Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SIMPLESMENTE DESEJO (3)

Click to this video!

rnContinuação do conto Simplesmente Desejo (2).rnrnrnFinalmente a segunda-feira chegou!!rnQuando cheguei da escola, sai correndo para a casa do Rodrigo.rnA Ana Lúcia já estava lá me esperando e estava com vários acessários e maquiagem para me preparar.rnEla me ajudou a raspar meu bumbum todinho e me montou toda de gueixa, mas com um a surpresinha por baixo da fantasia.rnFizemos uma maquiagem muito legal. Fiquei com o rosto lisinho, igual de mulher. Deixou meus olhos bem puxadinhos, usando truques de maquiagem, e, um batom vermelho muito lindo!rnAntes de me vestir, me deu um potinho com umas bolinhas gelatinosas dentro. Ela disse para eu colocar 2 bolinhas daquelas no meu cuzinho que elas iam me lubrificar e ajudar bastante a ?aguentar? o Rodrigo.rnObedeci prontamente e a sensação foi maravilhosa, me senti quente!!rnColocou em mim um espartilho preto, bem apertadinho, valorizando minha cintura. Uma cinta liga com meia 78, pusemos um enchimento nos seios, uns sapatos de salto alto lindíssimos.rnQuando eu estava pronto, colocamos um roupão de gueixa, muito lindo. Me olhei no espelho e nem acreditava. Eu estava maravilhosa!!!rnrnRodrigo estava na sala me aguardando, nervoso, impaciente e cheio de tesão. Ana Lúcia foi até a sala, colocou um CD pra tocar com músicas do Kenny G (sax) deixou as cortinas fechadas, acendeu um incenso bem gostoso e o ambiente era realmente mágico!!!rnrnDepois disso, me abraçou e desejou-me uma foda bem gostosa!!! Rsrsrs Antes de sair, eu ouvia do quarto, ela deu instruções para o Rodrigo, dizendo que tivesse paciência comigo e que valorizasse e aproveitasse cada segundo. rnAssim que ela saiu, Rodrigo fechou bem a porta e disse que eu podia sair do quarto. Eu pedi para ele ficar sentado no sofá e para se levantar somente quando eu pedisse. Ele concordou e sai lentamente do quarto.rnQuando ele me viu, ficou doidinho, arregalou os olhos com espanto e disse que não estava acreditando, que eu estava muito linda e que faria amor comigo.rnFiquei tão feliz com a declaração dele que quase chorei, mas respirei fundo e fui em frente!rnFiz todo o ritual que Ana Lúcia me ensinara, desfilei com aquele roupão, que ia até o chão, usando um leque aberto cobrindo parte do rosto.rnOlhando para ele com um olhar submisso de fêmea que quer ser possuída.rnEle ameaçou por o pau pra fora da bermuda, mas disse a ele que eu faria aquilo na hora certa. Ele me obedeceu!rnPedi a ele para dizer o que estava sentindo e o que ele queria fazer comigo.rnEle disse que eu estava linda, maravilhosa e que seria a fêmea dele para sempre. Disse que eu era especial e que me queria muito.rnNão resisti e pedi para ele se levantar e ?vir me possuir?.rnEle veio todo tarado, segurou na minha nuca e me deu um beijo bem gostoso, bem safado, invadindo minha boca, chupando minha língua.rnDepois segurou firme na minha cintura e pude sentir seu pau duro, latejando de tesão. Assim como uma gueixa, fui submissa aos desejos dele. Me ajoelhei na sua frente, terei sua bermuda e pude ver aquele membro quase rasgando a cueca. rnPeguei o pau dele e dei uma chupada bem gostosa, olhando bem dentro dos olhos dele, deixando claro que eu pertencia à ele, que eu era sua fêmea e estava ali somente para satisfazê-lo. Ele entendeu bem a mensagem e retribuiu com um pau muito lindo e duro, fudendo minha boca com vontade e tesão. Quando senti que ele ia gozar, parei o boquete, me levantei, virei de costas e dei um passo para frente. Mau acabei de dar o passo e já senti os braços fortes do Rodrigo envolvendo meu corpo, me agarrando firme pela cintura. Ele me levou até seu corpo e disse no meu ouvido que eu era a fêmea mais gostosa e sensual que ele conhecia. Quase morri de alegria, tesão, vontade de dar. Fiquei realmente emocionada!!rnEnquanto beijava e chupava minha nuca, ele deslizava suas mãos pelo meu corpo, sobre o roupão de seda, sentiu meus ?peitinhos?, apalpou-os e elogiou. Curti cada segundo daquele momento, eu me sentia a fêmea mais poderosa do mundo, eu sentia que Rodrigo era meu como nunca fora antes!!rnrnPedi a ele para sentar no sofá que eu queria me exibir para ele. Ele sentou, virei de costas e fui desamarrando o cinto, que prendia o roupão ao meu