Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FUDENDO AS IRMANZINHAS DA IGREJA

Click to Download this video!

Depois de ler tantos contos deste site, e de reprimir minhas fantasias, resolvi chutar o balde, e me aproveitar das irmanzinhas da igreja, e fuder muito com cada uma delas.

Cansei de ser o advogado bonzinho, e abusar de todas elas.

Tenho 1.80, moreno, cerca de 90kg e minha esposa tem 1.50, 60kg, pretinha. Enquanto isso a gostosa da irmanzinha, a Karen tem 1.70, 70 kg, morena, um tesão, e esposa de um babaca que toma remedio para emagrecer e não fuder.

Resolvi chama-la pra trabalhar comigo no escritorio, pois sou bem sucedido, e ela adorou. Convenci o corno do marido, a deixa-la trabalhar comigo.

Sou malhado, e me visto muito bem, alem de usar perfumes franceses. Logo no primeiro dia, caprichei na stampa, e parti pra cima abraçando ela fortemente. Fizemos rezas juntos, e trabalhamos. Levei ela para almoçar, e tambem para um happi houre, onde expus a importancia dela pro escritorio, e ela corou de vergonha. No outro dia fingi estar triste, e a abracei profundamente, dizendo que minha esposa não satisfazia na intimidade. Ela me relatou que o marido também não, por causa do remédio, e chorou. Abracei-a forte, apertando seu traseiro, e comecei a beija-la até trocarmos um beijo de lingua delicioso. Ela tentou refutar, mas eu a segurei chupando seu pescoço, e mordiscando seus peitos. Ela dizia que não era certo, que era contra a religião. Mas deiteia no sofa, e disse que errado era não fuder uma mulher gostosa daquela, e fui subindo sua saia e vendo sua chana enorme e ja molhada. Baixei sua calcinha, e comecei a chupar freneticamente, e logo ela gemia e me apertava entre as pernas, até que gozou como uma prostituta. Levantei, tirei meu mastro de 19 cm, e me dirigi a sua boca, mas ela disse ser virgem de boca. Disse que era hora de ser mulher completa, peguei sua cabeça e enfiei minha pistola em sua boca. Eu balançava até que ela tomou jeito, e começou a mamar o meu caralho, que logo enchi de porra. Ela pediu pra por camisinha antes de comer sua boceta, para não engravidar. Disse então, que não comeria sua buceta, mas que inauguraria seu cuzinho virgem, pois o otario do marido não a fudia completamente. Levantei o corpo dela e apoei em minha mesa, ficando sua bunda e cuzinho a minha disposição. Calibrei Ky em meu pinto, e no cuzinho dela, o que a fez estremecer. Coloquei a cabecinha, e fui penetrando, enquanto ela chorava e gemia. Quando a pistola entrou totalmente, ela falou que era coisa do demonio, e ai eu intensifiquei a estocada. Ela chorava, e ao mesmo tempo urrava de prazer, chingando todos os nomes, até que eu enchi seu cuzinho de porra. Ela desmontou e eu fui ao banheiro do escritário. Me lavei, e disse que ela, e as demais irmanzinhas da igreja seriam putinhas minhas, a começar pela sogra dela.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos travesti e mulher casada juntas dando o cu pra homem e o cãocontos estupradas por pivetescontos eroticos escravizada e usada por um tarado IVcontos primeiro analmorando primo gay contoscontos de cú de irmà da igrejame exibi puta contos eroticosMesmo contra a vontade da minha familia eu sou mulher do meu primo viuvo conto eroticocontos eróticos meu filho virou trqvestir Contos eroticos casal vendo pintudo urinarver contos eroticos de irma dando pro irmaoleitinho piruzinho bucetinha contocontos de cú de madrinhaconto de meu avô rasgou meu cuconto erotico enteadaconto erótico de incesto de sobrinha e tio casa de contos sem querer me apaixoneiconto erotico pequena de mini saiabucetadasaleteimagens de conto de aluno macho transando com professor de matemática machoPornofamiliacontoshome pega amulher de com o melho amigo transano e fi loucogostosinha ergue a saia e masageia a bucetinha por cima da calcinhaContos eroticos menina forçada contos eroticos meu primos e minhas irmãs Conto erotico netinha pedi pra o avo deita e esquentalo porno estrupo do chefunho cnto eroticsconto erótico meu marido bobãoconto gay sendo estuprado em que a dor é maior que o prazercontos eroticos de faxineiras coroas safadasconto erotico traindo contra a vontade do maridãoum careca inesquecivel contoscunhada casada e timida linda contosminha mulier sentou no pinto grosoconto eroticopes contoerotico.comme fuderam meu cu na ordenha contoscontos gay meu filho gostosocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaContos eróticos "queria experimentar algo novo"conto atochada corno xxxContos eroticos O pai da minha amigaconto encoxada coletivacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaeu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestoContos eroticos A reforma Viciada em sexomamilo gigante vazando contocontos de cú de irmà da igrejacontos eroticos tive que dar pro homem da funerariaConto eroico comendo as primihasrelato do marido cornoviciei na piroca enorme e grossa do meu tio e sou um menino viadinho contosconto erotici curioda de senrtir im vibradorconto herético gay iniciação com meu amigo nerdcontoseroticos homemque gosta de cuspe,sebo de pau e mijovelhotaradocontosContos eroticos cheirando calcinhas de vendedores no banheirocontos eroticos vestido coladocontos de casadas o negro desconhecido me arrombouXvidio carona estrada desertacontos de cú de irmà da igrejacontos eroticos a filhinha da empregadaver filme porno com massagista se a susta com o tamanho da piroca do clientes e pede para tocar uma pueta e pede para ela bater um pueta ele goza na boca de delacontos eroticos dando o cu na praiamae pede pro filho ajudar escolher a lingerie incestoconto gay sendo estuprado em que a dor é maior que o prazercontos eroticos eu tinha 14 aninhosgozei na minha sobrinha conto eroticocontos eroticos dona florinda conto de exibicionismo no barzinhoFamília contos eróticoscontos porno eu e meu amigo fudendo minha maeConto gay dei meu cu primeira vez depois da farraConto erotico tirou o cabaco da casadinhaconto erotico anal deide calcinha na frente do meu pai contosconto de cunhada que viciou emdwr o cum primoporno gay contos ohttp://comto erotico mulher tarada gosta de dar cúcontos eróticos de gay O Coroa me deu a bundinhapego no fraga cherando a calcinha da casada contosminhas amigas de quarto me pegaram na siririca e me comeramCego sexo sabo buceta bomTrempando em cima da lancha com o coroa conto eroticoConto erotico gay homem goza usando.vibradorEnsinei meu subrinho a ser minha mulher contos eroticoscontos eroticos crentesdividindo a cama conto biprofessora furacao fudernoos bêbados mais lindas gostosas de todos os tempos pelados mostrando o pauContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegador