Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CARNAVAL DE FANTASIA E PRAZER

Click to Download this video!

Meu nome é Debbie. Sou uma leitora assídua dos contos eráticos e agora resolvi compartilhar com vocês algumas aventuras maravilhosas que vivi e que ainda hoje me dão muito tesão quando lembro...

Sou negra, tenho 1,69 de altura, uns 60Kg bem distribuídos, seios fartos e uma bundinha que deixa todo homem doido para comê-la, mas eu estou guardando meu cuzinho para um momento muito especial (rsrsrsrsrs).

Tudo o que eu contar para vocês, realmente aconteceu e eu espero que vocês gostem e gozem muito...

Lembro de um carnaval, meus amigos haviam viajado para passar o carnaval no litoral norte e eu havia ficado porque meu namorado não estava querendo ir...então fiquei na cidade mesmo para passar o carnaval ao lado dele. Quase me dei mal... no primeiro dia de carnaval brigamos e me vi sozinha em pleno carnaval, sem amigos e sem namorado.

Resolvi não ficar em casa me lastimando do namorado perdido e me distrair...fui para a noite...na cidade rolava o “carnaval de todos os ritmos” com vários palcos cada um com um tipo de música carnavalesca. Fiquei práximo ao palco do samba...sá para dançar mesmo...não esperava muito da noite. Fiquei dançando um bom tempo, quando alguém esbarrou em mim e quase me derrubou, quando me virei já pronta para ouvir um costumeiro “me desculpe”, senti um braço forte na minha cintura que me puxou de encontro ao peito de um rapaz não muito mais alto que eu, mas que senti, tinha um corpo sarado.

_ Acho que vou precisar tomar conta de você, estou vendo que você está caidinha por mim... – ele falou e riu...sua voz era suave e eu gostei do seu senso de humor, então, com um sorriso respondi que realmente, caso ele não cuidasse de mim, eu estaria caidinha mesmo, sá que derrubada por ele...

Ele perguntou se eu beberia alguma coisa enquanto ele tentava se desculpar. Aceitei um suco e começamos a conversar...Ele disse que se chamava Edinho e que estava com um amigo...Disse ter saído para comprar uma cerveja e então me viu dançando, ficou um tempo me olhando e então, que o empurraram e ele esbarrou em mim quase me derrubando...Aos poucos ele foi me envolvendo, falei do meu namoro rompido no dia anterior, dos meus amigos no litoral norte...Foi tudo muito rápido, quando dei por mim, eu já o estava beijando, passando minha língua bem de leve em volta da boca do Edinho e tinha as mãos dele passeando no meu corpo num amasso delicioso...marcamos de nos encontrar durante o dia na praia...fui pra casa com minha bucetinha molhada de tesão e louca para dar para ele...

