Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

LEVADA PRA FUDER NUMA CASA ABANDONADA

Click to Download this video!

Este é meu primeiro conto e estou excitadissima e contar como um feriadoo maravilhoso que passei transando muito.... Antes vou me descrever.. sou loira cabelos lisos um pouco abaixo dos ombros, branquinhaa, olhos castanhos, boca carnuda, magra, cintura fina, seios medios com uma tatuagem de borboleta acima do seio direito e bunda grande e arrebitada E tenho 21 aninhos bem vividos e faço sucesso onde vou....rnConhecii o Felipe na festa de aniversario da minha prima, assim que vi ele ja pirei estatura média, mas bem encorpado sabee branquinho olho meio rasgadinhoo mestiçoo de brasileiro com japones, aquele bonésinhoo pretoo com aquela camiseta colada naquele corpo... super sorridente e todo simpático.. ja fui xegando comprimentando todo mundo, passei por ele e aquele abraço ja me deu calor, mas não dei pistas de quee estava interessada, ja fui trocar de roupa colocar aquele shorts jeanss colado uma blusinha branca com a alça caida com o bustie vermelho a amostra.. fui dançar agitar a festa que tava meiia parada...rnO Felipe estava conversando com uma amiga Pamela então nem dei muita condição...rnme acabei de dançar fui atée o chão me acabeii no funk quebrava que nem uma louca com as meninas na festa até que ele puxou a cadeira e sentou na minha frente, aquilo me atiçou a dançar mais provocava mesmo nem disfarçava mais, e bebida vai bebida vem ... agente começo a conversar...rnEle ja veio com a mão molhada e meio que deslisou pelo meu braço e fingindo que sem querer puxou a alça do sutiã pra ver minha tatuagem acima do seioo, na hora me assutei ele se descupou e disse que foi sem querer... Mas ele me seguia onde eu fosse, esbarrava em mim... e eu pirando naquele homem gostoso...rnrnEle chegou em mim e falou aqui tem muita gente vamos conversar no quarto, eu logo disse que não podia festa de familia, pegava mal..rnAi ele me falou baixinho tem a dois quarteirões um lugar vazio, vou sair na frente me segue.. antes que eu dissese não ele ME SEGUE vcê não vai se arrepender...rnTive medo mas meu tesão foi mais forte eu fui atrás dele, pra matar meu desejo... Chegando lá um terreno baldio com uma casa simples no centro do terreno morrendo de medo eu entrei e falei: Feê você é loco que se veio fazer aqui??rnEle atras da porta me agarrou pela cintura falou ti esperando, eu já me arrepiei na hora um mês sem transar ja tava pirandoo.. ele já veio beijando minha nuca, meu pescoço e me virou...me beijando alucinadamente, aquele calor subindoo .... aquelas mãos dele alisando meu corpo e eu me controlando o maximo que podia, mas na hora que ele abaixou minha blusa, abriu meu sutiã e deu aquele sorriso safado e disse vou ti chupar todiinha hoje, nossa eu ja tava toda molhada e ele começou chupadando sáo os biquinhos morenos conforme eu gemia de prazer ele ia chupandoo mais intensamente até que abocanhou meus seios por completos naquela boca e chupava frenéticamente, me deixando atée de pernas bambas... aii ele voltou a me beijar, olhou nos meus olhos e veio ao pé do meu ouvido e sussurou com aquela voz grossa quer mais?rnEu ja estava ali e sem perder tempo volteii a beija-lo e disse que quero, comecei a morder a orelha dele beijar o pescoço, arranquei aquela camiseta e comecei a descer pela barriga dele, e ele desce mais, desce... Eu não aguentei abri aquele ziper arranquei aquele pau de dentro da cueca ele ja ereto todo duroo prontinho pra mim... começei um boquete gostoso, naquela pica grossa tinha uns 19 centimetros que nem cabia na minha boca, mais eu chupava com gosto, levemente lambia como se fosse