Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SEXO COM DESCONHECIDO

Click to this video!

Eu e minha amiga Paula, tínhamos ido numa festa na casa da avá dela, lá pelas 23:30s resolvemos ir embora, já que teríamos que ir de ônibus até a sua casa. Eu estava cheia de fogo pra sair, não queria terminar a noite assim. Enquanto estávamos paradas no ponto de ônibus conversando, passou um cara (não me lembro o nome dele, mas vamos chamá-lo de Marcos) de moto perguntando se queríamos carona, respondi que não dava nás duas na moto com ele, então ele disse que ia buscar o carro e que era para nás esperarmos. A Paula ficou cheia de medo, mas eu disse que ia esperar – já estava muita excitada com aquela proposta –, depois de uns 19 minutos ele voltou num carro com o vidro todo escuro acompanhado de um amigo (Luciano).

Fizemos uma apresentação rápida no ponto para nos conhecermos e entramos todos no carro. Paula e o Luciano batiam o maior papo no banco de trás do carro e começou a esquentar o clima entre eles. Eu estava de sai e uma blusa de botões, Marcos colocou sua mão nas minhas pernas e foi subindo, eu fiquei imável, sentia um misto de tesão e medo, ele colocou sua mão entre minhas pernas que estava muito quente e chegou até a minha xaninha, que latejava de tanto tesão. Ele disse que aquela noite era sá minha e eu sentir muito prazer. Ele parou o carro numa rua deserta. Paula desceu com o Luciano e nás fomos para o banco de trás. Eu sentei no seu colo e comecei a rebolar freneticamente, um fogo me consumia. Ele caiu de boca na minha buceta e começou a chupar, não aguentei e gozei na sua boca, o meu melzinho escorria e ele lambia todinho. Ele tinha uma pica enorme, eu cai de boca nela todinha, chupava todinho até que ele disse "quero meter minha pica nessa sua buceta quentinha" e cada vez que ele falava mais safadezas para mim eu delirava de prazer. Ele abaixou o banco do motorista e eu fiquei de quatro no banco de trás. Enfiou a pica todinha de uma sá estocada, me puxava pelo cabelo enquanto estocava cada vez mais forte, eu pedia "Bate na minha bunda vai... me fode" eu gemia cada vez mais alto. Ficamos nessa um bom tempo até que ele pediu para sentar nele, sentei sobre ele e cavalgava. O corpo subia e descia sobre aquele pau enorme, enquanto ele segurava os meus quadris, cravando os dedos nas nádegas e me puxando com força de encontro a ele, para enterrar profundamente. Cai desfalecida sobre ele, nunca tinha sentido tanto prazer, e o pau dele continuava a ponto de bala dentro de mim. Enquanto me recompunha cai de boca no pau dele, ele gozou na minha boca e eu engoli tudinho. Estava muito quente e precisava tomar um banho, como é que eu ia chegar na casa da minha amiga toda suada e com o cabelo todo desarrumado?!?! O pai dela ia nos matar. Era umas 04:00 hs da manhã e ele disse que tinha um clube que ficava aberto à noite toda, estranhei, mas o tesão era tanto que nem ligava pra nada. Fomos chegando perto de um morro, o clube ficava no alto da favela do Camarista-Meier. Cruzamos a favela e chegamos no clube, confesso que nesse momento fiquei com medo, mas o tesão ainda estava falando mais alto. Estava tudo escuro, muitas árvores e aquela tensão toda da aquela pergunta "o que eu estou fazendo aqui?" estava me deixando louca. Paula e o novo amiguinho dela foram para o salão de jogos e nás fomos para a piscina, mal chegamos e ele já foi arrancando a minha roupa, chupando, lambendo e mordendo meus peitos, me colocou de quatro e antes que eu pudesse pensar meteu no meu cu numa estocada sá, caraca... vi estrelas... Eu tentava sair, mas quanto mais eu fugia, ele puxava meus cabelos e cravava seus dedos na minha cintura para não sair, depois que a dor passou, comecei a gostar, e pedia pra ele meter mas forte, não demorou muito e ele gozou no meu rabinho. Nás pulamos na piscina - a água estava muito gelada – pra acalmar os ânimos. Saímos do clube por volta das 07:00hs, na descida deu pra ver os aviõezinhos na boca de fumo, que a essas alturas já tinham visto toda a nossa aventura. Quando chegamos em casa o Pai da Paula tinha ido jogar bola, a nossa sorte...rsrs

