Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA ESPOSA TEVE QUE DAR PARA O PORTEIRO

Click to this video!

Somos um casal muito bonito e saudável, ambos com 35 anos, corpo bem definido e bonito.rnEla (chamarei de Ana), 1,70, morena, pernas grossas, cinturinha fina e bunda redondinha, peitões siliconados, cabelos pretos compridos, além de muito bonita. Acho que ja dá apra imaginar o quanto ela é gostosa.rnEu (usarei Beto), tenho 1,78m, moreno, corpo bem definido, pernas grossas e musculosas (faço maratona). Também sou bonito, o tipo de homem que costuma ser admirado pelas mulheres na rua. rnrnNuma sexta-feira, depois de uma semana cansativa e de muito calor no RJ, marquei com minha esposa de sairmos para beber um pouco e descontrair. Nada de jantar, apenas bebericar em algum barzinho mesmo, de short ou bermuda.rnComo malhamos sempre a noite, ja saímos de casa, quase 19 da noite. Ficamos num barzinho por perto de casa, eu fui de short, camiseta e chinel, e ela, de sainha jeans, bem curtinha, blusa baby look e tamanco alto, pois assim suas pernas ficam ainda mais bonitas.rnBebemos, conversamos e rimos bastante, como sempre fazemos pois temos um bom astral. Ja quase 1 da manhã, ja estavamos rindo a toa com as caipirinhas que bebemos, e nosso assunto era sá sobre sexo, visto que ambos estavam com tesão. Avisei que iria pedir a saideira e a conta para irmos para casa para podermos fuder. Ela me olhou com sua cara de sacana, levantou, me deu um beijo e falou no meu ouvido que queria mesmo chegar logo em casa pois estava doida para fuder, e foi ao banheiro.rnQuando ela voltou ja havia chegado a caipirinha e eu estava pagando a conta, com o garçom a nossa mesa.rnEla, olhou para o garçom, pediu licença e me entregou sua calcinha vermelha, dizendo que estava morrendo de calor por isso teve que tirar a calcinha. Tudo bem que a calcinha dela é minúscula, mas não teve como o garçom não ver e ouvir, pois ela fez questão de falar alto. Como não fico para trás, perguntei logo porque ela não havia tirado então o sutien, e ela disse que ficou com medo de ficar transparente. Perguntei ao garçom se havia algum problema, e ele sem entender nada e com os olhos pulando da cara, falou que por ele não havia problema algum. nisso Ana voltou ao banheiro e voltou com o sutien na mão, me entregando. É claro que o garçom não havia saído da nossa mesa, esperando por ela. Ela, ainda de pé me perguntou se estava transparente a sua blusa. Eu falei que ja havia bebido muito e nõa estava enxergando muito bem. Perguntei ao garçom o que ele achava e o mesmo disse que com todo o respeito, ela estava linda.rnAna, sacana que sá ela, segurou os peitos com as duas mãos como se tivesse colocando-os no lugar e agradeceu.rnEla sentou, acabamos de beber a caipirinha e levantamos para ir embora. O garçom ainda veio tentar nos convencer a ficar mais pois eramos muito bem aceitos na casa. Rimos, agradecemos, eu apertei sua mão agradecendo e Ana por sua vez, fez questão de dar dois beijinhos no rosto dele, claro que roncado os peitos dela no dele e fomos embora.rnDemos muitas gargalhadas até em casa com a aflição do garçom e como o mesmo deveria estar desesperado. Na garagem ja começamos a nos agarrar e meti logo a mão na boceta dela e como imaginei estava ensopada de tesão. No hall, esperando o elevador, nos beijavamos e as mãos não paravam. Quando o elevador chegou, Ana ja entrou de saia levantada e coloquei ela apoiada no elevador e fui chupando a boceta dela té nosso andar.rnEntramos em casa ja sem roupa e logo que fecho a pota o porteiro interfona dizendo que as cameras haviam registrado o que fizemos na garagem e no elevador, e pediu desculpas mas não teria como deixar de registrar no caderno do condomínio, senão iria prejudica-lo. Fiquei sem saber o que falar, apenas pedi a ele para dar um pulo no meu apartamento na hora do revezamento dele, e ele disse que subiria em 19 minutos.rnFiquei pensando no que isso poderia repercutir no condomínio inteiro e falei com Ana. Ela falou para eu não me preocupar que dariam um jeito quando ele subisse. Dito isso, a campainha toca e o Carlos (porteiro) chega.rnMando ele entrar