um pirulitoo e mordiscava ele puxava meu cabelo pra me controlar, me puxou de volta pra me beijar e me puxar pra uma mesa velha que tinha láa, meteu as duas mãos na minha bunda me ergueu e me deitou na mesa, tirou meu short e minha calcinha arrancou no dente, ele riu e falou vou devolver o carinhoo, começou a lamber minha bucetiinha bem gostoso, e dar linguadas que me contorciam de prazer.. ele ta gostosõ bebezinha? eu gemi baixinho que sim, ele falou vou ti fazer gozar, colocou os dois dedos dentro da minha buceta e começou as dedas e prensar meu grelinhoo eu gemia me contorcia, dava uns pulos de tanto prazer e ele revezava me chupar e enfiar aqueles dedos sem dáo dentro de mim, gozeii duas vezes... ele parou eu respirei fundo e pensei em me vestir porque a brincadeira tinha acabadoo, ele me puxou contudo pra deixar minha bucetinha na beira da mesa e sem dáo meteu aquele pau na minha bucetiinha, aquela cabeça nem passava mais ele forçou e meteu de uma vez até o talo, eu não aguentei gritei na mesma hora e uma lagrima escorreu do meu olho de dor..rnEle fixamente me olhou nua na mesa, a merce dele, sendo a refeição dele naquele momento e maravlhado disse ti queroo toda, e sá paro quando tiver tudo que eu quero..rnE voltou a meter com força, ele me pegava pela cintura e metia até atarrancar o colo do utero, minha bunda chega estralava de bater naquelas coxas grossas... eu pirava gritava, pulava, chorava gemendoo´pedindo calma, ele sáo me olhava e ia mais forte ainda e aquela dor me alucinava de tesão ao mesmo tempo, durante uns 20 minutos sem dáo na mesma posição, ele parou me virou e me deixou de quatro apoiada na mesa, ele colocou de quatro e montou em mim encaixou aquela pica na minha buceta e falou até agora você quebrou tudo na festa, agora rebola nessa pica que nem uma vadia esse aqui é seu baile funk, faz seu show que eu quero ver! Eu comecei a rebolar e a quicar bem gostoso, minha buceta enxarcada de tanto que eu gozeii, e rebolando meu raboo pedindo mais pra aquela pica gostosa.. quicava, rebolava, empinava gostoso renolva sá na cabecinha e depois descia com minha buceta engolindo aquele cacete gostoso todiinho...eu estava estava exausta já cai de joelhos na frente dele... ele me pegou no colo me tratava horas como um bebê horas como uma vadia, colocou as roupas dele no chão e me deitou em cima delas, e falou brincando relaxa que é minha vez, me pegou na posição de frango assado, e de novo sem dá ele estralava na pressão, colocava com toda força e a pressão do corpo dele forçando o meu corpo pequeno comparado ao dele, mas aquela era a melhor sensação da minha viida, eu pingava de tantos orgasmos eu me arranhava arranhava ele e gritava não para que você ta me fazendo gozar que nem uma vadia, eu sou a sua vadia me faz delirar... ele atarrancando aquela pau sem dáo parecia que estava me violentando de tanta raiva que ele socava aquele pau sem dáo...rnEu já quase desmaiada, ele parou e falou chupa que é na sua boca que eu vou gozar, chupa meu pau todo lambusado do seu gozo! Engole e bebe meu liquido junto com a da sua buceta gostosa..rnEu ja cai mamando denovo, chupava até as bolas eu queria aquele gozo descendo na minha garganta eu queria que ele gozasse como ele me fez gozar, aquele pau era delicioso com meu gosto nele e tava quente fervendo de me fuder tanto, ele agarrou forte meu cabelos e falou chupa que nem antes vai meu bebesinho safadinha, gosta de chupar meu pau né? Eu olhava nos olhos dele e chupava ele todo labendo aquele pau gostoso.. me dava um tesão enorme lambi até as bolas dele.. ele coeçou a urrar de tesão vi que ia gozar engoli aquele pau e soquei todinho na garaganta e porra escorreu