Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DANDO PRO MEU MELHOR AMIGO NA ESCADARIA

Click to this video!

Primeiro vou me apresentar, tenho 20 anos, loira dos olhos rnrnclaros, seios fatos e uma bunda média, porém durinha, sou rnrnsolteira, ando precisando de um homem de verdade que possa rnrnsatisfazer minhas vontades e me tratar como a verdadeira vadia rnrnque sou, na cama. Tenho um amigo chamado Renê, corpo rnrnatlético, cabelos escuros e a pele clara e olhos verdes. Nos rnrnconhecemos desde o ensino médio, temos uma afinidade muito rnrngrande, um verdadeiro melhor amigo. Compartilhamos histárias rnrne relatos sexuais de ambos, porém nunca haverá me imaginado rnrnter algum tipo de relação fora amizade com Renê. Certo dia rnrnestava sozinha em casa, como sempre conectada as redes rnrnsociais, mas não conversava com ninguém naquele momento, rnrnaté que vejo a piscar a janela do msn, ao abrir era Renê, rnrncomeçamos a conversa normalmente até que fui surpreendida rnrnno momento em que o meu melhor amigo me disse que sonhou rnrnque transavamos. No começo achei engraçado, mas quis saber o rnrnque havia acontecido e perguntei os detalhes, ele me contou rnrnapenas o começo, me deixando completamente curiosa... rnrnConfesso que ao começar a imaginar já pude sentir minha rnrnbucetinha ficando molhada, pedi detalhes, mas ele como sempre rnrnbrincalhão disse: Me mande um sms de madrugada que eu rnrnconto, gostosinha. Na madrugada, fiz o que Renê pediu, mandei rnrnuma sms "ok, agora pode me contar", e ele respondeu "Larinha rnrnminha gostosa, eu sonhei que comi sua bucetinha bem molhada, rnrne meti bem gostoso no seu cuzinho apertado na escadaria de rnrnum prédio, e você gostava e rebolava no meu pau, além de me rnrnmamar bem gostoso.." quando li isso, de fato minha buceta ficou rnrnmolhadinha, desconversei e disse que ia dormir, porém pela rnrnprimeira vez, me masturbei pensando nessa "transa" que Renê rnrndisse ter sido tão maravilhosa. Depois disso, vi Renê umas duas rnrnvezes, porém não tocamos no assunto. Certo dia, tive que pegar rnrnuma roupa que deixei no apartamento de uma amiga, ela rnrnmorava em um prédio velho, que nem elevador tinha, muito rnrnmenos porteiro, simplismente bizarro! Porém, quando lembrei já rnrnera tarde de noite, e como aquele prédio era muito escuro, e eu rnrnmedrosa, liguei para Renê e pedi a ele para me acompanhar.rnFui com uma saia preta bem curtinha, uma regata branca, e rnrnsem sutia, os biquinhos de meus seios ficavam um pouco rnrnmarcados na blusa, mas nem ligava, mas modéstia parte, eu rnrnestava muito atraente. Chegando no prédio, já estava tudo rnrnescuro, mas iluminado o suficiente para nos vermos. Entramos e rnrnnos deparamos com a escadaria, por lá era tudo calmo, haviam rnrnpoucas pessoas morando no prédio, falei para Renê: vamos rnrnlogo, eu tenho medo de escuro, e ri baixinho pra não fazer rnrnbarulho, ele riu também, e eu sai correndo na frente dele rnrnsubindo as escadas, porém não lembrava que aquilo era rnrnescorregadio e acabei caindo de quatro na escada, Renê que rnrnnão esperava por aquilo acabou de encochando por trás, nesse rnrnmomento lembrei de seu sonho e senti minha buceta ficar rnrnmolhada. rnRenê querendo me ajudar, mas já com segundas intenções, rnrndisse: Deixa que eu te ajudo a levantar. E colocou sua mão por rnrnbaixo de minha saia, percebi que por cima da calcinha ele sentiu rnrnque minha buceta já estava molhadinha, então Renê falou