Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TENHO MUITA VONTADE DE DAR

Click to this video!

Bom pessoal, essa é a primeira vez que escrevo aqui, e sim, o título diz tudo!rnrnO que vou escrever não é bem um conto, mas sim um desejo meu, que cada vez se torna maior e gostaria muito de realizar.rnrnSou um homem de 29 anos, alto e magro, pele branca. Nunca me relacionei com homem nenhum e gosto de mulher, mas sempre me imagino dando pra uma cara branco, mais ou menos da minha idade ou mais novo.rnrnVou começar contando como esse desejo começou.rnrnQuando eu era criança, minha família e eu morávamos em um prédio e lá eu ainda nem sabia o que era sexo, tinha em torno de 9 anos. Mas aí mudamos para um outro bairro e fomos morar numa casa e numa rua que tinha muitos garotos, ficavam sempre jogando bola na rua e brincando de esconde-esconde. rnrnLogo de início, comecei a fazer amizades com os garotos, tinham uns da minha idade e outros mais velhos. Com um desses garotos que vou chamar de "A", fiz uma amizade mais legal e comecei a frequentar a casa dele. Um dia estávamos sozinhos na casa dele e ele falou que tinha vídeos pornográficos e se eu queria ver com ele, respondi que sim e começamos a assistir. Num certo momento eu adorando, vi que ele tirou o pau pra fora e começou a punhetar lentamente, fiquei surpreso, era um pinto bonito, moreno, não muito grande mas bem maior que o meu, que até pela idade ainda era meio fino e pequeno. Eu fiquei meio estranho, olhando sem parar, e não consegui disfarçar meu encantamento. Ele vendo que eu não parava de olhar, me perguntou se eu já tinha visto antes, respondi que não, ele perguntou se eu estava gostando de ver e respondi meio sem jeito que sim. Ele sentou mais perto e ficou do meu lado, eu sem pensar muito no que estava fazendo, comecei a escorregar minha mão pelo sofá, olhei pra ele e perguntei se podia tocar, ele disse que sim e logo segurei, sem muito jeito, mas enchi a mão e segurei firme naquele pinto, a sensação foi muti boa, e o cheiro que ficou na minha mão era muito bom. Não fizemos mais nada nesse dia e fui embora pra casa, já era noite.rnrnA partir daí, começamos a nos encontrar com mais frequência, e como na sua casa sempre havia gente, começamos a ir em terrenos de fábricas que tinha na rua, estas desativadas. Um dia eu estava gostando bastante de segurar o pau dele e ele me pediu pra colocar a boca, eu não quis e ele me falou que ia mostrar como era pra fazer, pegou meu pauzinho, tirou de dentro da calça e começou a chupar (nossa foi maravilhoso), e depois me falou pra fazer igual com o dele. Comecei a chupar e passar a língua naquele líquido que saia na ponta, era o melhor gosto que eu já tinha sentido, fiquei lá como se tivesse chupando um doce delicioso e até que ele falou pra mim tirar a boca, eu tirei e ele apontou aquele pau bonito pro lado e gozou. Depois de um tempo já bem acostumado a chupar o pau dele e ele chupar o meu (nunca gozou na minha boca, e eu achava que não podia porque ele nunca o fez) ele tirou a calça, sá abaixou até o joelho e pediu que eu colocasse o dedo no cu dele, colocou meu dedo na boca e deixou bem molhado, depois levou-o até a portinha do seu cuzinho e falou que era sá pra mim empurrar devagar que entrava, nossa que gostoso foi isso, era quentinho e úmido, e então pegou minha mão e começou a levar para trás e para frente, como se tivesse um pau ali. Paramos porque ele pediu e fomos embora.rnrnDepois desse dia, não deu mais tempo de fazer nada, porque minha família que se mudava muito resolveu se mudar de novo.rnrnO tempo passou e eu comecei a me masturbar com mais frequência, comecei a enfiar o dedo do meio no meu cuzinho quando me masturbava, mas depois de um tempo, vi que um dedo sá ficava chato, era fino demais, e comecei a colocar sempre dois dedos. Mas me dava uma vontade de ter sempre mais, e então comecei a procurar coisas pra enfiar no cu enquanto masturbava meu pai, e nessas alturas eu já passava a mão no meu pau melado, tentando recolher ao máximo aquilo e levava a boca, que delicia isso aff. Um dia estava já mais crescido e estava sozinho em casa, comecei a ficar um tesão descontrolado e comecei a procurar alguma coisa pra enfiar no cú, mas não