Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A CASADA E O MECâNICO NO POSTO DE GASOLINA

Click to this video!

Um dia sozinha no meu canto, parei pra refletir sobre a vida e pensei, meu casamento anda mto sem graça, sem adrenalina, to cansada de dar pro meu marido,são anos e anos dando pro mesmo, nossa precisando viver uma forte emoção, decidi então programar uma viagem sozinha. Coloquei nos meus pensamentos que algo mto louco teria q acontecer nessa viagem, quero encontrar um homem e realizar meu sonho, q é ter um sexo casual, sem compromisso, com um estranho,sei lá . algo desse tipo.rn Então inventei um q eu ia fazer um curso em BH, e fui me praparar pra a viagem, fui comprar umas langeries novas, experimentei um conjuntinho vermelho de rendinha, com uma micro calcinha fio dental com lacinho dos lados, q quase não cabe a minha buceta nela, ela fica entre os meus lábios, ela sá cobre o meiozinho da minha buceta, o sutiã tbm n coube meus seios direito, pq meus seios são mto grandes né, mas comprei assim mesmo. Depois fui me depilar, depilei ela todinha, tirei tdinho, nao deixei nem um fio de cabelo, depilei tbm o cuzinho, nossa doeu pra caramba sabe, mas eu aguentei, fiquei com o rabinho todo lisinho, pq eu tbm tinha em mente q eu iria precisar do rabinho lisinho.rn Fui pra casa tomei um belo banho, me esbaldei nos cremes hidratantes e perfume, usei tbm um perfume intimo q comprei pra usar nela,ela ficou mto cheirosa, fiz uma bela maquiagem, passei um batom vermelho, pq como sou branquinha e loirinha, o batom vermelho fica bem provocante, coloquei a langerie nova, vesti uma mini saia jeans, uma blusinha branca transparente e bem decotada,um belo salto alto, e então coloquei as malas no carro, me despedi do maridinho, disse pra ele q iria ficar morrendo d sdds dele e q iria me comportar mto bem longe dele,rn Logo entro no meu carro e começo a dirigir, e começo a ficar excitada, pq como eu estava usando a mini calcinha vermelha ela era mto pequenininha e dividia a bucetinha, rachava ela, e ficava esfregando no grelinho o tempo todo, nisso a buceta começava a ficar molhadinha. Aquilo foi me dando um tesão louco, quase n conseguia dirigir mais, uma vontade de ser comida naquele momento me deixava louca, eu ouvia música alta,e dava vontade de dançar pra alguém, minha imaginação corria solta, e a buceta abria e fechava, ela nao se comportava, estava nervosa, queria um pau bem grande dentro dela, meu grelinho já estava durinho de tesão,a minha saia era curta e subia, eu estava tão molhada q meu tesão escorria pelas minhas pernas, e chegou a molhar o banco do carro.rn Logo veio a minha cabeça q dentro da minha bolsa havia um vidro de desodorante q eu usava pra me masturbar as vezes, então peguei ele, parei o carro, e fiquei passando o vidro no meu grelinho, esfregava com mta força,mta aiiiiiiiiiiii, q tesão, então eu introduzi ele dentro da minha bucetinha molhada,nossa foi gostoso, mas n me satisfazia, eu queria mesmo era um pau de verdade.... Então voltei a dirigir, e com o desodorante dentro dela, ai q tesão de puta q eu tava, parecia uma cadelinha no cio, eu suava de tesão, avistei um posto de gasolina, precisava abastecer o carro. Estacionei, e desci para comprar uma água gelada, ainda com o desodorante dentro da buceta, preso dentro dela, quando eu voltei,eu vejo um mecânico lindo, suado, todo sujo, vestido com aquele macacão cinza de mecânico, sem camisa por baixo, nossa minha buceta pulsava na hora q vi aquilo.Na mesma hora eu tive a certeza q queria dar pra eele.rn Ele estava indo embora, derrepente ele me viu em pé encostada no meu