Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PRIMEIRA SESSÃO COM MEU MESTRE

Click to this video!

Relato de um servo apás sua primeira sessão comigo:rnMeu Mestre é um senhor de 53 anos, 1,90, 95 kg, grisalho, muito autoritário, eu adoro servi-lo, mas deixa eu contar como foi minha primeira vez com ele, conforme havia me ordenado, fui ao encontro do Mestre Armindo, aluguei uma suíte num bom motel e liguei avisando aonde estava, meu Mestre mandou eu tirar a roupa e ficar virado para a parede, demorou acho que uns quinze minutos e ouvi a porta se abrir, não falei nada, nem me virei, não sabia se podia, ele veio até perto de mim senti sua respiração no meu pescoço, sem falar nada vendou meus olhos me deixando completamente no escuro, e mandou abrir as pernas ao máximo, quando o fiz, ele começou a analisar minha bunda, e disse:rn- Bunda branca, gosto assim, mas a depilação tem que melhorar viado de merda, abre a bunda para ver se esse cu está muito arrombado.rnAbri e ele enfiou o dedo, dei um gemido ele deu um forte tapa na minha bunda e disse:rn- Cala a boca seu bosta, com um cu arrombado como este vai reclamar de uma dedado merda? Fica de quatro.rnImediatamente me pus de quatro, fiquei esperando mas nada acontecia, sá ouvia os passos do meu dono, de repente sinto uma chicotada forte na bunda, dei um grito, ele riu e deu outra chicotada e mais outra, enfim castigou minha bunda varias vezes quando ela estava quente de tanto apanhar e lágrimas escorriam dos meus olhos, ele parou retirou a venda dos meus olhos e mandou eu tirar sua roupa, coisa que fiz o mais rápido possível, estava louco para ver o cacete do meu dono, quando tirei a cueca e vi aquele caralho lindo, 19x5 duro como uma rocha mais do que prontamente o coloquei na boca para sentir seu sabor, levei um imenso tapa na cara que me derrubou no chão e ouvi:rn- Mandei tu chupar puto ordinário?rn- Não senhor, desculpe.rn- Queres meu caralho merdinha?rn- Sim mestre, é o que mais desejo.rn- Fica de joelhos e abre bem a boca.rnFiz o que meu dono mandou, ele me pegou pelas orelhas e enfiou o caralho com toda a força na minha boca, senti ele na minha garganta, engasguei, e levei outro tapão na cara, e isso se repetiu mais vezes ele enfiava todo na minha boca, engasgava, babava e apanhava, quando ele ficou satisfeito com isso, sentou na cama e disse:rn- Tá putinho vou te dar prazer, pode vir chupar meu pau, pode se deliciar com ele, mas chupa bem ou então...rnLágico que me apressei a colocar aquele delicioso cacete na boca, lambia, beijava, engolia tudo que conseguia, meu senhor gemia de prazer, que maravilha sentir meu dono gostando da minha boca no seu pau, depois de algum tempo ele falou:rn- Põe uma camisinha nele e fica de quatro na cama para eu enfiar nesse cu.rnColoquei a camisinha com todo o carinho e fiquei em posição esperando pela invasão, meu senhor encostou o caralho na entradinha do meu cu, deu uma ajeitadinha e sem nenhum aviso enfiou tudo de uma vez, meu deus que dor, senti como se estivesse sendo rasgado por uma espada, urrei, ele me mandou calar a boca e aguentar o caralho, ficou com o pau todo enfiado por alguns instantes, e então começou um vai e vem frenético, não sei se sentia mais quando ele tirava ou quando voltava a enfiar com toda força, eu gemia, gritava, enfim delirava enquanto meu dono usava meu cu como queria, depois de não sei quanto tempo, porque sá conseguia sentir as sensações do meu rabo sendo invadido daquela forma doida, ele gemeu mais forte e gozou, saiu de dentro de mim, senti um misto de alivio e vazio que nunca tinha experimentado, meu senhor mandou eu tirar a camisinha limpar seu pau o que fiz com muito gosto, que sabor maravilho tem a porra do meu mestre, depois de limpar todo o caralho, bebi a porra da camisinha, meu senhor me mandou então ir para o banheiro e ficar de joelhos o esperando, fui e então ele pegou uma corda e amarrou minhas mãos as costas e me mandou abrir a boca ao máximo, quando abri senti o primeiro jato de urina, e meu senhor mijou bastante, não consegui beber nem metade, como é bom beber os líquidos do meu senhor, depois ele mandou eu ficar ali, amarrado, mijado, com o cu ardendo, esperando ele voltar, fiquei horas ali, quando ele voltou... mas isso eu conto depois, se vocês quiserem

