Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ESCOLHI PRA DAR MEU CU

Click to this video!



Olha eu aqui novamente, pra quem não me conhece, sou André – Deco, Negro, 24 anos, 1.76, 65kg, tatoos pelo corpo, sou magro. Já escrevi alguns contos, já recebi varias msg de leitores, fico feliz por deixar algumas pessoas de pau duro. Vou contar a minha 1ª vez que fiz passivo, tinha 19 anos e ele 22,



Eu sempre fui de praticar esportes, minha família curto muito exercícios, por recomendações medicas, comecei a nadar, peguei gosto pela natação, comecei a competir e ganhava e cada vez ficava mais conhecido nas competições interclubes, fiquei popular no bairro, e com meu jeito foi mais fácil manter esse relacionamento com a galera.

Já tinha começado a vida sexual, desde dos 19 anos já gozava gostoso, mas isso eu conto depois,

Já fudia bastante, apesar de ser novo, sabia como ter homens maneiros, tinha o que eles gostavam, PIROCA, sempre comia e reparava que os caras gostavam muito do que estavam fazendo, claro que em deu vontade de experimentar, mas não tinha com quem, por que a galera já se aproximava com a idéia de me dar, srsrsrs fico rindo mas é verdade, então comecei a escolher o cara que ia tirar minhas pregas...

Nos treinos sempre tinha alguém legal, seja amigo, ou convidados, alunos de outros horários, mas estava complicado eu ter um macho legal, foi um trab de pesquisa muito grande, eu queria alguém, bonito, gostoso, pirocudo (já que é pra fazer, vamos fazer direito né? Piroquinha to fora... srsrsrsr), e confiável, pq na época ninguém sabia das minhas aventuras, o nome dele e o bairro não vou dizer, pra evitar problemas.

O cara foi escolhido, agora era vez de muita paciência, tinha que preparar bem o terreno, ele era meu amigo, fazia parte da mesma equipe, quase mesma idade, quase mesma categoria, ele era o que estava procurando, bem de baixo dos meus olhos, acho ate que demorei pra maldar algo com ele.

Todos os dia geral se trocava no vestiário, vários homens juntos, pelados, viajava em varias fantasia, chegava em casa e tocava varias punhetas, foi numa dessas trocas de roupas que reparei o tamanho da piroca desse meu amigo.

Comecei a olhar pra ele com tesão, ele não era bobo, comecei tb a demorar no vestiário, pra ver o q rolava, todos saiam e eu ficava, sempre sobrava eu e esse amigo, uma dia saímos desse clube e dei mole na cara de pau, disse que ele tinha um corpo maneiro, q as meninas e ate uns carinhas do clube olhava pra ele, demos uma gargalhada e ele respondeu que não percebia os caras, mas as garotas já tinha notado, então disse que ele tinha que prestar mais atenção nas pessoas, ele disse assim na minha cara: pq vc quer tocar no meu corpo, quer fuder comigo neguinho? - meu irmão fiquei como né? Meu pau endureceu na hora, claro que respondi de bate-pronto, é meu amigo quero mesmo é dar pra vc, topa? Ai foi a vez dele ficar atônico, não esperava talvez uma resposta a altura da pergunta, ele começou a rir, e perguntar se eu tava zoando, respondi que não estava brincando e convidei pra ir à minha casa, ficava sozinho todos os dias. Ele ficou meio assim, mas dei mais um papo e ele com um sorriso safado, aceitou.

Estava com muito tesão, estava esperando aquilo a muito tempo e com ele era melhor ainda, confesso que estava com receio da dor, mas o tesão era maior, fomos entrando e na sala mesmo dei uma pegada no seu pau, e ele com um sorriso que me deixou no ponto de tanto tesão, ele tava de shot (de jogador de futebol), ele adorava andar com esses shots, isso me chamou também atenção, piroca dele começou crescer e crescer, caralho, que piroca, ali mesmo me abaixei e comecei a chupar, mas chupava com vontade, uma piroca deliciosa toda na minha boca, olhava pra ele com a rola na boca e ele gemia de tesão, curto mesmo dar prazer, já fazia isso metendo e agora estava fazendo do outro lado, o lance mesmo é fazer o cara gemer gostoso, voltando, então e me pegou pelo braço, com força e me beijou, porra, que beijo, parecia ter acertado na loteria, o cara era bom, o melhor ainda era meu amigo, depois do beijo e falou no meu ouvido, que queria mesmo era que eu ficasse de quatro pra ele, disse que queria muito meter a língua no meu cu, na hora virei pra ele, porra se o beijo era bom, nem imagina como era aquela boca no meu cu.

Gemia e apertava o sofá, foi minha vez de pega-lo pelo braço e disse: Vem chupar meu cu no quarto vem...