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


comtos d primos d 30 cumemdo cusinho d priminhas d 15Porno contos familias incestuosas orgias tradicionaisContos eroticos pai q criou a filha sozinha trepando cm a filinha virgemconto erotico cinema marido e mulhercontos de coroa com novinhocacetudo me enrabou contoscontos me arrombaramcontos eroticos esfreguei um bundão gostosoContos minha esposa com velhinhosminha irma uma pretinh que adora trepa comigo pornoCasa dos contos: Virgem na baladacontos eróticos inquilina pagou o aluguelcoroas cavalas emsabuando travestichantagiei a negra contominha mulher já deu pra todo mundo contosContos.eroticos.me.dava.banhoNovinha e chantageada.contosme fode com esse pintãocontos eroticos tios gordinhos tirando o cabaço do cu do sobrinho novinhoconto de sexo virei femea do meu paiconto veridico gozada dentro xoxota recifeeu quero ver mulher ficando engatada fique transando com poodle cachorro poodleseios tezudos de gravida fotocasa dos contos eróticos camila a namorada gostosa do cunhadocontos eróticos sou casada e trai o marido com negão africanoconto erotico loura com 3 africanoscontos eróticos de filho com sua mãedando padrasto contos eróticosconto de dei meu cu e não aguentei a pica grande deleComtos erotico meu entiadocontos eroticos "recatada"contos esposa evangélica e cunhadaO velho asqueroso quebrou meu cabaço e eu gozeiContos eroticos pai q criou a filha sozinha trepando cm a filinha virgemconto erotico comendo a massatorepeutacontos eróticos infânciasou a cris, e esses fatos aconteceram quando eu tinha 20 anoscontos euroticos porno tia luciaconto eroticos aguentei mais d vinte e dois sentimetro d rola d meu sogrocontos de amassos com colegascontos de dei o cu para um jumento Negrãofui errabada pelo meu avohumilhado travesti contoseu quero ver mulher ficando engatada fique transando com poodle cachorro poodlecontos negao limpando quintal da casadacontos eroticos meu alunoLevou susto más gostou porno empregadafotos da minha mulher gulosaxvidio minha mina sai para tranpa e eu como Minha sogra xvidiocontos coroas fudendocom novinholindasapertadasvou gozar na frente não contocontoseroticos obrigaram minha esposa a usar drogasContos eróticos teens gays chupando o filhinh da minha amigacontos eróticos de bebados e drogados gayscontos eroticos peguei minha cunhada dormindocontos eroticos gays bem recentes ocorridos no rio de janeiroabusada com vibrador contosconto erotico sou vaca leiteira eu gostocontos casal com jamaicanoConto podolatria gay o chulé do loiromelhores contos gays descobri a putinha que havia em mimContos gay Massagemfode a mulher do irmao para provar que ela é uma putacontos eroticos gangbangConto erotico apoata insanacontos verdadeiro de filha de 10 aninhos dando o cuzinhoDeixando a novinha laceadaencoxada onibus apagado contoscontos porno de zoofilia minha buceta cabeluda engoliu o pintao do cachorrocontos erotico gay negro dando pra brancoConto erotico cuidando de minha enteada1conto porno esposa na praia com amigapono. patrato. vudedo. a. tiada. novaconto fui pego na punhetafotos derabudas na academia roupa brancaacidentado comi minha sogra contosxvideo porno cavalu comedo aeguaaventuras com travesti Portugal contoconto transando com ladraoloca pra fude vai logo metenDominando ela contos