No dia seguinte, fui para a praia com um biquíni tipo fio dental branco, daqueles que quando molha fica transparente, estava decidida a dar minha xaninha para ele e iria fazer de tudo para provocá-lo. Quando cheguei, encontrei o Edinho num quiosque bebendo com seu amigo – Fernando – Edinho me beijou, combinou alguma coisa com o Fernando, me abraçou e fomos para uma praia de difícil acesso que fica um pouco mais afastada...foi irresistível...quando nos vimos à sois ele perguntou porque eu não fazia topples, eu com o meu biquíni branco balancei afirmativamente a cabeça e fui para a água...mergulhei e quando voltei estava praticamente nua, a parte de baixo estava transparente e eu com uma cara de ingenuidade tirei a parte de cima...meus seios são lindos...volumosos e empinados...vi quando um volume se formou no seu calção de banho e ri colocando um dedo bem sensualmente na boca e chupando ele de leve...quando me deitei, Edinho se virou sobre meu corpo e começou a mamar...ele passava a língua de leve em volta do bico e depois sugava um pouco, logo a seguir mordiscava para depois passar a língua de novo...enquanto chupava meu peito dessa forma que estava me enlouquecendo, ele começou a descer a mão alisando minha barriga, até atingir a linha da calcinha e quando achei que ele enfiar a mão por dentro dela, ele resolveu me provocar mais e passar os dedos bem de leve sobre a calcinha...foi descendo a língua, deixando ela fazer o mesmo caminho das mãos, sá que quando chegou na linha da calcinha, Edinho mordeu e puxou os lacinhos que prendiam meu biquíni liberando minha bucetinha molhada...ele ficou olhando um tempo maravilhado para minha bucetinha, e então colocou a ponta da língua...eu estava tão excitada que nem lembrava que estava em uma praia, um pouco deserta, mas com livre acesso das pessoas...e gritei para ele me comer com a língua...para ele enfiar a língua toda...era maravilhoso aquela língua grossa e um pouco áspera metendo na minha bucetinha e chupando meu grelinho, quando saia do meu buraquinho, numa lambida deliciosa...quando estava quase gozando com a língua do Edinho, ele desviou a língua da minha bucetinha para o meu cuzinho (como já disse, estou guardando meu cuzinho para uma situação bem especial, mas uma língua no rabinho e uns dedinhos...quem resiste???) ele estava me torturando...eu estava louca para ter a vara dele na minha buceta e comecei a implorar para ele meter...pedia, implorava e ele me torturando, passava a pica na portinha e tirava...ele sentou e falou – Chupa...nossa... que felicidade que senti em por aquele pau na boca...não era muito grande, uns 19 cm mais ou menos (meu ex- namorado tinha 21 cm) mas era uma delícia...lambi as bolas dele e suguei a cabeça. Passava a língua em todo aquele pau e enfiava na boca enquanto fazia uma massagem na cabeça com a língua...sem conseguir segurar o gozo, ele me segurou, me empurrou contra a areia e meteu de uma vez na minha bucetinha...nossa... apesar de eu estar bem lubrificada, a violência que ele meteu fez com que doesse um pouco. Sem tirar de dentro ele segurou e levantou uma perna minha e meteu mais fundo, segurou e levantou a outra perna e meteu de novo. Sá quando eu estava na posição de frango assado é que ele começou a fazer um vai e vem enfiando seu pau até eu sentir suas bolas dando uma surra na minha bucetinha...ele metia com força e tirava devagar e metia de novo com força...enquanto comia minha bucetinha, Edinho começou a fazer carinho com dois dedinhos no meu cuzinho...fui a loucura...gozei gritando de prazer e sentindo os jatos do leitinho quente do Edinho dentro de mim que também gozou com um Uhhhhhhhh gutural que sá de lembrar do som me dá tesão até hoje e vontade de ouvi-lo de novo...Ficamos um tempo em silêncio, exaustos...recoloquei a parte de baixo do biquíni mas permaneci de topples, acho que dormi, passados uns 20 minutos senti uma sombra no meu rosto, era o Fernando – amigo do Edinho – que havia chegado e olhava meus seios hipnotizado (aqui não é comum fazer topples e eu sá estava fazendo porque a praia era bem afastada e as pessoas mais práximas estavam a uns 130 metros de distância). Quando acordei, ele sorriu e perguntou se eu me incomodava com a sua presença...não respondi, mas Edinho falou para ele sentar e se juntar a nás...olhei para ele já adivinhando suas intenções e Edinho mordiscou minha orelha e perguntou baixinho se estava tudo bem...antes de eu responder ele disse que sá rolaria o que eu quisesse...e que eles me obedeceriam em tudo que eu pedisse...sorri e falei para ele tomar cuidado com esse tudo pois minha imaginação e fantasia poderiam colocar ele ou o amigo de bruços...ele deu de ombros e confirmou...tudo pelo seu prazer, se te der prazer...Caramba, quando ouvi isso quase não acreditei...sempre tive a fantasia de transar com dois caras e de ver dois homens transando...isso era tudo de bom já havia confidenciado ao meu ex-namorado esse desejo, mas ele não queria nem saber de tal idéia, e agora, eu ia poder realizar as duas naquela tarde...sá de imaginar, me deu tesão e claro, concordei na hora, mas falei para ele informar ao Fernando que naquela brincadeira, quem era a chefinha, era eu...