garganta a baixo quentinha e gostosa.. engoli todinho não derramei uma gota..rnEle me viu sorrir e falou você gosta né quero ver gostar disso:rnEu quero esse rabão, eu vou fuder esse rabão que la na festa ja me pedia pica enquanto vcê dançava funk.. Eu não ja vai fazer umas duas horas que agente sumiu da festa vamos voltar, ia pegar minha roupa quando ele falou esquece vai achar que eu ti levei em casa, agente da uma desculpa.. e ja veio me deitando no chão e falou relaxa, veio lambendo minha buceta toda assada daquele pau me fez gozar enquanto mordia chupava e me bulinava toda, gozei quatro vezes ele ria e falava adora masturbar mulheres isso me deixa louco sabia, e bem baixinho falou me da esse cusinho vai? Eu gemi uhuum ...ele passou a cabeça do pau dele na minha buceta enxarcou do meu liquido e me virou de quadro de novo... agora minha bebesinha seu rabinho vai ser meu, e foi forçando aquele pau enorme e grosso no meu cusinho pequenininho eu acreditei que ele não ia entrar, mas ele passou a mão por debaixo e enquanto alisava minha bucetinha com mais força, forçava aquele pau no meu cusinho, até que a quela dor enorme me consumiu e eu urrei como uma cadela no cio, devagar ele socou aquele pau todinho no meu rabo, e foi aumentando a frequencia, a dor era enorme horriel eu implorava tira esse pau do meu rabinho, para ta doendo ta me machucando, Fêe ta doendo para, para, e chorava implorava.. mas aquilo tudo foi me deixando com tesão de dar meu rabinho pra aquele macho gostosô que me fazia delirar e pedir me fode, me fode toda, eu sou sua bebesinha então me fode Fê sou sua hoje me destroii toda me arromba inteira, porque eu quero dar pra vcê eu quero meu cúsinho assado nessa piroca..rnEle ja louco de tesão virou pra mim e me perguntou todo cafajeste: assumiu seu lado na vadia né?rnPedi minha pica cachorra, pedi pra eu fuder seu rabinho, pedi pra eu arrombar você todinha, chora enquanto eu soco meu pau nesse seu rabão... E bombava no meu cusinho todo destruido naquela pica gostosa, eu sentia que estava me estourando por dentro e aquele pau grosso sem dá nem piedade me maltratando todinha, eu queria ele eu queria aquele macho, e naquele momento eu me sentia dominada de quadro com as pernas moles, toda gozada minha buceta latejava enquanto meu cusinho era destruido... eu pirei depois de uma hora dando meu cu ardendo eu ja não aguentava mais e denovo ele urrava e estapeava minha bunda anunciando seu gozo, tão esperado pelo meu butãozinho, nossa que loucura, quando ele gozou, deixou todo gozo escorrer pela minha bunda e depois pelas minhas coxas... rnMe olhou ali caida, deiou ao meu lado veio beijando minha nuca, e com a mão nas minhas costas espalhou aquela porra pelo meu corpo todo, e me secou depois com a camiseta, eu num tinha forças pra levantar soá sussurrava que estava exausta... o Felipe todo carinhoso veio me levantar ajudou a me vestir, disse que pra uma loucura estava satisfeito por completo, e que ia me levar a festa pra se despedir.. Lá agimos normalmente como se nada tivesse acontecido, ele foi embora e pela manhã eu voltei pra casa, assim que cheguei liguei meu computador e abri meu facebook e ele ja havia me adicionado as 4:50 da manhã assim que saiu da festa e até hoje somos amigos de cama, e sempre que posso me delicio com aquele homem gostoso e voraz na cama.. Mas isso já será em outro conto...