e fecho a porta e pergunto a ele se nao teriamos como fazer alguma coisa para isso não chegar ao síndico e ele me explicou que iria acabar prejudicando a ele. Ana, chega entra na conversa e pergunta o que apareceu na camera. Carlos disse que Ana estava sem roupa e que eu estava fazendo sexo oral nela. Ana perguntou se chegou a dar para ele ver quantas tatuagens ela tinha. Carlos disse que não, então Ana tirou a saia e falou para ele. rnOlha aqui, tenho esta aqui em cima da bunda, esta no umbigo e estas flor bem aqui na virilha. Qual você gosta mais?rnCarlos sem saber o que fazer, disse que eram todas lindas, nisso Ana se aproxima de Carlos, e fala:rné melhor vc olhar de perto apra ver qual fica melhor. Nisso ela pega a mão dele e vai puxando ele até o sofá, ela senta no sofá de pernas abertas e puxa Carlos para cima dela mandando ele começar a analise pela flor da virilha.rnCarlos sem jeito olha para mim, e eu para deixar ele a vontade, digo que a da virilha é a mais gostosa, pois é uma flor com cheiro de boceta, e completei:rnCheira sá apra ver se não estou falando a verdade.rnCarlos entendeu e começou a passar a mão na boceta de Ana que ficou rebolando e gemendo. Daí ele começou a chupar sua boceta. rnPronto, agora estava dada a largada. Carlos chupava a boceta da Ana com uma vontade que parecia que ia arrancar ela do corpo dela. Ana gemia pra caralho e dizia: nossa, que chupada gostosa.rnEu que estava com o pau duro, tirei minha roupa e levei meu pau até a boca da Ana, que chupava como uma louca de tanto tesão que ela estava. Nõa demorou e ela tirou meu pau da boca e deu um berro, anunciando o gozo. Ela apertou o minha pica que ficou até doendo. Quando aprou de gozar, ela mandou eu tirar o pau de perto dela que ela queria era uma pica diferente, nisso agarrou o Carlos e foi tirando a calça dele e quando colocou o pau dele para fora ela arregalou os olhos e falou:rnnossa, ganhei na Megasena. Olha amor, o tamanho dessa piroca, e apontou a mesma para mim. Dei uma curvada apra ver e realmente era uma piroca e tanto, no tamanho e grossura. Fiquei até intimidado e falei: É.... se deu bem hoje heim.rnNisso Ana ja estava com a pica pede na boca e chupava hora com carinho e outra como força. Estava muito tarada...rnEla chupou por um tempo e parou falando:rnEsta gostoso demais chupar esta pica mas eu quero ela e arregaçando a minha boceta.rnFicou de 4 e pediu... vem Carlos, mete aqui, vem.rnCarlos olhou para mim, e eu falei:rnSá começa devagar para ela acostumar, mas sei que ela vai pedir para você socar essa piroca toda dentro dela mesmo. entao mete bronca.rnCarlos apontou a piroca na boceta da Ana, e sá colocou a cabeça devagar. Assim que a cabeça entrou o Carlos deu uma socada sá da piroca na boceta da Ana, enterrando até o talo nela. Ana deu berro e pulos para frente, mas Carlos segurou ela pelas ancas e não deixou ela sair. Ele segurou ela firme e ela se contorcia tentando tirar, e Carlos segurando ela firme disse:rnNão adianta se debater. Você não queria, agora aguenta ela que ja entrou todinha. Relaxa porra.rnAchei abusado da parte dele mas ao mesmo tempo sei que ele estava certo e não falei nada.rnAna me olhou e falei. rnEle esta certo. agora aguenta. Foi vc quem começou com isso.rnEla ficou um pouco parada e Carlos ainda segurando ela firme, até que depois de quase 1 minuto parados, ela virou a carinha pra trás e falou olhando para o Carlos.rnAgora vai... começa a socar essa piroca na minha boceta seu puto. Me rasga com essa piroca que ja to toda arrebentada mesmo...rnCarlos começou um vai e vem socando a piroca toda na boceta da Ana, que gemia e falava tudo quanto era de palavrão. Não demorou muito e os 3 gozaram. Ana gozou aos berros, logo depois Carlos tirou a piroca da boceta dela e derramou suaa porra abundante em cima da bunda dela e eu vendo aquela piroca enorme gozando em cima da bunda da minha mulher, não aguentei e gozei na boca da ana, que se esparramos no sofa, dizendo que iria ficar parada para se recompor.rnCarlos colocou sua roupa e se despediu. Fui leva-lo até a porta e perguntei o que daria para fazer e o puto em disse para eu nõa em preocupar pois não tem