Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

AMIGA PACATA, DISCRETA E FIEL.NA CAMA COMSEU CHEFE

Click to Download this video!

Como prometi no conto Delícias do Hospital, se conseguisse comer a minha amiga casada com um ciumento, eu contaria aqui! Pois eu consegui!

Trabalho com ela ha 19 anos, nunca houve qualquer tipo de insinuação,seja de minha parte ou dela.

Ela é tida até hoje como uma mulher fiel ao marido, com postura exemplar, tanto profissionalmente(aux. de enfermagem) como pessoalmente. todos gostam e a adimiram.

Tudo começou quando liguei para sua casa e para meu azzr quem atendeu fora seu marido. antes de passar o tel para ela, conversou um puco me estudando e em seguida foi para a extensao escutar o nosso papo. Nada do que foi dito fora fora de nosso trabalho, mas o doente achou que era um cádigo e comessou a falar pocas e boas para mim que nada estava entendendo. Fiquei com uma raiva mortal, ela era para mimuma irmã, acima de qualquer cogitação sexual.

trata-se de uma mulher de 40 anos, com aparência de 30, mulata clara, corpinho delineado, apesar de seus 2 filhos.

No dia seguinte, ao encontra-la disse ter ficado surpreso e indignado, pois gostava dela como a uma irmã, ciosa e tal,quando observei seu semblante... estava pálido, sem graça... não entendi nada!

a partir daí, comecei a observa-la. vi que ela sempre que podia pegava na minha mão, acariciava de leve e discretamente minha perna, sorria de tudo o que eu dizia.

e o mais interessante, sabia de todos os meus envolvimentos no hopital, ela é a minha melhor amiga, sabia quem eu queria, quem eu já tinha saído e quem eu jamais comeria, em fim tudo!

com o passar do tempo, comecei a tb me insinuar de leve. Temos dvd no hospital, na sala reservada da enferaria, onde assistimos a filmes apás o almoço. no horário da visita.

comecei a cheirar de lee seu pescoço. ela não reagiu. durante 2 hs peguei em sua mão e perna, de leve, aé que a encarei e peguei em seu cabelo, neste momento ela me disse que não queria me beijar(?) mas eu não tinha dto nada... voltamos a trabalhar e comecei o assédio de formafranca e jogando pesado. agarrava por trás na sala de medicação, tentava roubar um beijo... e na saída ofereci carona. ela aceitou, fomos a praia, perto do hospital e começamos a nos beijar... marcamos o motel para o dia seguinte(ela trabalha em outro, iria dar uma escapada), a reencontrando em um shopping, no estacionamento, a convidei para entrar e segui para o matadouro, quer dizer, para o motel

lá tivemos 5 minutos de timidez e começamos a nos beijar... tirei minhas roupas primeiro, deixei ela ver a minha pica dura, tesa e pedi que ela tirasse a calça, ela n~çao conseguia, aí a ajudei, já metendo a mão na xota por sobre a calcinha. ela soltou um gemido seguido de _caralho!, não acreditava no que estava ouvindo. nunca ouvi um palavrão de sua boca! depois disso, botei a jeba pra fora e pedi que me chupasse! ela inicialmente mamou meus peitos, lambeu meu tárax, mas empunahando seus cabelos eu consuzi sua boca para minha pica! chupou como uma puta! mamando profissionalmente... retirei seu TOP e comecei a sugar aquelas tetas divinas... que mulher gostosa! aomesmo tempo que manipulava seu critoris. ela pediu para eu meter! meti com vontade, sem dá e ela gemendo se parar, dizia que adorava, pedindo mais e mais... eu perguntando_ vc é minha putinha? ela sem graça dizia que não (RS!), eu metendo gostoso e ela pedindo mais,...

gozamos gostoso! apás o descanso, recomeça,os, sendo que ela foi que teve a iniciativa... já blinando no meu pau mole, abocanhou para endurece-lo e fazer com que a comesse de novo! desta vez alternando xota com boca! ora metia na xota, ora enfiava na boca dela. ela alucinada, lambia meu saco, chupava a cabeça e chingava muito!

pedi para meter no seu cuzinho o que ela me negou quase fugido da cama. mas como nom malandro, carioca, comecei a lubrificar meu dedo na sua boca e pediando para ela chupa-lo todo! obediente elafez, e isso, estocando por trás, ela sobre os travesseiros. atochei no seu cú! metendo ao mesmo tempo na xota e dizendo que iriaenrraba-la. co iso ela gozava e gozava e gozava. não aguentando mais pedi para esporrar na sua boca! ela atendeu como uma ordem!

