Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TENTANDO PERDER O CABAÇO

Click to Download this video!

Olá, meu nome é jonas e este é meu primeiro conto aqui. Sou casado, 30 anos, 54 kg, 1,65 cm. Este conto é um pouco curto, eu apenas queria desabafar pois não tenho coragem de contar o que aconteceu comigo. Vamos ao conto:rnQuando eu ainda era garotinho de uns 19 anos ainda não conhecia a vida sexual, havia um primo de nome reginaldo que frequentava muito minha casa. Ele era um cara normal, 1,70 devia ter uns 70 kg na época, muito brincallhão. Minha família passava por necessidades naquela época e as vezes não tínhamos nem dinheiro para comprar balas. Este meu primo estava brincando com a gente na rua de minha casa. Obs: ele tinha uns 19 anos na época. E estava com os bolsos lotado de balas e me deu uma sá. Depois que todos foram embora ele me disse que se eu desse pra ele ele daria todas a balas pra mim. Achei aquilo meio estranho mas topei. Ele marcou na rua mesmo de minha casa onde tinha um lote vago com uma construção em andamento. As 20:00 hs eu fui e chegando lá ele ja estava me esperando. Estava muito escuro e não dava pra ver quase nada. Então ele mandou eu arriar as calças e deitar de bruços no chão. Foi o que eu fiz e senti algo duro e rígido esfregando da minha bunda. Logo em seguida ele passou cuspe no meu cu e disse que se doer não era pra gritar e pedir pra parar. Assim foi senti uma dor horrível, um ardume muito grande e disse para parar pois estava doendo muito. Assim ele fez e disse vou deitar ai você senta em cima de mim. Ele deitou e disse agora é sá deixar entrar. Mas eu não consegui pois a dor era muito grande. Então eu fiquei na mesma posição de cácoras e ele ficou batendo uma puneta e esfregando na porta do meu cuzinho e senti sua respiração ficando ofegante e senti que meu cuzinho estava todo melado mas não entendia o porque. Ai ele disse pronto ja pode levantar. Eu me levantei vesti minha bermuda e fui embora e sentia algo estranho pois meu cuzinho ainda estava molhado e escorrendo, fui no banheiro me limpar. Muito tempo depois é que fui perceber que era porra o que estava no meu cuzinho. Depois disso tive outras experiências mas fui como ativo, hoje sou casado mas ainda tenho curiosidade de ter um pau bem grosso no meu cu. Leio muitos contos homo e as vezes enfio o dedo no cu e bato uma puneta gostosa com o cu piscando de vontade de tomar uma pirocada de verdade no cu. Enteressados a me iniciar me add [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Foderam gente contos tennscontos eróticos de vibradorcontos eroticos sobre voyeur de esposaConto érotic sentado no colomulhe sora no pau fudedocontos de vovo me comeu com seiss anoscomi o cu de todas as mulheres da m familia conto etoticochegou na casa da visinha e ja foi logo comendo a safadcontos genro bem dotado arronba o cu ds sogracontos lesbico meus pais viajarampresenciei minha esposa me traindox coroa tranzando com entisdoconto putinha do amantepintudos site de relacionamentohistorias de transascom orgias inesqueciveisCasada viajando contosVidio de bucetas emchadas napica grosaminha tia casada matutinha contoscontos pai ea mamae chuparao minha xoxotacontos eróticos tia religiosaconto erótico filha do chefemeu corno me levou pra africa contos eroticosminha xana piscavaf****** irmã mora nos peitos das gostosastomates conto heterocontos porno traição da senhorame vinguei do meu irmao e me arrependi contos eroticosporno doido mamadas terminando na bocsx vídeo mulher da cu virgema outro antes de da marido conto eróticosgay de rio preto de calcinhaContos peguei a muler da roçaConto eroticos no beco escurozoofilia gay extraordinárias bizarroscontos eroticos esporrei-me toda quando vi a piça do preto conto minha irma fui arebentada travesteContos eróticos entrou no cuahora que paugozacontos eróticos de cunhadas e subrinhascontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandrosMinha esposa arregaçadasmarido falou p esposa nahora da transa q dar o cu era bomcontos eroticosminha filha me chantageouporno negao fidi lora magraConto erotico comi minha aluna virgem[email protected]contos eroticos homem abolinando garota dentro da piscinaconto erótico paixão de irmãpapai voce me acha bonita contos eroticosgoza muitorapidamente na sograconto erotico transei com a sograa minha mulher e o casetao cavalarfui arrombado no cuzinhocasada dando o cu no bairro de na casa do feranteconto erotico chefe do meu marido me bolino por de baixo da mezaContos Bota no cu tiocontos eróticos chupei a bocetinha da menininha vendedora de docesContos eroticos: Eu dei o cu na frente do meu portãoContos eróticos brincando de esconde esconde com o inocentecontos o corno senpre finge estar bebadoconto erotico esposa come marido com cenouraContos erotico eu e minha tia no jogo da garrafaconto eu bebado e meu pai comeu minha mulhercontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaMinha primeira sirica contos eroticoscasadoscontos estrupada por pivetes Vem amor segure a rola dele para eu sentar em cima, vem meu corninhosobrinho batendo punheta com as sadalia de salto da tia conto eroticocontos eroticos de Maezinha bobinha do amigis transando com jovezinhocontos eroticos na minha casa exibindo minha esposaQuando eu era pequena meu primo comia meu cu e eu peidavadei pra um estranho num baile e meu marido viu conto eroticoconto gay acordado pelo dotadominha,sogra carinhosa contoscontos eróticos de irmão comendo a irmã pequenininha novinhawild thermas conto eroticocontos erotivos aconteceu em monteverdecontos de cú por medocontos cunhada mas velhacruzando o cu fechadinhocontos de de sexo de escondercontos eroticos no acampamentocontos corninho obrigado a usar calcinhaconto erotico flagrei minha mae dando pro meu irmaohttp://tennis-zelenograd.ru/conto_5560_masturbando-minha-vizinha-enquanto-ela-dorme.htmlconto erotico eu era a putinha cortar grama da vizinha contos eroticoscomo mama um pau o bofe reclamo que eu tava sucandosó umbiguinhos lindos e peitos durinhoscontos eróticos amiga novinhaconto erotico;eu e a professora de artesleitinho no copo. contosConto érotic sentado no colochantageada e humilhadacontos eróticos Julianaconto mulher do amigo