Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PRIMEIRO TRAVESTI DE UM HOMEM CASADO

Click to this video!

Oi. Eu já publiquei minhas primeira e segunda vez. O que passo a relatar agora, foi a terceira vez que dei minha bundinha. Como sempre, por ser casado, sá posso dar quando estou viajando. Desta vez, estava a trabalho em Cuiabá, MT. Depois que dei para o cabeleireiro que gostava de se vestir de mulher (minha segunda vez), resolvi experimentar um travesti. Andei pesquisando na internet, nos jornais de Cuiabá e encontrei um travesti do Rio de Janeiro, minha cidade natal. Liguei e uma linda voz me atendeu. Super simpática e alegre, conversamos um pouco e expliquei para ela minha situação. Ela se mostrou bastante tranquila, o que me acalmou. Marcamos um horário em um motel na vizinha Várzea Grande. No horário marcado, entrei no motel e escolhi um quarto. Liguei para ela e informei o quarto em que estava. Não demorou muito e ela apareceu. Nossa, não esperava tanto. Linda Travesti! Ela tinha em torno de 1,66, cabelos compridos loiros, pele bronzeada com marquinha (descobri depois) e um corpão violão, com direito a peitinhos e bundão. Conversamos uns 19 minutos, servi uma bebida pra ela e ela mandou que eu tirasse minha roupa. Ela fez o mesmo. Foi nesse momento que descobri a marquinha de biquini, bem pequena. Um tesão. Ficamos peladinhos os dois e começamos a nos esfregar. Ela estava toda super lisinha, cheirosa, valia o preço que cobrava. Ela tinha orgulho do bundão. Ficava esfregando ele em mim, o qual lambia e chupava com entusiasmo, mas o que eu queria mesmo era a pica dela. Igualmente toda lisinha, não era grande, devia ter uns 15cm e fina, mas super durinha. Apás muitos beijinhos, lambidas e amassos, ela falou para eu comer a bunda dela, no que eu disse:rnrn- Você tem um rabo lindissimo, mas quem quer rola na bundinha sou eu.rn- Tem certeza que não quer minha bunda?rn- Tenho. O que eu quero é essa pica durinha.rn- É um viado mesmo. Então vem cá chupar!rnrnE eu fui. Chupei bastante, até que ela perguntou:rnrn- Vai querer dar a bunda mesmo?rn- Vou sim.rn- Então vai ser agora. Vou te comer agora.rnrnE eu já fui virando a bunda pra ela, quando ela disse:rnrn- Não...não....Se você quer dar a bunda, vai ser do meu jeito. Fica de frente pra mim que eu vou te comer igual mulherzinha, de frente...quero ver esta tua cara na hora que eu tiver comendo.....rnrnFiz o que ela mandou e ela colocou um travesseiro embaixo de mim, para elevar minha bunda. Ela abriu minhas pernas e foi metendo o dedo no meu cuzinho. Mexeu, passo KY e encostou a cabeça do pau durinho nele:rnrn- Olha pra mim...de olho aberto...que ver tua cara.... E meteu. Que delícia, a pica, por ser fina, passou sem maiores dificuldades. Que maravilha! Ela colocou tudinho e começou a comer. E sempre olhando pra mim, me encarando, vendo minha reação a cada estocada que dava no meu cuzinho. Apás um tempo me comendo, pegou meu pintinho (pra quem não sabe, tenho uma piroquinha de 12cm, mas grossinha) e começou uma punheta ritmada com as estocadas que dava no meu cuzinho. Que loucura!!! Estava adorando. De repente ela acelerou as estocadas e a punheta e gozei um monte. Jorrei leite pelo quarto inteiro. Quando ela viu meu gozo, parece que enlouqueceu, começou a socar mais rápido e forte no meu cuzinho, era uma gritaria sá dentro do quarto, dela pelo prazer de foder um macho casado e eu de estar levando uma surra de pica daquela travesti. Em determinado momento, ela tira a pica do meu cuzinho e goza em cima do meu pintinho mole. Nossa, sá estando lá para saber o quanto foi bom.rnrnEla tomou um banho, trocamos algumas poucas palavras e ela se foi. Eu ainda fiquei me recuperando uns 40 minutos no motel.rnrnQuando sai de lá, sai super satisfeito, pois tinha dado pela terceira vez e, pela primeira vez, com um travesti.rnrnQuem quiser escrever ou trocar fotos, entre em contato pelo meu e-mail. Posso demorar