encontrava, então resolvi abrir a gladeira e lembrei que tinha cenoura, peguei a mais grossa que achei, lambuzei ela de sabonete, tirei minha roupa toda e me pus de quatro na cama, tentando enfiar aquela cenoura, mas não entrava e resolvi me levantar e apoiar a cenoura no chão de pé e agachei, coloquei ela bem no centrinho e comecei a deixar o peso do corpo recair sobre ela, nossa, sentir aquela coisa abrindo meu cuzinho me dava vontade de gozar, na hora que entrou mesmo, senti um ardor muito forme e fiquei parado, sem fazer nada até que a dor passasse, então desci mais e enfiei bem no meu cuzinho, afff que delicia, uma sensação inigualável, gozei muito nesse dia.rnrnAté hoje pato punhetas enfiando coisas no cú, mas minha vontade de chupar um pau de verdade, ter minha boca gozada e sentir um pau macio e duro no meu cú sá vem crescendo e eu não to aguentando mais, preciso dar pra alguém. Gostaria que fosse uma pessoa muito discreta com jeito de homem mesmo.rnrnBom pessoal, se alguém se interessar em me ajudar, me envie emails, pode mandar foto que eu sou bem [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erodico 5 amigos me fuderaocontos eroticos de minha mae da buceta cabeludacontos policiais fudendo presosvoyeur de esposa conto eroticovideos de cabacinhos juvinis fudendocontos eróticos chuva molhadacontos maravilhosos de encoxadasconto eróticos comi minha prima mae solteira carenteeu e minha filha no baile funk contos eroticosSou casada e chupei dois caralhos ao mesmo tempomeu genro me comeu contoscontos eróticos viúva safadaenchemos a boceta de porrawww.sexo com cunhadss.com.brmeu sogro me comeu contos eroticoscache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html contos eróticos falando de orgia em faculdade de juazeiro do Norte contos no cu da esposameu pai e o amigo dele comeram minha namorada contos eróticosDesvirginando a sobrinha de 18 anosContos erotico suruba com meninas pequenas e vigemscontos eróticos comendo as Vizinhas ciareceamigo sex diplomata contominha primeira traição na academia contos eróticoschorei mas aguentei tudo contos eróticoscontos eroticos papai gozando na minha bocaticos em bunda de mulhwecontos eróticos esfregaçãodentistassafadaconto erótico o Enfermeiro da rola de jumentopapai me ensinou chupar buceta conto eroticopono vitgen nãoa aguentiu epediu p paramcontos trazei com a amiguinha da minha filha dormindoFoto nega por cenoura no cu e gozou gostosocontos de coroa com novinhoContos.encesto.na.cadeiacontos cunhadas gostosaswww. brasileiras provocando com olharesde safadas pornoresguardando a namorada contoloira casada malho e adoro negao contosbuceta praia toninhas contos eróticos de bebados e drogados gaysMinha vizinha me deixou ver ela transando contosseduzudo e fudido contos gayconto eróticos putinha da famíliaconto teens de pau duro no calcao de futebol para a primagostosa da propaganda da Tininhacontos bundão arrebitadop****** do papai contos eróticosmete mete contoconto erótico da b******** Doeu muitowww.dei a buceta com dez anos contocontos eroticos gay meu tio de dezessete me comeu bebado quando eu tinha oito anoscontos eroticos solteira vendidaa esposa baiana do meu amigo contos eroticoscontos eroticos cdzinha virei menina pra agradar meu donocontos eroticos peguei minha cunhada dormindoconto erotico de faxineira casada safadaContos eróticos molekas virgensa irma dela dorme conosco de calcinhacontos eróticos gays a primeira vez com 24 anosConto erotico gay rasgaran meu cu"klaudia kolmogorov"meu cu ficou rasgado e sangrando contosputinhasinocentepretinha choradomuito pornolComo me tornei a cadela do meu padrato contos eróticoPega minha xerequinha tio contos eroticosconto veridico gozada dentro xoxota recifeFunk érotco Contoseroticosgreludarebentando o cu da irma pequena contosContos entiadas apanhando para submeter ao sexocontos eróticos filhinha bobinhacontos erotico fis boauetes nos amigs de meu marido e ele nem sabeContos eroticos ai mo seu pau ta me matando mete ai ai deliciosa aiiContos Eróticos um Negão me comeuminha sogra minha amantevídeo pornô com travesti travesti transando com a outra por amor todinho raiva da outracontos eroticos homens cavalos e mulheres fogosasgays chupando cu de macho careta