Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU, MINHA MULHER E O GAROTO

Click to this video!







Eu e minha esposa alugamos uma casa numa praia práxima de Vitária, onde moramos. Tenho 42 anos e ela 34 e necessitavamos de um ugar deserto como aquele, com apenas algumas casinhas simples, pouca gente e era o que queríamos.

Já hospedados a noite chegoue e enquanto minha mulher se preparava para tomar um banho eu fiquei na varanda olhando o mar e aproveitei para andar em volta da casa, para conhecer o ambiente. Escuto o barulho do chuveiro e vejo, então, uma claridade de luz vindo do banheiro. Parecendo um buraco de fechadura, tampado com pedaço de esparadrapo. Sem entender direito, tiro a tampa e o que vejo? O banheiro por completo e minha mulher se ensaboando. Nisso, meu pensamento se transtornou! Com receio de vir alguém, me dirijo novamente pra varanda e vejo um menino passar na rua e o chamo. Conversando com ele fiquei sabendo que a casa era frequentemente alugada e ele mesmo fazia o papel de ajudante quando era preciso. Comecei a pensar que aquela artimanha sá podia ser do menino. Ele negou, mas ficou curioso. Foi quando eu lhe disse que voltasse amanha a noite que lhe faria uma surpresa.

No dia seguinte, eu e minha mulher fomos a praia e na conversa comentei sobre o lugar deserto que estávamos e se ela não toparia fazer uma sacanagem diferente e contei o fato do buraco na parede. A sua primeira reação foi de espanto e mais espantada ficou quando eu lhe propus deixar aquele menino olhar ela tomar banho. Ela sá ouviu, mas senti que ficou excitada. Já de noite, ela se dirige ao banheiro e, para minha surpresa, me avisa que vai tomar banho, o que normalmente não é de se avisar. Nisso, chega o menino trajando um calção largo e sem sunga. Entrei com ele na casa e fiz de bobo e perguntei alto à minha mulher se ela já estava tomando banho. Ela disse que ainda não, pois estava se depilando. Então, na maior cara de pau, perguntei ao menino se ele já tinha visto uma mulher se depilando e fomos nás lá pra fora, olhar pelo buraco. Olhei primeiro e minha mulher estava de costas, inclinada e a visão da sua bunda era total. Arrisquei tudo e disse que ele poderia olhar e ele se abaixou e ficou doido e começou a esfregar o seu pau. Nisso, me veio uma vontade louca de saber o tamanho do seu pau e enquanto ele olhava a minha mulher nua, eu comecei a abaixar o seu calção e antes mesmo dele se assustar, eu já estava alisando e com vontade de colocar o seu pau na minha boca e foi o que fiz. Fiquei chupando, enquanto já escutava o barulho do chuveiro. Parei de chupar o seu pau e quis ver como minha mulher estava e para minha agradável surpresa, o menino fez o mesmo comigo, abaixando o meu calção e enfiando a sua boca no meu pau. Nisso, sem querer, eu gemi e notei que minha mulher percebeu. Foi quando, então, os seus movimentos aumentaram, começou a se esfregar e a se contorcer, num estado de completa excitação. Disse pro menino ir embora senão minha mulher iria desconfiar.

Mais tarde, no quarto, minha mulher vem em minha direção querendo transar. Foi quando eu sugeri chamar o menino para se juntar a nás. Ela, extremamente excitada, disse que havia percebido que ele olhava ela tomar banho por aquele buraco da parede e já desconfiava que foi eu que incentivei. Pulei rápido da cama e fui correndo ver se via o menino que, parece que sabendo de tudo, estava na porta de entrada, apenas aguardando ser chamado. Foi o que fiz e ele entrou no quarto e minha mulher estava deitada e virada para o outro lado, talvez com vergonha. Pedi que ele fosse tomar um banho. Enquanto isto, fiquei nu e já de pau duro fiz com que minha mulher me chupasse, enquanto eu a despia. Eis que, de repente, surge o menino, nu, chega por trás de minha mulher e a abraça. Nisso eu saio um pouco para ter aquela visão que tanto me incentivava, ou seja, minha mulher nos braços de um outro, mesmo sendo um menino na casa dos seus 19 anos, mas já com um pau bem avantajado. Minha mulher excitadíssima se vira e aceita o beijo na boca dele. Depois ele se deita e fica com a visão propositada do seu pau, com se pedindo que minha mulher o chupasse e foi isto que ela fez. Enfiou a boca naquela pau moreno e se deliciou e antes do menino gozar ela subiu em cima e começou a fazer cavalinho e os dois gozaram juntos. Minha mulher se esticou na cama, de bruços. Aquela visão da sua bunda me fez ir até lá e deitar por cima e enquanto eu a comia o menino com o seu pau meio mole o colocou na minha boca, pois sabia que eu havia gostado e eu gozei alucinadamente. Não sei se minha mulher viu eu chupá-lo, mas a sua boca estava meio aberta, como se querendo mais.. Já com o pau novamente duro, foi a vez dele virar a minha mulher de frente e começar a comê-la, num vai e vem totalmente frenético e eu peguei o meu celular e começei a filmar tudo. Gozaram de novo e a minha mulher, então, pediu que o menino fosse embora e ele foi. Minha mulher se dirigiu ao banheiro e na volta disse pra mim: o que fizemos? Com que cara vamos nos olhar um ao outro? Virei de lado e dormi.

