Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU, LOIRA GOSTASA NA AFRICA (1)

rnMi chamo Hanna e sou da Finlandia. Sou alta 179 com e peso 174 kg, sou muito loira, olhos azuis, um par de seios medio grande e lindos, uma bunda redondinha e arribitada. ADORO um caralho duro e guento tudinho. Gosto de homens que comandam e nao pedem para me comer. Eles deve me violentar como eles quizerem. Adoro ser puta gratis! Moro no Brasil già tem 3 anos e tenho 27 anos, mas todo mundo acha que tenho 20.rnQuando eu tinha 19 anos o meu presente de aniversàrio foi uma viajem para a Africa. Fui para o Congo com uma amiga da Alemanha. Ela è completamente o contrario de mim. Eu super puta e ela toda envergonhada. Ela queria ir para a Africa para ajudar as pessoas e eu para ajudar "os homens".rnChegando là jà no aeroporto eu comecei a olhar aqueles cara negros super gostosos e tenho certeza que eles notaram que eu estava toda ecitada. consegui pegar 6 numeros de telefones. Ela nen viu!rnChegamos no hotel e eu estava louca para abrir minhas pernas para o primeiro macho negro que chegasse. Ela foi dormir. DORMIR!!! Imagine. E eu fui para a piscina com uma tanguinha que nao cobria nem o clitoris. Percebi que os caras que trabalhavam là começaram a falar de mim e eu bem puta passava creme no meu corpo. Ai eu mi virei e escolhi o negao mais alto e musculoso e pedi para ele me ajudar a passar creme na minhas costas. Todos os amigos dele deram risada e ele veio um pouco envergonhado. Quando ele passou a mao nas minha costas eu senti os calos da mao dele e fiquei com um tesao tao grande que quasi gozavo. Vi tambem que o pau dele ficou duro e parecia que era muito grande. Tomei um pouco de sol e depois pedi para um outro passar creme outra cez em mim. Fiz isso com todos eles. Era 4 caras. Quando eu me deitava, eu abri as pernas patra ele verem o que seria deles mais tarde. de noite a minha amiga queria ir para a discoteca do hotel onde sã tinha estrangeiro. Eu nao fui para o Congo para dar a buceta para europeu. Eu preferi ficar no meu quarto esperando os meus arrombadores que pontualmente chegaram. Era o negao alto e musculoso. Eu abri a porta para ele e ele me pediu se eu queria algo. Eu disse que estava com as costas doendo pois as malas eram pesadas e depi a ele para me fazer uma massagem. Me deitei na cama e ele começou, mas depoi de 2 minutos eu jà estava com um super caralho na minha boca, ou melhor, sã entrava a cabeãA do caralho. eu segurava ele com duas maos, a cabeça era dentro da boca e ainda tinha caralho para ser segurado. Depois ele me jogou na cama (adora hommen macho mesmo) abriu minha pernas e foi enfiando aquele caralho preto na minha bucetinha rosinha e loira. Porra! Eu pensei que ia explodir de tanta carne dentro da minha buceta. Senti ela abrir para deixar entrar aquile troco de ebano atè o final. Achei que nao ia aguentar, mas puta è puta mesmo. Quando ele colocou tudinho eu quasi me senti paralizada. Ai ele começou a fuder. Porra eu sentia aquile ibrido de elefante con gorila que comia a minha bucata, apertava meus peitos, me beijava, chupava meu seios e apertava minha bunda. Ele comia como um animal. Paremia um cavalo enfurecido e eu uma egua no cio. Pensei que a cama ia quebrar. Ele me virou, me colocou de 4 na cama e enfio una minha bucetinha por detraz. Entrou todo. Dei um gritnho que era uma mistira de dor e gozo. Ele continuou a me fuder e me puxar pelos cabelos, ele me mordia e eu mi sentia completamente possuida pelo animal. Depois ele me virou uma outa vez colocou as minhas costa na cama, as minhas pernas emcima dos ombros dele e mandou a porra dentro. Ele estava louco, mas eu tambem estava. Atè quando eu dei um gemido forte porque estava gozando e ele tambem emcheu a minha bucata de porra africana. Eu gozeri como numca tinha gozado. Gozei tanto che a minha bucetinha doia, as minha pernas tremiam, eu nao tinha força nem para