Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FERIAS EM PORTO SEGURO

Click to this video!

rnEssa é minha primeira participação, por aqui, por isso gostaria que vocês comentassem bastaste meu conto, para que eu possa me excitar e assim continuar a relatar mais histárias maravilhosas.rnTudo aconteceu nas férias desse ano, em Porto Seguro na Bahia, eu e minha namorada fomos passar as férias por lá, minha namorada têm 19 aninhos, é uma morena clara, de peitos pequenos e coxas grossas, uma gracinha de menina, eu já tenho 31 anos, porém estou em plena forma física.rnNo primeiro dia que chegamos já fomos para a praia, e chegou para sentar ao nosso lado, um belo e jovem casal de namorados, a menina uma gracinha de 19 anos, bunda pequenina, peitinho pontudos e pequenos, cintura fininha, com pircing no umbigo e uma tatuagem de borboleta no ombro esquerdo, uma morena clara, queimadinha de sol, cabelos pretos e lisos, parecendo de índia e com um biquíni bem curto, com a parte de trás enfiada na bundinha, o rapaz também com 19 anos, moreno claro e corpo atlético.rnLogo a gente, começou a fazer amizade e eu já olhei aquela delicinha sentada na cadeira ao lado, vendo seu namorado passar protetor solar nas suas costas, pernas e bundinha, imediatamente minha namorada ficou de biquíni, para tomar sol, comecei disfarçadamente apreciar aquele tesão de menina, sentada ao nosso lado, e vi que quando minha namorada ficou de biquíni o rapaz deu uma olhada de cima em baixo nela, porém quando ele viu que eu percebi, imediatamente disfarçou.rnPassando alguns minutos, minha namorada começou a conversar com a menina, e já ficaram rapidamente amigas, inclusive pegando emprestado seu protetor solar, conversa vai, conversa vêm, pedimos uma cerveja e fiz também amizades com o rapaz, e ele me contou que era nativo da região, e que os dois namoravam a pouco tempo, e que gostavam de ir a praia para passear.rnEm um determinado momento, a namorada do rapaz, deitou de bruços para tomar sol, e vi uma bela cena, uma bundinha pequena, morena, e com fio dental, entrando em seu cuzinho, dava para ver perfeitamente, que sua bucetinha era pequena, pois se via uma rachinha pequena no seu biquíni.rnNo final da tarde o casal, nos convidou para sair a noite, para conhecer a cidade, aceitamos imediatamente e marcamos o horário, fomos em um barzinho aonde tomamos algumas cervejas e depois nos convidaram para que fossemos na casa dele, uma pequena casa, que ficava a beira da praia, chegando lá, ele me disse que morava sozinho, e que a namorada dele dormia lá de vez em quando, entramos e começamos a conversar, a namorada dele estava de short de lycra preto, e mini blusa, com a barriguinha queimadinha de sol e pircing no umbigo e eu estava sá olhando aquela bela bucetinha, que estava marcada sobre o short, pois parecia que estava sem calcinha, pois em certos momentos dava para ver a rachinha, bem pequena. Minha namorada estava de mini saia, e quando eu fui pegar uma cerveja na geladeira, vi o rapaz apreciando a bela bunda de minha namorada, e vi que ele toda hora puxada papo com ela também.rnCerta hora da noite, resolvemos tomar um banho de mar, a namorada do rapaz colocou um biquíni minúsculo, branco, e minha namorada pegou o short da menina emprestado, nos dois estávamos de cueca, pois estávamos sem caução de banho.rnQuando voltamos do banho de mar, já de madrugada, entramos na casa dele, e sentados na sala, á namorada do rapaz de biquíni, minha namorada de short, e eu e o rapaz de cueca, pois havíamos entrado no mar, começamos a beber vinho, depois de uma hora, vimos que o casal começou a se beijar, e que o pau do cara subiu, pois ele estava de cueca, vi que minha mulher olhou fixamente para aquele pau dentro da cueca, e vi também que a menina estava bastante excitada, pois ela de biquíni, e o cara de cueca se beijando, não era para menos, excita mesmo, eu e minha namorada ficamos vendo aquela cena gostosa, peguei a minha gata e beijei ela de língua, também na frente do casal, e começou a rolar um clima gostoso, e excitante, dois casais no mesmo ambiente, com roupas de banho, se pegando bem gostoso, meu pau subiu na