Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PERDI MINHA MULHER NO POKER!

Click to this video!

Me chamo Alexandre, 29 anos e minha mulher, Juliana, com 30 anos. Esta estária aconteceu em maio de 2007 aqui em SP, em uma casa de jogatina que, apesar de ilegal, é frequentada por muitos empresários e autoridades. Eu sempre jogava lá semanalmente até aquele fatídico dia, em que o cacife foi de R$ 1.000,00 e a coisa foi tomando volume. Eu fiquei até as 19 da noite na mesa e neste momento já estava em 40 mil, quando estávamos eu e mais dois na mesa e o Marcio, um agente financeiro mandou bala em duplicar para 80 mil. Felipe que estava junto na mesa saiu e eu, que estava com um Full-house de A sobre J, aceitei a troca, mas disse que não tinha cacife pra isso, quando o Marcio disse, aceito sua mulher como pagamento. Confesso que nem me importei pois eu tinha certeza que ia ganhar e também achava que era zueira; mas infelizmente o Marcio abriu a mãe e tinha um Straight Flush, algo difícil no poker e praticamente impossível para minha visão. Disse que daria meu carro que vale R$ 28 mil e acertaria o resto parcelado, mas ele me disse. “ vc me deu algo em garantia que quero!” me senti ofendido e o chinguei, mas aí vieram o Felipe e o João, que era o gerente do cassino, e disseram que palavra é palavra, se eu não cumprisse a promessa eles não garantiriam a minha integridade física e a da minha família. Não tive outra alternativa a não ser ligar pra minha mulher e pedir pra ir me buscar, dizendo que eu estava com o carro quebrado. Depois de uma hora com os caras tirando sarro que comeriam minha mulher na mesa de poker, ela chegou. Eu fui até ela e disse que não sabia como falar, quando o João disse. “Seu marido apostou a senhora no poker e perdeu, agora o credor quer receber” a Juliana olhou pra mim com lágrimas nos olhos e disse. “não acredito que você fez isso!” eu pedi perdão e disse que foi uma grande burrice, ela disse porque não apostou o seu cu? Me senti completamente humilhado vendo a situação a qual coloquei a minha mulher. Aí ela disse ao João. “ok, eu farei o que for preciso mas sá se fizerem o mesmo com ele, que me apostou, pois assim ele saberá onde colocou sua mulher” ao ouvir isso o Felipe já deu risada dizendo que iam comer dois rabos aquele dia e eu olhei pra minha mulher e perguntei porque? Ai ela disse, porque já que eu vou ficar com fama de vagabunda, que vc fique com de viado. O João disse pra gente ir à sala que seria na frente de todos que estavam lá, acabamos indo e, ao chegar, o Felipe já chegou beijando a Juliana e o Marcio tirando sua calça e colocando o pinto na mão de Juliana. Quando tentei não olhar eles gritavam, pode olhar porque vc vai ver a cagada que fez. Juliana parecia uma estátua, não se mexia enquanto Marcio e Felipe passavam a mão e o pinto nela, a mandaram tirar a roupa e ela tirou, estava de jeans e camiseta, quando ficou pelada mostrou seu corpo que é muito bonito, bem malhado já que é dançarina e eles ficaram loucos, eu percebia que Juliana ia ficando à vontade e tive a impressão que estava até gostando, começou a chupar o Felipe enquanto punhetava o Marcio, eles tinham pinto maiores que o meu, e parece que a Juliana estava adorando duas pirocas à sua disposição. O Marcio começou a chupar a buceta de Juliana e ela soltou uns gemidos, pois sempre adorou ser chupada, neste momento o