Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TREPANDO NO TRABALHO

Click to this video!

Depois do primeiro conto fica mais fácil descrever o segundo, mas não menos safado. A rainha continua com tudo em cima, cada vez mais rebolando o seu bumbum e provocando, fazendo aquele cara de delicia e de safada, louca para trepar bem gostoso.

Me dirigi ao seu encontro, a cumprimentei e disse como ela tava gostosa, e que já estava com saudades de sua bucetinha. Ela rebateu e disse que já estava prontinha e que queria o meu pau naquele dia, sai já pegando fogo e arquitetando como iria novamente comer aquela delicia. Como o estoque não fica sozinho e raras são as oportunidades, imaginei que sá daria para encontrar mesmo no horário do almoço.

Entrei em contato com ela e propus que ficássemos um pouco depois do horário do almoço, para que pudéssemos dar uma rapidinha para abrir o apetite, ela não se fez de rogada e disse que adoraria dar uma gozada antes de almoçar. Combinado de ficar, esperei as horas passarem, meia hora antes das doze, entrei em contato novamente com ela e comecei a falar putarias para ela, como eu ia coloca-la de quatro e meter todinha, como eu gostaria de que rebolasse sentadinha no meu pau, eu no intuito de deixa-la molhadinha de consegui, a safada me disse que já estava com a calcinha molhadinha, e que não tava mais conseguindo se segurar, tava com uma vontade louca de enfiar a mão dentro da saia e meter um dedinho na buceta, aquilo me deixou de pau duro na hora. Finalmente as doze horas haviam chegado, aquele alvoroço que gente saindo e cada vez ficando mais calmo. E eu cada vez ficando mais safado esperando a rainha entrar na minha sala, não demorou muito entrar ela com uma cara de safada, uma cachorra no cio, levantei prontamente da cadeira e fui ao seu encontro, abracei e agarrei na sua bunda enquanto lhe dava um beijo ardente cheio de tesão. Começamos nos agarrar e a gemer, as nossas mãos estava mais que inquietas, percorriam o corpo um do outro com voracidade. Nossas roupas começaram a cair do corpo, sua blusa eu tirei e chupei seus seios deliciosos, enquanto isso, com maestria ela tirava o meu cinto e desabotoava minha calça, descendo o zíper meteu a mão dentro da minha cueca, tirou o meu pau para fora e começou a tocá-lo, continuava a chupar e morde seus seios, passando a mão na volúpia que é seu bunda, entrando a mão por entre suas pernas e sentido a calcinha toda molhadinha, afastei delicadamente e enfiei o dedo na sua buceta que arrancou-lhe um suspiro, o que a deixou com mais tesão ainda, pressionou o meu pau com mais força, me encostou na parede e desceu e colocou a boca no meu pau com uma fome, me chupava e babava meu pau, me deixando louco, ver a boca dela toda com meu pau todinho dentro era a visão dos deuses, ela tirava a boca toda, segurava meu pau e lambia parecendo um picolé, sua expressão de safada me deixava mais com tesão. Puxei para cima e fui ate a cadeira onde me sentei, não deixei sequer tirar a calcinha, sá coloquei de lado e fiz ela sentar bem gostoso com tudo, o que a levou a um estado de êxtase e de um gemido gostoso demais. Comecei que instantâneo a pular em cima de mim, seus líquidos me molhavam todos, descendo no meu pau, o estado de excitação era demais. Pulava em cima, trepava como ninguém, eu chupava seus seios com fome, e mordia, o que a deixava louca, com a intensificação dos seus gemidos vi que estava para gozar, o que deixou meu pau duro demais a ponto de doer, via a expressão de como estava gostoso e de quanto estava perto dela apertar meu pau todinho com aquela buceta no orgasmo poderoso, sem mais aguentar ela me fala que ia gozar, pulou mais uma vez e rebolou em cima ate gozar, soltando gemidos e gritinhos, uma maravilha de se ver. Suspirou um pouco, respirou, dei-lhe um beijo e coloquei de pernas abertas em cima da mesa, visão privilegiada meu pau entrando com tudo e saindo do meio de suas pernas, bombava com tudo, agarrado na sua bunda fazendo a alavanca trazendo ela com força para mim, enfiava com tudo a mesa tremia, eu tremia, tava chegando a minha gozada, não acreditava tava ali na mesa trepando com aquela delicia, bombava e então anunciei a chegada da gozada, enchi a buceta dela todinha com meu leitinho, ainda fiquei parado um pouco que era para derramar todinho dentro dela...visao ao terminar era nás dois suados com cara de êxtase, demos um beijo e nos vestimos, fomos para nossos destinos almoçar e descansar. A tarde começamos um novo jogo...mas isso é para outra historia....