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Conto meti 29cm.de pau no cu da mamaecontos herticos eu i meu pai ele me chupou enquanto dormiacontos erótico tenns com mulher mais velhasconto meu cunhado cacetudo me arrombou toda fiquei toda suadaconto erotico mulher traindo marido no barconto esposa ficou tarada no meu amigocasal bi maduro fudendo e gritando muitodistraida no trem conto eroticoSentando no colo. Contos eroticos.contos eroticos peguei minha cunhada dormindoZofilia Homem fodendo forte acadela ela chora sentido dorcontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaConto de casada estupada e gostandolevei a amiga da minha filha pro clube conto eroticocontos com a visnha casada escondido oaconto erotico gay florestaa esposa do meu tio contoconto branquinha casada trae com negoesdrixando a mulher do corno arregassadinhacontos vi meus pais transadocontos eróticos meu marido e meu ex-maridocontos eroticos de mae comprando calcinha fio dental atolada no cu pra filhacontos de mulheres casadas com travesti na camacontos eroticos fudendo a mae travesticontos tia vai foder gostoso isso delicia vai issoso os melhores contos de gay sendo aronbado ate gozar pelo cúcontoseroticos homem chupando pau sujo e bebendo mijofui forcada a chupar papaiconto bundao carnudo exageradocontos eroticos subrinhas virgemcacetudo me enrabou contoscontos eróticos meninas de 20 anos transando com cachorro Calcinha Preta com lacinho vermelhoContos eróticos geladocoto espoza .com roludocontos nao tinha camisinhaconto erotico eu minha esposa e uma garota de programaEu Bêbado e Ela Se Aproveitou Contos Eróticoscontos eróticos f****** a enteada AbusadaContos eroticos fudendo o cu da casadanoite maravilhosa com a cunhada casada contoshistoria de novinha perdendo a virgindade com encanadorfudeno a sobrinha que domiacasadasna zoofiiliaconto trai meu marido na faxinatroca troca entre amigos e muito grosso contoscontos de cú por medocontos eroticos arrependidaconto erotico reais troca de casaisvi ele comer ela/contogaroto pelado no rio e tia veno imprecionada/contoseroticoscontos eróticos meu sobrinho me chupoucontos eróticos família vavela minha mãe comigo no banheirocontos de incesto vovó me ajudarfingi que dormia pra ver ela meter contoscontos eroticos .ulher do meu paiContos escrava sexual do patraoxxx conto Incesto+Minha mae saiu comigoConto erotico cuidando de minha enteada1conssegui um cabacinho pro meu cunha do tira contodelicia de maemae gostosacomi minha maeseduzi meu irmãocontos eróticos Soninha do vovô parte2filho dotado fudendi o pai desejosecretos.comlevantou umas da minhas pernas,se encaixou na minha entradinha e foi metendo devagarzinhocomi minha avó conto eroticoTennis zelenogradPorno maes pais iniciando suas ninfetinhas no incesto contoscontos eroticos trai meu marido com m gurifudida pelo irmaocontoeroticocontos de afilhada da vizinhaconto gay metemos.o dia todotransei gostoso com minha aVò insertosfui criado para ser gay Contosconto de estupro de colegiaiscontos eroticos morena gostosa malhadaContos eróticos com meias sujasfui toma banho na casa da tia eu confesocontos eroticos de tia masturbacao  Minha vontade era de explodir de tesão quando ela me perguntou isso. Mas me controlei e falei só que sim, que pensava muito nela!! Aí foi meio automático, a gente já estava bem próxima mesmo. Ela se aproximou, eu me aproximei. Não sei bem quem tomou a iniciativa, mas o nosso primeiro beijo rolou ali mesmo. Foi maravilhoso. A lí  contos eroticos de enteadasMimha mae me obrigava dar a peluda para o picudocontos de sexo gravida e carentefiquei excitada e dei para um mendigohttp://zoofilia deixei o dog meter na minha filha.contoscontos eroticos cunhadoxcunhadacoroa negra contocontos de flagra de punheya yahooEu e meu ex primo viuvo conto eroticopunheta para sogra contosgozaram em minha boca durante a viagemfoi com marido pra praia mas deu uma escapada prafuder com estranhodeu o cu na quina da cama para o pai de uma amiga