Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FUI TRAIDO MAIS AINDA CONTINUO COM ELA - O ENVOLVI

Click to this video!

Fui traido mais ainda continuo com ela - O Envolvimento com o Pai do ChefernrnOlá a todos, rnrnBem, apás as ultimas revelações que recebi, me senti ainda mais angustiado, claro que essa angustia, se da ao fato de que o tesão dentro de mim criado com toda a situação sá fez aumentar; fico imaginando tudo que se passou neste encontro da minha esposa com o Chefe dela neste hotel, a maneira submissa como ela se comportou e tudo mais, as imagens de tudo povoam minha mente a todo momento. rnrnEm um dos contatos que tive com a pessoa confidente, mesma me revelou em detalhes os encontros dela com o Filho e agora o Pai, segue abaixo então como o Filho convenceu a minha esposa a se entregar ao seu Pai, e posteriormente aos 2 ao mesmo tempo. rnrnDepois do Filho revelar ao Pai que tem um envolvimento sexual e até mesmo dominador sobre minha esposa, o Pai dele ficou louco para também poder realizar suas fantasias eráticas que ele tinha com ela, em sua mente também povoavam as imagens daquela boquinha se esforçando para chupa o pau do seu Filho, ele sabia que o mesmo tinha puxado a ele, ambos eram providos de uma boa ferramenta sexual, tanto no comprimento como na grossura, assim como a maneira como ele deflorou a bundinha dela, essa que ele tanto deseja, segundo o Filho, as primeiras vezes que ele se aproveitou dela fazendo sexo anal, foi o mesmo sofrimento de sempre, até hoje ela ainda chora quando ele come ela. rnrnSegundo informações do meu confidente não foi muito difícil do Filho convencer minha esposa a se entregar para o Pai, na verdade houve um trabalho de pressão e ambos os lados, para começar, o Pai dele inventou que queria expandir os negácios para São Paulo e com isso marcou uma viagem dele com ela aonde eles passariam uma semana lá, antes disso o Filho foi trabalhando psicologicamente minha esposa nos encontros que eles tinham, abaixo segue detalhes desses diálogos. rnrn- Olá? (Filho) rnrn- Oi, tudo bem. (Esposa) rnrn- Sábado pela manhã quero lhe ver, passei essa semana toda fora e estou louco para tirar meu atraso com você, não sentiu minha falta não? (Filho) rnrn- Porque você pergunta, se sabe que sim, quanto a Sábado, sá posso se for na parte da manhã, a tarde já tenho um compromisso com meu Marido. (Esposa) rnrn- Ok, lhe pego na sua casa então logo cedo, as 07:00, mais me fale, o que você sentiu falta de mim? (Filho) rnrn- Aff, é muito arriscado você ficar me pegando na minha casa, meu Marido qualquer dia desconfia. (Esposa) rnrn- Não quero saber, vou buscar você lá na porta. rnrn- Ok. rnrnSábado estava ele esperando lá na porta, por coincidência eu sai neste dia para colocar o lixo fora e vi o carro parado na Porta, assim que sai ele abaixou o vidro e falou comigo. rnrn- Olá, tudo bem? (Filho) rnrn- Opa, tudo bem com você? O que faz por aqui? (Eu) rnrn- Eu vim pegar a (....) para irmos visitar uns clientes, ela já está pronta? (Filho) rnrn- Ela não me falou nada, mais ela já está saindo já, olha ai, na verdade já está aqui. (Eu) rnrnNeste momento ela vinha saindo no portão, a cara de surpresa dela vendo nás dois conversar era de espanto, ficou gelada na hora, até falei. rnrn- Tchau amor, bom trabalho. (Eu) rnrn- Vixe amor você está gelada. (Eu) rnrn- Não é nada, é que sai do banho agora e a agua estava um gelo, bjo Thau, tenho que ir. rnrnEla entrou no carro, e fechou a porta, não dava para ver absolutamente nada com o insufilme do carro, demorou uns 40 segundos eles sairão. rnrn- E ai, cade meu beijo de saudade. (Filho) rnrn- Tá louco, esta vendo meu marido aqui ao lado não. (Esposa) rnrn- Cala essa boca e vem aqui me dar um beijo logo, se não baixo esse vidro e faço na frete dele. (Filho) rnrnNessa hora ela olha pra mim do outro lado do vidro, vira para ele beija na boca dele, nesse momento ele pega a mão dela e coloca em cima do pau dele, tentar tira mais não consegue com ele apertando em cima. rnrn- Isso mesmo minha putinha, assim que