Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMIDA POR GAROTOS

Click to this video!

Comida por garotos



Meu nome é Sara não vou me descrever, sou vou dizer que sou casada há 8 anos, tenho 2 filhos e que tenho 36 anos mas sou muito atraente.

Bom esta histária aconteceu há mais ou menos 2 meses, mas sá agora consigo falar no assunto.

Eu estava levando meu carro para uma oficina mecânica pois ele já estava dando defeito há muitos dias, a oficina é de um amigo de meu marido, mas eu não conhecia o endereço da oficina pois havíamos mudado há apenas 1 mês para a cidade.

Quando me perdi e entrei num bairro "barra pesada" sem saber. Pensei em pedir informações a algumas pessoas, mas sá via bares com homens mal encarados.

Quando começa meu drama, o carro começa a dar defeito e para de funcionar numa rua mais deserta ainda, nesse momento já era 5:00 da tarde e eu comecei a ficar em pânico quando vejo no fundo da rua uma placa dizendo Ferro Velho, tranquei o carro e fui até lá para pedir ajuda.

Chegando lá parecia que estava abandonado de tão sujo e bagunçado o lugar quando já ia desistindo surge um garoto de mais ou menos uns 19 anos debaixo de um dos carros que de tão velhos que pareciam que nem andavam.

Ele me olha e diz para min: O que a madame tá querendo por aqui?

Disse a ele o ocorrido e se pudesse me ajudar que lhe daria uma boa recompensa.

Ele então foi até meu carro deu uma olhada e falou que tinha que leva-lo para o ferro velho para tentar arruma-lo e que pediria uns amigos para ajuda-lo.

Depois de uns minutos ele chega com mais dois amigos da mesma idade que ele mais um era um negro bem forte.

Eles empurraram o carro até o ferro velho e lá o garoto que eles chamavam de piaba conseguiu consertar o carro, Ufa ! que alivio já era 6:00 da tarde e eu estava tremendo de medo, mas o pior estava por vir.

Na hora de dar a “recompensa” foi que vi que estava apenas com cinco reais na bolsa e estava sem talão de cheques e é lágico que meus cartões de credito não serviam para nada naquele lugar.

Perguntei ao moço se poderia dar a ele aquele dinheiro e que depois meu marido o daria o restante que ele cobrasse.

Ele olhou pra min e disse: Sua puta! Acha que vai sair daqui sem pagar pelo conserto do carro sua vadia, você vai pagar e caro !

E logo ele veio em minha direção e eu tentei fugir mais os outros dois me cercaram.

Comecei a chorar e pedi para eles não me machucarem, que daria qualquer coisa a eles que poderiam ficar até com o carro.

Mas o piaba olhou para os dois e disse:Vamos fuder com essa madame, esse vai ser o pagamento.

E ele começou a rasgar a minha roupa, e sugar meus peitos enquanto os outros dois me seguravam, me jogaram em cima do capo do carro e o piaba começou a chupar minha buceta e foi chupando até que ele tirou seu pinto pra fora e enterrou tudo de uma sá vez na minha buceta, dei um gemido bem forte e ele me chamou de vadia, puta tudo quanto é nome desse tipo e enfiava sua pica em mim sem dá.

Quando ele tira seu pinto da minha buceta falando que ia gozar, e para meu desespero manda que eu chupe seu pinto. Tentei relutar e quando eles tentavam me segurar piaba não aguentou esperar e gozou forte na minha cara.

Meu rosto ficou todo sujo de porra e ele começou a lamber ele todo e começou a me beijar tentei resistir e levei um tapa na cara que jamais vou esquecer.

Depois disso pensei que havia terminado, quando o negão me segurou e disse que agora era sua vez.

Colocaram-me de costas no capo e o negão veio por trás de mim e enfiou sua vara enorme em mim quase não resisti de dor, era muito grande.

O menor deles era o Betinho, ele subiu no carro e tirou sem pinto pra fora e era bem pequeno e mandou que eu chupasse, comecei então a chupar aquele pintinho enquanto levava na bunda um cacete enorme.

Logo os dois gozaram, o negão na minha buceta e o Betinho na minha boca, eu nunca tinha feito na minha vida sexo oral nem anal eu e meu marido somos mais papai e mamãe.

Quando penso novamente que meu sofrimento acabou, ele esta sá começando, Betinho deita no capo do carro e manda eu me deitar sobre ele e ele começa a fuder minha buceta, quando piaba passa cuspe no meu cuzinho para penetra-lo, eu comecei a ficar com medo pois como já falei nunca tinha feito isso antes, mais quando percebi já estava com dois pintos dentro de mim e doía muito.

Para completar o negão sobe encima do carro e manda eu chupar aquela pica daquele tamanho, então alem da dupla penetração eu também estava fazendo um boquete para o negão, eles estavam loucos me chamavam de tudo quanto é nome.

Depois deles trocarem as posições varias vezes(a pior posição era quando o negão me comia por trás porque seu pau era muito grande) eles resolveram me soltar.

