Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PAPAI ME PEGOU DE JEITO_O ESTUPRO

Click to Download this video!

Meu nome é Angel, tenho ** anos, sou loira olhos verdes, peitinhos pequenos e

durinhos, cintura fina, coxas grossas, bundinha empinada, sei que sou uma garotinha sexy e safadinha!

Hoje vou contar uma histária de uma amiguinha minha, ela e relatou a histária para mim depois que contei para ela as minhas aventuras com papai, ela me autorizou a relatar o que aconteceu com ela e seu papai, e par ficar mais emocionante, vou narrar o conto, como se ele tivesse acontecido comigo...



E saiu, escutei o pneu do carro cantar no asfalto sem entender o que foi aquilo!

Já tinha umas seis horas que papai tinha me deixado sozinha, comecei a ficar com medo e preocupada, já estava escurecendo, acabei dormindo no sofá da sala quando.....

Coloquei esses trechinhos do conto anterior sá para relembrar vocês...



Escutei um barulho era papai chegando, notei que ele trocava as pernas na hora de andar e o ar da sala ficou com cheiro de álcool, papai estava completamente bêbado, sentei no sofá e ele já veio me dando um tapa no rosto, tombei para lado chorando e perguntando por que ele tinha me batido, papai me levantou apertando meus ombros com força e disse:

-Sua vagabunda, putinha, safada, você mereceu, to bêbado assim por sua causa, sábrio não conseguia comer você, mas agora você vai sentir o que é uma rola fudendo sua buceta!

Grudou no meu cabelo e foi me puxando para seu quarto, me jogou na cama, eu chorava e dizia:

-Paizinho você sabe que te amo e te quero, mas não assim pai, o senhor ta bêbado!

Ele grudou no pescoço e me deu um beijo com violência, tirou seu pau pra fora e me mandou chupa-lo, falei que não, então ele me grudou pelos cabelos, forçou minha boca até seu pau e socou aquele cacetão guela abaixo,engasguei na hora, e ele tirava e colocava na minha boca, e falava:

-Isso filhinha safada, chupa o papai, ta gostoso, engole meu pau todinho! E para de chorar sua vadiazinha, foi você que pediu isso!

Papai segurou seu pau com a mão o começou a punheta-lo senti sua porra espirrar por todo meu rosto!

Ele me jogou na cama de novo e veio me beijar, o seu bafo de pinga enjoava meu estomago, em vez de chupar meus peitinhos com carinho como sempre fazia, os apertou com força, e dava mordidas que doíam muito, eu tentava para de chorar, mas ele estava me castigando de mais!

Ele enfio seu dedo com força na minha xaninha, e quando sentiu que ela não estava molhadinha como sempre, me deu mais dois tapas na cara, dessa vez rançou sangue da minha boca, comecei a me debater, mas ele parecia possuído e enfio seu pau com tudo na minha xaninha, a dor foi tão grande, parecia que ele estava enfiando uma faca dentro dela, pensei que ia desmaiar, mas sabia que se isso acontece-se ele ia me bater mais ainda, o cheiro de sangue incendiou o quarto todo, comecei a rezar, pedindo pra Deus que acabace logo com esse sofrimento, enquanto papai metia, cada vez mais rápido seu pinto dentro de mim, urrando feito um louco, gozou dentro da minha xaninha, soltou todo seu peso em cima do meu corpinho indefeso e ficou por uns instante quieto, quando imaginei que já tinha acabado meu sofrimento, ele me virou de bruço, disse que agora ia arrombar meu cuzinho, com as forças que ainda me restavam gritei:

-Por favor pai meu cuzinho não, dizem que nele dái mais ainda! Chorava muito.

Ele me deu outro tapa e disse:

-É por isso mesmo que vou comer seu cú, quero ver você gritar de dor mais ainda! Agora arrebita essa bunda, se não vai ser pior!

Mas ele nem esperou, e socou com tudo, dessa vez não aguentei, desmaiei na hora!

E quando acordei, sentia dor pelo meu corpo todo, papai já estava dormindo do meu lado com o pau pra fora todo cheio de sangue, tentei levantar, mas não conseguia, meu corpo não me obedecia, me escorei na cama, e fiz força, pois ele podia acordar me violentar de novo, fui para o meu quarto me arrastando, tranquei a porta e chorei como nunca na minha vida! Acabei adormecendo do jeito que estava!

Acordei com alguém mexendo no trinco da porta, o sol já estava forte, papai batia na porta mandando eu abri-la e perguntando:

-Bia, filhinha o que aconteceu, não lembro de nada, acordei cheio de sangue, pelado e com ressaca!

