Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A PRIMEIRA VEZ QUE FUI ABUSADA

Click to this video!

Meu nome é Laura, tenho 19 anos e moro em São Paulo. Tenho 1,67, magra, seios pequenos, bumbum pouco grande, loira, bem branquinha.rnTudo comecou à dois meses quando estava dormindo no meu quarto e o tecnico da internet chegou em casa. Minha mãe sem saber que eu estava em casa, falou para o tecnico ir no meu quarto, aonde estava o computador, para ele arrumar a internet. Quando ele abriu a porta, percebi que ele se surpreendeu quandou viu que havia alguem no quarto dormindo. rnApesar de eu ter 19 anos, ainda era virgem, e louca por sexo. rnEle entao ligou o computador e ficou esperando terminar de ligar. rnEu já logo tive a ideia, de finjir que estava dormindo para ver até que ponto ele chegava. Puchei o short para cima, fazendo com que ele marcasse bem a minha bunda e a minha xoxota virgem. rnSenti ele virar com a cadeira e me olhar. Eu estava deitada de bumbum para cima, fazendo com que vesse bem a minha xoxota marcada no short.rnOuvi ele levantar, e ele ficou me olhando, quando passou a mao na minha panturrilha e subindo a mao, passando nas minhas pernas até chegar no meu bumbum. Ele comecou a apalpa-lo com muita vontade, e passava o dedo no meu cú e na minha xoxota. Quando fazia isso, sentia sua respiracao ofegante, ele estava com muito desejo do meu corpo. rnEle encostou a porta do quarto, e voltou a apalpar a minha bunda, e passava a mal na minha xoxota - e eu ja com muito tesao. Comecou a subir a mao e passa-la em minha costas e quando derrepente, desceu a mao e comecou a passar a mao nas laterais dos meus seios. Descia as mao novamente e massageava a minha bunda, sá que agora com mais intensidade. Senti ele colocar o meu shorte para o lado, e com o dedo, passava a mao na minha xoxota, que ja estava ensopada. Comecou a me masturbar, e eu mordendo o travesseiro para que ele nao vesse que estava acordada. Ele fazia movimentos circulares no meu clitoris e pressionava o dedo na minha xoxota, querendo penetrar. Ele percebeu que eu era virjem, pois estava com dificuldade de penetrar seu dedo. Fooi quando ele ficou com mais tesão ainda, abriu mais as minhas pernas, e colocou sua lingua na minha xoxota, o quanto dava, ja que estava de roupa. Ele tentava alcancar mais minha xoxota, mas a roupa impedia. rnO tesao foi aumentando e ele ja estava louco para me comer.rnQuando pelo destino, ou conhecidencia, minha mae gritou para o cara, que ia no mercado, que ficava a uns dois quarteroes de casa, e que ia demorar um pouco, e que se ele terminasse antes, para que esperasse ela um pouco. Oportunidade perfeita. Ele disse que nao havia problema.rnQuando ouviu o portao fechar, ele fechou a porta e voltou para a tentação. rnTirou a calca, sentou na cama, pegou a minha mao e colocou no penis dele, fazia movimento de vai e vem, como se eu estive o masturbando. Ele estava muito excitado. Ficou o punhetando com a minha mao, e passava a mao no meu corpo. sua respiracao ofegante, era concerteza, um desejo que deveria ser realizado.rnEle tirou minha mao de seu penis e tirou o meu short, minha xoxota estava transbordando, quando ele a viu, peladinha, nao deu conta e caiu de boca nela. ele chupava com muita vontade, e a penetrava com a lingua, fazia movimento com os dedos e nao parava de chupa-la. ele chupava de todos os jeitos, sulgava, lambia estilo cachorrinho, penetrava. Eu ja estava morrendo de tesao, não via a hora de ele me comer logo.rnTodo aquele desejo sá ia aumentando e ele nao me parava de chupar, me chupava como se eu fosse uma cadela no ciu. Eu estava louca, pirando e adorando tudo aquilo.rnO tecnico que ja estava com o pau duro que nem pedra, subiu o meu bumbum, abriu minhas pernas, e segurando-as, foi pressionando aquele penis enorme na minha xoxotinha peladinha e virgem. Quando o meu imem rompeu e comecou a sangrar, mas nao estava doendo, esta delicioso e eu queria mais. Como ele viu que "eu estava ainda dormindo", continuou com a sacanagem. Ele bombeava muito forte, e rapido. quando me virou para cima e comecou a me comer gostoso. Enquanto metia, passava a mao nos meus seios, e beijava minha boca. Me dava uns tapas na perna, e bombeava cada vez me forte, e mais rapido. Ele estava louco. Quando o senti tremer, e ele gozou tudo em meu corpo. rnO tecnico levantou e passou aquele pau todo labusado na minha boca.rnQuando ouviu o portao abrir. Colocou sua roupa rapido e me cobriu com a coberta.rnDias depois, ele voltou em casa para instalar o roteator. Dei "Oi" para ele com um sorriso e quando olhei melhor, ele estava com o pau duro. Ele tentou disfarcar e eu fui para o meu quarto. Não vejo a hora de a minha internet pifar novamente ;)

