Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O PRIMO DA MINHA MELHOR AMIGA.

Click to this video!



A minha melhor amiga é uma morena de outro mundo. Um metro e setenta de pura beleza.Cabelo até metade das costas, seio meio médio, tipico da idade. Uma cintura perfeita, tipo de garota que vai virar um mulherão. Uma bunda que é um molde para cirurgião, parecendo cilicone. Enfim um corpo perfeito,os homens tinham vontade de devorar.O tempo todo era isso em nossas vidas, eu e ela totalmemte desejadas e sá 19 anos e meio de pura sapequice. O rosto eu nem cito, de uma perfeição incrível. Ou seja um desenho de morena, meio branquinha, uma boca gostosa por demais uma boneca, um tesão para os homens de todas idades e algumas mulheres como ela mermo me contava as vezes.



Eu uma branquinha meio que com cabelos castanhos claros, uns seios mas fartos, ujma cintura mas larguinha, uma beleza de mulher, com muita sacanagem dentro do corpo e muita pressa de aproveitar as coisas boas.tbm um tesão de mulherzinha.



O primo dela um rapaz de uns trinta e dois anos, era uma graça de bonito, não era o mas bonito de todos mas tinha uma marra que m deixava louca de tesão, minha amiga sempre falava p n c meter com ele que ele era safado e muito mas velho. Não tinha jeito, essa histária de novinha se seduzida é maior papo, a novinha cheia de fogo nimguém segura, ela seduz quem quiser.



N dia da festa d um ano do sobrinho dele lá estava eu dando mole p ele, esse dia ele n aguentou.Eu e m amiga chegamos e falamos que ele estava um gato, ele meio que c irritou e mandou q eu fosse p corredor da lavanderi, lá fomos eu e ela, chegando lá ficamos um minuto e pouco q parecia uma eternidade, e ele veio, veio direto e n falou nada, deu um bjinho n canto da boca d priminha q pelo q eu conheço ficou doida d tesão e veio p cima d mim, m deu uma puchada e começou a m beijar feito um pilantra, eu n aguentei comecei a engolir aquela boca gostosa a morder um pouco, largava engolia d novo a lingua e roçava contra o pau duro e grand dele, m amiga sá tomando conta, cheia d tesão.



Ficamos nesse amaço gostoso até q ele pilantra q é começou a levabtar m mini blusa até alcançar os bicos duros d m peitinho, m amiga olhou horrorisada e c uma cara d tesão q meu tesão dobro, ele foi alternando entre me baba a boca toda c bjs gostosos e molhados, a lambusar meus peitos todos c um tesão d louco, o pau explodindo em mim por dentro d calça. Quando eu olhei p lado m amiga tava possuída d tesão quase q m suplicando p participar, acho q foi o vinho. Eu fiz c a cabeça e ela veio, eu respirei um pouco e fui p corredor vigiar. Eles c olharam meio s jeito pelo q tava rolando mas n aguentaram, partiram p cima um do outro num bj louco, ele começou a chupar e morder a boca linda dela.



Eu nunca tinha visto ela assim, acho q o vinho, o fato d serem primos, a putaria d estarmos dividindo um cara e + velho aida por cima deixou ela louca, esfregava a buceta p frente quase quebrando o pau dele, calça com calça e c bjvam loucamente. Ele n aguentou abriu e arriou a calça dela até a canela ali mermo, eu fiquei pasma e doida, abandonei m posto e fui bj ele feito uma tarada, o puto m embolou meus cabelos n mão e m forçou até a boca dela, eu meio q resisti mas ela veio e m engoliu com um tesão q eu nunca tinha visto.



A coisa endoidou d vez, começamos a nos engolir como que pra tirar um tesão enrustido desde dos 11, 19 anos quando trocávamos uns estalinhos, ele foi vigiar e nás começamos a lamber a língua uma d outra, a chupar os biquinhos uma da outra, puxar o cabelo, lamber pescoço e orelha e dale bj na boca.



Quando olhei p lado ele tava c um pau d uns 19 cm duro feito pedra, nem mau falou p mamarmos ela já tava englindo como uma especialista, eu n aguentei e comecei a disputar c ela a rola gostosa dele.



Ele levantou a priminha botou toda arreganhada meio q deitada na bancada da lavanderia e puxou c o dedo mindinho a calcinha para o lado e meio q em pé, começou a chupar c carinho aquela chota quase toda raspadinha e quase cabaço daquele sonho d garota, eu meio q sentada n chão engasgava até quase vomita c o pau n garganta. Eu fazia barulho d vomito e m amiga d quem tava gozando.



De repente ele puxou o pau e foi enfiando sem pena n priminha, eu levantei olhei o corredor e voltei p lado deles, ela gemia e gemia cada vez + alto, e ele falando-

--geme sua gostosa, vai gozar vai?

--Vo vo dizia ela- ele enrolou a mão no pescoço dela puxou p perto começou a bj loucamente, meio q dando umas cospidas na boca dela e bjava d novo.

-- Levanta garota chupa minha rola e a buceta dela toda arrombadinha- eu tentei fazer q não c a cabeça, ele num ato d puto m deu um tapa meio forte e meio fraco n cara e m ordenou - obedeci.

-- Isso cai de boca vai, chupa essa pica, chupa essa buceta vai, vai

-- Sai, sai q eu v meter tudo nessa putinha

-- Me come tbm- minha amiga explodiu, explodiu em um gozo q achei q fosse desmaiar e desfaleceu p lado. Assumi o lugar d puta, já toda lambusada

-- Agora é vc sua gostosa- e começou na m arrombar feito um louco, n aguentei e explodi tbm, explodi como nunca havia.

N satisfeito ele mandou ajoelharmos e gozou numa punheta linda d c ver, nos ancharcando e nos obrigando, claro q queríamos, a nos beijarmos feito loucas.

Não sei como n fomos pegos.

Amamos esse pilantra.

C quiser brincar c ele basta ser de maior, porém meio q nova, inteira é claro.......bjs fui---Mande e-mail

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos brincando escondido infanciaA chapeleta arronbou minha bucetinha contoscontos eróticos apostei minha mulher d perdiesposa rapaziada contosContos porno minha namorada mi engañoMeu nome é Suellen e essa aventura foi uma delícia.rnSempre nos demos bem, erámos vizinhos e amigos. Eu tinha 18 anos, ele 16. Nossas casas são práximas, tanto que a janela do quarto dele dava pra janela do meu quarto. Eu sempre gostei de provocá-lo,contos de zoofilia em bordeiscontos-gays fui arrombado por um bombeiro no motelvoyeur de esposa conto eroticoconto erótico novinho escondidi escurocontos eroticos filho fez chantagem e comeu a maecontos eroticos eu creci chupando pau grandeconto de irma que viciou em dar o cuzinhomarido viado hormonios femininos conto eroticoconto de arrebentando o meu cu com a pica grandeContos de leitores reais swingcuzinho de entiada contos veridicocontos com fotos no carnaval levei chifregostosas de caixote apertadinhacontos eroticos trair meu marido no puteirocontos eroticos de como eu perdi minha virgindade aos 16contos eróticos inquilina pagou o aluguelconto erotico na piscinaconto erotico comi.a .mulher.do meu amigo.corinthianocontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigoo que sua esposa achou do menage femininoContos o comedor da madrugada do soniferoconto uma viagem muito gostosacontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigoyravesti gorda xvidiocontos eroticos de padrinhos com virgensConto erotico Seu Madruga gay.contos eroticos meu sobrinho pauzudocontos eroticos minha amiga e seu marido me maltrataram com piça conto meu marido choro quando o negao me estrupoContos eroticos putinhasconto porno a virgem babicontos de mulheres viuvas sendo pelo penis grandecontos eroticosproibidoComtoerotico profesorinhaContos crossdresserconto sentei no pau do meu tio com dez anosapremira vez da fenandinhacontos reais buceta gorda siriricaconto erotico flagraminha mulher tá ficando conclusão tem alguém comendo contos eróticoslevantou umas da minhas pernas,se encaixou na minha entradinha e foi metendo devagarzinhoConto erotico de sobrinho com tia aliceporno contos casada comprando mandiocaContos e fotos de sexo no carnaval mtaputariavelha peituda cheia de celulites contominha esposa me convenceu dedos no cu conto hormonal femininoscontos eróticos putinha na madrugada na ruasequestrada e arrombada a força contocachorro do pau grande comendo a mae conto eroticoContos eróticos de incesto filinha mimada do papaiContos dois na minha mulhercontos cunhada crentefiquei de pau duro quando mi.ha esposavi minha namoradinha perder a virgindade contos eroticosSou novinha e putinha boqueteirá do papai contoseroticoscontos na praia tirou o selinho da cunhadinha novinhaConto eroticos no beco escuroesfregando na irma caçula contoscontos eroticos familia unidacontos eróticos sobre tia bucetudaContoseroticosnafazendacontos sou safada dei a bunda para os meninos flanelinhacontosvoyeurtanguinhas usadas contoscontos eróticos primos amantescontos eroticos casada em casa sozinha com enteado fazendo massagemconto erotico neu rabo seduziu meu subrinhoclassificados evangélica procurando cornoContos com belas picasContos eroticos filha rabudacontos eroticos era enormeDanadinha sapeca contoso home infinando a rola na bumda da molecoki a amiga da esposa contoscontos ela me feminizoucontos erotico d fui dormi so d calçinha com papai me ferreicontos eroticos dona marcia coroa rabudaEu olhava a bucetinha de melina e ficava loucoresguardando a namorada contoincesto tio ginecologista bolinando sobrinha de dez anospia se acha ser pausudoMas que dor horrível conto pornocontos/eu e minha mulher fomos assaltados e enrabadoscontos de putaria em familiaDesvirginando a sobrinha de 18 anoscontos de lesbianismo no acampamento de escoteirasamiga da buceta e bunda grandes contos eroticosMoleque fez minha esposa nojenta mama sua rola historias eroticasporra minha secretária tem a bunda deliciaCorno leva a mulher ao cinebolsocontos eroticos prima 32nospai me comewww.dei a buceta com dez anos conto