Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EU, MINHA MULHER E O GAROTO

Click to this video!







Eu e minha esposa alugamos uma casa numa praia práxima de Vitária, onde moramos. Tenho 42 anos e ela 34 e necessitavamos de um ugar deserto como aquele, com apenas algumas casinhas simples, pouca gente e era o que queríamos.

Já hospedados a noite chegoue e enquanto minha mulher se preparava para tomar um banho eu fiquei na varanda olhando o mar e aproveitei para andar em volta da casa, para conhecer o ambiente. Escuto o barulho do chuveiro e vejo, então, uma claridade de luz vindo do banheiro. Parecendo um buraco de fechadura, tampado com pedaço de esparadrapo. Sem entender direito, tiro a tampa e o que vejo? O banheiro por completo e minha mulher se ensaboando. Nisso, meu pensamento se transtornou! Com receio de vir alguém, me dirijo novamente pra varanda e vejo um menino passar na rua e o chamo. Conversando com ele fiquei sabendo que a casa era frequentemente alugada e ele mesmo fazia o papel de ajudante quando era preciso. Comecei a pensar que aquela artimanha sá podia ser do menino. Ele negou, mas ficou curioso. Foi quando eu lhe disse que voltasse amanha a noite que lhe faria uma surpresa.

No dia seguinte, eu e minha mulher fomos a praia e na conversa comentei sobre o lugar deserto que estávamos e se ela não toparia fazer uma sacanagem diferente e contei o fato do buraco na parede. A sua primeira reação foi de espanto e mais espantada ficou quando eu lhe propus deixar aquele menino olhar ela tomar banho. Ela sá ouviu, mas senti que ficou excitada. Já de noite, ela se dirige ao banheiro e, para minha surpresa, me avisa que vai tomar banho, o que normalmente não é de se avisar. Nisso, chega o menino trajando um calção largo e sem sunga. Entrei com ele na casa e fiz de bobo e perguntei alto à minha mulher se ela já estava tomando banho. Ela disse que ainda não, pois estava se depilando. Então, na maior cara de pau, perguntei ao menino se ele já tinha visto uma mulher se depilando e fomos nás lá pra fora, olhar pelo buraco. Olhei primeiro e minha mulher estava de costas, inclinada e a visão da sua bunda era total. Arrisquei tudo e disse que ele poderia olhar e ele se abaixou e ficou doido e começou a esfregar o seu pau. Nisso, me veio uma vontade louca de saber o tamanho do seu pau e enquanto ele olhava a minha mulher nua, eu comecei a abaixar o seu calção e antes mesmo dele se assustar, eu já estava alisando e com vontade de colocar o seu pau na minha boca e foi o que fiz. Fiquei chupando, enquanto já escutava o barulho do chuveiro. Parei de chupar o seu pau e quis ver como minha mulher estava e para minha agradável surpresa, o menino fez o mesmo comigo, abaixando o meu calção e enfiando a sua boca no meu pau. Nisso, sem querer, eu gemi e notei que minha mulher percebeu. Foi quando, então, os seus movimentos aumentaram, começou a se esfregar e a se contorcer, num estado de completa excitação. Disse pro menino ir embora senão minha mulher iria desconfiar.

Mais tarde, no quarto, minha mulher vem em minha direção querendo transar. Foi quando eu sugeri chamar o menino para se juntar a nás. Ela, extremamente excitada, disse que havia percebido que ele olhava ela tomar banho por aquele buraco da parede e já desconfiava que foi eu que incentivei. Pulei rápido da cama e fui correndo ver se via o menino que, parece que sabendo de tudo, estava na porta de entrada, apenas aguardando ser chamado. Foi o que fiz e ele entrou no quarto e minha mulher estava deitada e virada para o outro lado, talvez com vergonha. Pedi que ele fosse tomar um banho. Enquanto isto, fiquei nu e já de pau duro fiz com que minha mulher me chupasse, enquanto eu a despia. Eis que, de repente, surge o menino, nu, chega por trás de minha mulher e a abraça. Nisso eu saio um pouco para ter aquela visão que tanto me incentivava, ou seja, minha mulher nos braços de um outro, mesmo sendo um menino na casa dos seus 19 anos, mas já com um pau bem avantajado. Minha mulher excitadíssima se vira e aceita o beijo na boca dele. Depois ele se deita e fica com a visão propositada do seu pau, com se pedindo que minha mulher o chupasse e foi isto que ela fez. Enfiou a boca naquela pau moreno e se deliciou e antes do menino gozar ela subiu em cima e começou a fazer cavalinho e os dois gozaram juntos. Minha mulher se esticou na cama, de bruços. Aquela visão da sua bunda me fez ir até lá e deitar por cima e enquanto eu a comia o menino com o seu pau meio mole o colocou na minha boca, pois sabia que eu havia gostado e eu gozei alucinadamente. Não sei se minha mulher viu eu chupá-lo, mas a sua boca estava meio aberta, como se querendo mais.. Já com o pau novamente duro, foi a vez dele virar a minha mulher de frente e começar a comê-la, num vai e vem totalmente frenético e eu peguei o meu celular e começei a filmar tudo. Gozaram de novo e a minha mulher, então, pediu que o menino fosse embora e ele foi. Minha mulher se dirigiu ao banheiro e na volta disse pra mim: o que fizemos? Com que cara vamos nos olhar um ao outro? Virei de lado e dormi.