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


eu quero mamar nos peito da minha esposa Lurdeesposa amiga escrava conto eroticocontos eróticos eu dormindo senti uma coisa lisa entrando nu meu cuconto erotico cinema marido e mulhervídeo do Seu Madruga metendo a pica no c* da Dona Florindacontos gay jogador de basquete novinhodeflorando bucetinhas com pepinoscontoseroticos cagando na boca do viadoContos eroticos violento seiosconto dei sonifero pra minha mulher dormir e outro comer elaconto eu minha irmã e minha mãeme fuderam meu cu na ordenha contosDei o rabo no estoque contosotitiu comendo a sobrinhacontos o sindicoconto erótico transformei meu filhinho em mocinha de calcinhaconto erotico casado se apaixonou por um afeminadomeu policial chupou meus seiossou mega bunduda.contos eroticosContos fudendo elaConto minha esposa dando pro policialcontos eróticos minha sobrinha de babydollcontos eroticos comeu meu cu no onibus e da cobradoracontos convenci ela a dar o cuzinhoContos eróticos seduçãocunhado homem no dia do casamento come a bunda do cunhadinho homem novo no quartoComi o cu da paulistinha contoscontos eroticos peguei minha namorada com outro e participei chupandoeu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestozoofilia dssasmeu marido bebeu e meu cunhado me comeuContos erótico,comi a minha ex mulhercontos erótico de incesto eu novinha ano ... meu tio com 26*6cm de rola me arrombou irmãzinha nascendo peitinho contos eróticoschupadinha no xibiu contostenho maior tesão pela minha tia velha contos eróticosComtos erotecos de imcesto minha mae sentou no meu colocomendo minha irma de seis anos contos eroticosconto gay "chupa teu macho"conto porno madame s putasminha esposa e o porteirocache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html minha tiade fio dental exibidaContos erótico lutinhacontos eroticos cunhadavidio porno enchada qualculadasantinho do pau na boca uma laranja viu pau na boca na bunda na sua boca a bocacontos eróticos virei cdzinha do vizinhochupando coroa contoEu e meu macho padrastosimpatia comer cunhadaContos eroticos pai espretado filha a tomar o banhocontos de coroa com novinhomulek gemendo no pau do outro mulrkcontos eroticos cunhada crentemulher fazebdo conids dr shortinho e marido psu duroContos comi a noiva do meu amigocontos eroticos proibidos meu tio encheu minha boca de porracontos gay o drogado me estuproupatroa dando a buceta pro vendedor ambulante contos eroticoscontos eróticos satisfazendo as fantasias do maridoCarnaval cerveja mezanino nada conto eróticoquebrei o cabaço da minha irmã ela chorou muito porno cariocarelatos eroticos de traicao consentidaContos de putas fogosas co.tados por mulheresContos eroticos louco por seios procadoContos eroticos tatuagem da esposaamiguinha d minha bem magrinha putinhasentando na rola do meu pai contos. eróticoscontos eroticos meu filho me fez gozaramiguinha d minha bem magrinha putinhaA chapeleta arronbou minha bucetinha contoscontos realizei o sonho do corno engravidei de outroconto vesti as roupas da minha madrasta e ela me fagrouConto erotico incesto japones, pais japoneses liberaiscontos eroticos porteiro