Não respondi, e ele batia com mais força e dizia:

-Se você não falar comigo vou arrombar a porta! Você esta bem?

Grite:

-Se você tentar entrar aki vou ligar para a policia! Me deixa em paz nunca mais quero olhar para sua cara! Depois de tudo que o senhor me fez ainda vem perguntar se eu to bem! Esquece que você tem uma filha!

Escutei seus passos se distanciando da porta, sá sai do quarto quando escutei ele saindo com o carro para ir trabalhar, fiquei uma semana sem ir para a escola, e sem sair do quarto, até que...(continua)



Para o conto não ficar muito grande e cansativo vou escrevê-lo por partes!



Gostaram? Mandem-me e-mails me dizendo se gostaram!

Beijos



http:orkut.comProfile.aspx?t=0

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotico gay cuzinho rosinha tapas socaconto erotic pegand a calsinha da sogradestruidor de cu contosficou vixiada bo inxestoContos eu e as colegiasentreguei minha esposa de bandejaconto porno mulher adora novinhocontos de incesto dez anoscasada meu patrao me comprou e arrobou meu cu virgem contos eroticosGangbang nas incesto fotoscontos eroticos primeira vez no cuzinho da esposaCont erot velha viuvaContos eroticos gay vacilei fui fudido o cabaçocontos pornos irmas cadelascontos eroticos fudendo a mae travestitirando virgindade de menina Londrina ParanáHistorias de sexo de padrinho com afilhada casa dos contosconfia minha madrasta no pornô chorando gostosaconto erotico casado se apaixonou por um afeminadoconto o jumento comeu minha esposaCego sexo sabo buceta bomconto erotico gay no trabalho com homemvelho coroa grisalho peludo contos eroticos levei piça gg no cu ( madura ) contos eroticos eu era virgemcontos eróticos fui arrombada pelo começotirando virgindade de menina Londrina Paranárelato erotifo meu filho gosa muto nas minhas calcinhascontos eroticos vovô pai e maecontobucetavirgemIrmã cuidando do irmão acidentado contos de incesto femininoconto com foto papai mi enrabo na fasendacontos eroticos menino curiosocontos bebe safadacontos pornô de incesto a mamãe gritou igual uma puta quando enfiei o meu pauzao na sua bucetinha cabeludacontos eroticos vi minha filha com uma calcinha fio dental atolada no cuEu e minha sogra no quarto contosbuceta esticada aberta gozando10 aninhos ja fodi contossainha olhava lesbicas contoscontos eroticos primeira pulada de cercafragrância zoofilia caseiro contos erótico sou evangelicacontos eroticos traindo marido na Sala ao ladocontos.putinhas do papai.d.oito.anosbem o qye vou contar pra voces e o seguinte sou casado e minha esposa e loiracontos eroticos castiguei minha mulher conto erótico de incesto de sobrinha e tio casa de conto meu tio morre de ciumes e amor por mimminha chefe gosta de mim ~ contos eroticosconto erotico minha irma mim pegou fundedo com minha namoradacontos de incestos e orgias com minha mulher minha irma emcass nudistasSubrinha sapeka adora usa ropinha provokante para da para mimvideo de porno com machos a força brutameneteContos eroticos seios machucadosmenininha e novinha sendo e******** contos eróticoshonme infinando a rola na bumda da molena quarta feira de cinzas contos de sexocontos sadicos castigando a putinha com vibradorcontos Praia de nudismo.dando padrasto contos eróticosFamilia inteira fodendo com negoes conto bicontos de cú de viuva carente e crentecontos de mulher de 60 anoscomo é q faz pra uma mulher bater uma ciririca sozinh pensando em outra mulher???contos eroticos chantagiei meu padrastocontos eróticos mamãe puta do meu amigocontos casafa fui pra roça me masturbei dentro fo mayoConto erotico dona casa velha carenteContos eróticos com meias suadasconto erotico infancia brincando sem calcinhaela tinha escondido dinheiro e chantajiei e comi elacrescendo o pau aqui na frente da filha contos eroticospeguei a minha atual namorado chupando a buceta da minha exminha piroquinha dura no cu do molequeminha visinha medica. Casada contoscontos de casadas no tatuadorconto erotico cara caralhudo pintudao ficou louco fuder minha esposaconto erotico rabuda cintura fina peituda casada visitaFoderam gente contos tennscontos eroticos da primeira traçãobuceta inchada da cunhada...contos