Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

BRINCANDO DE BONECA, MAMANDO DE VERDADE!

Click to this video!

Sempre fui muito ingênua nesses lances de sexo. Brinquei de boneca até aos 19 com a minha prima Luisa. Nás morávamos longe uma da outra e nas férias passávamos juntas. Por ser muito tímida, não tinha muitas amizades, nem na escola e nem onde morava, por isso era muito apegada a minha prima. Luisa era dois anos mais velha do que eu, tinha um corpo bem desenvolvido, um peito de fazer inveja! Eu na época não tinha muito corpo, magra e com cara de menina. Lembro-me que na nossa infância Luisa falava de namoradinhos que tinha e o que deixava os meninos fazer com ela, eu horrorizada, achava tudo muito nojento. Certa vez, já mocinha, Luisa veio passar as férias comigo e assim que chegou foi logo me puxando pelo braço para brincarmos de boneca. Ouvi minha mãe falar "tão grande e ainda brincando de boneca!" Minha tia defendeu-nos: "Deixa as meninas aproveitarem a infância". Até hoje me lembro dessas palavras da minha tia, coitada, nem imaginava que tipo de "brincadeiras" aconteciam naquele quarto! Assim que Luisa me puxou, entramos no quarto e sem a menor cerimônia trancou a porta. Fui logo pegando a minha boneca preferida, Luisa disse que não precisaríamos da boneca porque eu seria a sua boneca. Claro que havia más intenções nessa proposta, mas na época nem me liguei nisso. Deitou na cama, levantou a blusa, seus seios enormes saltaram empinados diante de mim. Fiquei impressionada com o tamanho deles. Luisa puxou minha cabeça para que eu mamasse nela como fazíamos com as nossas bonecas. Meio sem jeito meti a boca em seus mamilos duros, chupei com força, ela baixinho gemia. Afastou minha cabeça e disse que eu deveria passar a língua por cima dos seus biquinhos e depois sugar com força. Fiz isso e ela se contorceu toda. Perguntei se doía, já que ela gemia tanto. Luisa riu gostosamente, disse que a brincadeira agora ia ficar melhor. Levantou-se da cama, pegou sua mochila e tirou dela um embrulho de papel amassado. Disse que agora brincaríamos de bichinhos e eu seria sua cachorrinha. Desembrulhou uma caixinha de leite condensado já aberta, tirou o short e a calcinha, deitou na cama, abriu bem as pernas e lambuzou a xoxota com leite condensado. Eu era a cachorrinha e deveria lamber tudo. Meti a boca e quase de uma vez sá chupei todo leite, mas ela zangada disse que teria que ser devagar, lamber primeiro e depois chupar. Passei a língua sobre seu grelinho já inchado de tesão e fui chupando onde havia leite condensado. Ela pressionava minha cabeça contra sua xoxota, rebolava na minha cara e dizia que eu deveria enfiar a língua dentro do seu buraquinho. Enfiei e ela se tremeu toda, com mais força segurou minha cabeça e disse que eu deveria engolir um outro leitinho que sairia da sua xoxota. Eu com a cara quase toda enfiada dentro dela, senti algo mal cheiroso e de gosto horrível descendo pela minha boca. Quis tirar a boca, mas ela segurou firmemente minha cabeça e gozou na minha boca. Cuspi tudo e tentei limpar a boca com a mão. Não queria mais brincar daquilo. Ela carinhosamente me deu o restinho do leite condensado para beber, o que tiraria o gosto amargo na boca. Me fez tirar a roupa e disse que seríamos papai e mamãe. Deitou-me na cama e por cima de mim ficou se roçando, senti algo gostoso nesse roça-roça e meti a boca nos seus seios. Foi instintivo, ela ria e se esfregava ainda mais em mim. Meteu um dos dedos dentro da minha xoxota e eu é que passei a me contorcer. Chupou meus seios miúdos, ainda em desenvolvimento, desceu sua língua pelo meu corpo magro, chupou minha xoxota com uma agilidade que ainda hoje desconheço. Nesse momento tive meu primeiro orgasmo, uma sensação gostosa explodia em mim. Descobri as delícias do sexo e passamos a "brincar de boneca" mais vezes. Dois anos depois, eu já com 19 anos e Luisa com 19 já fazíamos loucuras dentro do quarto, sá que dessa vez com vibradores.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Angélica se depilando no banheiro pornô dela pornô de Angélicarodolfo era meu vizinho me chamo ana contos erótico Amigos de meu filho eu provoquei e eles vieram conto eroticomenininha e novinha sendo e******** contos eróticoscontos eróticos muleque pega no flagra muleques tocando punheta no matovoyeur de esposa conto eroticocontos gays comessado pelo primocontos coroas terceira idadecontos eróticos um cavalofui pra casa da minha tia ela cuidou de mim conto eroticovídeo porno mulhercoloca um vibrado na buceta antes de ir trabalharconto eróticos minha madrinha de infânciaconto erotico meu bezerro boqueteiroconto erotico esposa sofre com o negaocontos erotico de estuprocontos eroticos dei meu cu pra todoscontos eróticos de bebados e drogados gayscontos recentes incestos encoxados segredos flagradosConto erotico minha mulher alivia os punheteiroirmao com ciumes contos eroticoscontos esposa bi sexual marido sortudoContos eroticos: Fui forcada por meu pai ohohhcontos eroticos na praiacontos eroticos crentesvisinha casada o novinho contos com fotoscontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandroscomi minha tia conto realistaconto muito gata quis anal dotadoContos fudendo elapeitinho solto embaixo da blusacontos tia de 57 anoscontos a punheteira do papaicomi varios cu na casa de sungcontos eroticos de incesto deixando a irma com ciumescontos eróticos primeira vez q peguei na buceta da minha namorada contos com a visnha casada escondido oacontos coroa 58 anos pau grossocontos eróticos solitáriocontos gay descobri a mulherzinha que havia em mimconto erotico amigas chupei cunhadacache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html contos eróticos família vavela minha mãe comigo no banheirofui na casa de massagem e fui enrabada contos eróticoscomtos de incesto com subrinha na caxuera no carrocontos eroticoc de senhoras casada se vingando dando o cu pra negoescontos eclxado a tia de sainhacontos safadezas com a tia casada inrrustidacontos eroticos porteiroContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadoro meu padrasto me arrastou pro matagal contosinquilino viu as minhas calcinhas contos eroticocontos heroticos gay meu tio de vinte anos me comeu dormindo quando eu tinha novecontos masturbtransando pela primeira vez no boa f***contoserotico loira fudendo com negaoporno gorda pula em cima do rosto da amigacontos eróticos gozei com o ficantecontos eroticos negrinha casada ficou bebada na festa mais de treze caraas fizeram suruba com elaconto erotico pai come nora e o filha veComo eu faço para passar a minha pica dura na bunda da minha tiaContos fui violentada ate sangrar o cu e a bucetacontos eroticos, venerava meus mamiloscontos erotico comi cu da tia no conventorecebru varias calcinha de presente contos eroticocontos eroticos no escurocontos de coroa com novinhocontoseroticostesaocontos eroticos corno e amigo onibus de viagempapai descobriu contos eroticosEu Bêbado e Ela Se Aproveitou Contos Eróticos