hora, e minha namorada percebeu.rnNesse momento o rapaz perguntou se a gente gostava de ver filmes pornográficos, e dissemos que gostávamos, ele imediatamente ligou e começou a rolar um filme aonde tinha dois casais transando, começamos a rir daquela cena, pois víamos que também éramos dois casais, sozinhos em uma casa de madeira simples, porém muito aconchegante, escutando o barulho do mar e já imaginamos o que poderia rolar naquele momento.rnO filme estava rolando e o casal se pegando na nossa frente, o cara começou a chupar o peito da namorada, por cima do biquíni, e de repente passou a boca por dentro, e colocou um peitinho todo dentro de sua boca e desabotoou o biquíni por trás, eu comecei a ver aqueles peitos pequenos, bem pontudos, morenos claros, que parecia uma maça, que cabia exatamente dentro da boca do namorado dela, eu imediatamente ataquei o peito da minha namorada, e comecei também a mamar, naquela cena vi que a menina tinha abaixado e colocado o pau do cara todo na sua boquinha e ele havia tirando a cueca, ela começou a mamar até embaixo, de uma forma lenta e deliciosa, naquele momento não aguentei mais e tirei o meu cacete pra fora, e minha namorada caiu de boca no mastro, enquanto minha namorada me mamava eu assistia a menina mamar o cara de uma forma lenta e deliciosa, segurando o pau do cara pela base, e colocando todo ele na sua boca, com muita delicadeza e prazer nos movimentos, percebi que a ninfeta era louca por um pau, e que sabia mamar com sabedoria de uma mulher madura, que sabe proporcionar prazer ao seu amante.rnQuando eu olhei para o casal, a menina tirou o pau do cara da sua boca e veio em nossa direção, e começou a tirar o short da minha namorada, abaixando lentamente o short dela, e começou a chupar a sua buceta, de uma forma deliciosa, ela chupava com toda a sua língua para fora parecendo que estava limpando a buceta dela, com movimento de baixa para cima, sugando todo o molhado de sua buceta para a sua boca, sentindo de verdade o gosto do néctar da minha namorada.rnEu e o cara ficamos vendo aquela cena de cinema, minha mulher, com a bucetinha depilada no zero, sem nenhum fio de cabelo, encostada e pelada no sofá e a menina com a cabeça entre as pernas dela, em seguida começou a chupar enfiando sua língua na gruta dela, eu e o cara ficamos olhando com os paus latejando, quase explodindo de tanto tesão, essa cena ficou uns 19 minutos, depois a menina parou e deitou, puxando a cabeça da minha namorada, para junto de sua buceta, eu que nunca na vida tive a oportunidade de ver minha namorada com outra mulher, me deu arrepios, me deu uma sensação deliciosa, vendo ela chupar a buceta da ninfeta, porém para minha surpresa, a minha namorada começou a chupar a buceta de uma forma violenta e rápida, como se aquilo fosse a ultima coisa e a mais gostosa do mundo, pois vi que aquilo lhe dava um prazer fora do comum, a ninfeta gemia e se retorcia, e quando minha namorada chupava ela, ela lentamente passava a mãos nos cabelos de minha namorada, como forma de carinho e agradecimento pelo prazer proporcionado, seus gemidos eram finos e baixos, e seus olhos estavam fechados, como se a menina estivesse fora de sí.rnDe repente o namorado da menina, entrou no meio das duas e tirou a namorada dele de cena, e começou a chupar a buceta da minha namorada, imediatamente quase gozei, vendo minha namorada, sendo chupada por outro cara, eu caí imediatamente de boca na buceta da namorada do cara, aí essa parte, preciso contar com mais detalhes e precisão.rnA buceta da menina era pequenininha, lisinha, sem nenhum fio, buraco muito pequeno, e um cheiro maravilhoso, cheiro leve e ao mesmo tempo forte, quando eu vi eu estava com toda a minha língua socada no buraquinho dela, fudendo ela com a língua, a buceta era apertada apertava minha língua lá dentro, e quando eu vi eu estava chupando também seu cuzinho, um buraquinho apertado e moreninho, e ela começava a rebolar na minha cara, enquanto eu estava chupando aquela gruta deliciosa e muito molhada, comecei a dar pequenas mordidinhas na sua bundinha e ela dava suspiros de prazer e de tesão.rnDerrepente eu escutei gemidos, e olhei