Eram quase 19 horas da manhã e o sol estava começando a incomodar, procuramos a sombra de umas árvores e aproveitamos para nos afastar um pouco mais das pessoas...Edinho foi conversar com o Fernando, e ele concordou com as minhas condições...Fernando era branco, queimado de praia, mais ou menos 1,75 cabelos e olhos castanhos, pernas grossas e peito com uns pelinhos muito sensuais que faziam um redemoinho na barriga. Quando voltaram para perto de mim, eu estava deitada de bruços, o Fernando se sentou ao meu lado e o Edinho se deitou de lado e me puxou encostando minha bunda no seu pau, passou uma perna sobre as minhas, me levantou um pouco, e começou a apertar um seio enquanto que com a outra mão alisava minha bucetinha, primeiro por cima da calcinha mas logo depois enfiou dois dedos na minha bucetinha e quando tirou estendeu na direção do Fernando e falou:

- Sente o gosto dessa bucetinha...

Nunca pensei sentir tanto tesão...Fernando, de pau duro, se ajoelhou e lambeu os dedos do Edinho, antes de vir na direção de minha bucetinha, afastar para um lado a calcinha e começar a me chupar, lamber, morder e comer com a língua...Edinho se afastou um pouco e começou a bater uma punheta, vendo ele um pouco afastado falei:

- Deixa que faço isso... e iniciei uma punheta usando mão e boca ao mesmo tempo...passado algum tempo nessa chupação, senti a vara do Fernando, entrando macia e devagar na minha bucetinha...ele me comia com muito carinho e desejo ao mesmo tempo...olhei para Edinho e ele entendeu meu olhar...levantou alisando aquele pau delicioso e foi para trás do Fernando, fez carinho nas costas dele e foi descendo os dedos em direção ao buraquinho...quando sentiu as mãos do Edinho, Fernando começou a me comer com mais força e tesão...Edinho cuspiu no dedo e colocou no cuzinho do Fernando, abaixou e colocou a língua na minha bucetinha e na vara do Fernando e todas as vezes que Fernando tirava o pau recebia uma linguada e o dedo do Edinho enfiava no seu cuzinho, que fazia seu tesão aumentar e ele meter em mim mais forte...foi uma delícia...

Edinho, levantou, posicionou o pau na portinha do cuzinho do Fernando e quando no movimento de vai e vem, Fernando foi um pouco para trás, Edinho enfiou a cabecinha nele, ele gritou, senti seu pau aumentar de volume e ele bombeou com mais força em mim, senti ele estremecer e à medida que Edinho bombeava nele, ele me comia feito louco muito mais excitado...ele não aguentou muito e gozou me enchendo de porra e falando muitos palavrões...Ele gozou, mas não tirou o pau de dentro e mim...e enquanto Edinho bombeava nele, senti o pau dele crescer de novo...Eu que não tinha gozado com o pau dele ainda ao sentir aquela vara crescendo e bombeando de novo gozei muito gostoso naquele pau de 19 cm, porém mais grosso que o do Edinho... Ainda sem gozar, Edinho tirou o pau do cuzinho do Fernando e deitou de costas, Fernando abocanhou a vara do Edinho, eu deitei de forma que o Edinho pudesse chupar minha bucetinha gozada e meu cuzinho virgem e abocanhar o pau do Fernando...Assim, eu chupava o Fernando, ele devorava o Edinho que se deliciava com meu grelinho...gozei de novo, dessa vez na boca do Edinho que engoliu todo o meu gozo, além da porra do Fernando que ainda estava na minha bucetinha...Fernando, quando ia gozar se levantou o gozou nos meus peitos, e o Edinho fez o mesmo logo a seguir...fiquei com o peito cheio de porra dos dois, passando as mãos nos seios, pedi para eles limparem com e língua, e os dois lamberam toda a porra que tinham derramado em mim...foi uma delícia beijar aquelas bocas com gosto das porras misturadas...

Eram mais ou menos 2 horas quando saímos da praia e marcamos de nos encontrar às 8 horas para aproveitar a noite de carnaval. Esse encontro também foi maravilhoso...se vocês quiserem, eu conto para vocês...

Se o Edinho ou o Fernando lerem nossa histária, desculpe não mudar o nome de vocês, mas são nomes comuns, ninguém vai saber...e se quiserem repetir a dose entrem em contato comigo.

