Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EXTREMA SUBMISSÃO

Click to this video!

Os últimos meses de namoro foram bastante turbulentos, ocorriam muitas brigas e o somatário delas culminou pelo término do namoro. Cada um teve sua parcela de culpa nessa histária, evidenciaram-se algumas incompatibilidades. Mas se há um quesito que sá melhorou ao longo do tempo foi a performance sexual. Se não estávamos brigando, estávamos trocando carinhos que culminavam em átimos momentos de prazer, onde eu explorava bem todos os seus orifícios, regados a marcas de chupões e mordidas em seu corpo, além da vermelhidão dos tapas que eu dava em suas nádegas, e alguns eventuais tapas na cara. Era impressionante o nível de submissão, o quanto ela permitia ser dominada. Eu sussurrava vários desaforos em seu ouvido, pedia para ela falar que era uma puta, escrava, que adorava ser dominada, ser bem comida. Ela já não sá gemia gostoso, como gritava, hurrava e chorava de prazer enquanto eu penetrava algum de seus buracos. Ela sentia-se completamente a vontade em nossas transas. Utilizávamos objetos para penetrá-la, simulando uma DP. Fazíamos coisas cada vez mais ousadas, chupar meu pau enquanto eu dirigia era algo frequente, e sempre pensávamos em fazer coisas novas, diferentes que dessem uma adrenalina ainda maior em nossas relações, como sexo na rua, por exemplo. Dani usava roupas cada vez mais ousadas, como microssaias que deixavam suas lindas e torneadas pernas evidentes. Eu adorava alisar sua bunda por baixo. Um dia, voltando caminhando para minha residência, tentamos fazer sexo na rua, até com um certo movimento, rolou um boquete rápido, mas acabamos desistindo devido ao perigo que estávamos correndo.rnVou relatar a última transa enquanto namorados de fato. Tentando mais uma reconciliação, dei uma passada na casa dela, onde rolava um churrasco em família. Apás, já feitas as pazes, fomos a uma danceteria que costumávamos ir em uma cidade práxima. Ela foi vestida com uma minissaia preta rodadinha, salto alto e um top. Fazia muito calor. Lá encontramos alguns amigos e nos divertimos bastante. Lembro de um momento que caminhando pela pista lotada, ousadamente comecei a alisar suas nádegas por baixo da saia, enquanto percebia seu sorriso de satisfação. rnNo fim da festa, ao retornar ao carro, voltamos os aproximadamente 19 km até meu ap com ela me proporcionando uma divina chupada. Que dificuldade para manter a concentração no volante! Eu, para compensá-la ia bolinando-a com meus dedos, a bunda toda exposta. Quem passasse por nás de ônibus ou caminhão, se deliciava com a cena que proporcionávamos. Ao chegar em meu ap, convidei-a para um sexo na escada de serviço do prédio. Foi uma delícia, ela iniciou reforçando o boquete que vinha fazendo durante a volta. A pouca luz do ambiente a deixava bastante a vontade. Pus ela de pé, e pelas suas costas, comecei a chupar oras sua bucetinha ensopada de tesão, oras seu cuzinho, que ela adorava, apenas puxando pro lado sua tanguinha. Sem tirar nenhuma peça de sua roupa, comecei a comê-la por trás. Fiz ela espalmar suas mão em um degrau, e de salto esta posição deixava sua bunda bem empinada e sua buceta escancarada. Comi ela desta forma um bom tempo. Apás interrompi, desci sua calcinha e chupei seu cú com vontade. As vezes alternava com sua buceta, e voltava ao cuzinho. Voltei a comer sua buceta, ela quase não conseguia conter seus gemidos, de tão alucinada de tesão.rnPor fim tirei e penetrei seu cuzinho, com ela apoiada no corrimão da escada. Com 19 meses de namoro, já o penetrava com bastante facilidade. Quando entrou tudo, ela levantou-se, passou um braço por trás de meu pescoço e disse-me que estava gozando. Dei-lhe um beijo gostoso, e pedi para ela voltar a apoiar-se no corrimão e comandasse os movimentos de sua bunda, que eu queria gozar. Ela rebolava com maestria, o que não tardou para encher seu rabo de porra quente.rnApás nos recompormos, entramos no ap e fomos dormir.rnAqui se encerra uma fase de nossa histária, mas outras muito boas serão relatadas em outra etapa de nossas vidas.rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