eu gosto, agora vamos para o nosso ninho de amor, que lá quero matar minha saudade de você e lhe falar algumas novidades que mudaram em sua vida de agora em diante. (Filho) rnrnAo chegarem no motel ele foi logo mandando ela tirar toda a roupa e ir chupar o pau dele, neste momento ele esta sentado na poltrona com as penas abertas sá esperando, com o mesmo esforço de sempre ela abre a boquinha dela e vai chupando da cabeça até aonde consegue, ele sentado com a cabeça escorada para trás fica relaxado, ele coloca a mão na cabeça dela e fica forçando para baixo, nem precisa puxar, porque ela mesma não aguenta a pressão e volta, os olhos dela chega a ficar lacrimejando, ele fica assim por uns 19 a 19 minutos. rnrn- Adoro, sua boquinha no meu pau, gosto de ver essa sua carinha de inocente tentando não engasgar, babando nele, essa sua mãozinha subindo e descendo, há como é como gostoso. (Filho) rnrnPor um momento ela tira ele da boca, com a baba escorrendo pelo queixo ela respira um pouco e fala. rnrn- Qual a novidade que você disse que tinha para mim? (Esposa) rnrnEle puxa ela de volta para o pau dele e faz a seguinte pergunta. rnrn- O meu Pai morre de tesão por você sabia, ele me falou que vive dando em cima de você, soltando umas indiretas mais você fixa sá tirando de tempo. (Filho) rnrnNessa hora ela olha espantada para ele e tentar tirar o pau da boca para tentar falar algo mais ele não deixa e puxa ela para baixo forçando ainda mais o pau na boca dela, ao ponto de dessa vez ela chegar a engasgar e as primeiras lágrimas pretas da maquiagem rnrnescorrerem pelo seu rosto, com mais um esforço ela consegue tirar ele da boca, olhar para ele com a mesma cara de espanto e falar. rnrn- Você não falou nada sobre a gente não é? (Esposa) rnrn- Claro que falei, eu nunca escondo nada do meu Pai. (Filho) rnrnEla no mesmo instante ao ouvir isso, tentou se afastar esbravejando. rnrn- Eu não acredito que você fez isso, você está louco, pirou de vez, com que cara meu Deus eu vou olhar para ele. (Esposa) rnrn- Com a mesma cara de sempre ora, eu não vejo problema nisso. (Filho) rnrnAjoelhada como ela estava ela se levanta e anda pelo quarto com as mãos na cabeça com cara de desespero, já ele se levanta também e fala. rnrn- Outra coisa, ele quer também ter o mesmo prazer que venho tendo. (Filho) rnrn- Como é que é? Acha pouco já a loucura que eu estou fazendo a mais de um mês toda semana está traindo meu marido, me submetendo aos seus caprichos, sendo quase que sua escrava sexual; eu falei pra você que se essa histária fugisse do controle eu iria por um fim em tudo. (Esposa) rnrnEle vai pra perto dela e segura atrás da cabeça pelos cabelos e diz. rnrn- Olha aqui (....) nos estamos a mais de um mês trepando, fudendo, transando ou seja lá o que você queira dizer, porque não sá eu quero como você também quer, o tempo de escravidão já passou a muito tempo, eu não lhe obriguei a nada, a prova disso é você estava ali ajoelhada chupando meu pau, e outra, essa buceta toda molhada aqui, eu também estou obrigado você a ficar melada desse jeito também? (Filho) rnrnEla começa a chorar mais ainda ao ouvir isso e fala. rnrn- Para, me solta, seu safado, eu não quero mais fazer isso, eu nunca tinha feito essas safadezas, você praticamente me estuprou naquele dia no hotel comendo minha bunda, eu nunca na minha vida tinha engolido porra de homem nenhum, nem do meu marido. (Esposa) rnrn- Deixa de frescura, tenho certeza que em toda sua vida você nunca gozou tanto, sentiu tanto prazer, como agora, sendo minha putinha. (Filho) rnrnNessa hora ele pega ela pelo pulso, vira ao contrário e escora ela na parede, coloca a outra mão na bunda dela e o dedo direto no cuzinho dela e fala bem perto da orelha dela. rnrn- Em, fala pra mim que você não gosta quando eu faço isso em? Se você não gosta quando passo o dedo na sua buceta melada e coloco ele assim na sua bundinha. (Filho) rnrn- Aiii..., por favor, não faz isso comigo, seu safado, ahaar... (Esposa) rnrnA voz dela de brava já estava ficando melosa, gemendo com o dedo