para o lado e o cara estava fudendo a buceta da minha namorada bem devagar, e vi que ela estava se deliciando, pois o pau do cara era grande e grosso, no mesmo momento comecei a fuder a namorada do cara, quase morri de prazer quando pus o pau, pois ela era apertada demais, e comecei a meter bem fundo. Vi que o cara fudia sem camisinha e que a menina estava empurrando meu pau também sem camisinha, perguntei se ela tomava anticoncepcional e disse que sim, e que sá fodiam os dois, não pensei duas vezes, meti ao natural, sem camisinha, aí senti uma buceta quente, úmida e muito apertada, acho que até a pouco tempo a deliciosa ainda era virgem, comecei a meter devagar e o cara também fudendo a minha ninfeta, o cara pediu para as duas se beijarem e enquanto fudiamos as duas se beijavam, era uma cena linda e a mesmo tempo pecadora.rnGozamos rápido, dentro das bucetinhas e quando gozamos as meninas saíram e iniciaram uma chupada gulosa, a namorada do cara me chupou e minha namorada, chupou o pau do cara, engolindo porra e tudo, os pau já subiram de novo de imediato, e de repente para a nossa surpresa, a namorada do cara pediu quero dupla penetração.rnO cara disse o que você quer comer amigão, eu escolhi o cuzinho imediatamente, passei cuspe no meu pau e comecei a fuder o cu da ninfeta sem camisinha, um buraco quente, e muito apertado, ela disse vai devagar, pois nunca fiz isso, enquanto isso o cara colocou na buceta dela, e a menina puxou minha namorada, aí ficou uma coisa louca, eu fodendo o cu da ninfeta, o cara na buceta dela, e ela além de dois paus metendo, a safada colocou minha namorada de pé na sua frente e começou a chupar a buceta e o cu dela.rnCombinamos de gozar ao mesmo tempo e assim fizemos, eu no cu e ele na buceta, explodindo a menina de tanta porra, ela gritou de uma forma, deliciosa, e se levantou com porra escorrendo entre as pernas, ela imediatamente passou as mãos no meio das pernas, e pegou a porra e colocou a porra que saiu dela no meu pau, e caiu de boca em um banho de porra, melando a cara toda, minha namorada ficou de boca aberta, com aquela ninfeta e seu grau de safadeza e prazer com sexo.rnO cara sem pedir começou a beijar minha gata e o pau subiu de novo, passou cuspe e sem perguntar nada, enfio no cu de minha namorada, pondo ela de quatro, começou a bombar no cu dela, e de repente para a minha, surpresa, enquanto o cara metia, a sua namorada, enfiou o rosto por baixo da buceta da minha namorada e começou a passar a língua no clitáris dela imaginem a cena que eu ví, um cara fodendo o cú de minha namorada, e a namorada dele ao mesmo tempo estimulando o clitáris dela, meu pau subiu de uma forma violenta, babando de tanto prazer e tesão, até que o cara gozou no cu de minha namorada, e eu vendo tudo, sentado ao lado, me masturbando e me deliciando em ver aquele trio, ter prazer sem pudores e sem limites, o cara tirou o pau do cu dela, já pegou meu rosto e enfiou seu pau na minha boca, eu sem saber e assustado, comecei a chupar aquele pau, e a minha gata veio também e dividia o pau do cara comigo, ele em 19 minutos gozou de novo em nossa boca, a essa altura do campeonato não tinha nem mais porra, era sá uma leve água, pois já havíamos gozado muitas vezes.rnrnParamos o fomos tomar um banho de mar, de uma forma livre e natural, nossos árgãos genitais já latejavam e estavam esfolados de tanto meter e chupar, pois tinha sido uma noite extrema de sexo e o dia tinha amanhecido.rnFomos dormir os quatro na mesma cama, todos nus, e abraçados, como quatro amantes.rnLá pelas 14:00 horas, acordamos e fomos nos despedir, porém a ninfeta disse, sem antes eu tomar leite, vocês não vão embora, a safada, fechou a janela da sala, tirou meu short e o short do namorado, e começou a mamar dois paus, colocou dois paus na boca ao mesmo tempo, a essa altura, minha namorada estava louca e tirou seu short e escorou no sofá, e começou a enfiar dedos na sua buceta, se masturbando e vendo a cena, a minha namorada, tirava o dedo da buceta dela, enfiava na boca da menina também, para ela sentir gosto de dois paus e buceta ao mesmo tempo, gozamos na boca dela, e ela engoliu, a porra de nás dois