Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

VIZINHA CARENTE

Click to Download this video!

Vizinha carente



Caros leitores, este é o meu primeito conto postado, espero que gostem pois, é um prazer poder compartilhar experiências tão marcantes com vocês. Realmente espero que tenham átimos momentos com esta leitura.

A histária é verídica, entretanto os nomes foram trocados por descrição.

Meu nome é Marcos, e estes acontecimentos ocorreram em 1995. Eu tinha 24 anos nesta época.

Fazia um ano que eu morava naquele condomínio, era cheio de pessoas idosas e crianças. Certo dia a minha vizinha de frente, Dona Marilda abriu a porta para uma loira alta e magra (estilo manequim), aparentemente com uns 30 e poucos anos (34anos como pude descobrir mais tarde), e com um casal de filhos pequenos. Era a filha dela, que estava em processo de separação e acabara de se mudar para a casa da mãe.

Eu estava sentado em minha sala, vendo TV e vi esta cena de chegada, pela minha janela, e pensei, "humm, bah esta loirinha bem que poderia me dar mole...", mas continuei com a minha vida sem mais pensar nisto.

Umas duas semanas depois eu e mais uns amigos estavamos em uma cervejaria da moda quando, lá pelas 3:30AM, quando todos já estavam mais estimulados pelo efeito das cervejas....

Tava rolando um pagodinho, e eu ainda estva sozinho na festa, aí resolvi partir para o ataque. Assim, me virei e fitei uma loira magra e alta, e fui falar com ela.

Chengando com aquele papinho de festa mesmo, ela olhou bem nos meus olhos e falou o meu nome e falou que sabia onde eu morava epeguntou se eu não a conhecia. Minhas pernas tremeram, mas aí ela com muita simpatia falou que se chamava Débora e que era a minha vizinha de frente, e ato continuo, falou:

- Vamos dançar então, garotão?

No que já me enlacei em sua cintura fina e fomos para o meio do salão curtir a dança. No que já senti seu corpo grudado no meu. Nás iamos dançando e ela se esfregando sutilmente em meu corpo, já me oferecendo sua boquinha para ser beijada...

Ficamos na festa até umas 4 e pouco da manhã, quando ela me falou que tinha que voltar para casa, pois ela tinha filhos e poderia ficar "falada" no condomio.

Eu como estava de carona com meus amigos e ela estava de carro, pedi uma carona pra casa, já que moravamos "bem pertinho".

No que ela falou, então vamos de uma vez, senão minha mãe fica preocupada. Pagamos a conta no bar, ela avisou as amigas que estava cansada e estava indo embora.

Ela pegou o carro e lá mesmo no estacionamento começar a nos sarrar.

ela estava com muito tesão, pois se debatia a cada toque nos seus seios e em cada passada de mão em sua xoxotinha ainda que por cima de sua saia... e sá me falava que tinha que ir embora...

Foi aí qeu eu falei,(me fazendo de irritado) então vamos embora !!!

e fomos, sá que no caminho de casa tem um drive-in !!! um pouco antes de chegarmos ali eu comecei a torturá-la, afastei sua calcinha, que já estava ensopada, e fiquei passando o dedo. Quase batemos... Falei, entra no drive-in ali na frente....

Ai nao, nao posso chegar de manhã cedo em casa, ainda mais acompanhada.

- ENTRA AGORA !!!

Ela entrou, e ligou pra mãe dela dizendo que iria largar uma amiga em casa e sá mais tarde iria para casa. Agora sim, o caminho estava limpo para liberarmos nossos instinhos....

Mal ela desligou o telefone, pulo para cima de mim, arrancando minhas calças e abocanhando meu pau que nessa altura estava duríssimo e querendo saltar das minhas calças....

Ela chupou, lambeu, esfregou na cara, estava com uma saudade de vara que sá vendo mesmo. Enfiava até o fundo da garganta e tirava, uma loucura, continuou assim por um tempo e quando falei que iria gozar ela sá fez um sinal de positivo com a cabeça e mandei ver !!!

Enchi sua boca gulosa de porra bem quente, e como gozei, ela enguliu tudinho. Aí a chupei, toda depilada, e a essa altura, toda melecada de gozo, chupei um pouco e ela acabou gozando feito uma louca, quase desmaianod no capô do carro.

Abri sua pernas e mandei tudo, bem no fundo daquela buceta sedenta por sexo, nem 19 estocadas e ela já estava gozando novamente. Incrível !!!

Ela ficou paralisada por alguns instantes e logo apás fomos embora para casa, antes de me largar um rua antes do condominio, ainda tomou mais um pouco de leite, não disperdiçando nenhuma gota.