corpo. O roupão ficou livre e levei os braços para trás, permitindo que o roupão deslizasse pelo meu corpo e fosse caindo lentamente até o chão. Enquanto o roupão caía, eu virei a cabeça e fiquei encarando o Rodrigo, com um olhar firme e penetrante, ele observava cada centímetro do meu corpo, com cara de bobo, com muito tesão. rnQuando eu estava com a metade das costas aparecendo, ele já viu parte do espartilho e ficou doidinho! Segurei o roupão um pouco naquela posição e percebi que ele ficou mais doido ainda. Eu sorria para ele com um sorriso sacana de fêmea que sabe que está abafando. rsrsrsrsrnEle praticamente implorou para eu tirar o roupão. Atendi seu pedido e quando ele viu a meia78 + o salto alto....pirou de vez!!! Levantou e me agarrou feito um ?ogro?!!!rnrnEle me pegou de jeito, me deu um agarrão, que ficou até difícil de respirar, de tanto que me apertava. Este foi um momento maravilhoso, porque embora eu não seja mulher, eu me sentia como tal; eu me sentia amada, protegida e desejada por aquele macho que eu tanto amava!!!rnrnDepois de alguns segundos, curtindo o momento, ele afroxou um pouco e pude dar uma reboladinha no pau dele. Ele me virou e me beijou novamente, deslizando sua boca pelo meu pescoço, dando chupões, chegou até meus ?peitinhos?, tirou o enchimento e chupou com vontade e força os meus mamilos, ele também mordiscava meus mamilos, era uma delícia!!!rnrnRodrigo disse que queria me possuir, me amar, me fecundar.rnSenti um arrepio, uma alegria, uma vontade de viver!!rnPeguei Rodrigo pelas mãos e o conduzi até o quarto, para nossa cama.rnDeitei de bruços e pedi para o Rodrigo me despir. Ele pulou sobre mim, beijando minha nuca, me apertando toda e tirando o espartilho, a meia, etc....rnSá não deixei ele tirar meus sapatos! Eles eram lindos de morrer!!rnrnRodrigo montou em mim e pude sentir o peso do corpo dele sobre o meu!rnSenti seu pau duro, quente e melado forçando a portinha do meu cu. Meu anelzinho estava latejando de tesão. Rodrigo forçou sá um pouquinho e minhas preguinhas se abriram para ele!rnSenti aquela delícia de pau me invadindo, cada centímetro, meu corpo estava arrepiado e tremendo de tesão. De repente, senti seus pentelhos e seus ovos encostando na minha bunda! Foi uma delícia e soltei um gritinho bem viadinho de prazer.rnEle iniciou um movimento de vai e vem maravilhoso e eu me sentia muito fêmea. Comecei a dizer pra ele o que eu estava sentindo, todo o prazer, falei de como era bom ser a fêmea dele e eu gemia muito, muito mesmo, porque estava maravilhoso!! Ele não aguentou muito tempo e gozou muito, foi tanta porra que chegava a escorrer pelas minhas pernas.rnMas, com 19 anos, o tesão rola solto e pedi ao Rodrigo para cavalgar nele.rnEle ficou muito surpreso, porque nunca havíamos feito aquela posição.rnrnMontei no pau dele, que entrou fácil....rsrsrsrnComecei um movimento de sobe e desce, rebolando bem gostoso e me contorcendo toda....fechei os olhos e imaginei que eu estava cavalgando num lindo garanhão, por um campo verde e florido.rnEu imaginava o vento no meu rosto e nos meus cabelos; e sentia toda potência do Rodrigo dentro de mim. Aquele atrito estava muito gostoso e eu sentia meu cuzinho cada vez mais quente e úmido. Comecei a descrever para o Rodrigo o que eu estava sentindo e ele ficou louco de tesão.rnEle segurou firme na minha cintura e foi ajudando na minha cavalgada. Logo depois, ele gozou pela segunda vez.....entupindo meu rabinho de leite.rnDeitei de bruços, sobre o peito dele e nos beijamos com muito carinho e tesão. Adormecemos por alguns minutos e logo que acordamos, me levantei para limpar meu cuzinho. Rodrigo me olhou e disse que queria mais....rnPus as 2 mãos na parede, empinei a bundinha, olhei para ele e disse: então vem me pegar, me fode com vontade, de pé, com um garanhão que você é!!rnrnEle deu um pulo da cama, me agarrou, chupou meus peitinhos, minha boca, meu pescoço, apontou o pau no meu cuzinho e empurrou sem dá...!!!!rnDoeu, mas foi átimo!!! Ele me abraçou, feito um cachorro no cio e iniciou um movimento de vai e vem. Eu rebolava, dava gritinhos, pedia mais pica e ele ficou doidinho!!!!rnFicamos fudendo, ali de pé, por uns 5 minutos.rnNossas pernas ficaram bambas e cansadas, mas estava muito gostoso.rnQuando já estávamos exaustos, Rodrigo me puxou