rnrnbaixinho: alguns sonhos podem se tornar realidade, deixa eu rnrnmeter gostoso em você nessa escada minha Larinha?, eu como rnrnjá estava louca de tesão falei feito uma putinha: mete, mete rnrngostoso na minha bucetinha. Então, virei imediatamente, já rnrnabaixando a calça junto com a cueca de Renê e caí de boca rnrnnaquele cacete duro, era muito grande, nunca tinha mamado em rnrnum cacete tão grande e grosso, eu estava delirando, fiquei rnrnchupando o pau de Renê por uns 19 minutos, até que o senti rnrnpulsar e cada vez mais e percebi o que estava por vir, dito e rnrnfeito, senti aquele jato de porra delicioso indo direto na minha rnrngarganta, enquanto os jatos não terminavam eu ficava me rnrndeliciando com cada gotinha daquela porra maravilhosa do meu rnrnamigo, depois que deixei o pau dele bem limpinho pedi: agora rnrnvem comer minha bucetinha, dizendo isso sentei em um degrau rnrnabaixei minha saia e minha calcinha e abri as pernas, nesse rnrnmomento Renê já estava abaixado lambendo minha buceta, ele rnrnlambia e chupava me deixando louca, gozei duas vezes. Depois, rnrnRenê começou a passar a cabecinha do seu cacete duro e rnrngostoso na entrada da minha buceta, no começo colocando rnrndevagar, logo apás enfiou tudo sem dá, minha buceta ficou rnrnlouca, ele metia com muita força, eu gemia feito uma puta, já rnrnnem ligava mais se podia aparecer alguém, sá estava pensando rnrnem ser fodida por aquele cacete maravilhoso. Enquanto ele rnrnmetia, chupava meus seios, e então puxou o meu cabelo com rnrnforça, levando minha cabeça para trás e disse: fica de quatro rnrnminha vadia, quero foder essa buceta molhada. Eu obedeci rnrnficando de quatro na escada e disse ainda gemendo: isso, fode rnrnminha buceta, me da um banho de porra e depois come meu rnrncuzinho, e ele respondeu: eu vou adorar comer o seu cuzinho rnrnLarinha gostosa, e me deu um tapa forte na minha bunda, fiquei rnrncom mais tesão ainda.. Ele, mais uma vez, sem dá nenhuma rnrnenfiou todo o seu cacete de uma vez na minha buceta, e fazia rnrnum vai-vem gostoso, e cada vez com mais força, perdi a conta rnrnde quantas vezes gozei naquele pau, estava concentrada em o rnrnquanto minha buceta tava adorando engolir aquele cacete duro, rnrnantes dele gozar, tirou o pau da minha buceta e disse: agora eu rnrnquero o seu cuzinho delicia. eu respondi: vai meu gostoso, mete rnrngostoso no meu cú. Então, Renê colocou o seu cacete no meu rnrncú, mas dessa vez com mais delicadeza, confesso que senti um rnrnpouco de dor, mas meu cú estava adorando ser fodido por ele. rnrnDepois que ele enfiou todo o pau no meu cuzinho, ficou um rnrntempo sem fazer movimentos, e eu para atiça-lo comecei a rnrnrebolar e delirar sentindo o seu cacete, depois disso ele rnrncomeçou a fazer os movimentos de vai-vem, cada vez rnrnaumentando mais a velocidade, eu gemia de prazer, enquanto rnrnele metia no meu cú, enfiava dois dedos na minha buceta, e eu rnrngozava gostoso, nunca tinha gozado tanto na minha vida. rnrnPassando um tempo, Renê gozou no meu cuzinho e eu pude rnrnsentir a sua porra escorrendo por minhas pernas e pela minha rnrnbuceta. Ele se levantou e com um ar de satisfação, me olhou no rnrnchão e disse: vamos minha vadia, agora que já te fodi todinha rnrnpode levantar. Eu levantei e respondi: e eu adorei ser fodida por rnrnvocê, depois dei um beijo em Renê, vesti minhas roupas e fui no rnrnapartamento de minha amiga, depois fomos embora pra minha rnrncasa e ainda transamos mais. Foi uma transa inesquecível.