Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

UM DESEJO... DOIS HOMENS... UM CARRO... MUITO SEXO

Click to this video!

Há menos de 6 meses comecei a trabalhar na biblioteca de uma escola aqui em Maceiá no período noturno e, logo no primeiro mês do trampo, toda a minha carga acumulada de tesões homoafetivos recaiu sobre um belo professor de biologia, moreno jambo, 1 metro e 80 cm de músculos bem trabalhados na academia, no auge de seus 25 anos, cabelos lisos sobre o ombro largo, rosto de moleque sacana, lábios rosados e carnudos (traços de uma ancestralidade negra que também se refletia sobre um indiscreto volume entre as penas atléticas) -, mãos de macho que sabem pegar firme e uma linda bunda escondida sobre seus jeans apertado... meu radar não podia ter identificado nada melhor... nada mais gostoso.

Eu, nos meus 1 metro e 69 cm de altura, apenas mais um humano simples, sem belezas extras a me anunciar, sá poderia mastubar-me, sonhar, imaginar-me com aquele cúmulo de tentações recaído sobre minhas costas, lábios modiscando-me o pescoço, mãos apertando-me as nádegas, enquanto seu monumento rijo forçava o meu ânus. Foram meses de impuras imaginações... olhares desencontrados... olhares encontrados... pensamentos perdidos no banheiro de minha casa... até ontem.

Ontem, quando o belo professor entrou na biblioteca para pegar um livro, pois tinha esquecido o dele... perguntou-me o horário de funcionamento, respondi que até as 22 horas e que ele poderia me devolver no dia seguinte, caso precisasse... ele disse que teria que dar a última aula (terminaria 22:50) e, como sá daria aula na sexta, pediu-me que esperasse... claro que esperei... não queria perder a oportunidade...

Como tinha esperado tanto, ele disse que fazia questão de me dar uma carona... sá respondi que tudo bem, para não extravasar minha alegria...

Dentro do carro, contive-me por uns longos 5 minutos... e, sem muito pensar, disse na lata que não queria ir para casa... pra minha casa... foi quando tive uma maravilhosa surpresa.

Ele disse que sabia disso e calado, sempre calado, prosseguiu uma rota que não me levaria a lugar algum... como trabalhamos práximo à orla de Maceiá, levou-me a um lugar afastado e parou o carro... nada falei... abaixei-me e comecei a minha festa particular...

Beijei sua barriga, enquanto desabotoava sua calça apertada; passei minha língua em suas bolas e, com seus pau ainda meio bomba, chupei primeiro a cabeça vermelhinha, percebi-a inchando em minha boca e chupei seu mastro todinho ali no banco da frente.

Passamos ao banco traseiro, pude vê-lo pelado, a visão era muito melhor que meus sonhos acordados... senti seu peso em mim... seus lábios molhando os meus... pus-me de bruços e fui penetrado ali mesmo, senti sua jovialidade arder em meu ânus... perdi-me naquele vai-e-vem gostoso que foi se intensificando e explodindo em grandes estocadas que me rasgava lá dentro, mas que me fazia gozar no banco sem nem tocar no meu pênis. Gozei. Ele gozou. Pedi mais um beijo nos lábios. Ainda beijei seu mamilo esquerdo... toquei seu rosto... apalpei minha bunda... vesti-me... fui ao banco dianteiro, me sentei, e calado fui durante o percurso de minha casa...

Vários pensamentos me vieram à cabeça... fui pensando que seria a última vez, apesar de ainda ser a primeira, que sentiria aquele gosto na boca, aquele ardor característico de uma rola deliciosa... antes de descer ainda o ouvi dizer até sexta... não sei se foi o meu desejo ou se ele falou mesmo aquelas palavras... estou esperando a sexta chegar...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


na hora do horgazmo gozandocontos eroticos de ninfetas amazonensenovinha peguei no pinto do cachorro relatoswww.contos eroticos maes e filhoscontos eróticos fetiche com boca de velho chupando pintoContos eroticos de incestos.mamae vai dar boa noite de camisola pro filhoestava carente contos eróticosconto eróticos minha madrinha de infânciafilha tesudinha do papa contosiminha esposa meteno com outro q delicia conto de esposa vendo seu marido na rola de outrocasada chantageada e submetida aos limites contos eroticoscus rijos bom analSenhoras cinquentonas casadas praticando Zoofilia prla primeira vezminha sobrinha me chupou enquanto eu dormiaContos de incesto minha mae fugiu com outro e eu fiquei com o meu paiConto erotico contando minhas tranzas para meu pai e acabou me comendocontos de coroa com novinhopeoes de rodeio batendo punheta escondidominha tia casada matutinha contosnetinha safada adora sentar no colo do vovô contos eroticosconto mandei fazer fila pra mim chuparconto erotico gay sobrinhoo caminhoneiro engravidou minha mulher eu confessocontos eroticos de putas viciadas em porra gang bangcontos eroticos com estorias ocorridas na infanciaconto gay sai da urgia acabadaAdoro usar shortinho feminino e calcinha fio dental afeminado contosmeu genro comedor de cucontos minha mulher colocou bolinhas no meu cuenrabada na frente do meu marido/contosbucetiha tihopassando a mao no grelhoouvido no quarto a irmã transandocontos eróticos de menina transando com o tio bonzinhocontos eroticos enquanto eu como o cusinho da minha ex minha atual mulher chupa a bucetinha preta delarodolfo era meu vizinho me chamo ana contos erótico contoseroticoscomendo a coroa loira e a filha delaGoiânia conto vigia da obra gay cucontos eroticos enchi minha filhinha de porrafui trepada pelo jegue di meu sogro. conto eróticocontos eróticos virei fêmea louca por leitinhoConto de putinha objeto de prazer para todos os machosconto ela estava no quarto nua e o sobrinho na salaMendigos se madturbando altobucetao arombada de adivogada conto eroticoSeios grandes e buceta Luisinhacontos eu e meu marido adoramos ir no cinema ver pornocontos erótico de incesto eu novinha ano ... meu tio com 26*6cm de rola me arrombou conto comendo a coroa gostosaconto ela deu e se fudeucontos saia sem calcinha escada engoli porradedo de tio safado fudendo buceta de novinha pornodoidoacontos erótico comadre desmaiou malhando bundundaminha cunhada traindo meu irmao com o patrai contosContos eroticos-Empregada se vingando da filha do patraoorgia sem pudor contoscontos eróticos vi meu vizinho transandomeu irmão me convenceu contoscontos eróticos comendo o cu do meu amigo da escola.comcomo me tornei viado parte 3 contpscontos eróticosminha esposa deu para os molequescontos eroticos aposentadas cavalasseduzudo e fudido contos gaymagrinha com tatoo na bundawww.contoerotico.pai e flha na chacaraconto sozinho com minha sogracontos eroticos casadas baile formaturacontos eroticos provocando no barvoyeur de esposa conto eroticoconto xupei o pau do meu amigo pq perdi apostaultimo contos eróticos transando com tio acontos eróticos filhinha bobinhavideornposs