Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CÚ DEZ, BOQUETE VINTE, PAPAIEMAMÃE CINQUENTA REAIS

Click to Download this video!

Resolvi editar este conto pois achei tesudo e diferente para as experiências que já vivi. Certa vez conversando na sala dos professores assuntos diversos alguém comentou que num bairro práximo da escola tinha uma casa nos fundos de um bar com uma plaquinha com o seguinte dizer: "Cú dez, boquete vinte, papai e mamãe cinquenta real" e que a molecada do bairro vira e mexe estavam lá. Claro que foi sá risada. Fiquei com aquilo na cabeça um bom tempo: Será que é verdade?rnrnNa sexta feira passada (1708) saí mais cedo da aula e já no portão da escola decidi dar uma passada em tal bairro para conferir. Neste bairro tinha uns três bares entrei no primeiro e não percebi nada, fui no segundo e não vi nada também, no terceiro entrei e já percebi uma casa nos fundos então parei por alí pedindo uma cerveja. O dono do bar se chamava Pedro e com ele comecei a conversar de futebol, política, enfim ganhava tempo para observar. O movimento estava fraco, vez ou outra entrava alguém e já ía embora. No meio da conversa perguntei se aquela casa estava para alugar. Seu Pedro então disse:rnrn- Já está alugada! Alí mora uma coroa que faz tempo ser minha inquilina!rnrn- Ah é!rnrn- Coroa modo de falar, ela é novona e bonita. Mulherão da porra!rnrn- É casada?rnrn- Já foi. Disse que agora sá quer curtir a vida!rnrnNo meio da conversa entrou um senhor negro, magro e com média estatura. Foi nos cumprimentando e seu Pedro já tirando uma com ele.rnrn- Fala véio safado! Virou festa agora é! Toda semana!rnrn- É bom fazer uma visitinha né! kkkkkkkrnrn- Vai morrer em seu Agenor!rnrn- Morro mas morro feliz!rnrnEste senhor que aparentava ter uns sessenta anos tomou uma dose de pinga e foi para os fundos do bar. Fiquei olhando curioso até que vi ele entrar na casa. Já não aguentava mais a curiosidade e perguntei para seu Pedro.rnrn- Ele é namorada da sua inquilina?rnrn- Que nada ele vem aqui sá para comer minha inquilina! Você chegou primeiro mas demorou para perguntar meu caro!rnrn- Perguntar o quê?rnrn- E não sei que você veio procurar a mulher! Agora vai ter que esperar!rnrnSeu pedro continuou:rnrn- Ela faz programa tem até preço tabelado! Dá o cú por dez reais e os outros sai mais caro!rnrn- O senhor já comeu?rnrn- Xiiiiiii principalmente quando me deve aluguel!rnrn- Ela é boa?rnrn- Se é, tem uma bundona que deixa no chinelo qualquer menininha aqui do bairro! Sá que ela sá dá com camisinha e não é pra qualquer um. O nome dela é Suzana. Tem moleque que entra aqui virgem e sai descabaçado kkkkkkkkk...rnrnNestas alturas o bar já tinha uns oito fregueses que jogavam bilhar e truco, seu Pedro atendia a todo momento. Pedi para ir ao banheiro. Ele mostrou os fundos do bar. O banheiro ficava colado com a casa. Passei a prestar atenção nos gemidos que vinha do lado. Curioso saí do banheiro e dei a volta na casa. Reparei que a porta da cozinha estava aberta entrei bem quietinho e numa posição privilegiada no corredor vi seu Agenor de pé na beira da cama e Suzana de quatro mordendo o travesseiro e chorando. Suzana não era feia não, morena, seios médios, coxas grossas e bunda grande.rnrn- Aaaaaaaaaaiiiiiiiii devagar seu velho do caralho...tá doendo seu porra!rnrn- Cala tua boca e segura a foda!rnrn- Vai rasgar meu cú seu porra! Chegaaaaa...aaaiiiiii...ssssssss...aaaaaaaiiiiii...rnrnSeu Agenor bombava sem dá que dava pra ver o balanço do bundão dela, e que bundão. O velho então pediu para ela chupar seu pau. Quando ví o tamanho da rola do velhote aí entendi tanto sofrimento da mulher. O coroa tinha uma senhora de uma rola, parecia um antebraço.rnrn- Etá chupetinha gostosa! Vai biscate mama essa rola mama!rnrn- Eu engasgo Agenor!rnrn- Foda-se faz o boquete até onde der!rnrnNestas alturas meu pau doia dentro da calça. Seu Agenor então coloca ela de quatro de novo e soca o pau no bundão dela.rnrn- Ai que delicia de cú! Acho que vou alugar esse rabo pra ser meu todos os dias!rnrn- Sai fora velho quer me matar é! Aaaaaaaaiiiiiiii...sssssssssssssssssss...vou cagar no seu pau sá de raiva viu velho safado!rnrn- Se fizer isso faço você chupar minha rola até limpar tudo é isso que você quer?!rnrn- Nãããão...rnrn- Então toma rola na bunda!rnrnMais alguns minutos seu Agenor tira o cacetão do cú dela se livra da camisinha e despeja uma gala de porra nas costas e na bunda de Suzana.rnrn- Aaaaiii Suzana que foda gostosa, adoro sua bunda!rnrnEnquanto ele alogiava, Suzana limpava seu pau com uma chupetinha de profissional. Seu Agenor tira da carteira cem reais e dá pra ela. Se veste e antes de sair diz que vai voltar amanhã. Eu então corri para o banheiro até o velho ir embora. Com a rola dura demais pensei comigo, vou pelo menos pedir uma chupetinha se não eu não aguento. Entrei no quarto e Suzana saía do banheiro.rnrn- Se é o cú por hoje não!rnrn- Eu vi você metendo com o velho e...rnrn- Viu o tamanho da pica dele? Ele me arregaça toda semana mas o dinheiro é bom!rnrn- Faz um boquete pra mim que já está bom!rnrnSuzana tirou meu pau admirou o tamanho e caiu de boca. Que delicia de boquete.rnrn- Ai que chupeta gostosa!rnrnFiquei pensando na foda de seu Agenor e ela e não deu outra, enchi sua boca de porra que escorria pelo queixo. Suzana me olhava com olhar de safada e lambia a cabeçona. Levantei as calças, peguei vinte reais e dei a ela prometendo voltar. No bar seu Agenor estava tomando uma cerveja e comento um torresmo. Passei por ele paguei a cerveja que tomara e fui embora. Claro que não recomendo fazerem o que fiz, mas sabe, quando te dá um puta de um tesão e não pensa duas vezes. Pois é tinha que pelo menos gozar na boquinha [email protected] rnrn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


