Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PECADO COM MINHA MÃE!

Click to Download this video!

Cresci ouvindo meus amigos dizendo que minha mãe era um tesão, sempre que estava na rua e ela passava os homens ficavam comentando e apontando para mim, acho que dizendo"aquele ali é o filho dessa gostosa". Meu pai sempre viajava fazendo com que ela ficasse muito sozinha. Passei a ouvir histárias que minha mãe tinha varios amantes,isso me deixava louco e ao mesmo tempo com muito tesão, jamais confirmei se era verdade ou sá boatos. Ela tinha um corpo maravilhoso, longos cabelos dourados, seios fartos e firmes, uma cinturinha e uma bunda maravilhosa sempre demarcada por roupas coladas e tangas que faziam com que eu nunca tivesse paz na cosciencia. Durante a adolescencia vivia em conflito com minha cosciencia, afinal que garoto se masturba 5 vezes no dia pensando na propria mãe? Eu era esse garoto, sempre que meu pai viajava, minha mãe pedia pra eu dormir com ela, era sempre uma tentação, afinal ela dormia de baby doll e agarradinha comigo, e eu? bom eu me acabava no banheiro. Uma noite estavamos em sua cama assistindo "Instinto Selvagem", na época lançamento nas locadoras. Começa o filme e aquela loira rebolando no pau do camarada, ja comecei com uma ereção, por sorte estavamos cobertos por um lencol. O filme seguiu e novamente uma cena de sexo e outra ereção, o problema foi que minha mãe veio pro meu lado me abraçando e colocando uma de suas pernas entre as minhas tocando no meu pau duro, senti que ela deu uma tiradinha da perna por um instante e colocou de volta. Meu coração estava disparado e ela com a cabeça sobre meu peito, claro, acabou percebendo. Eu sentia o perfume do seu cabelo e aquilo me deixava mais louco ainda. Num momento de loucura apertei ela com força em minha direção e dei aquela encaixadinha do meu pau no meio de suas pernas, a partir dai começamos um esfrega esfrega que ja estava me fazendo quase gozar. De repente ela parou e me olhou nos olhos, meu corpo tremeu... _Filho, eu não aguento mais. _Oque? e ela contorceu seu corpo vindo com o rosto na minha direção, paralisado esperei...sua boca tocou a minha, nossos labios tremiam, um selinho e em seguida um beijo quente, sua lingua invadia minha boca, seu corpo se contorcia buscando a melhor posição para sentir meu pau em sua buceta. O calor ficou intenso, jogamos o lencol longe, ela arancou a parte de cima do baby-doll colocando seu peito na minha cara, eu lambia os bicos e dava mordidinhas, mais por instinto doque por experiência. Sua mão agarrou firme meu pau sobre o calção, a sensação era maravilhosa, ela então passou a beijar meu pescoço, meu peito e enquanto descia ia arrancando meu shorts e minha cueca, quando passou pelo umbigo eu ja estava nu. Sua lingua dançava sobre minha verilha e sua mãos brincavam com minhas bolas, meu cacete chegava a doer de tão duro, ela me olhou nos olhos segurando meu pau em pé e colocou lentamente em sua boca, o calor era delicioso, ela foi descendo, descendo até que estivesse todo dentro então tirou de uma vez e colocou tudo em sua garganta novamente, ela passava a lingua por toda estensão do meu pau e gemia deliciosamente, engolia tudo e ainda brincava com a lingua na base do meu pau, ela acelerou os moviemntos com a cabeça e quando sentiu que eu iria gozar me olhou fundo nos olhos e eu explodi em sua garganta, a porra saia pelos lados de sua boca enquanto ela continuava chupando, quando pararam os jatos de porra ela me olhou novamente limpando a beirada da boca por onde a porra ainda escorria e sentado na cabeceira da cama com as pernas abertas ordenou: _Agora sou eu que vou gozar em sua boca. Sem saber muito oque fazer cai de cara entre suas pernas passava a lingua desesperadamente sobre todos os posto de sua buceta, ela gemia: _Ahhh, passa a lingua aí, isso meu macho. Mamãe sempre soube que me queria, e eu sempre te quis. Chupa, passa a lingua na mãmãe,AAAAHHHHHH. Ela se contorcia e sua buceta estava inundada, eu chupava e passava lingua em seu grelo até que ela me agarrou pelos cabelos me puxando forte sobre sua buceta e descarregando uma grito sufocado gozou, gozou na minha boca, ela rebolava e mexia a cintura na direção da minha cara, eu mal conseguia respirar, e novamente me agarrou pelos cabelos gemendo fundo agora,m seu corpo tinha espasmos, como se estivesse tomando choques um apás o outro. Meu pau já estava pra explodir novamente. Ela arrancou minha cabeça do meio de suas pernas me jogando para traz. _Me da seu pau, quero gozar com você. Quando cai de costas na cama ela veio por cima agarrou meu pau com uma das mãos e sentou de uma vez, sua buceta estava encharcada ela gemia e gritava, estava totalmente fora de controle. _Mete, mete fundo filhinho. AHHHHH come sua mãe. Ela virou de costas pra mim e cavalgava loucamente. _Bate na minha bunda, BATE... Eu dava tapas em suas nadegas e ela gemia mais ainda. _Eu vou gozar