Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEUS CACHORROS QUERIDOS

Click to Download this video!

Meu nome é Eduardo, tenho 36 anos, casado, mas tenho loucura em transar com cachorros.Tudo começou quando eu tinha 19 anos e minha família tinha um vira-latas de porte médio que se chamava Kid. Sempre tivemos uma relação afetiva muito boa, até por que ele era extremamente dácil. Nessa época ele tinha uns 3 anos (um cão fica adulto aos 2 anos) e até então nunca tinha cruzado com nenhuma cadela. Justamente por isso, ele pegava almofadas e começava a trepar com elas. As vezes eu parava para reparar e via aquela ponta vermelha saindo e uma bola inchando mais atrás, por baixo dos pelos. Eu já havia visto cachorros transando na rua, mas nunca entendi por que eles ficavam colados. Um dia quando eu fazia carinho nele, ele subiu na minha perna e começou a trepar. Senti aquela ponta durissima e molhada roçando, as partas firmes na minha coxa, fiquei tomado de um tesão repentino. Minha mãe viu e botou ele pra correr. E eu fiquei pensando no que tinha sentido com aquele cachorro. Meu irmão mais velho tinha uma coleção de revistas de sacanagem e eu comecei a procurar por transas com animais, por que sabia que isso acontecia. Tinha despertado em mim a curiosidade. Despertado por que eu havia gostado. Me excitava! Emfim encontrei um conto narrado por uma mulher que havia sido penetrada pelo seu cão. Imaginei logo que poderia fazer a mesma coisa. Um dia, vejam sá o que é tesão, eu estava em casa e minha mãe nos fundos, lavando roupa. Fiquei na sala da frente com meu cão. Ele começou a meter na almofada de novo. Tirei a almofada dele e coloquei embaixo de mim, ficando de quatro em cima dela. Ele vei pra cima tentando a almofada e parou atrás de mim cheirando minha bunda. Engatinhei para trás e ele montou em cima de mim. Como já estava com o pau para fora e excitado, começou a fazer os movimentoe de vai e vem. Sentia a ponta da pica bater no short. Me dava arrepios! Um calor que subia me consumindo todo. Mesmo com a minha mãe em casa, não resisti tomado pelo tesão e tirei o short, ficando sá de cuecas. Abaixei de quatro e ele montou de novo. Aprendeu rápido!! Agora eu podia sentir as estocadas mais firmes, com força, ví que ele queria e eu sabia o que queria também. Ví que a minha mãe estava muito ocupada, que não sairia dalí tão rápido. Estava lavando roupas na mão, no tanque. Rapidamente, tirei a cueca e fiquei de quatro. Ele montou em cima e eu senti um tesão incrível!! Senti a textura do pelo, o calor do corpo, a vontade como ele me segurava pra não escapar, como se fosse uma presa dele! Senti a ponta da pica bater embaixo e em cima do meu cuzinho virgem. As ondas de calor e prazer brincavam comigo! Batimentos a mil, já começava a suar. Numa dessas vezes, a pica veio certeira e eu senti aquela ponta, ainda fina, abrir caminho e entrar como uma lança, tamanha foi a força que ele usou e também por que a pica estava bem lubrificada. Me senti uma cadelinha no cio. Nem me passou pela cabeça que minha mãe poderia aparecer de repente e ver a cena. Senti ele meter tudo até encostar no meu cu. Começou então um vai e vem frenético que me fez decolar de prazer. Em poucos minutos meu pau endureceu como pedra e meu cuzinho começou a contrair em volta daquela vara maravilhosa! Em poucos minutos eu estava em extase e então um onda de prazer me fez gozar no chão. Mas não era uma orgasmo comum, em jatos. Ia escorrendo, como se eu urinasse, mas era porra que saia pelo meu pau, enquanto eu revirava os olhos com as ondas de prazer que vinham daquela pica! Mas aí começou a surpresa: Eu senti minha bunda inchando de dentro pra fora, uma bola crescendo do lado de dentro do meu cu que estava estufando e a ponta da pica estava me furando por dentro por que não havia mais espaço dentro de mim e ela continuava a inchar!! Puxei a bunda pra frente já sentindo uma dor enorme. Ele veio junto e não deixou tirar. Puxei mais forte, mas a bola não passava pelo meu cu, pois era muito maior e o cuzinho ainda original. A dor chegou a um nível que eu não tinha nada mais a fazer que ignorar a dor do cu e puxar com tudo para tirar de dentro de mim. Fiz isso, mas ao custo de uma dor que eu nunca senti na vida e a sensação de ter rasgado o cu!! A bola saiu fazendo um barulho molhado e um mar de porra jorrou no chão. Eu cai de lado com as mãos na bunda, mordendo os lábios para não gritar e chamar a atenção da minha mãe. Eu estava alí: pelado, com um mar de porra no chão e um cachorro com um cacete de uns 20 ou mais de comprimento e uns 8 de grossura com uma bola na base que parecia de tenis!! Se eu soubesse que ficava assim nunca teria deixado acontecer!! Quase me matou aquela pica!! Caí na real: tinha que eliminar as provas, com ou sem dor no cú, o mais rápido!! Passeu a mão no meu cuzinho que ardia muito! Veio suja de porra e sangue. Ele tinha me arrombado mesmo! Corri, limpei tudo com um pano velho, fui ao banheiro, sentei no vaso para abrir a bunda e limpar direito e ví que ainda escorria porra de dentro das minhas entranhas! Como aquele animal podia ter gozado tanto!! Depois de tudo que ficou no chão? Bom, mas depois disso e de 3 dias sentindo dores na bunda e no cú, passou. Minha mãe entrou bem depois e não viu nada. Graças!! Se eu parei depois disso?? Depois eu conto!! Gostaria de encontrar pessoas que tiveram experiencia trepando com cachorros ou queiram me ver fazendo e gozando gostoso. Com ou sem parceiro. Me escrevam: [email protected]