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


o corinho do pinto dele nem descia ainda contos eroticostexto mae cuida filjo asidentado filho fodeu bucetaDesvirginando a subrinha de 18 anos"me enraba" cornocontos erotico chantagiei e depilei minha sografui trabalhar e meu marido usou minha calcinha fio dental contosvídeo do Seu Madruga metendo a pica no c* da Dona Florindacontos tio no carrocontos dei para meu cunhadinho novinhoconto erotico perdendo a virgidade com o porteirocomendo a boca da prima contoencesto mae envagelicacontos eroticos cachorro cheirando minha rolaConto mana onibuscoroas ensaboando cacete do jovencontos eróticos no elevador o tesão falou mais alto e fui corno contos dexei minha mulhe tomando no cu na minha frenteconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeuo pito da minha sobrinha e o cu da cunhada contoscontos de casada rabuda fiel e fogosa cantadaconto de mulher que se masturbanamorada deixou cara de pau duro contostia travesti contoscontos eroticos corno e amigo mesmConto comendo a cu dar empregada por chantage dei minha buceta para os amigo do meu filho contos eroticoconto acabei comendo o cuzinho delaComtos heroticos da cunhadinha viviane dando pro cunhado reinaldoconto erótico viadinho de calcinha é enrabado na construçãonoite maravilhosa com a cunhada casada contoschupando buceta com gosto como se beijase uma bocaninfeta chupa buceta e cospe a goza com nojoIrmas casadas taradas carentes sendo enrabadasmulher que ja sento no maior peni todo atoladoela sentava no meu meu colo e adorava contos eroticoscontos erotica de estrupamento de ninfetosconto erotico calcinha neguinhogayzinho passou rebolando na minha frente contoO que e aclauzaassistir filme pornô mãe então você tá grande meladacontos eróticos gay surubacontos: sentei no colo do velhomulher ensabuando a buceta grande.comendo cusinho da baba da minha.sobrinhaminha sogra ensinou a dirigir contos etoticospintinho durinho molequecontos eu minha esposa e dois comedorescontos eroticos chupadabaxinha no hotel com namoradocontos eróticos online pai tarado e filinha devassaconto gay meu sobrinho virou amantefui trepada pelo jegue di meu sogro. conto eróticovideos de cornos que chuupamCOnto a vizinha amamentandoConto gozou muita porra no meu cucontos filho fudendo com a maeengolindo ate o talo contoscontos eróticos praia de nudismo dois idosos gays fudendo contoscontos eroticos esposa fumanteconto erotico praia em familiaIncesto com meu irmao casado eu confessocontos eroticos minha sobrinha meu amor part1foda entre maninhos conto heteromiudinha de calcinha xvidio.comContos engoli porra grossa grudentaConto doente mental gozeicontos eróticos brincando de casinhabati uma siririca pra meu cunhado contoscontos depois de velha fui arrombadaFui corno e gostei muitocontos eroticos algemada e sentindo um tesao e eles ainda me torturava mexendo na minha buceta boquete no casado contofui arrombado no cuzinhoPorno conto casa abondonada eu e o viadinhocontos eróticos de brigas e submissão aventuras com travesti Portugal contoboqueteira gaucha contomacho coñoca calcinha e da o cuadoro usar as calcinhas da minha esposacomo arrombar um cu virgem ticacontoseróticossobrinha menininhaporno gay pai apostou cu para o vizinhoConto erotico novinha.pediu pra passar bromseadorconto viúva fogosapeguei meu amigo f****** as tetas da minha esposa na cozinha contos eróticosamava bater punheta no pique escondecontos eróticos de bebados e drogados gaysimagens da tia perucas com a calcinha enfiada na bucetacontos eroticos namorada casa de praiagozou nela e espirrou porra em mimcontos eroticos dentista coroa casada tarada por sexomulheres religiosas corpo bonito seio grande quadril largo transandorasguei a camisinha sem ela perce er e gozei dentro/contoscontos eroticos o bicho do tiodeixei outro homem gozar dentro conto eroticocontos de cúcontos homem maduro come cuzinho do japacuzinhopiscanoassistir filme pornô mãe então você tá grande melada