João, que estava vendo com mais dois caras na sala, deram risada e gritavam, olha a putinha do Alexandre gostando de se mostrar na frente do marido. Neste momento eu não estava acreditando no que via, minha doce mulher se deliciando com dois caras que até minutos atrás eram meus amigos de poker. Marcio mandou a Juliana sentar no pau dele enquanto continuava a chupar o Felipe, a Juliana prontamente o fez e sentou com vontade, enquanto um metia ela chupava a vara do Felipe que parecia ter mais ou menos 20 cm com vontade, até engasgando, de repente vejo a Juliana guspindo, não é que o Felipe gozou na boca da Juliana? Eu nunca fiz isso e agora vejo estes caras fazendo isso? Neste momento mandei o Felipe tomar no cu pois era muita sacanagem, tão logo eu falei isso, a Juliana mandou o Marcio tirar a pica dela e enfiar na minha boca, pra calar e sentir o gosto da buceta dela no pinto de outro homem, e lá veio Marcio que mandou eu chupar sua pica dizendo, “chupa a pica que comeu a biscate da sua mulher seu viado” tive que chupar, com nojo mas não pude falar não. Enquanto eu chupava a pica do Marcio o Felipe que já estava duro de novo estava comendo minha mulher, neste momento o Marcio gritou, o cu dela é meu heim! Eu lá chupando o pau do Marcio, minha mulher sendo comida por Felipe e todo mundo dando risada, fui eu quem procurou isso. Felipe disse que ia gozar de novo quando ela mandou ele gozar na minha boca, e lá veio ele... o filho da puta gozou na minha boca e mandou engolir, eu quase vomitei mas engoli. Neste momento o Marcio já foi ate a Juliana e disse que queria o cuzinho, ela se virou de quatro e falou, vai logo que amanha tenho que trabalhar! Ele forçou um pouco e mandou ver nela, enfiando um pouco rápido pois ela gritou de dor, o Felipe disse que ia comer a buceta dela de novo enquanto o Marcio comia seu cu, e conseguiram fazer isso comela, coisa que eu tinha visto sá em filme e agora a atriz era a minha mulher. Eu lá com a cara cheia de resto de porra dos caras que agora fodiam e judiavam da minha mulher. O Felipe disse que também queria comer o cu da Juliana mas o Marcio disse que o único cu que ele ia comer seria o meu, e lá veio ele, mandou eu abaixar as calças e começou a meter, meteu sem dá usando o melado da buceta da Juliana pra lubrificar meu cu. A Juliana gritava, esta vendo como é bom? Não apostou meu corpo mas agora vc vê como é bom viu? E até deu umas risadas cínicas, enquanto isso o Marcio comendo o cu dela e o Felipe o meu, certo momento o Marcio disse que ia gozar e a Juliana mandou gozar no peito dela, se virou e o Marcio gozou, quando terminou ela juntou a porra do Marcio com as mãos e levou pra esfregar na minha cara, acho que o Felipe ficou louco e disse que ia gozar também, mas ai a Juliana disse, você pode gozar, mas no cu dele. E lá fui eu tomando porra na cara esfregada pela mãos de minha mulher e no cu pelo Felipe. Quando eles terminaram o Marcio disse que nem ia querer carro pois até empregados dele tinham carros melhores, mas que sempre que eu quisesse apostar algo,a Juliana seria sempre bem vinda. Fui embora com minha mulher e nunca mais voltei pra lá, a Juliana disse que estou devendo pra ela o resto da vida e que terei que fazer tudo o que ela quiser e comprar tudo que desejar, pois se um dia eu falar não, ela fala pra todo mundo na separação que eu chupei pau e dei o cu pra pagar dívida de jogo.