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos minha mulher pagou minha divida com a bundadesabafo sou casada trai meu marido com eletricistaconto meu chefe me chupouMeu Primo Me Decabaçou Sou Gaycontos eroticos menina com pedreirocache:HVsxZOrs15AJ:http://okinawa-ufa.ru/m/conto_12619_quando-eu-dei-pela-primeira-vez.html+"dei pela primeira"contos minha mae viu meu rolao no bamhoPai filha chuva dourada contos euroticosContos eróticos de incesto bi na cachoeiracontos eróticos de bebados e drogados gayssexo-gostoso-numa-ilha-paradisiaca..comcontos eroticos gay recem casadocontos eroticos mae filhaconto minha mostrougorda gozando contoscontos eróticos mulheres da b***** grandecontos erótico perdi a virgindade da b***** e do ku com meu patrãoela sentiu meu pau crescendo contos eroticoscontos eroticos dentista coroa casada tarada por sexocontos eróticos sobre irmã bucetudaFlanelinha de shortinho partindo a bucetaconto titio me fudendocontos tias putaswww.filha caçula da cu pro pai pauzudoenso botar po para mulher do corno contosconto erotico safadesa no cinema com travestiContos de ninfetas dando o rabo no trabalhomeu avô rasgou minha bucetacontos eroticos dei pro irmao da igrejaFunk érotco Conto nem acreditei mas tirei o cabacinho da menina.pelanca contos eróticoscontos eroticos vovoenfiando na bucetavarias coisascontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anosgostoza mastruba aloprado fas ele gozar xvidioIncesto de contos eroticos sou agora mulher do meu ex primo viuvoconto erotico ele me encoxou no onibusmulher chama homem pra chupar sua b***** dela já foi gozar e alguns amigos queridosmeu gringo gostoso me chupoucontos eroticos gays viagem de ferias para fazenda com dotadocontos meu namoh me cmeuela me endinou a roçar grelo com gtelo/contocontos eróticos meu sobrinho me chupoucache:XIRRUtFC4SYJ:https://idlestates.ru/conto_12285_fui-estuprada-por-minha-culpa-parte2.html comi minha cunhada fabiana - contos eroticosentão toque consulta paciente e chupa b***** no pacientetravestiszoofiliafotoscontos eroticos medicocontos eroticos sou casada mas adoro pica de cavalosgay surra chinelo putinhatransformação contos eroticoscontos eroticos gays viagem de ferias para fazenda com dotadoConto erótico com neg contos eroticos com meninas deficientestenho 70 anos e sou tarada ando com minha boceta toda meladinhacontos gay meu amigo me ensinou a darMesmo contra a vontade da minha familia eu sou mulher do meu primo viuvo conto eroticocontos eroticos eu gravida com vontade.di fufergozei nas coxas da filha contosconto comenndo a tiacontos eroticos de cornos e veiascondos erodicos con maesarromba esse cu contoscontos porno de madame recatada virando puta do seu empregadoRespira fundo e relaxa que vai entrar no seu cuconto erotico minha mae chupava minha bucetianha deus de pequenacontos de coroa com novinhocontos eróticos mulataconto erotico minha patroa me viu de pau durocontos erotico defrorado pelo irmão mas velhoMe comerao quando eu era novinha conto pornocontos eroticos de vendas passei gelo no corpo deleos bêbados mais lindas gostosas de todos os tempos pelados mostrando o pauvelhos peludos gay contoscomo enraba uma colega. de trabalhowww.loiras traindo com negao contosconto erotico peguei minha mulher fudendo com os amigos que vieram passar o carnaval em casa