Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NÃO FOI DESTA VEZ

Click to this video!

Olá!rnHá tempos não escrevo nada neste site, mas estou de volta e espero que gostem deste conto e dêem suas opiniões e comentários para que eu me incentive a contar outros.rnTenho hoje 30 anos, 1,79m, sou branquinho, cabelos e olhos castanhos, corpo muito bem definido devido às malhações e não sou nenhum pouco afeminado, mas com certeza quem conversa comigo por dois minutos percebe que o que gosto mesmo é de homem.rnDescobri bem cedo essa minha preferência, devia ter onze para doze anos, mas sá com treze anos tive minha primeira experiência com outro menino.rnRafinha também tinha treze anos e completamente desengonçado e ansioso conseguiu de mim, apenas uma punheta que em nada resultou devido às circunstâncias desfavoráveis, sá lambuzou minha mãozinha com o sêmen, que me lembro como se tivesse sido hoje, cheirei e lambi sem que ele percebesse.rnTentamos várias outras vezes,e cada vez com mais evolução para ele e isso me satisfazia, pois sabia que minha hora estava se aproximando.rnMe lembro perfeitamente quando ele gozou pela primeira vez com uma punheta que lhe proporcionei, e foi a primeira vez que senti o cheiro e sabor acrisalgado de esperma, cheirando e lambendo a mão. Confesso que não apreciei nem um pouco aquele gosto, nem nas minhas primeiras mamadas gostei de sentir na boca. Mas com o tempo percebi que seriam meus sabores e aromas preferidos e hoje até alteram minha libido quando os sinto.rnNessa mesma oportunidade achei que receberia um pau dentro de mim, no meu cuzinho que já clamava algo que o penetrasse. rnDepois de bater a punheta em Rafinha, abaixei minha bermuda e pedi que me enrabasse. Me apoiei no tanque de roupas da mãe dele e numa posição adequada abri os glúteos com as duas mãos e ofereci minha virgindade ao vizinho. Com a rola ainda mole roçou meu reguinho. Senti a caricia do pau no meu anelzinho e fechei os olhos desejando que endurecesse logo para ser comido ali.rnSem sucesso!rnForçava minha bundinha contra o pau de Rafinha esperando a defloração, cada vez que a cabeça encostava em meu orifício, mas a pica dobrava e não entrava.rnPeguei a rola de Rafinha, de costas mesmo, de olhos fechados o massageei esfregando no meu cuzinho e aos poucos senti que endurecia e ficava em ponto de me satisfazer.rnAbri minha bundinha novamente e minha exposição favoreceu o domínio de Rafinha.rn- Vem, fode. Enfia agora.rnSenti a ponta do pau colada ao meu anel, Rafinha me segurou pela cintura e meus nervos esfinctais pulsaram como se quizessem engolir a glande e me preparei para realizar meu desejo de receber uma rola pela primeira vez, sentir um homem dentro de mim, fazer Rafinha gozar dentro da minha bundinha, quando a maldita porta se abriu.rnEra a mãe de Rafinha que por pouco não nos surpreendeu.rn- Rafa, onde você está?rnRápidos vestimos nossas bermudas e eu maldisse aquele momento.rn- Aqui na área, mãe.rnQue ádio!rnSaí dali maldizendo a casa, a mãe de Rafinha e a minha pouca sorte, e prometi que sá iria me entregar a um homem de verdade e nunca mais queria ver o Rafa.rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


eu ja comia Minha filhinha decidir compatilhar ela contos eroticosconto erotico de tanto eu insistir em engravidei a minha professora eu era um meninoconto dei minha xoxotinha para o meu padrasto quando tinha oito anos doeu mais foi gostosocontos eróticos lésbicas casada vira escrava da vizinhaContos eróticos à força de negros brutoschupando coroa empinadinha boa de f***contos eroticos paguei as dividas da minha funcionária noiva rabudaloiro do olho verde me fazendo um boquete gostoso perto da piscinacontos eróticos, esposa safada, puta dos patrõesLora dismaiando no cu no anal em tres minutosconto erotic pegand a calsinha da sogracontos eróticos de bebados e drogados gayspegando minha priminha novinha contoscontos eroticos quanto vi aquele pau mostruoso o meu cu piscocontos eroticosmasturbando o cuzinhocontos.eroticos.co.com a professora detalgadocontos gay me montei pra elecontos eclxado a tia de sainhaconto de não aguentei a pica grande no meu cucontos de coroa com novinhocontos eróticos gay meu meio irmãoparou na borracharia pra arrumar o pneu e levou pau gay fudendover travesti dano o cu pra sincaras r chupano pimtolevantou umas da minhas pernas,se encaixou na minha entradinha e foi metendo devagarzinhono acampamento enquanto eu dormia contos eróticosContos erotico menina de nove anos no bosquecontos patrao chantageia funcionário pra comer a mulher gostosa do funcionárioconto erotico: va para o vestiario e me esperenovinha viuva sem ver um pau por varios dias se assusta ao ver o do sobrinhocontos minha esposa vigia a casa pra eu fuder a visinhaContos eroticos meu filha de seis anos chupa endidacomi a prima do meu pai com mais de 50 anos contos eroticos publicadosminha iniciacao na zoofiliaviadinho levando pirocada no cuzinho contos eroticosconto erotico minha namorada cuidado de mimporno agiota estouranda a buceta da mulher do devedoconto erótico vizinha no baile funkcontos patrao chantageia funcionário pra comer a mulher gostosa do funcionáriocontos eroticos primeira vez de coroa rabuda de cornocomendo a mae e a tia na piscina contos eroticodona Florinda abrindo pernas mostrando calcinha pornpresenciei minha esposa me traindoandava só de cueca no carro. conto gay teenconto erotico o viadinho de calcinha no asiloamigocontoseroticoscontos eróticos comendo a cunhada gostosa em uma festa de fim de ano com família toda reunidavem ver meu corninho contocontos erotico de filho travesti bundudoContos.encestos.mae.no.campo.de.futebolquero ser arronbada por outro cassete contoconto de o negao pirocudo rasgou meu cu sem dopraia guaratuba contos sexocontos insesto comi minha irma e mae duas gostosas com fotosminha filha fudendo com nosso impregados contoscontos erótico com viuvascontos calcinhas de mamaenetinha virge de sainha estruooContos namorada e o velhomulher pois o marido a xupae o travestecontos eroticos dei meu cu pra todoshomem de calcinha enrabadoconto erotico de velha gorda sem dentadurazoofilia mulher carente arruma um componheiro pra lir da prazerconto erotico eu estava tao bebada que nao sei quem me comeu me encheu meu utero de leiteconto erotico fui no banheiro da estrada mijar e me assustei com o tamanho do pauzao do negaoconto esposa na orgia do carnavalcontos eroticos sou brocha e minha esposa arumo amantescontos... me atrasei para casar pois estava sendo arregaçada por carios negoescontos orgia com pobresboqueteira gaucha contoesposa safada e bebada liberando na festa de confraternizacao contopelado amarrado contosmamando na velha contoscontos incesto mãe fofinhaAs 3 porquinhas do vizinho Contos eróticosContos er meu que pitao peludocontos eróticos esposa sodomizada no metrôconto veridico gozada dentro xoxota recifeconto erotico minhas prima se apaixonou por mim