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de coroa com novinhoContos eroticos esposas e garotos caronaconro erotico gay meu tio alopradoerotico menininhacunhadas esfomeadasperdi a virgindade com peão contosmulher do irmão acaricia pica de outrocoroas enfieins pornosou uma patinha desde garotinho contos gayvisinha casada o novinho contos com fotosConto erotico sobrinho fudeu gostoso com a tia coroaBucetas grandes fog lp idei a buceta para o amigo do meu filho contos eroticos gratisconto erotico deixando minha esposa ajudar meu sogromiudinha conto eroticoContos.erotico.mae.filho.depois.do passeio.na.praia.Comi meu amigo contos eroticosContos eroticos - me come vai, mete maninho.Conto hot irmãozinhoconto minha visinha mando eu descabaça sua filhacontos eroticos gays bem recentes ocorridos no rio de janeiroconto cheguei casa cu todo arebentadoConto erotico mijaram dentroconto erotico perdi calcinhacom oito anos tio lavou minha xaninhaler contos eroticos incesto mae transa com filho e pai esta desconfiandoFilmei minha chupando estranhos na porta do carroViadinho Dei Pro Pastor Contos Eroticoscontos eroticos comendo uma carcereiraconto erotico fui sentada no colo do vovomeu pai me deu CÃO pastor alemão de presente e....- contos de zoofiliaconto de casada com preso que fazer por uma pirocacontoseroticosbvgostosa de olho bendada e trançadacotos heroticos gay neguinho me comeuCONTOS EROTICOS REAIS EM VITORIA ESdevolvendo esperma no pau do bem dotadodesde pequena pratico zoofiliacontos porno esposas estuprados submissoscontos de sexo com animais rasgando com forçagostosa de olho bendada e trançadagozando da lingua do papaihistória de contos eroticos novinha sentou no meu colo dentro do ônibus na viagemcontos eroticos de viadinhos de calsinhagostosas de saiascurtinhas de perna pra cimao lubrificante feminino é melado e pegajosofamilia naturista contocontos eroticos entre prima e primo na infanciacontos eroticos meu avô esfregavaContos de sexo... A mini saia mal cobria a bunda delacontos de incesto vovó me ajudarContos eroticos cofrinho pique escondeconto erotico anal deiuma semana de pescaria,contos eroticosContos de cdzinha novinha de shortinho fino socadosacsnagen s comcasa dos contos gay meu dono e o meu paicontos eróticos com esposa obedienteConto erotico mijaram dentrocontos-chantageei minha enteada e comi o cúzinho dela virgem e ela gritou de dorcontos caralho grande baixinhacontos eroticos escondidocontos eróticos de bebados e drogados gaysconto erotico gay sexo entre amigos heterosporno zofilia peitinho inchado sozinhascontos eroticos mamando na novinha cheia de leite no riacho de biquinipelado com uma travesti contos eróticosConto de mulhe minha esposa na festaFamilia inteira fodendo com negoes conto bifamílias se encontram em praia de nudismo contos eróticoconto erótico de pai fazendo o filho gay patinhacontos gays cheirando pauMinha bucetinha não aguentaria aquela grossura todacalcinha enfiada na bunda salto alto c dois homens contos gaysfiquei olhando o travesti encoxando meu marido no onibuscontos eroticos gay fui enrrabado apanhei e gosei com um desconhecidoContos eroticos comeu a pedido do maridominha sogra e mulher duas depravadas e taradas contos eroticospolicial peludo conto etoticomulheres aguachadas com as pernas abertas so de calcinha fotoscontos eroticos de esfregando o pau na bunda da mamae dormindocontos de minha sogra cheirou minha cueca