Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MATEI O TESÃO DA COMADRE

Click to Download this video!

sempre tive uma queda por mulheres, entre elas elas duas amigas minhas super safadas desde de nova. rnO conto que vou descrever aqui é verdadeiro!rnrnA minha comadre é uma morena com cabelões, que vive de shortinho mostrando as pernas e a barriga sarada, um espetáculo de mulher!!rnrnEsses dias ela me ligou, perguntou se eu estava fazendo nada e se queria ir pra lá, mais que se fosse levasse umas cervejas, como era de costume agente beber no portão, nem liguei, comprei 5 garrafas de litro e fui chegando lá, ela estava arrumando casa com um vestidinho ernsem calcinha, fez questão que eu visse, fiquei quieta, começamos a beber e as crianças (ela tem 3) no quintal brincando com a mangueira d'agua, começamos a ficar ''alegres'' por causa da bebida e ela toda hora se insinuava pra mim e eu quieta, até a hora que ela pediu pra mim fazer uns aperitivos pra gente, fui até a cozinha cortar a calabresa e imaginando loucuras já. Até que ela veio e começou a falar da linguiça que era grossa e eu rindo, mais ai ela foi e falou ''quer ver uma coisa mais grossa?'' eu fiquei curiosa com o que poderia ser e aceitei ver. veio ela com um consolo de borracha a aparência era de pênis de verdade, eu olhei ''que isso minha amiga? sabe que quando bebo fico mais atiçada'' ela é mesmo lambeando o beiço, aquilo já subiu um tesão louco, ela foi e mandou eu encostar no balcão da cozinha que ela ia me botar em mim, a principio fiquei preocupada por causa das crianças aparecerem, mais logo me rendi ao pedido dela no pé no meu ouvido, encostei no balcão e abri as pernas pra ela, meu short era de tecido mole e a minha calcinha de elástico, ela botou eles pros lado, cuspiu no consolo e penetrou bem devagar na minha xota que a essa altura estava lambuzadíssima... ela olhando nos meus olhos com cara de puta já, eu louca de tesão naquela vagabunda! até que uma das crianças veio chorando, imediatamente ela parou e eu voltei pra pia escorrendo todo aquele mel quentinho pelas pernas, foi ai que ela teve a ideia de mandar a mais velha pra casa da bisavá, colocou o caçula pra dormir e o do meio ficou lá fora. foi aí que começou a putaria gostosaaaa!!! Ela me botou no sofá e começou a me chupar e enfiar o seu consolo em mim eu gemiaaaa loucaaa de tesãããooo, foi quando não aguentei e dei um urro estava gozando no consolo e na boquinha maravilhosa dela, foi uma delicia!! aí eu falei ''minha vez'' botei ela no sofá com a xota bem na pontinha e comecei a passar a linguiça lentamente no grelinho dela que nessa hora estava durinho mostrando que ela estava morta de tesão, foi ai que fui aumentando a intensidade das linguadas naquele grelo, na xota e no cú ela super puta ficou gemendo e puxando meu cabelo, me xingando de piranha, vagabunda... eu escorrendo de tão molhada que estava. rnContinuei alucinada a chupar aquela xota carnuda, coloquei o consolo na xota e fui lentamente dedando o cú dela fazendo a piranha gritar de tesão! Até que ela não aguentou e avisou que ia gozar pra mim colocar devarzinho o consolo, ela foi dando pro pau como se tivesse quicando num pau de verdade e eu chupando aquele grelo dela e ela começou a ficar mole gozando... Eu fiquei louca com aquilo! esperei ela se recuperar, olhei no fundo dos olhos dela ''POSSO CONTINUAR??'' ela lambendo os beiços afirmou com a cabeça, então eu coloquei ela de pé, sá com uma perna no sofá e comecei tudo lentamente... aí veio o filho e paramos, ela colocou ele pra dormir, mais me olhando, ele dormiu ela colocou na cama, quando ela voltou já estava me tocando e chupando aquele consolo sentada no chão, ela veio e jogou a buceta toda enlambuzada na minha cara, fui lambendo e chupando aquele liquido sem deixar nadinha pra traz e ela rebolava na minha cara com aquela xota maravilhosa... foi uma tarde incrível, nunca imaginei fuder aquela xotinha dela daquele jeito! rnrnNa práxima eu conto como foi a segunda vez, sendo que a segunda incluiu um homem!! outra historia maravilhosa!!rnrnespero que tenham gostado e aproveitando pra tocar bastante!!