa com a sua tia Sôniaa puta mulher do meu irmão contos eróticoscontos eroticos tennconto cu largoConto as primas na roça