carro olhando pra ele com aquela mini saia q eu usava, e com as minhas pernas entre abertas, e minha cara de tarada, parecia pedir pra ele vir me comer. Nem precisei fazer nada, ele logo veio em minha direção, e perguntou: o q eu fazia alí e tal, veio puxando assunto, e eu quase n respondia, eu estava sentindo a minha buceta pulsando, com o desodorante lá dentro, eu queria provocar ele de alguma forma, deixa a chave cair no chão propositalmente, ele se abaixou pra pegar a chave, e eu abri mais as pernas, queria me sentir uma puta de beira de estrada......rn Ele me entregou a chave e deitou no chão disse q ia dar uma revisão no fundo do carro pra eu viajar mais segura, era disculpa dele, ele queria ver minha calcinha, aí q eu fiquei mais tarada ainda, abri mais as pernas, eu estava em pé e ele no chao, eu vi q o pau dele tava duro, fazia um volume enorme no macacão, parecia ser um pau bem grande, e como eu estava d pernas abertas, meu desodorante começou a sair da minha buceta, ela tava escorregando, e o desodorante caiu bem na cara dele, tava todo melado,ele percebeu tdo, e ele sentiu o cheiro da minha buceta no desodorante molhado, aí eu já estava entregue a situação,comecei a tocar o meu grelinho com os dedos, ele ainda no chão embaixo de mim, abriu o fecho do macacão dele e colocou o pau pra fora, o pau dele era grande, era enorme.. era duro. era mto grosso do jeito q eu queria, e eu batia com meus dedos no meu grelinho, meu tesão era tanto q tava pingando na cara dele. ele ficou doido, ele posicionou a boca dele bem na direção do meu grelinnho e meu tesão pingava direto na boca dele e ele espalhava pela cara dele. Não havia ninguém por perto, então ele deitado no chão, eu me abaixei d pernas abertas e coloquei a calcinha de ladinho e mandei ele chupar minha bucetinha, ele chupava com tanta força q eu gemia tanto..... dpois fizemos um 69, bem alí no chão, mto gostoso .Depois me levantei, deitei no capô do carro arreganhei as pernas e pedi pra ele me fuder toda, disse q queria ficar toda arregaçada, e ele veio e começou a esfregar a cabeça do pau dele nela, abaixou minha blusa e mamava nos meus seios, enquanto deixava sá a cabecinha do pau dele esfregando nela,e eu dizia: me come vai,, me fode todinha,,, sou uma puta de beira d estrada,, estou no cio,, quero ficar larguiada ....rn Nossa ele me mandou virar de costas e disse agora: agora vou fuder seu rabinho puta,, ele abriu meu cú com as mãos, molhou o pau dele na minha buceta q escorregava de tanto tesão,e foi enfiando o pau dele no meu rabinho bem de levinho, dpois o rabinho abriu, ficou arreganhado e ele começou a me socar, eu pedi pra ele pegar meu desodorante e enfiar nela, enquanto ele comia meu rabinho eu entroduzia o desodorante nela, eu estava com os dois buracos cheios, tinha a sensação de estar sendo comida por dois homens,ele puxava meu cabelo e me socava com força,, e eu gritava igual uma cadeinha e pedia pra ele comer mais,,,,rn Fomos pra dentro do carro, ele deitou no baco de trás e eu subi em cima dele de costas com a calcinha vermelha de ladinho eu rebolava e socava igual um homem soca uma mulher, parecia q eu era o homem, socava eele e me esfregava nele, a buceta ardia ee eu batia com os dedos no meu grelinho,eu gemia... e gemia.... e gemia ... de tanto tesão, já estava quase gozando.Depois fiquei de 4 pra ele, pedi pra ele comer mais meu rabinho, pq tinha cido pouco,, ele com aquele pau enorme q parecia me arregaçar toda, me comia de 4,e socava e ele nao aguentou me ouvir gemendo daquele jeito e goozou dentro do meu cuzinho, me encheu d porra,,, q delicia, dpois ele se