falar. Ele tirou o caralho preto e todo molhadinho de porra da minha bucata e colocou na minha boca. Ainda estava duro . Eu apertei a base e saiu mais porra branca daquela tora de pau preto. Linpei ele todinho e depois enti a porra del eque começava a escorrer oela minhas pernas. Ai eu passei a mao, recolhi tudo e bebi a porra toda. Caralho eu jà tinha levado uma pica preta na Finlandia, era grande mas essa era demais. Peguei logo o numero do telefone dele e decidi que ele seri um doi meus varios arrombadores oficiais. Depois mandei ele erbora pois euu tinha certeza que os outros iria chegar. Tomei banho e esperei como uma puta educada e altruista! Depois conto as outras, mas digo logo que a minha viagem que deveria ser de 20 dias se tornou de 3 anos. Imagine quantos cacetes eu vi e quantas vezes eu gozei ! [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de coroa com novinhoporno gey contos eroticos menininhos dando no rioconto erotico cagando durante analcomtos.dei. pto pastlor.aleo pau do. Amigo.do meu marido e lindo contosmulhe chupa caserte do jeguecontos eróticos comendo o c****** da freirinha taradamecanico de pau duro conto eroticocontos eroticos eteros na adolecencia virei puta de mes amigoscontos u caras muito bemdotado arobou a buceta da mia mulhe na mia frete contoscontos marido atolou a geba grossa no cu d esposa na pescariaEntro na bucetinha da minha sobrinha pequena todas as noites e encho a bucetinha dela de porraconto erotico esposa come marido com cenouracontos esposa e visinha dando o cu juntas pro cãoboquete no casado contocontos eroticos olhano meu marido jogando trucocontos os sequestradores fizeram comer minha mae para comercontos eroticos minha ex abriu a mentexoxota doce contoscontos.de mulheres.casadas.e fogosacontos eroticos mae desnaturada 2contos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacontos meire me dominacontos de pagando com ocúdepois de dar pro ricardao dei pro meu marido contocontos eróticos solitáriocintos eróticos ! pra todos... meu nome é Carlos. vou contar como foi a minha priimeiracontos eróticos gay irmãos machos se esfregandoDeu o cu sem querer querendo contodos contos eróticos perdi minha mãe primeira gozada na boca contosrecebe conto erotico de casais de mais de quarenta anos por emailcontos gays com mílitarescontos eu durmo de saia sem calcinhacontos eróticos traindo marido na cara dele ele nao viucontos eroticos sogro filho e noracontos eróticos primeira vez travesticontos eroticos menininha incestoa casa dos contos eróticos-prima Thayaneconto erotico. virei mulherzinhha do meu primocontos eróticos demairawww.relato mulher casada deu pra outro macho picudo.com.bmandei a rola na minha enteadinha de seis anoschupei meu filho contos eroticoscomendo a tia de pois de beber um vinhocunhada casada e timida linda contostiabateno puetacontos erotoco sograleke deixado o coroa pegar no pauconti siou chupadir de grekinho safaddover todosos fiumi di muller sendo aregasada por jumentoconto lesb seios conventowww.contos de incesto deixei meu tio chupar minha bucetinhaconto eróticos puta de salinascontos cunhada currada e dandocontos comendo a sograTo virando puta contoseu, meu marido e uma trans linda contoconto erótico comendo amiguinha do meu filhocontos do seu jorge pegando uma casadinhaContos eróticos arregacei o cú da noiadaminha filha camila contos eroticoscontos eróticos eu e minha amiga transamos na baladavirando escrava submissa do traficante contotravesti linda barriga de tanquinho gostosa metendo vídeo liberado metendo gostoso peitudaConto erotico cuidando de minha enteada1conto erotico borracheiro peludo gaycontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaCasa dos contos eroticos gay amarrade e emrabado por quatro amigos taradosSobrinhas do prazer contospeguei minha sogra botei pra chora contoluna.contos.eroticosCabaço novinho gozando dentro da tia escondidocontos