Abraços!!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


porno conto erotico novinhaContos primeira chupadaContos bct larga adoroomulheres damdo a nisetacontos eroticos, casada nova surpreende marido em cine pornocontos : meu filho falou que minha buceta e bonitatranso com meu cachorro todos os diasconto erotico fui no banheiro da estrada mijar e me assustei com o tamanho do pauzao do negaocontos eróticos chantagem cunhadamontede mulher e homen fagendosexoVIDIO PORNO MEU FILHO TEM 32CM DE PICAso conto erotico de mendigosnegao lingerie conto eroticomarido libera esposa para pagar o aluguel contocontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandrosprima madura solteira na casa de praia contos eroticos pornoEu fudi toda a familia do meu amigo fudi a filha dele fudia a esposa dele fudi a cunhada dele contos eroticosdando a esposa.para sr de idade conto eroticocontos eroticos de coronel de rola grande e grossaconto erotico abusandoFoderam gente contos tennsCasa dos contos eroticos gay amarrade e emrabado por quatro amigos taradoscontos eroticosó policial coroacontos eroticos sobre voyeur de esposahetero passivo contocontos eróticos de bebados e drogados gayscontos eróticos fui estresada e gosteiMinha mulher saiu com amigas e voltou bebada para casa contoseu vi uma pica toda arregaçadaChantagem com mulher de salto conto eroticoconto erotico meu avoContoseroticos minha mulher na passagem no anocontos eróticos virei cdzinha do vizinhoeu quero fuder gostoso arronbe meu cu gaycontos comendo mae e filhaquero ver travesti transando no abdômenEu minha esposa e meu sobrinho contos.contos heroticos incetos irma casada mais com tesão pelo irmão de feriasContos erótico vi o pau do meu aluno e não aguenteiConto erotico 25cm pica grossa na novinha da escolapezinhos perfeitos da minha erman conto eroticocontos enrrabado na saunacontos gay meu paizão comendo o meu cunhadoContos erótico lutinhaconto erotico gay coroa pirocudo do bar me levou pra casa dele e me arromboucontos trazei com a amiguinha da minha filha dormindocontos eroticos meu alfilhado e um jegue.contos minha sogra se insunuandoexcravo domestico casa dos contos gayconto Negão comeu a mulher do cara para pagar a dívidachupando coroa empinadinha boa de f***Sou casada fodida contoconto erotico reais troca de casaisrelato conto: meu me incentiva a usar roupas provocantesrelato erotico corno viadinho dedo cucontos er irmas vizinhacontos eróticos de professoras gostosas transando muito gostosoTennis zelenograd contofoi chantageada pelo meu colega de trabalhoVc me decabaçouConto meu marido me devorou na madrugadaconto erotico enfermeira estupradaConto de casada estrupada pelos pedreiros e gostandocontos eróticos sobrinha des de pequenina assanhada e foguenta gostava de pula no colinho do tio e se esfregara crente e a zoofilia_contosSou casada mas bebi porro de outra cara contosesposa traindo marido bebado contos eroticoscontos eroticos marido come o cu da deficiente contos erotico o coroa me fudeu em cima da sua lanchacontos eroticos meu tio me embebedou e me chupou eu dormimdocoxinhas grossas conto eroticocontos-no colo de papai na praia de nudismocontos eroticos mulher carinhosaviadinjo da bimda rrdonda contos eroticoscontos eroticos de primos q ficaram com primas