dele entrando e saindo da bundinha dela, ele mordendo o pescoço dela, logo em seguida ele vira ela, segura o rosto dela com uma mão e a outra com o dedo na buceta e fala. rnrn- Vem me dizer que você quando esta na cama com o seu marido não pensa em mim, quando ele está metendo na sua buceta você não lembra do meu pau entrando todinho rnrnnela, diz pra mim eu você não pensa em mim quando ele come seu cuzinho, se é que ele come não é... (Filho) rnrn- Olha sá (....) vamos simplificar as coisas, eu não quero perder minha putinha, e tenho certeza que você também não quer deixar de se submeter as minhas safadezas, o meu Pai sá que matar o desejo dele, a mulher que ele está hoje é toda puritana, sendo assim você vai satisfazer as fantasias dele também e ninguém mais fica sabendo de nada eu prometo. (Filho) rnrn- Por favor (....) não, eu não quero.... Porque você foi falar para ele seu desgraçado safado, estava indo tudo direito, aiii ahaar..., por favor, não faz assim comigo, aii ahaar.... (Esposa) rnrn- Além de ser sá mais uma pessoa sabendo do nosso caso, existe mais algum outro problema, é porque ele um Coroa, é isso? Você não gosta de caras mais velhos não? o meu Pai está enxutão, tenho certeza que você vai gostar do pau dele também. (Filho) rnrn- Não tem nada haver ahaar... dele ser mais velho, não está vendo no que você está me transformando, numa puta, e eu não sou puta, ahaar... rnrnEle pega ela coloca ela na cama, abre as penas dela e mete o pau dele todo de uma vez, fazendo com que ela soltasse um gemido enorme, ele ficou metendo nela até ele gozar e encher a buceta dela com o esperma dele. rnrnLogo depois ele sai de cima dela puxa ela pelos braços fazendo ela levantar e a leva até a banheira do motel, em todo momento ela quando não estava gemendo ficava choramingando. rnrn- Sente aqui comigo, e me fale, você gosta ou não da maneira come eu lhe trato, em responda. (Filho) rnrn- Já falei, tudo isso é novo pra mim, não posso negar que você me faz gozar muito, sinto muito prazer em estar com você o com o que você me faz fazer, mais não posso aceitar ter um caso também com o seu Pai, não é porque ele é mais velho, é porque eu não posso fazer isso entende, eu já estou indo longe demais com tudo isso para viver o que estou vivendo. (Esposa) rnrn- Faça o seguinte, prometa pra mim que vai pensar no assunto, segunda-feira você vai para São Paulo com o ele e passaram a semana lá, com certeza ele agora mais do que nunca vai tentar algo com você, garanto que você não vai se arrepender se ceder aos desejos dele. (Filho) rnrn- Outra coisa, me fala, você pensa ou não me mim quando esta transando com o seu Marido? rnrn- Para seu safado, você sabe muito bem que não tenho como não pensar, você me deixa acabada, morro de medo do meu marido desconfiar de algo quando estamos transando. (Esposa) rnrn- Por ele desconfiaria, você tem medo de chamar ele pelo meu nome é isso, ou é por conta do meu Pau, acho você muito fechadinha, o pau dele é menor ou maior que o meu? (Filho) rnrn- Tá louco chamar ele pelo seu nome, o problema está no seu Pau, com certeza o seu é bem maior que o dele, não vê o sofrimento que tenho quando você come minha bundinha... (Esposa) rnrn- Hummm delícia, agora vamos parar por aqui, quero matar minha saudade e vontade dessa bundinha, vira e fica de 4 aqui escorada na borda da banheira que eu vou meter meu Pau todinho neste cuzinho apertado, afinal você vai passar a semana longe de mim e ainda corre o risco de voltar mais arrombadinha do que nunca, o meu Pai tem um Pau bem considerável também e pelo que ele já me disse ele tem um diferencial em relação aos demais homens, a porra dele é bem grossa e numa quantidade grande também, ele disse que quando goza chega a encher um copinho daqueles de cachaça. (Filho) rnrnNessa hora ela tentou argumentar algo mais ele logo virou ela e foi logo metendo o pau dele no cuzinho dela, enquanto comia ficava dando uns tapas bem forte fazendo ela implorar para ele para porque estava ardendo e doendo... rnrnBem pessoal, tenho relatado