abaixou e começou a chupar meu grelinho e eu gozei na boca dele,,,humm q gostoso,,, ele pegava a porra q escorria do meu cú e passava na minha buceta, nas minhas pernas e meu tesao nao tinha acabado, Pedi pra ele mijar em mim, pedi pra ele mijar no meu grelinho,aiiiiii ele mijou, hummmm q delcia,,, eu gozei dnovo, de tanto tesão q o mijo dele me deu,,, foi mto bom.....rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos transando com a cuhada branquinha da boceta peludaCONTOS ESPOSA CORNO ANDREAconto minha mulher gostosa da academia trepa com os personais e amigo,scontos erotico irma fode irma no qintalcontos porno papai e a fama de pirocudotravesti de microsaia fica de pau duro na ruafilho delicia contocontos o pedreiro me fez mulhercontos eroticos gay vadiaconto erotico cachorro lambe pauContos heroticos de mulher que soltou um pum na hora que tranzavacontos eróticos gay cuidando do cachorrão do vizinhoGostosas nao aguentam o tesao e traem em contosver dvd porno homems chupa bucetas de baicho da mesa tira calcinha do ladocontis eroticos gay policial Chapadocontos eroticos corninho limpamdo xoxota da esposa cheia de gozo do amanteeu i a neguingo do pornocontos eróticos com esposa obedientecontos gay pai bebado suadocontos eróticos comi a bunda da minha tia enquanto meu tio dormircontos minha prima defisiete me viu batedo umaContos adoro vercomendo a irmãzinha e a amiguinha dela contos eróticosporn corno contos eroticos amarrada e usadaquelegal vouponhacontos eroticos com foto empregada rabuda baixinhameu bundao ta seduzindo meu filho contosminha esposametendo com travestis contosbaixinha de 1m 60 porno boa fodaconto erotico real sobrinhocontos eróticos​, praia de nudismoconto erotico gay sobrinhomulheres a mijar por cima da casste grossa do marido morena dano a boceta po cavelerealizei meu sonho transar com um cavalocilindro meloso gostosominha irma envagelica encestof****** a minha cunhada gostosa enrolada na toalhaconto menino eu era fudido pelos meninos negroscontos corno empretei minha mulher para traveti e fikei vendopintinho durinho filho bumbum amiguinholevou boquete da irmã caçula dis que gosta de chuparvirando moça contosduas mulher do Jordão baixo chupando b*****sentando na rola do meu pai contos. eróticosque enteada pernadaConto incesto sogra no volantecontos eroticos troca casais com gravidezdei a buceta no trabalho. contos.conto erótico minha esposa caiu na ciladacontos eróticos de pai fudendo filha no carroempregada ê chantageada e tem que dar para seu patrao o cabacinhocontos eróticos sadomasoquismo exttemoContos Eróticos vi minha amiga sendo emrabada pelo maridão bem dotado fiquei com muito tesãocontos meu chefe me comeu e minha filhaconto erotico jogando game com o garotinhoConto minha mulher cuida do paiviuva ecitada ver filho tomando banho e da pra elecontos eróticos casal Passei a noite no autorama no Ibirapueracontos eu minha esposa e um viadinhominha tia greluda de biquíniboquete gozada boca amiga contosconto erotico massageando a tia nuatraí meu marido contosvideo porno safada falando obsenidadesconto entreguei os pés da minha mulher para um amigocontos eroticos mostrei o pau pras mulheres no parquecontos eroticos comi a bunda da minha tiavoyeur de esposa conto eroticoconto erotico meu pai me fudeuFoto pirocudo rasgando bucetinhacontos eroticos comendo uma carcereiraquando eu peguei a minha priminhacontos eroticos gosto de chupar buceta suada e ensebadacontos eróticos da casa da irmã queridacoroa raspadinha gozando contoscontos minha mulher colocou bolinhas no meu cuconto erotico hetero fudando com mecânicos no trabalho