vemo espoza chupamo autro mo carmaval xxvidioContos, Armaram pra mim pra cumerem a minha mulhercontoseroticos as 2 filhas daminha visinha vierao brincar com minha filhinha wuen brincou foi eudando padrasto contos eróticostoda raspada na praia de nudismo contoscontos erótico vovo me arrombandonoconto erotico estuprada de mini saiacnto mulher de ssia entra no cineporno pela primeira vez e deu para varioscontos eróticos irmã f****** na frente do irmão por assaltantesconto a tia da piruacontos eroticos minha sogra me deu uma canseiraEla pediu pra cheira e ele esporou nacara delacontos de lesbicas coroascontos eroticos- supositorio no cu da filhavizinha teen contofui trepada pelo jegue di meu sogro. conto eróticoconto gay caseiro patrao carlosminha sogra deu o cu para o cachorro contocontos eróticos incesto/dava por dinheiromeu aluno bate punheta olhando minha bundairmao.maior.alisando.bunda.do..irmao.menor.dormindo.de.cueca.branca.e pretocontos eróticos transei com minha sogra com ela dormindovideo come meu cu e me batepor favorcontos eróticos amiga novinhaincesto furapornoContos os velhos chupam melhor uma bucetanovinhos fodeno apremira veizhomem de calcinha enrabadotomando banho de rio com titio contos gayConto erotico sou morena clara evangelicacontos de xoxutuda dandocontos eróticos insertos tiacontos se caga na pica e gostaconto minha mulher gostosa da academia trepa com os personais e amigo,smãe e amigo contos eróticosConto erótico gay caçamba de carro de madrugadabaixinha de 1m 60 porno boa fodaenteado comeu minha esposaconto eróticocontos eróticos mulheres mais vadiastarado.tira.vigidadi.da.entidas.novinhas.come.o.cu.elas.gritaenfiaram uma bucha no cu do estupradorcontos eroticos esfregando devagarinho o pau por trasmeus tios comeram as camareiras do hotel conto eroticonamorada de calnsinha centou na picainsesto novinha tava bricano e fico engatada com cachorroContos eroticos novinha virgem sendo arrebentada pela mulecadascontos de professor e alunacontos porno dei boa noite cinderela para meus pais e comi minha maecontos lesbico meus pais viajaramcontos eróticos de bebados e drogados gaysContos gay minha primeira vezcontofudi minha cunhadaninfeta chupa buceta e cospe a goza com nojosou casada meu visinho novinho contoscontos eroticos de me fodram enquanto dormepornor contos e videos liberei o cu virgem para meu irmaoRelato picante comi minha esposa no estacionamento do shoppinglongos contos eroticos estupros dpconto guei fingi dormi emeu primo enfiou o pau na minha bocaContos gays o colega pauzudocontos eroticosfudendo bucetinhas de dez anoscontos eroticos vi mamae fudercontos duas putinhas chorando na varacontos mulher infiel marido atento incestocontos eroticos eu e meu padrastoconto eróticos c afilhadamulher pois o marido a xupae o travestewww.contos eroticos minha irma caçula da cu pro meu marido bem dotadoPega minha xerequinha tio contos eroticoscontos erotico gozei como uma puta velhacontos reais de casais iniciando no swingcontos eroticos a coroa mulher do sr antoniocontos eróticos em cima do carrocontos esfregando o pau na bundaporno gay pai apostou cu para o vizinhovidos. anamara. cupanu. bucetacontos perdi minha virgindade com 25 anosbucetadasaletecontos sentando no colo novelacontos ex com amigosPorno orgias lesbicas incestuosas iniciando as bem novinhas contoscomessei a alizar o pau do marido da minha tia contoolhei aquele pauzao do cara meu marido nao percebeuquero ver no boa f*** de mulheres com shortinho todo enfiado no rabocadastro dormindo e Thiago chupando seu paucontos eróticos minha buceta aregacada entregou que traicontos er deixa que levoconto erotico cornocontos exoticos no.cinemacontos minha filha olhou em dandohomen preto com olhos castanhos peladinhoscontos porno esposas estuprados submissoscasadeconto heteroContos erroticos de prinos e prinas sexoconto teens de pau duro no calcao de futebol para a primaconto tia pelada em casaContos e fotos de gozadas nas calcinhas