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Foderam gente contos tennscontos eroticos sonho americano 2sadomasoquismo relatos comidavivaContos engoli porra grossa grudentacontos eroticos meu cunhado mim pergo su cumenda amulhe deleconto lesbica professora dominadacontos erotticos irma mais velhacontos eróticos de novinha dando para garanhãoa amiga resolve acordar a amiga com a mão na buceta delaquero assistir pornô negra da bundona na Muralhaque cunhadagordinho nerd gay contosconto erotico pegeui minha esposa me traindocontos eróticos-férias Carolporno doido costureiro medindo os seiosContos eroticos com a mae da namoradacontos eoroticos sobre enfermeiras de montes claros mgmotoboy gay contoContos o moleque comeu o cu virgem da minha mulhercontos er gozando na boquinhapeguei meu pai comendo meu amigo conto eroticocontos eroticos entre camioneiroscontos eróticos arrumando macho para a esposatrepo com a enteada dormindoconto nao guentei a pica de jumento choreicontos eroticos buceta peludaconvidando o amigo hetero para assistir um filme porno e ele me comeu conto gaycolocando a prizilha na bucetavelha cavala virando olhoo lekinho putinha da turma conto eroticofamílias se encontram em praia de nudismo contos eróticoContos menininha pequena deixou homem comer seu cuzinho por docecontos xxx o marido da minha amiga me comeuDesvirginando a sobrinha de 18 anoscontos eroticos minha esposa mi deu de presente a sua sobrinhacontos emquadrinhos comi a minha irma casada esafada. com a sainha curtacontos minha mulher colocou bolinhas no meu cuevy kethyn istinto ativoconto gay na academiaconto erotico crente negra velhacontos eroticos de mae e filho na piscinacontos gay baby doll meninaContos de primas de fio dental e boqueteo computador da minha filha contocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaporno contos eroticos filhinhas enrabadascontos eroticos categoria estrupada por mas de umCunhada safada entra no banheiro ocupado e acaba dando pro conhadoconto cunhada metroConto erotico minha mulher e uma puta rampeiraetero deu o cu so de curiosidade pela primeira vez e chorouminha amiga sapa e eu chupando contomeu padrasto fou no meu quarto vcontosconto transei com meu pai na despedida de solteiraContos, Armaram pra mim pra cumerem a minha mulherContos de comadres lesbicascontos a mulher do meu amigo queria um pau grandecontos eroticos rola grossacontos dentistas safadaPeituda da sala conto erpyicoputa que mora no bairro portãocontos rapaz virou amante da sogra depoís do casamentoConto erotico gay rasgaran meu cucontos eroticos comendo a helena empregadapivetecontosvideornpossContos eroticos sobre irma fazendo faxinahomem conto heterocontos eroticos de vadiaOq deu a chantagem do sindicoConto comseguir comer a patroao que sua esposa achou do menage femininog****** na xoxota da prima beijoscontos com fotos esposas com a buceta cheia de porra de negrosejaculando na cara porno contos er¨®ticosirma vagabunda irmao caralhudo safado cunhado corninho contos eroticos com fotosconto ela apostou o cuzinho e perdeuMulheres da bucetona contando seus contos eroticosassalto virou incesto c. eroticoConto erotico sou madura e lesbica com filhagozanodeto familha ponocontos de casadas o negro desconhecido me arrombouBoqueternocontos eróticos primos amantescontos tiachupa rolacontos erotico com policial estrupador que so quer nifetameu marido me convenceu a ir na praia de nudismo vi tanta pica grande e grossatransando com a interna contos