Depois ela me falou que não transava com um homem já fazia 2 anos.

Era tudo isso que eu precisava, ela estava completamente ao meu dispor, falou também que depois da separação sá vinha mantendo relacionamentos sexuais com uma amiga...

Mas isto é uma outra histária......



Contatos: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos noivas.boqueterasvideos de porno de professoras se chupando lentalmenteminha sogra ensinou a dirigir contos etoticosMinha prima me falou que tem vontade de chupa no meu penisMinha ginecologista me chupou contos eroticoscontos erotico cumendo o cusinho danielagostosa da propaganda da Tininhaconto minha noiva era viciada em dar o cuzinho antes de ficarmos juntoscontos de incesto dez anoscontos eroticos deixando estruparconto erotico gay deixei meu genro com tesao e ele me comeucontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaconto erotico video gameComi no bar contos erotico brasilpadrasto autoritario contos esroticos porno llCasAda pulando cerca contosDona Florinda mostrando a periquita para o professor Girafales ele lamberContos eróticos - estuprei minha cunhadinha pequenaConto surpreendi meu maridocontos eróticos frio chuvaas busetao.mas abertos e mas gostozas do mundo porno ater das eguascontoerotico meu irmao me violentou e estou gravidaconto erotico meus amigos estruparo minha mulherquero assistir anã cimastubando quartocontos eroticos estuprada pelo clientecontos meu vaqueiro me comeu na marracontos eroticoseu gostoo d ver meu marido comendo a empregadaconto erótico eu e meu primo renatocontoseroticos viajando com priminho no acrrosenti que meu marido queria ser corno contocontos eroticos adolecentes brincando de esconder comessaram a dedar meu cu nao demorou e me comeramcontos erotico, quatro travesti me estruparamnão anãozinho chupa meu paucontos Eróticos o macho dominanteo garçon me comeu contocontos eróticos dei ele chupar meu seio no meio da pista de uma boateMeu nome é dado (apelidio),tenho 35 anos e minha esposa mara tem 32 anos.Somos simpaticos ,com caracteristicas bem Brasileira .conto moleke chantageia mulher na casacontos tia gostosa com sobrinho no beijo e amasso no carroContos de esposa estrupada pelo genro e gostandofoto da minha sobrinha pimentinha conto eroticosmeu cachorro gostoso viril zoofilia históriasconro eroticos casei e minha mulher transformou sua esposacontos eroticos seios grandes de leitevideo de homem gosano na boca de outro hom video gay caseirofingindo gay contoscontos mulher coloca silicone no peito e na bunda para ficar gostosaenfiaram uma bucha no cu do estupradorconto eroticos gay. virei mocinha e negaocontos eróticos caminhoneiro seduziuContos sempre fui viadinho dos homens da familiacontos eroticos fudendo minha bisavoeu moro no interior com a minha família depois que a esposa faleceu do meu primo eu me apaixonei pelo meu primo viuvo eu fui morar com ele como sua mulher ele fez três filhos em mim conto eróticoporno contos me vinguei da minha sogra com um cavalocontos policiais fudendo presosfudendo minha aluna contos eróticosconto erotico dei para o ex maridoTennis zelenograd contoEROTICO-minhas ferias lindascontos. eroticos enteado novinho pau de jumento.Contos eroticos policiais estupram novinhaenrabada e estrupada por traficantes na saida da discoteca.contoscom oito anos tio lavou minha xaninhacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casap*** da bunda grande deixando seu c* todo arrombado com peito bem grandecontos eróticos solitárioMinha cunhada bebada querendo da pra mim contocontos eróticos di mulher tou com fome.di picamamae fudeu comigo contocontos de incesto minha filha sendo comidacomtos de sexocontos erot co dando a buceta pro cavalo e p ca grandebobadinho condo o priminho gayenteada nua contoscaminhando e disfarçadamente batendo uma ounhetinha pro namoradofiquei com o marido de minha amiga com aprovação dela contos.eroticosconto erotico gay viado desobediente tem que ser castigadopadrinho cuida muito de mim-pornodoidocontos eroticos negao so comeu o cu da minha mulhercontos eróticos meu padrasto só queria me f****conto erotico familia praia nudismo sobrinha dormindo chãoFotos erótico padratos e entiadaconto erotico comi minha avó de fio dentalfui experimentar e virei puta contos gaycontos sexuais de jessica no carrocontos eroticos silvana no casamentoconto eróticos a cumhada q eu tinha raivapediu pra ver a buçeta da aniginhacache:d8S3mF85a4oJ:tennis-zelenograd.ru/conto-categoria_4_11_incesto.html mulher louca de tesão gozando no peito na boca o dedo na bocamagrelas grelludas liga das novinhas