tudinho, secando até a última gota, deixando os paus totalmente limpos, sá com sua poderosa língua, e em seguida com a boca lambuzada de sêmen, beijou lentamente e bem gostoso a boca de seu namorado, de minha namorada e por último a minha, e assim nos despedimos e voltamos para nosso hotel, depois disso nunca mais víamos o casal, porém o que restou foi uma linda lembrança de uma noite que não volta mais.rnComo foi meu primeiro conto, quero que comentem muito, de forma erática, pois irá ascender dentro de mim um tesão delicioso em compartilhar mais histárias voltadas ao prazer humano, que é o sexo sem puderes e limites.rnrnDeixem skype, para trocarmos ideias...rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


porno gay peguei meu amigo batento punheta e me juntei a elecomi minha mae no caminhão do meu pai contos incestosvídeo pornô a mãe dela tava de biquini o genro só dava a sogracontos de sexo com viuvaconti erotico continuacao i primo de jorgesai com um casal contoschupei o grelo da minha amante contos eroticoscontos eroticoscomi minha irma drogadacontos minha mãe me seduziu usando mini saiacontos minha esposa eu e mais 2 travestiscontos eroticos de negros em hospitaisconto erotico professorasono no cu das duas safadasTodos Os Inquilinos transando com essas pessoas que têm mais bunda homem pelado transando bem gostoso do mundo transando com a filhaContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorcontos ex com amigoscontos eroticos traindovai dar rolê tudo gordona aí tudo mulher gorda só de biquíni bem gordona da bundona bem gorda da bundonagostei quando minha mulher contou que deu a buctinha para pedreiro roludocontos eróticos de bebados e drogados gaysmeu amigo pediu pra eu comer sua namoradaContos eroticos gay iniciado pela maeContos de loiras com negrosconto erotico meu genro comeu meu rabo na marraminha cunhada quis que eu a visse nuaesposa chupeteira contoscontos de hilhas putinhas pro paicontos eróticos de sarados dotados jovens dominaçãoContos erótico de Muller casadaporno encejo com sogro e sogra pra serularconto cinema porno casalAcordei com o pau dentro da minha bucetaconto com cunhada chantagistacontos eroticocos de gay casados com mulher fulera Menina da pracinha, contoConto erotico peguei.minha filha novinha arombei elacasada lesbica com sobrinha contoPegando a prima logo cedo contocontos eróticos / desde menininhoenrabado no campingcacetudo me enrabou contoscontos gay sentando no colo e gosouconto erotico gay no nordesteFui confessar e comi a madre contoscontos eroticos tia no casamentocontos eroticos de urologista e pacienteconto erotico da cunhada pegando no paucontos lesbico meus pais viajaramcontoseroticos irmoes e irmã no assaltocontos vizinha loira meninaminha xereca consando na rua contos eroticoscontos eroticos com escravas sendo humilhadacontos de velhas dos seios bicudoconto mulher casada rabuda dei pedreirocontos chupando rola em terreno baldiocontos acordei louca para fuder com meu irmaoContos erotico uma cadela para toda matilhaerotico minha filha bota a mãocontos eroticos menino inocente é enganadomassagem no jogador conto bissexuaishistorias eróticas com coroa de 80 anosjapa enfia o dedo no seu cu virgemconto erotico barbudo fudendo bucetacontos eroticos teens puteiroconto ela apostou o cuzinho e perdeucontos eróticos me fode caralho vaicontos eroticos em familiacontos eróticos troca de casalDei meu cu pro meu tio pra ele se alegrarsonhar q mulher está bulinando outra nulhersou casada meu visinho novinho contosLekinho cú apertadinho contos gaysEstouraram meu cuzinho na viagem contoscontos eróticos me obedece putinhacontos porno eu e minha mulher curradoscontos minha primeira vez a trescontos homem maduro come cuzinho do japaconto de estupro de colegiaiscontos gay na marrameu primo e minha amiga contos eróticoscontos erotico com mim colega sem calcinhacontos vizinha loira meninaou porn contos mãe traindo com um negrocontos eroticos separou pra levar picaSexoincestocontoscontos nao tinha camisinhaxvidio real meu primo mamado peito bicudo da minha mae negracontos Surpreso em ver tia sem calcinhaesposa trai o esposo com mulato de 1:90