mamou como uma bezera, engoliu tudinho...

disse que na proxima me daria o rabo, mas teria de ser com carinho! (hahaha). eijei muiito na despedida, e o corno em casa diferente dos outros dias, não perguntou de onde ela vinha, nem brigou por causa do horário (pode? era o qe faltava! um chifre bem grande para ela soseguar).Vou come-la de novo em breve! um abraço a todos!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


areganhando o cu e epois a boceta com a mao relaxandochupei os pezinhos da minha namorada contos eroticocontos eroticos meu genro pausudo arregacou minha bucetacontos erotico eu meu marido e velho do fundo de casacontos erotico quando pequena chupei caceteconto erotico professoragotosa pede procara goza dentodelalésbicas ninfetas comendo peitorais de travestisvidro porno primo sente atração pelo outro primo homenscontoerotico sou postituta adoro safadeza na familiadei a buceta pra não me entregarem contos reaisconto erotico minha namorada traindoTia o briga o subino a supa sua bucetaimagens de conto de afilhado macho transando com padrinho machocontos eróticos esfregaçãocontos eroticos minha baba gostosa perdendo minha virgindadeconto erotico marido convida amigo pra casa e nao tira olho das calcinha da esposa do varalcontos porno novinha ingenua achando que ia brincarcontos eroticos a talaricaminha sogra me provoca só de baby dollmarido libera esposa para pagar o aluguel contotravestis novinha fazendo b****** Oi tomando muito agitada na bocaContos erroticos de prinos e prinas sexocomo o magrinho me arrombou a buceta contosSou gay e tranzei com um travest contos eroticocontos gsys meninos de ruacontos erotico frentistaContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de empregadas dormindojoana meu sogro comeu cucontos erotico comeram minha bunda na festaContos porno meu amigo pintudo arrombo minha esposaconto erotico fui pra fazer um teste pra trabalhar e voltei pra casa cm a buceta ardendo de tanto darContei para meu marido que meu patrao fudeu minha bucetaConto amarrada arrancou minha roupa abre mais vadiacontos eroticos bem.pesadoa e com.padrastocontoseroticosdentistacontos eroticos eu e minha filha somos as putas do bairro e meu marido sabeconto hertico meu vizinho me arrombou sem minha prrmissaocontos eroticos esposa e primoConto eu meu marido e nosso melhor amigocontos de cú por medoMinha mulher voltou bebada e sem calcinha em casa contosEu fudi toda a familia do meu amigo fudi a filha dele fudia a esposa dele fudi a cunhada dele contos eroticosfudida pelo irmaocontoeroticofilho dotado fudendi o pai desejosecretos.comcontos de cú de madrinhacontos eróticos tio tarado me botou no coloconto brincando de cachorrinhoContoseroticos estuprando Vitóriacontos eróticos minha sobrinha de babydollconto erotico espiando pelo buraco da fechadurafui trepada pelo jegue di meu sogro. conto eróticoeu entrei no banheiro e não sabia que a minha madrastra estava la e come. a xota deladei contosconto erotico o soldado arrombou minha bucetacontos comi a irma gravida gostosa rabuda peludacontos gays chupei o vira latacurra contocontos eróticos cheirando a bunda de minha sogracontos eróticos cunhadinhas safadas com fotosPornô.de4.na.anacondaComtos casadas fodidas pelo filho e o sobrinhocontos de coroa com novinhoconto erotico viadinho de calcinha dormindo no sitiocontos de coroa com novinhocontos eroticos joão deu a piça gg para eu e mamãe conto erotico menina de shortinho de lycra deixa uma buceta enormeconto skatista me fudeucasa do conto mae rabuda trai o marido com filhovideo de jovens travesti praticando incesto com padrastopau duro na frente da tia contoscontos eróticos-meu pai me fez gozarcontos Eroticos zangadinha safainha conto erotico a gorda pagabdo a apostacontos da molecada comendo as meninascontos dei minha buceta para o novinho pauzudo na pescariacontos e vidios de patroes sendo fodidos por empregadas tranxessualtitio pedia q eu sentasse no seu colo e fazia cariciascontos eroticos seduzi meu cunhado e tomei sua porraConto doente mental gozeihttp://tennis-zelenograd.ru/conto_8496_a-salva-vidas-e-o-garotinho.htmlconvenci minha esposa transa com nosso caocontos eroticospica grossa rasgando bucetaconto erotico viadinho de calcinha no citio