Esta estária é real, se quiser compartilhar algo comigo, meu email é [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Tuco e nene buceta da grande familiAcontos eroticos traindo marido na viajandoconto erotico tirei a calcinha da gataconto pegei minha cunhada novinha se mastrubandoporno contos pintando a cssa da casadarasguei a camisinha sem ela perce er e gozei dentro/contosBebada me bulinaram contos eroticosconto com tio no aniversáriocontos eróticoi enfie o dedo na inocente no ônibus anal incestominha mae me prostituia conto eroticoMãe mamando filho contoseroticoscontos eu minha esposa e dois comedoresconto minha mae chupando meu pau com meu pai ao ladoconto gerou comer a sogracontos eróticos priminha caçulaconto erótico ray infânciacontos calcinha da puniçãoconto porno mulher gosta pau 25cmContos eroticos: desde novinho era afeminado louco pra da o cufui chantagiada pelo meu amigo de trabalhocontos eroticos mim arreganhei pra papai e ele caiu de boca na minha bucetamulher depravadaconto erótico meu padrinho me estuprouvelhinho roludo comeu minha namorada contos iniciantescontos eroticos no acampamentoconto arrombando namoradaContos eroticos estrupei minha filha renata por ver filmes porno de pai e filha no meu computadormendiga pedindo pra comer seu cu apos o dela era vigemContos um garota me ensinou oque era uma punhetaPai filha chuva dourada contos euroticoscontos eróticos escravo de minha irmãcontos gays teen dando o rabomelhorescontos eróticos gosando pelocuconto sexo minha noiva virgemnovinha peguei no pinto do cachorro relatosporno doido mulher durmindo com abumdas pra foracontos eróticos isto e realviajo da bundona aqui na Dona a mostrando o c*eu tenho 22 anos de idade minha tia linda e gostosa ela e separada do seu ex marido minha tia ela me convidou pra eu ir viajar sozinho com ela pro litoral no final de semana eu e minha tia fomos sozinhos no seu carro pro litoral eu e minha tia fomos pra um hotel minha tia disse pra mim meu sobrinho vamos pra praia eu disse pra ela vamos tia pra praia minha tia foi pro banheiro ela saiu do banheiro com um biquíni fio dental eu disse pra ela tia você e linda de biquíni eu fui com ela pra praia minha tia disse pra mim pra eu passar bronzeado nela eu comecei a pensar bronzeado nela eu e minha tia fomos embora da praia pro hotel minha tia disse pra mim pra eu ir tomar meu banho primeiro no banheiro eu fui pro banheiro toma meu banho eu sair do banheiro minha tia foi pro banheiro toma seu banho eu fiquei deitado na cama minha tia ela saiu do banheiro enrolada numa toalha minha tia tirou sua toalha na minha frente ela ficou nua ela deitou na cama ela me deu um beijo na minha boca ela disse pra mim meu sobrinho fode minha buceta eu chupei seu peito eu disse pra ela tia sua buceta raspadinha e linda eu comecei a chupar sua buceta ela gozo na minha boca ela pegou no meu pau ela disse pra mim sobrinho você tem um pauzao ela chupou meu pau eu comecei a fuder sua buceta ela gemia no meu pau eu fundendo sua buceta ela gozo ela disse pra mim meu sobrinho fode meu cu conto eróticocontos fiz o cuzinho da mamãefizemos sexo bi com um estranho contoSo passei a rola na buceta da minha professora na salainquilino viu as minhas calcinhas contos eroticoconto usando calcinha da irmacasada dando o cu no bairro de na casa do ferantecumendo cu da mae e tia contos eroticosContos erotico comeram meu cu ate eu desmaiarcontos traindocontos encesto mae coroaConto erotico ninfefinha puta adora vver a buceta babadaContos eroticos cu ardidomeu irmao me comeu gravida conto fotocontos eroticos gays viagem de ferias para fazenda com dotadome foderam muito cedo contoseroticoscontosfudi a mae da minha mulherCasadoscontos-flagrei.Contos eroticos-lesbica enfiado virgembrincando de pega pega com a gordinha contos eroticosrelatos de comadre dando a buceta pro compAdrecontos eroticos novinha da bunda arebitada Sou casada fui pra um acampamento com os colegas a amigas putascontos erotico maes rabudas c a familia n festa.conto de irma que viciou em dar o cuzinhocontos eróticos irmazinhaconto erotico o viadinho de calcinha no asilocontos eroticos gay meu tio de dezessete anos me comeu dormindo quando eu tinha oito anosfiquei com a buceta ardisa pela grossa rolaso contos de travesty dando o cu varias vezes ate ficar bem aronbado bem largo que cabe a mào dentroContos gay studio fotograficoconto erótico gay taxista manausContos eróticos mae do meu amigocontos sexo a ninfetinha tarada e virgemcontos eroticos madrasta lesbica obrigo eu da u cuencoxei e dedei minha sobrinhacontos eroticos o tio safado e pintudo