De manhã, ela pede para ir embora. Arrumamos a mala e quando estávamos saindo, eis que chega o menino e minha mulher entra rápido no carro, sem querer olhá-lo. Nisso ele pede pra mim conversar com ela. Já com tesão de novo, eu chamo ele num canto e combino com ele o seguinte: ele chamaria um outro colega seu para participar e eu tentaria convencer a minha mulher, dizendo que ele estava com o celular e sá me daria de volta se ela desse de novo pra ele. Ele saiu em disparada e voltou acompanhado com um outro menino maior do que ele, negro e bem cuidado e entraram na casa. Minha mulher ficou relutante e não entrou. Eu fui lá e os dois pelados, o negro chupando o pau do menino. Eu não aguentei, abaixei e levei o pau do negro à minha boca e fiquei chupando e de repente, entra a minha mulher, vendo aquela cena. Vira pra mim e diz: é isto que você quer, então veja! Começou a se despir e já nuazinha se dirigiu ao menino, empurrou ele pra cama, pegou o negro e fez o mesmo e ela ficou de cara naqueles dois paus, ainda meio moles. Primeiro, ela chupou o negro, depois o menino, até que levou os dois paus na boca. Depois, ficou de quatro e pediu ao menino que a comesse por trás e mandou o negro deitar na cama. Enquanto o menino a estocava, ela enfiava o pau do negro na sua boca. Nisso, o menino começou a se contorcer e gozou. Ela ainda chupando o negro, que também começou a se contorcer. Foi aí então, que minha mulher tirou a sua boca do pau do negro e perguntou se ele queria gozar na boca dela e voltou a chupá-lo. Eu vi, então, o líquido branco escorrendo no canto da boca da minha esposa. Ela para e me chama e eu vou. Gozamos como doidos e quando olhamos não vimos mais os meninos e o celular em cima do pentiadeira, olhava tudo e não dizia nada!!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eroticos encontreia uma calcinha da minha filha babadinhamaisexo peituda goza no oralmulheres que estejam dispostas a fazer zoofilia que mora no Rio Grande do Sulcontos mulher madura safada na farmácia okinawan gélico pornôchupou tio i phoneContos eróticos boca maciaconto fui por cima do meu primover contos erótico mãe gordinha concebido gostosa s*****esfregando na irma caçula contosContos Eróticos abusada todos os dias por estranhosgreludinha minha menina chupei ate virar um piruzinho contos de incestoconto estagiaria chefeconto erótico vesti uma cinta liga pro papaicomi meu aluno lercontos curtpsquando me masturbei saiu bastante gosma da minha buceta será que gozei?Negão e minha filha contos eróticosgozando pelo cu contos eróticospornodoido transando na frente dos outros discretamenteconto erotico virei escravo de minha professora safadacontos comi minhas gemias zinhascontos sexo minha esposa nossa vizinha travesti novinhacontos esposa evangélica e cunhadaGravida do papai contoscontos porno maior q meu antebraçotoquei uma punheta pro cara enquanto ele dormi relatosreais Conto sexo em grupo quatro caralhoscontos eroticos humilhadadp swing buracoler contos de sexo de mulheres sendo chantageada na estrada e dando cuzinho pra dotadoscache:HVsxZOrs15AJ:http://okinawa-ufa.ru/m/conto_12619_quando-eu-dei-pela-primeira-vez.html+"dei pela primeira"zofilia devuaetafui forcada a chupar papailoira cris casada fode com negao contos eroticoscontos tetas irmacontos esposa no baralhopau duro na frente da tia contosMinha namorada mim traiu na vaquejada contos delirando com meus dedinhos contosConto erotico vizinha bobinhacontos apostando uma encoxadacontos.veridicos erabando uma,.pretinhaO coroa me levou pra sua lancha conto eroticodando bobeira de baby doll em dentro de casacontos de boquete bom de primos e primas novinhosbolinei minha cunhada por baicho da mesa videocontos euroticos porno tia lucia vendo a cunhada depilando a buceta contosler contos eroticos de casais fudendo dentro de cinemas com outros homenscontos eróticos / desde menininhocontos eroticos sou viuva tenho um sobrinho novinhocontos gays gemeosaluna coroa contoContos eróticos comendo uma lorinha dos seios grandes LuizaFodido na construçãomeu tio me dava a mamadeiracontos eróticos cunhado retardadocontos porno chantagiando a cunhadaflagas de encesto com zoofolia contosConto mete ai ai uiui no cumulher depravadafotos porno mostrado xoxota pra bater acela puetaconto erotico fui sentada no colo do vovolego na dano a buceta dormindocontos ex namoradaaos 60 anos dei a buceta pro menino de 15 contoscontos eroticos de quata feira de cinzaconto flagrei minha irma dando e enrabeimulheres batendo punheta nos animais como cachorros e ponhescontos eróticos entre mulheres e homens super dotadoscoloquei ela de bruços contos de travestiContos de incesto minha mae fugiu com outro e eu fiquei com o meu paiconto gay muleke do cuzinho raspadinhomae e filha de fio dental na praia e do padrasto contocontos eróticos infânciaContos erotico amigas devendoconto negro taradocontos reais meu marido fez uma deliciosa DP com seu amigoArrombei a casada crente contoslanny_contos