mãe. _Espera Ela virou-se novamente de frente pra mim, e ainda sentada no meu pau me puxou me deixando sentado com o rosto no meio das suas tetas. Fitou fundo nos meus olhos novamente um sorrisinho MUITO safado. _Agora vem filho, goza com a mamãe, GOZA... Ela mexia pra frente e pra traz, deixando a fricção bem na cabeça do meu pau _Uou, a vou gozar mãe. vou gozar. _Vamos gozar juntinho meu filho, goza com a mamãe... Ela me apertou e eplodimos juntos num gozo indescritivel. Ela ainda mexia com a cintura enquanto eu desabava de costas, o suor escorria sobre seu corpo deixando brilhante seus seios e sua barriguinha. Ela deitou-se ao meu lado, quando fui dizer alguma coisa, ela tampou minha boca com o dedo indicador: _Shhhhh, não fala nada, relaxa e aproveita essa sensação....eu te amo filho. _Eu também te amo mãe. Depois fomos tomar uma banho juntos, o carinho com que el me lavava, a forma como me olhava, deixam meu coração acelerado. Eu estava apixonado pela minha mãe. Depois disso nossa relação ficou mais sálida doque ja era e o sexo? Nunca existiu uma mulher que me proporcionou tamanho prazer, nunca existiu uma mulher como minha mãe. Adoraria trocar informações com pessoas que tenham vivido uma experiencia de incesto, estou escrevendo um roteiro erático sobre o tema e conversar com quem teve esta experiencia ou tem esse desejo seria otimo.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Gozei no pau do meu irmão dormindo contosContos de primas de fio dental e boquetecontos eroticos.urulogistacontos eroticos minha sogra mamou no meu pau e depoi choroulcontos eroticos dei meu cu pra todoscontos gay - um viadinho estuprado muita dor humilhadoCasada narra conto dando o cuConto de putinha que adora ser cadela de muitos machosconto eu a cadelacontos eroticos de meu tio viu minha calcinha e me comeu Meu irmão foi carinhoso comigo contos eroticosvídeo pornô com travesti travesti transando com a outra por amor todinho raiva da outraver dvd porno homems chupa bucetas de baicho da mesa tira calcinha do ladocontos eróticos professor japonêscontos eróticos f***** por meninospedreiro enfia fode buceta pra nao conta segredocomi minha sogra rabuda q meu sogro nao comeconto de esportista dotado que comeu cu de travesti contos de sexo travesti dominadoracontos er com negNetinhas mamando pica contoseroticoswww.xconto.com/encestoTorei meu amigo contos eroticostio gordo dormindo conto eróticoconto fui ajudar a vizinha e ela me agradeceu com a bucetaConto erótico gay camisa social de sedacontos eroticos chantagem na escolacontos Rabuda com cheiro de bundacontos de menininhas sentando no colo de homensconto peguei putinha van escolarcontos eroticos de esfregando o pau na bunda da mamae dormindotravesti de vestido e botinha querendo pica na bundinhaArrombei a tia relatoconto minha mulher me deu sua mae de presentecontos de corno minha mulher me trocou por outrovirando escrava submissa do traficante contoContos euroticos de meninas q tiveram a primeira vez com primos mais velhos que primasEu e mamãe fudendo com papai contoseroticosconto erótico meu dono colocou um alargador em.mimCONTOS EROTICOS DE.BUCETAS ARROMBADASFoto casaro de gordinha de calcinhacontos eroticos de mulher casada que gosta de trair o mardo com negoes e levar tapas na cara na frete do corninhocontos erotico minha mãe foi bem arrombadacache:4rfP6uYGrfkJ:tennis-zelenograd.ru/home.php?pag=67conto de estupro de colegiaiszoofilia homens com super vergas enormes fodendo mulhetescontos putinha do matagalPorno conto ponheta da casada buzgostosao aguenta doi pipinos no cúidoza caseta toda gozadaarregaçado pelo cachorro contosrealizei meu sonho transar com um cavalocontos eróticos branquinha casada dp vibrador peladas e meladas de muita manteiga no cucontos eróticos de bebados e drogados gayscontos porno de garotasxvideo de ladinho dentro do acampamento de pesca corno mansoconto erotico trepei na minha tiaconto erotico comeu a visinhameu sobrinho e eu no carro.ctosConto amarrada arrancou minha roupa abre mais vadiacontos gays com mílitaresa posição cavalgada pode machucar o útero.?'amigo sex diplomata contoflagrei meu pai deflorando minha namoradinha contosFuderan meu cu e minha esposa ajudou os carascontos vi minha mulher no colocontos erótico vovó apimentadacontos com minha irma e amigaFui passear fui estupradocontos erotico meu amigo na picina de casacontos eróticos leite incestocasa dos contos abusada por meninosSou casada fodida contocontos erotico meu primeiro emprego fodida e humilhadaconto eróticos sado a forçaconto erotico mulher fodendo escondido no pomarcontos eroticoscrenteContos minha mulher mandando eu engolir porraconto erótico estrupada no cinema porno sadomasoquismo caminhoneiro grisalho fode novinha no caminhãoContos eróticos eu de shortinho por baixo do cobertorcanto erotico comi minha professoracontos porno mulhe de vaqueirowww.xconto.com/encestocontos eróticos meu sobrinho punheteiro