a responder, mas responderei.rnrn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos bundão arrebitadominha mulher de fio dental num posto de gasolina eu confessocontos eroticos adoro ver ele dando leite pro meu negaoNovinha enlouqueçeu os pedreirosmulher que ja sento no maior peni todo atoladocotos erotocos piscina casadaContos her¨¦ticos incesto comi minha m0Š0e Comtoerotico cherinho de bebeloucuras do carnaval varias pessoas fudendo juntas no dalaocontos tio enrraba sobrinhopelanca contos eróticoscache:A_ULZ8FKkSgJ:okinawa-ufa.ru/home.php video de porno com machos a força brutamenetevideos de sexo com cintirinhas finas e bundonaRelatos de casada puta esfregando a bunda gozada na cara do corno otarioquero ver vídeo pornô vários anões bem cafetão bem grosso metendo na nacontos coxudas de saiarelato de donas de casa cavalatravesti Zinho que faz programa escondido da mãecasada foi brincar de esconde esconde e deu o cu casa dos contosver rapasea novos grizalhos pelados de pau duroconto erotico gay: meu amigo japones me arrombouconto erotico gay dando pro pedreiro sarado de 29 anoscontos de encoxadas reais porto alegreele me encoxando e eu rebolandovou castigar seu cuzinhoperdi a virgindade com peão contoscontos eroticos minha esposinha e o inquilino velhomamae titia meu primo e eu na praia de nudismo contos eroticosContos comi a mulher de amigo bebadaBucetaamostra no onibus contos eroticoscontos minha sogra me vendeu seu cuzinhocontos eroticos aa aaa ai ai isso mete meteContos supreendida pelo novinhoconto elotico pai xfilhaminha mulher enrabada na boatemuitus contus estupro na favelacontos eróticos casadaloira gostosa contos eroticos de motoboyvideo gay mandei meu amigo parar de fumar e ele me comeu relatos eróticos reais novinha primeira vezTravesti que dá de graça em bhcontos picante eu dando o cu pro meu tio gayscontos eróticos namorada perder a virgindade com outrocontos eróticos calcinha molhada de xixi na hora do sexocontos VIZINHO INICIA ESPOSINHAum bode fudendo variss cabritinha vigemComtos erotecos de imcesto minha mae sentou no meu colocontos esfrega buc gozada corninhoMeus ex primo viuvo rico sou sua mulher conto eroticoConto de puta estuprada pelos mendigosVelhos na farmácia chupando seios contos eróticosconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeuminha vadia jemendo muito contos eroticoscontos eróticos de mães e filho de pau grandecontos baixinha popozudaquando ela percebe que eu quero dar o cu pra ela xxxdeixei um mendigo de rua comer minha bucetinhafilme porno com gay aguentado dois punho no cu de uma vez mais grinta de dorcomi minha filha pensando que era a minha mulhercomi meu primo novinho contossegurei a pica estranhocontos eroticos arrastada pro mato e enrrabada pelo brimo da rola grossacontos de professor e alunao corinho do pinto dele nem descia ainda contos eroticoscontos eroticos agressivosconto erótico as duasme tarandotextos viadinhos estrupados gozada boquinhapatricinha safadas se lambendoevy kethyn istinto ativoContos eróticos, eu de toalhanoite pono nata dormiuminha esposa e o porteirocontos eroticos meu tio meu amante casa de vovoMeu pai me comeu conto erotico gaymeu amigo chantagia minha mãe. conto eroticoconto erotico gay no trabalho com homemvelho coroa grisalho peludocontos eróticos gays irmãoseu sou solteiro eu sempre eu tive vontade de fuder o bucetao e o bundao da minha sobrinha de 19 anos de idade eu tava no meu carro com a minha sobrinha eu levei ela pro motel conto eróticocontos eróticos uma travesti chupou miha bucetona greluda no banheiro femininocontos anal de mulher virgemsogra loira novinha chupa maridos Eugênioconto casadacontos erótico vovo me arrombandonoconto eróticos extremoscontoeroticoarregacadaminha iniciacao na zoofiliapornu de video de traveti ezibidu pica gigateconto eroticos comendo a irma de perna quebradacontos eroticos a camareira do hotel me encontrou de pau duro no quarto