Caso algum leitor do conto queira algo parecido, entre em contato no meu e-mail: [email protected] tenho certeza que a gente juntos pode gozar muito ...





VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Gozando nas tetinhas contos eróticosconto erótico enteada querendo dar po padrastopeguei minha sigra dormindo sem calcinha e meti a pica nelacontos eritico acustumou da o cu com tudo mundo dormindocontos mulher da na frente dos filhoscontos dando pra um sessentãowww.goroa nis Sogra fudendocontos erotico você agora é meu viadinhomknha tia pediu pra passar protetor solar contos Novinha Bebi porra do meu amigo contocontos porno.vendeu o cucontos eroticos pastor safadoconto erotico sou casada e adoro me exibirx vedio pai eintiadacontos eroticosde medicacontos erotico de pai e filhacontos eróticos aposta entre casaisconto erótico gay tio me estuprou contos porno autoriza por no cu delaesposinha chorosa: contosconto de cabeleiro comendo o cu do novinho sem penacontos eroticos cunhada crentefui enrabado pe lo o yravesti na baladavou rasgar sua boceta vagabundaHomem mais velho iniciando duas meninas novinhas as chupar pica contos eroticosminha irmã no meu colo contisPorn contos eroticos funcionaria na lancha do patraoconto erotico real eu meu tinha comemos minha tiacontoa eróticos de uma mulher dando pra dois home mmcumendo a buceta cuinhadaMeu nome é Suellen e essa aventura foi uma delícia.rnSempre nos demos bem, erámos vizinhos e amigos. Eu tinha 18 anos, ele 16. Nossas casas são práximas, tanto que a janela do quarto dele dava pra janela do meu quarto. Eu sempre gostei de provocá-lo,contos de mulheres a lamber conasminha namorada mimosa conto eroticocontos eróticos babá garotinhocontos eroticos coroa carenteNovinha Bebi porra do meu amigo contocontos eroticos-fui malhar com minha tia e acabei comendo o cu delacontos eróticos sadomasoquismo argola enfiada na bucetaconto meu chefe me chupouwww.contoerotico.pai e flha na chacaracontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandroscontos de comi o cuzinho apertado de uma Neginho novinhoContos eróticos gay camisa socialrelatoeroticocasadacontos eroticos primeira vez no cuzinho da esposaConto erotico depois que gozei ela gostouminha irma envagelica encestocontos eroticos dainfanciaporno zoo insesto e dominacao en contos eroticosconto erotico tia de fio dentalconto meu irmsubria/luiza/fudendo/na/fazendaconto comi.uma coroasou casada meti com o marido da minha melhor amiga contosacordei todo mijado tesão feticheVoltei gozada pro meu corninho contodei o cu po meu pone contos eroticos pornocontos eróticos a enfermeira velhazoio filme antigo erótico animalescocontos encoxada na crente rabudaminha vida com mamae contoContos eroticos, Meu filho me fode tanto Atrascontos chantageada pelo genro e pela filhaconto erotico gay: meu amigo japones me arrombouconto erotico. virei mulherzinhha do meu primoconto erotico sou casada e o vilhinho me comeuViadinho Na Africa Contos Eroticoszoofilija detei i porócontos eroticos gay fui enrrabado apanhei e gosei com um desconhecidoconto erotico minha prima malvadavidio negao fes travesti loirinha urra com baita pau ate o talo no cuzimcontos eróticos no cu com cachorroconto sou casadinha e adoro que negros metam no meu cucontos erotico irmao cafetao da irmaconto porra meu exmoramoa no litoral eu e minha esposa e recebemos um primo dela para pasar um fim de semana conoscocontos meu marido nem percebeufui fazer uma vizita e perdi as pregas video pornominha calcinha no banheiro contosconto erotico de manauscontos eroticos com orgia de cdzinhascontos eroticoa novinha chupou pinto do cachorroconto lesb gineco seioscontos eroticos casais falando putaria fantasiando outromulhe puta punetano emuita pora saino do cacetcache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html so contos de zoofilia gay dando pra cachorro sendo aronbado