e sentou na cama, dei mais umas 2 subidas e descidas, rebolando, e ele gozou de novo.rnContinuei sentado, com ele dentro de mim, sentia seus braços fortes me envolvendo, virei o rosto e nos beijamos carinhosamente.rnDepois de alguns minutinhos, levantei e fui rebolando até o banheiro me limpar, coisa de fêmea!!rnrnTomei um banho morno, bem gostoso, tirei toda aquela maquiagem, me vesti e fui pra casa, feliz, realisada e cheia de leite na bundinha...rsrsrsrsrnrnEu e Rodrigo ainda ficamos juntos por quase 1 ano, até que o pai dele foi transferido para o Paraná e nunca mais nos vimos!!!rnJá procurei o Rodrigo em várias redes sociais, mas ainda não achei!!!rnrnRodrigo, se você ler este conto, e sentir saudades daquelas tardes maravilhosas, me responde, envia um e-mail para: [email protected] você leu este e-mail e gostou, envie seus comentários, convites e fotos para: [email protected] rnrnrnBeijos!rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


sou coroa loira e resolvi dar o cu com 53 anoseu quero história comendo a minha vizinha e ela nem dá bolarelato erótico real- a visitacontos: sentei no colo do velhocontos eroticos chatagiada a beber espermasvou ponha ela no coichoucontos suruba inesperada com a esposa e travesticontos comi a internadaminha esposa mostra a buceta para meu padeiroscontos incesto o cofrinho da mamaecontos eroticos casal voyeur sem quererminha sobrinha eu vou sempre fuder ela no motel conto eroticocontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigochupando rola ate goza e dando a bucetacontos eroticosconto chantagem enteadapivete de penes de fora e tocando puietacontos de coroas safadas no cacetaofotos da minha mulher gulosamulher chama homem pra chupar sua b***** dela já foi gozar e alguns amigos queridoscontos eroticos bostaContos com espermacontos minha filha novinha deitou com eu e a sua mae...e a pica comeucontos eróticos comendo minha patroaminha sogra falou que tem dificuldade para gozarfragrância zoofilia caseiro meu amigos me bateram e me fuderam conto gaycontos estupro teensexo.pirralho.fode.a.sogra.do.irmaocache:d8S3mF85a4oJ:tennis-zelenograd.ru/conto-categoria_4_11_incesto.html contos eróticos ônibusconto erotico flaguei meu marido masturbando nosso doggayzinho passou rebolando na minha frente contopinto duro pra tu noivaContoseroticos novinha magrinha virgem estupradas pelo tiocontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigovidio porno corno mulher da em cima do jsrdineiro e empregada ver e participaminha esposa de shortinho na obra contoconto porno mulher crentexerequinha juvenil de perna abertacontos viado arrombadoContos.eroticos.me.dava.banhoconto gay virei garota do sogrocontos eroticos gay fui enrrabado apanhei e gosei com um desconhecidoIncesto com meu irmao casado eu confessocontos eróticos comi mi.ha irmanzinhacontos de mulher insatisfeita com maridoporno negao fidi lora magracontos eroticos comendo cu da prima e tia junto com o tiomeu padrasto me iniciou na zoofilia porno conto meu primeiroamorgozada na boca sueliboquete no filho contoscontos eróticos eu com meu 30cm comen minha prima no sofá de casacomendo cusinho da baba da minha.sobrinhaencoxando coroa casada em Jundiai conto realconto erotico joga quem peder tira a roupas tinha uma supezacontoseroticosviolentadaContos eroticos com esposas que foram arrombadas pelo tio do maridoContos eroticos urologista bom de bocacontos eróticos da secretária cadela de coleira do patrãocontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anosconto da safada deu o cuzinho na caronaConto erotico vizinha bobinhaContos eróticos rabudinha chorou na picaConto erotico chorei com o cacete do cavalocontos sexo dividindo o casamento e a camaconto cine porno gay Recifecontos eroticos gay eu sendo arrombado por dois amigos negros do caralhão grossocontos eroticos experiência inesquecívelconto eróticos c afilhadaConto o zelador e meninomamae e meu irmao contoscontos eróticos minha bundaContos eroticos : Aticei o porteiro e ele me pegou de jeitocomi minha sogra todo mundo viaja so tinha eu e elafoidento do cuzinho xvideocontos eroticos safadinhacontos com sobrinha dormindo lingeriepretinha choradomuito pornolcontos eroticos piscina peitos fartos seduziconto conto erótico e história comendo a mulher do meu amigo anal