Pegaram minha bolsa e disseram que agora sabia onde eu morava e que se desse queixa na polícia iriam me matar.

Fui embora correndo com bastante medo chegando em casa tomei uns dez banhos e no outro dia fiz vários exames para ver se tinha contraído alguma doença mais isso não me aconteceu graças a Deus.

Fiquei na casa de uma amiga o final de semana inteiro pois meu marido estava viajando para a casa de sua mãe com meus filhos e eu estava com medo de ficar sozinha em casa.

Não dei queixa na polícia pois fiquei com medo, e nem contei isso a ninguém.

Na semana passada estava saindo do shopping para pegar meu carro na rua, quando alguém por trás de mim me encosta alguma coisa afiada nas costas e me manda entrar no carro, quando entro vejo que era o Betinho que estava com um canivete na mão, olhou para mim e me disse:

- Olha sá quem está aqui a madame putona que gosta de levar no cu, estava passando na rua e reconheci seu carro e resolvi de cumprimentar.

Ele colou o canivete no meu pescoço e começou a me beijar, depois chupou meus peitos e com a outra mão colocava um dedo na minha buceta e outro no meu cu. Tudo isso era difícil de se ver por outras pessoas por que já era noite, e meu carro tem vidros escuros e na rua que deixei o carro o movimento não é muito grande.

Quando que para minha sorte se aproxima um guarda e Betinho o vê, rapidamente ele tirou minha calcinha e minha saia e saiu do carro rapidamente, me deixou nua para que eu não pudesse descer do carro para chamar o policial . Antes de sair disse-me que depois me faria uma visita.

Fiquei apavorada e contei apenas a último acontecimento pro meu marido e pedi que nos mudássemos de casa ou até de cidade.

No outro dia meu marido já alugou um apartamento num condomínio fechado onde a segurança é maior mais mesmo assim ainda tenho medo que eles voltem

Estou contando isso para me aliviar um pouco mais, para alguns isso excita, mais para outros isso é muito constrangedor e ruim.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


videos para deixar o namoradoexitadocontos de coroa com novinhocontos eroticos eu e meu padrastocontos paguei mais comi a putacomtos eroticos...mulher trai porcausa di sexoContos erotico comi minha irmã cadeirantesexo-gostoso-numa-ilha-paradisiaca..comcontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anoscontos er deixa que levocontos eróticos marido cornoa esposa baiana do meu amigo contos eroticosmeu cliitores fica marcando a calcinhacontos eróticos reais de mulheres evangélicascontos eroticos amigo gay experimentou meu biquineconto de rasgei o cu de meu irmão fazendo ele choracontos erotikos moleke de menor comendo o cu da mulher casada"cabelo na perereca"peguei a x*** virgemeu minha irma e meu padrasto na camacontos eroticos chantagem na escolaconosco toma a porra de. macho na. bucetaputinha submissa do tioconto erotico gay viado tem que tomar no cu sem reclamarfui comida e chingada feito puta pelo meu primoCunhada dormindo com a bundinha descobertacontos eroticos sou crente casada mas tenho fogo no cucomendo e sendo comido por hipermegadotadojogo de carta em aposta conto incestodelirando com meus dedinhos contosnamorado mega dotado contos eroticosbanhocontoeroticocontos eróticos com fotos. sou uma mãe rabuda e adoro roludos.contos eróticos traindo rexcontoserotico loira fudendo com negaoconto erótico bucetas e cu a minha disposiçãocontos erótico sou evangelicahonme infinando a rola na bumda da moleconto erotico arrastaram minha namorada na festacontos eróticos me bater castigoConto erotico de evangelicascontos eroticos de faxineiras coroas safadascontos eroticos trai meu marido com meu chefeContos erocticos dei comprimido ao velhocontos eroticos cornos que nao desconfiacontos eroticos cachorro cheirando minha rolame comeu aindanovinhaMinha esposa é muito gostosa mais eu entreguei ela para outro homemfui errabada pelo meu avonoite maravilhosa com a cunhada casada contosminha sogra/contocontos sobrinho moreno loiracontos eróticos coroas na casa de repousocontos bdsm erposas escrava submissaler relato de suruba na casa da comadricontos de mulheres que tomaram ativador sexualcontos eróticos minha buceta pegando fogo i.piscandocontos eroticos-fui malhar com minha tia e acabei comendo o cu delacontos eróticos de comi a chata da clasemulher tem fetiche tama pirocada de travestimeu pai olhava pelo buraco na parede do quarto dele pro meu e se masturbavacontos gay transformado em putacontos de coroa com novinhoDei a bucha pro meu sobrinho virgemNetinhas mamando pica contoseroticoscontos eróticos da em cima da irmatenns gemeno e gritanoConto Erótico Primas putascontos suruba inesperada com a esposa e travestiContos de metidas nos cuzinhos inocentesconto eróticos c afilhadacache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html contos minha irmã minha putarelatos eroticos minha mulher me traiu e me contou adoreicontos de foder empregada