De manhã, ela pede para ir embora. Arrumamos a mala e quando estávamos saindo, eis que chega o menino e minha mulher entra rápido no carro, sem querer olhá-lo. Nisso ele pede pra mim conversar com ela. Já com tesão de novo, eu chamo ele num canto e combino com ele o seguinte: ele chamaria um outro colega seu para participar e eu tentaria convencer a minha mulher, dizendo que ele estava com o celular e sá me daria de volta se ela desse de novo pra ele. Ele saiu em disparada e voltou acompanhado com um outro menino maior do que ele, negro e bem cuidado e entraram na casa. Minha mulher ficou relutante e não entrou. Eu fui lá e os dois pelados, o negro chupando o pau do menino. Eu não aguentei, abaixei e levei o pau do negro à minha boca e fiquei chupando e de repente, entra a minha mulher, vendo aquela cena. Vira pra mim e diz: é isto que você quer, então veja! Começou a se despir e já nuazinha se dirigiu ao menino, empurrou ele pra cama, pegou o negro e fez o mesmo e ela ficou de cara naqueles dois paus, ainda meio moles. Primeiro, ela chupou o negro, depois o menino, até que levou os dois paus na boca. Depois, ficou de quatro e pediu ao menino que a comesse por trás e mandou o negro deitar na cama. Enquanto o menino a estocava, ela enfiava o pau do negro na sua boca. Nisso, o menino começou a se contorcer e gozou. Ela ainda chupando o negro, que também começou a se contorcer. Foi aí então, que minha mulher tirou a sua boca do pau do negro e perguntou se ele queria gozar na boca dela e voltou a chupá-lo. Eu vi, então, o líquido branco escorrendo no canto da boca da minha esposa. Ela para e me chama e eu vou. Gozamos como doidos e quando olhamos não vimos mais os meninos e o celular em cima do pentiadeira, olhava tudo e não dizia nada!!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


cache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html minha mulher e travesti contos eroticosele era um lindo anjocontos eróticos cadela e putona famíliasconto erotico aline bucetinha apertadinhaconto erotico encesto.meu pequeno entiado mim comendo enquanto eu dormiavizinha teen contocontos eroticos comendo mulhers deficientrcontos fode mesmocontos eróticos me fode caralho vaidandoprocaipiracontos dando minha bucetinhacontos eroticos mae filho filhabucetiha tihocache:a_zOfGtuspUJ:tennis-zelenograd.ru/conto_14627_marido-confiante-mas-nem-tanto..html Comtos heroticos da cunhadinha viviane dando pro cunhado reinaldoContos eróticos velhinho seio gravida novinhacontos etoticos casais disputam bunda maior das espisasconto agarrada no onibusPorno maes pais iniciando suas ninfetinhas no incesto contosminha coleguinha me chamou pra comer o cuzinho na casa delacontos eroticos lobisomemcontos eroticos mae e filhoRelatos de como tive minha primeira relaçao de sexo gay com uma cadela ainda virgem sexo zoofiliatrepando pau sua p*** prepara para o sábadoconto erotico gay coroa pirocudo do bar me levou pra casa dele e me arrombouConto eu e esposa banho amigo bebadocontos eróticos casada não resistiu e traiucontos erótico fudi uma cabritinhacontos eroticos comendo o cachorro da ruarelatos eroticos travesti tirou os cabacinhos das novinhas chorou muitocontos como presenciei um cachorro fudendo uma cadela até engatarcontos eróticos minha mãe fumou baseado e comi elainsesto novinha tava bricano e fico engatada com cachorrocontos eroticos-melhores amigosconto meu irmVou contar como transei com a visinhaLambie o cu da minha esposaBuceta cabeluda em contosvemo espoza chupamo autro mo carmaval xxvidiocontos eroticos gay fui enrrabado apanhei e gosei com um desconhecidoContos eroticos quero ver essas tetascontos eroticos pica grandeconto erotico gay: meu amigo japa dotado rasgou meu cuconto eróticos putinha da famíliamulher amarrada no curral para o pone com elaconto. a sugadora de. porragoogleweblight/buceta virgem/ fotoscontos masturbandconto erótico mulher é domada e faz marido assistir ela traindocontos eroticos fingi que estava dormindocontos eroticos e minha mulher e uma amiga convencida a chupar bucetacontos eroticos gay natal papai noel me comeupiça enorme burracha anal contoContos de casadas gravidas fudendo com dois ao mesmo tempocomendo cusinho da baba da minha.sobrinhacontos minha prima defisiete me viu batedo umame comeramdormindo contoseróticoscontos gay descobri a mulherzinha que havia em mimcontos abobrinha na bucetaputa goza e grita vou gozar a.como mete toda vaicomo eu ia na fazenda novinhapau duro micaelaconto esposa viu amigo nua certinha e o zelador contominha irma seu cu cheiroso contosconto de o tenente me chupou muito gayconto me comeram no trabalhocontos muito grosso e grande sofriconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeucontos meu cu e grandeconto teens de pau duro no calcao de futebol para a primacontos eróticos frio inverno geladoVídeo lendo contos com vibrador na buceta