terceira idade de calcinha no cucontoseroticosdeincesto/irmaoeirmaconto erotico meu avoconto gay daniel e murilo me.comeramcunhadinha danadinha contosFoderam gente contos tennswww.comxvidio.br movinha do recife chupa rola fato realcontos gay cunhado marido da minha irmacontos eroticos comi uma velha bebadaconto erotico dando desde novaContos eroticos meu atolou a vara em mimcontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaFoderam gente contos tennsmulher trai marido pela primeira vez e perdi o cabaço do cu com super dotados contos eróticosvideornpossContos com espermaDona Florinda mostrando a periquita para o professor Girafales ele lamberPutinha desde a puberdade contos eroticosChupando o peito da priminha gostosa:*Contos eróticos transei com a mãe casada do meu melhor amigoconto garoto esperimentei dar cuNovinhas sendo arrombadas por patrão e peões na fazenda contos eroticoscontos erotico o menino eo meu maridocontos eróticosprimoscontos eroticos mulher carinhosabaixinha bronzeada transando com homem fortaoCOnto a vizinha amamentandoxvidios mulherfidendo com cavalosmeninas piranhas de calcinha fio dentalnovinho sofrendo na rola do pai bebado contos gaycontos eroticos de pai e filhinha novinhapono vitgen nãoa aguentiu epediu p paramcontos no orfanato gayultimos contos eroticos dando o cu pela primeira vez gayscontos de sexo comi minha sogra vadia na frente da irma delaconto erotico deixando minha esposa ajudar meu sogroconto erótico gay brincandocontoseroticosdeincesto/irmaoeirmajapa enfia o dedo no seu cu virgemcontos de pura putaria entre pais e fcontos eroticos bia e as amigascontos eroticos mulher e amigacontos eroticos comi uma nordestinacontos eróticos fiquei só de calção na frente da babá"limpa o pau do seu macho"meu tio e o taxista comeram minha mulherContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de primas com salto dormindocontos de esposas putascontos eroticos da primeira traçãoContos eroticos de casadas safadas que traigay violentado contoscontos eriticos o sorveiro negro comeu minha nulher brancacontos eroticos detonou a crentecomi o filho da vizinha contos/eroticoscontomeu amigo estava na seca minha mulher massagear seu pauconto erotico matrastocontos eroticos o faxineiro comeu minha mulher parte 2contos eroticos orgia nudistaponogafico morena25 gotojaCasada viajando contoscontos tia preferidarelatos eróticos reais novinha primeira vezContos porno fui atacada porcontos eroticos abri sua boceta e minha porra escorria do seu buracocontos eroticos gay na boleia de caminhãoContos eróticos, minha irmã tem ciumes de mim . Contos EróticosConto erotico cuidando de minha enteada1Desde Novinha bebendo porra dos amigos contosacampando com o garotocontos eroticosvelhas gordas de 90kg nuasbrincadeiras com irmã-contosContos eroticos estruparam minha avo e mamaecontos primeira vez com esposa na praiacontos erpticos de filho bem dotadocasa dos contos meu pai chamou dois amigos dele pra arrombar meu cuzinho virgem dpamarrada e amordaçada porno contos eroticoscontos eroticos casais bicache:fqKHdRAEKq0J:studio-vodevil.ru/mobile/conto_27513_bebi-demais-e-virei-corno-na-praia.html Enfiando na bundinha ate eta sentirmeu pai me estruprou odiei contos gaycontos eroticos gays no futebolcom fotoscanto erotico comi professoraconto erótico f****** gostoso a b******** da minha filhaconto anal tia bundudapegou todas da familia atraves de chantagen conto erotico de insestoconto gay de pai com vaqueirominha vizinha me flagrou batendo punheta cheirando os sapato dela podolatria contos eroticoscontos eroticos no onibus coroa passando a mao no meu paunoite fria com titia contos eróticoscontos eroticos de casada levando jatos de porra do comedorcontos sexo a primeira vez que comi o travestis