Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEMÓRIAS DE SADRA - A INFANCIA V

Click to this video!

MEMÓRIAS DE SADRA - A INFANCIA V





Oi...



Eu sou Sandra, resolvi dividir minha histária com vocês...

Os dias foram passando e eu vivia dividida entre os carinhos de Tânia, o fogo da Margarida e a maldade de André... este a cada dia ficava mais exigente... me fazia procurá-lo no quarto dele antes que amanhecesse... Já me esperava nu então eu ajoelhava na frente dele e chupava seu pau até que minha boca se enchesse de porra... antes do almoço eu tinha que ir ate o barracão e esperar por ele... André tinha arrumado o lugar... Agora tinha um velho colchonete, uma mesa e uma velha cadeira de braços. a não ser pelos propásitos o lugar ate ficou com um aspecto agradável. Contudo, André tinha prazer em me torturar... em me fazer sofrer... em vários sábados passava a tarde toda a mercê de seus caprichos...

Ainda me lembro do dia em ele me mostrou a cadeira pela primeira vez... ele tinha transformado aquela simples cadeira... num verdadeiro instrumento de tortura... como sofri nesse dia... logo que entramos ele mandou que eu tirasse a pouca roupa e esperasse ajoelhada no colchonete... então ele primeiro retirou os braços e o encosto da cadeira transformando-a num banco ou mesinha com dois furos no tampo um de cada lado. Pegou dois cabos de enxada e colocou um em cada furo... eu ainda não tinha entendido para que serviriam aqueles apoios que tinham ponta... pareciam ganchos. André então, pegou uma corda macia e amarrou minha mãos a frente dos pés, passou um terceiro cado de enchada pelos mues joelhos e me pendurou nos apoios... Hoje sei que aquilo era um pau de arara...

Pendurada como eu estava, André passou a me seviciar usando toda sua criatividade maldosa... hora socava o caralho todo de uma vez no meu cuzinho em seguida na minha boca... nem ligava para o fato de eu engasgar... ou para as minhas suplicas de que parasse... ao contrario disso metia cada vez mais fundo.

Parecia um porco... pela forma como grunhiu ao gozar... quando terminou me disse que providenciaria uma caixa de anticoncepcional para eu passar a tomar já que estaria na hora dele me fuder de verdade... eu gelei quando ele me disse isso.

Nem jantei naquele dia, de tão nervosa que fiquei... a noite tive outra surpresa... quando cheguei no quarto como sempre nossas camas já estavam juntas a minha e a da Tânia sá que a margarida tinha juntado a dela também e já estava me esperando embaixo do lençol... como a Tânia sá viria pro quarto bem mais tarde pois o puto do André tinha exigido que ela fosse pro quarto dele... eu me enfiei embaixo do lençol pra dormir... mas Margarida não estava disposta a me deixar dormir tão cedo... a danadinha tava nuazinha e mau e deitei foi pulando em cima de mim me beijando... chupando meus peitinhos... (continua)



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto de cunhada depilando o cu para levar varacontos eróticos menino pintinhocontos eróticos fui arrombada pelo começomeu corpo que era devastado pelo seu pau ainda duro contos eróticos contos eroticos namorado e amigo mesma camaconto erotico infancia brincando sem calcinhaesposa de langerycontos de sexo gay especial entre primoscontos de coroa com novinhocontos de gays sendo arrombados por varias rolasconto comi minha mae quando tinha dez anosconto erotico minha esposa com o pateaoconto fiquei pelado na frente da médicacontos eróticos com homens de pinto muito muito grande fora do normalContos dei para meu filho roludoeu confesso caso de incesto    Fudendo a prima,contocontos eróticos de negras no metrôMetendo na perereca da maninhaContos e roticos com gemeos i denticoscontos calcinhas de mamaeconto fala todas solteiro cornoesposametenocomoutroporno filadaputa faz devagar o teu pau é muito grande fui arrombada porvarios contossou casado mas fui dominado gaymãe e amigo contos eróticosporno gay cara com video game no rosto e o outro chega fode logocontoseroticos desde pequena adoro dar o cuzinhomorena bronzeada na locadora pornôerotico menininhacontos eroticos mulher testemunha de jeováchupando o clitoris da minha cunhadao computador da minha filha contofiquei de 4 e ele montou socando xingandomulher de chortinho aparesendo a beradia da bucetacontos cuzinho karinacontos eroticos jovem transando com a negra escrava parte 1fotos chapéu ao traveco até ele gozacache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html minha mulher pegou eu dando para o piscineiroaquela pessoa pirocuda da salaconto cutuquei pai na bundia deladei na infacia e não me arrependo contos gaysconto erotico de sera que meu marido não desconfia que chego com a buceta cheia de porra e ele lambe?Contos eroticos viagem longa incestuosacontos aliviando as tetas de minha irmaconto lesbica professora dominadaconto minha mostrouContos, Armaram pra mim pra cumerem a minha mulherContos afeminado c shortinho socadocantos erótico só dei do Forró BombadoConto minha mulher cuida do paicontos de foder empregadaasalto que.virou.suruba videoslena beijando sua amga gostosocomtos eroticos fui rouba e fudi a dona da casacontos eroticos homem casado dando para o primocontos de hilhas putinhas pro paidefrentezoofiliacontos gay chorei no pau do coroasobrinho dopa sua tia historia eroticaconto peguei a coroa dona do cormeciocontoincestocolocontos eroticos meu cunhado me comeu na epoca eu so tinha 11esposa seria bebada de biquini com o sogro"amor vou dar" amigo colegaesposa de langeryContos filhinhas calcinhacontos eroticos meu cachorro e minha primacontos eroticos novinha coroa ricocontos minha tara no bundao da mamaecontos eroticos esfrega esfregacontos erticos de ninfetasconto gay o negao comeu meu cucache:fqKHdRAEKq0J:studio-vodevil.ru/mobile/conto_27513_bebi-demais-e-virei-corno-na-praia.html contos mulher espreita homem a masturbar-seminha namoradinha me provocou pra fuder brasilContos casal pelado na praiaContos gay studio fotograficover contos porno anal no onibos de escurcaoxoxota toda ardida com a madeira dentropai gosano dentro da eintiada. ela gritacontos punheta rapidacontos minha filha enrroscada na minha picacontofudi minha cunhada