gravação, apenas as cameras para o porteiro ver o que esta acontecendo.Sá que registra as coisas são os olhos de quem esta vendo o monitor. rnDei uma risada, e falei a ele que estava de parabéns pela estratégia e pela piroca e perguntei se havia algum problema se Ana quisesse mais algum dia, depois que ela se recomposse, pois imagino que iria dicar assada por alguns dias.rnEle falou que uma mulher como a Dona Ana, não tem como se negar um favor desse. Ainda mais com um amrido gente boa como eu.rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eroticos fui corno na festapesquisar saístes da putaria lésbicas como fazer sexo com uma menina virgem e quebrar seu cabassoBucetaamostra no onibus contos eroticoscache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html imagens da tia perucas com a calcinha enfiada na bucetaquentes carentes cariocasquentes carentes cariocasconto o Pastor me comeucontos eroticos sou casada ,eu sobrinho pedrinho parte 4maisexo peituda senta e goza na boca do macho contos eróticosminha amiga pervertidaCadê acabou comendo cunhado cadê aquela vezfui comer a novimha e fui comidoconto de cabeleiro comendo o cu do novinho sem penadei para um negão desconhecidomulher de saia curta das pernas groça pornovideos porno mulher da a buceta com as pernas bem abertas io macho ainda chupa seus peitoesMeu primo volume grosso enorme novinho contoduas irmas com peitinhos crescendo e o irmao chupandocontoslésbicas chupando bucetada novinha gostosa cheia de tesãoContos eróticos Bebêcontos eroticos de mulheres que fuderao com negrosMas que dor horrível conto pornocontos masturbconvencir minha mulher zoofiliaConto eritico cunhada safada peituda veiameu amigo cumeu minha mae e minha irma.historias eroticasminha ex namorada tonta dando pra outro contosconto erotico fraldario do mercadoMinha noiva exibida e gostosa na academia - Contos Eróticosconto erotico loura com 3 africanosconto erotico mulher fodendo com varios vizinhoscontos comi o cu da mamãeminha mae é a mulher do meus amigos contosContos eróticos de lésbicas gemeas sarrando a bundaWww.contos.eroticos.mulher.casada.traindo.homem.caralhudo.egrossocoitado do meu cu contoscomeu cu da coroade 30anosscontos eroticos dormindoHomem mais velho iniciando duas meninas novinhas as chupar pica contos eroticosContos eroticos o bucetao cabeludo da minha tia velhaminha cunhadinha virgemContos gays amante do tio velho desde de pequeno adoro vpu casar com eleContos eroticos fui comido na locadora d videos pela travesti pauzudacontos eroticos sou casada ,eu sobrinho pedrinho parte 4contos eroticos anal paraensequero cadastra meu email no canto erotico de casais com mais de quarenta anosMULHER COMENDO O HOMEN COM MAO TODAomcontos minha filha e puta desde pequenadando padrasto contos eróticoscontos picantes se masturbando com pepinofui fudida ainda de calcinha"cabelo na perereca"So uso fio dental enfiado no cu.conto erotico femininocontos eroticos tava todos na praia eu vim buscar minha sogra que tava trabalharelatos verídicos de aventuras eróticas com mendigoconto porn insetuosoconto gay dei dinheirotraiminha namorada com o pau na cara contos relatos estorias eriticoscontos de fudendo coroas dos seio bicudo de maismeu sobrinho menor conto eróticoconto de não aguentei a pica grande de meu avôContos de incesto de meninas de 14 aninhos em Belém do Parácontontos eroticos fui levar meu amigo bebado en casa tracei a mulher escandaloza deleeu estava louco pra chupar atravestidou para o meu irmao contoscontos eclxado a tia de sainhacontos eroticos com homem contratado para engravidarsai do nordeste e virei puta pra dar o troco no meu maridoxxx cuada dando pro cuado e abunda bem molecasadas safadas me deu a calcinha usadas contos eroticoshistorias de sexo eu e minha madrasta bia de rabofoda gostoza mulher caszada tro cano omaridovideo de subrinho a proveitando a brincadeira para encochar a tiacontos eroticos esposas adora pau grande e muita porra levei ela pra dar pum cavaloconto erotico virei menina por ter cabelo compridoContos dois na minha mulhercontos eroticos de casal sendo forcado mulher virar puta e homem viado em festas sadomazoquismo