tudo no máximo de detalhes possível, morro de tesão em tudo que passei a saber sobre o envolvimento da minha esposa, muitas ideias povoam minha mente, já bate muita punheta pensando e imaginando cada momento vivido por ela, agora estou pensando aqui em tudo que deve ter acontecido nesta semana que ela passou em São Paulo com o Pai do chefe dela. rnrnComo sempre estou aberto para conversas com outros homens que tenham vivido ou vivem a mesma situação. rnrnGrande abraço. [email protected] rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto ganhando mamadeira de porravidio porno mulher coloca vibrador de 53 cemtimetro todinho dentro da bucetaContos eróticos "queria experimentar algo novo"conto erotico gay viciei na porracontos eroticos comi a velha beatacontos mamae mim ajudou com o pirozaoamanda meu marido.é corno mesmo contosContos era feio mas tinha um pênis descomunalcontos colocando menina pra mamarcontoseroticos homemque gosta de cuspe,sebo de pau e mijocomida pelo sobrinho contos eroticos em audio de envangelicas que gostam de dar o cuchupando mamilos com sofreguidaomelhorescontos eróticos gosando pelocucontos erotico na prisãomeu filho tem um pausao contosmulher rebolando de costa para o espelho de fio dentalconto erotico tentei comer o cu delaMinha mãe colocou silicone e ficou gostosa contocontos eroticos venha ca sua puta safada,eu vou arrombar seu cu de cadelacontos adoro um pau gostoso e tesudo de travestieu entrei no banheiro e não sabia que a minha madrastra estava la e come. a xota delapornodoido dona de casa chifra rapidinha cm amigopornô compare com a comadre faz ela gozarmulher sentada e retando calcinha para homen ver sua bucetaContos de incesto de meninas de 14 aninhos em Belém do ParáCOnto a vizinha amamentandogostosinha bonitinha bundinha nova doze anos dando contos eroticoscontos eroticos incesto vovômarido dormiu eu me depilei toda contosPuta merda!!!para!(conto teen gay)gozo na bucetinha dá cunhadinha com jeitinhoo ajudante de pedreiro chupou minha rola quando eu tinha dez anoscontos das danadinhas perdendo cabaçinhosubrinho ve tia fazendo sexo araz da portacontos de incestos detei de conchinha fiquei de pau duroTravesti fode duas coroas safadas na idade de 55 anosporno chupei o peito e bucheta da minha cunhada ate ela cedercontopaugrandea vovo gostosa conto eroticocontos eroticos a bunda gostosa da minha cunhadacasa dos contos eroticos novinhas delicias seduzindo o tiocontos heroticos gay meu primo de dezessete me comeu dormindo quando eu tinha oito anoscuriosidade da minha filha no meu pau contoscontos eroticos amigos heterosContos eróticos primeira vez colégioera virgem e minha liberou pro marido da minha tia contoPorno tentei dar meu cu depois de casado contoscontos eroticos comi a velha beatacontos eroticos homens cavalos e mulheres fogosascontoseroticos obrigaram minha esposa a usar drogasvideos de sexo com cintirinhas finas e bundonatocou meu seio sem querer incesto contoContos eróticos de lésbicas transando na casa da amiga de muitos anoscu furico bunda peito pênis contos eroiticoscontos eroticoa arronbada pelo titiocontos eroticos ele insistil que deixei tira camisinhacontos minha irmã minha putaconto com fui esplorada gostoso n sexosobrinho punheta contoputa incotrado afuder cm amante vidioconto cabaco xota cumeu pai olhava pelo buraco na parede do quarto dele pro meu e se masturbavamulher acima d 90kg crente contosContos eroticos chupando peito casais amigosminha filha e uma cadela conto eroticoa madrasta ingênua contos eróticosContos de sexo en onibuscontos euroticos porno tia luciacontos eróticos punheta da primagostosa da propaganda da TininhaContos sou casada com um travecocontos-pego teu pau e coloco no meu cuzinhocontos de mulheres que colocaram silicone no seioboa f*** mulher leva travesti para comer o maridomeu marido abriu minhas pernas e tirou minha virgindadecomendo a mae e a tia na piscina contos eroticoadultas com seios e bundas fartas eróticos ah ah aaaah chupa a minha bucetinha vai ah deliciarelato eróticos violência