Ele na hora me atendeu e já entrei no quarto e me abrindo todo pra ele, fazia quase tudo que os carinhas faziam pra mim, queria dar com moral, queria ser puto mesmo... ele não sabia que seria o primeiro a meter em mim, ele lambia e pedia pra não parar, fizemos um 69 gostoso e quando dei por mim, ele já estava forçando minha apertada entrada, meu cu piscava, parece que ele sentia, e começou a se transformar, e foi metendo e eu vendo estrelas, mas me amarrando, gostando mesmo, fui relaxando, ele percebendo e meteu, de primeira, todo nervo duro, cheio de sangue no meu cu virgem, foi tão bom que nem tive força pra gemer. O cara sabia meter, massageava com a piroca dentro de mim, foi aumentando o ritmo e eu fui gostando, me abri pra ele de quatro na minha cama, empinei, socava com vontade, era aquilo que eu precisava, cada metida, uma vontade de gozar, mas prendia tava tão bom, fiquei de “frango”, ele me olhava e metia, começou a falar varias putarias, dizia que agora que sabia que meu cu era gostoso, ia me comer no clube, na rua, no carro, vários lugares estranho que ele tinha vontade de fuder, entrei na onde dele e disse que eu queria, que seria sempre fuder daquela maneira. Gozamos praticamente juntos, ele me fez gozar metendo e lambendo meu peito, delicia, ouvimos barulho na casa, levei um susto, nos vestimos rápido, e fomos pro computador, se entrasse alguém essa era a desculpa, dei com vontade, ele se amarrou tb, queria sempre, tive que dar uma trava, ou talvez hj estaria muito arrombado, rsrsrss

Nos encontramos lá em casa algumas outras vezes, ate tentei meter nele, mas ñ rolou, ele ficou noivo, fomos nos afastando, hj é casado, nos mudamos do bairro, e as vezes nos esbarramos, mas sá rola papo mesmo, foda não mais...

Mas as vezes fico lembrando de nossas caras de pau né! Srsrsr delicia de lembrança...



Vlw por ler meus contos, caso tenha curtido em baixo tem uma listinha de minhas aventuras!

[email protected] bjs a todos!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos Eróticos Tentada pelo filhocontoseroticossandysexo casual novinhas procura coroas pra bancar noriocontos eroticos Minha namorada me contou como perdeu a virgindade com seu ex e fiquei exitadocontos gay comendo o amigo rabudo em casacontos eroticos com muita tapa e submissacomo convenci minha filha me dar sua virgindade conto eroticoneguei meu irmao se masturbando e o cu e a buceta pra ele xvedeo.comcontos eróticos dezoofilia menina mora no sitio real amadocontoseroticosdemeninasmulher se esfregandono travesseiro contocontos de vizinho taradoboa f*** travesti orgiacontos minha mae bebada e fodaCorno em calcinha contocontos transando em silêncio Contos cai de boca na buceta da minha avoTennis zelenograd contohomem conto heterogay seduzindo hetero abaixando preso da casa so pra transarcontos cuzinho karinacontos eroticos com lesbicas bofinhosme comeram na minha festa de aniversario conto eroticoCont erot mulher da roçaconto adoro cu de casadacontos eróticos com tia perdendo apostacontos vendo minha prima sendo fodida pelo namorado acabei dando tambe betinhagay conto erotico taradao num cuzinho masculo de seis aninhoscontos mostrando o piru para a vizinhaesposinhas beijando e pegando na pucacontos eroticos mulher testemunha de jeovácontos eróticos casal Passei a noite no autorama no IbirapueraCoroa gostosa louca por jeba contosconto na festa aqui em casa meu primo comeu minha maecontos porno de casadas no cinemawww.tirei o cabaço da irmã caçula na casa da vovó.comcontos eróticos comendo meu melhor amigo que tava olhando pro meu pau.comconto mingau. de porraconto erotico de mulher casada socando o pepino na bucetaContos namorada e o velhocontos eróticos eu meu melhor amigocontos eróticos eu comi minha irmãmeu filho me fodeu com raivaminha filha e meu genro vieram me visitar bucetaopastorpornovídeo de bocado de mulher dançando de fio dentalcontos d cachorros mamandobebadas na piscina contoscontoseroticos assaltocontos eu durmo de saia sem calcinhano hotel com meu filho contos de encestocontos eroticos dona marcia coroa rabudacontos vendo minha prima sendo fodida pelo namorado acabei dando tambe betinhaminha vadia jemendo muito contos eroticosviu de chotinho e ficou com tesao xvidioemtiada fas sexo e masseje em padratoComtos mae fodida pelo filho e amigos deleConto meu tio me fez mulher com seu pau enorme.contos eróticos de bebados e drogados gayscontos eróticos dei ele chupar meu seio no meio da pista de uma boateconto erotico estou gravida do meu irmãomimi apaixonei pelo novinho de pau grande contos gaysobrinha gosta de sentar no colo do seu tio so de vestidocontos betinha vendo a irma sendo fodidatransa shopping Interlagos contomulheres religiosas corpo bonito seio grande quadril largo transandoconto erótico terminando a reforma com esposanoite maravilhosa com a cunhada casada contoscontos eronticos pai e filhia no camilhao trasei com elaconto erotico enteada brincadono motel com o amigo do meu filho contoshistorias erouticascontos eroticos a coroa submissacasa dos contos virei vadia do meu filho e estou amando ele adContos comi a mulher de amigo bebadafiquei de 4 e ele montou socando xingandocontos eroticos - alta grandona bunduda