Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA NAMORADA TRANSOU COM OUTRA

Click to Download this video!

Tudo começou quando conheci minha terceira namorada. Ela era uma delícia e eu realizava todas as minhas fantasias de forma simplesmente fenomenal. Chegamos a um ponto na relação que sá transavamos contando contos eroticos no ouvido do outro e em uma das vezes contei meu desejo, como conto, de ver duas mulheres transando. Sá que tinha um detalhe, ela nunca fazia um oral depois de meu pau penetrar ela, ela dizia que tinha nojo do gosto de buceta. Continuei contando a ela meu desejo e isto começou cada vez mais a deixar ela molhada. Um dia depois de transarmos ela me confidenciou que estava tentada a tentar porém com algumas condições: ela seria totalmente passiva, não tocaria na outra mulher nem eu podia participar apenas olhar. Topei na hora e começamos a planejar como isto iria acontecer.

Decidimos escolher a 'vitima' e por vários motivos escolhemos a nossa amiga que nos apresentou. Confesso qeu tinha o maior tesão em Paty, mas nunca, ate então pude demonstrar visto que a amizade delas era muito grande. Fomos para a casa de Rô (minha namorada) e levamos bebida suficiente para derrubar uma boiada. Começamos a beber e conversar sabendo onde queriamos chegar. Começamos então o velho e bom jogo da verdade e fomos esquentando as perguntas ao máximo que podiamos. Depois de um tempo resolvemos que cada pessoa que fosse sorteada no jogo teria que tirar uma peça de roupa depois de responder a pergunta, na metade das roupas sugeri que quem estivesse na vez de perguntar poderia escolher a peça de roupa que o outro tiraria de quem perdesse e desta forma coloquei a Paty para tirar a calcinha da Rô, como a Paty já estava bem animada resolvel tirar a calcinha com a boca. Quando se aproximou e viu a calcinha da Rô toda molhadinha ela se apressou em tirar e ainda de joelho aos seus pés ficou olhando para o rosto da Rô como que pedindo permissão e Rô percebendo perguntou o que ela estava esperando: ESTE FOI O MELHOR MOMENTO DA MINHA VIDA SEXUAL. A Paty sabia o que fazer com a língua, de repente parou olho para mim e perguntou se eu não ia participar, ainda me insinuei participar mas a Rô prontamente respondeu: hoje ele vai sá olhar.

A Paty levantou pegou a Rô pela mão e puxou ela para o quarto e eu resiginadamente acompanhei. Chegando no quarto a Paty tentou beijar a Rô que se esquivou, puxou o cabelo da Paty e direciounou sua cabeça para seus seios deliciosos que sempre adorei chupar. a Paty não perdeu tempo começou a chupalos com volúpia e tesão, ao tempo que ia alisando o corpo da Rô até chegar em sua xota, ao que a Rô estremeceu, paricia que ela estava levando um choque de 1800wts e começou a rebolar, nunca tinha visto ela rebolar daquele jeito. A Paty empurrou ela na cama e pulou em cima voltou a chupar seus seios e foi decendo vagarosamente até chegar naquele grelinho delicioso que eu conhecia tão bem, chegando lá ela não teve pressa de sair, parecia uma criancinha com seu brinquedo récem ganhado. E ela sabia como cuidar, eu ficava sá vendo e me masturbando e minha namorada sabia que estava me realizando e começou a gozar ela gozava alucinadamente, ao dar os últimos gemidos a Paty deitou a lado dela, até então ela não tinha tentado mais beijar a Rô e quão surpresa ficou ao ser beijada repentinamente e retribuiu o beijo com prazer latente. A Rô começou então a beijar o pescoço dela foi descendo até os seios quando parou, olhou para mim e perguntou o que eu estava achando e antes que eu respondesse ela fez sinal para que eu ficasse em silêncio e ela mesmo respondeu: pelo prazer que você proporcionou ao grande amor da minha vida vou retribuir este sexo maravilhoso que nos fizemos. Então começou a descer devagar até chegar na boceta da Paty, nossa que boceta deliciosa, grande, fartuda e linda. a Rô começou a arrudiar a boceta dela como o corviu cerca uma presa e a Paty gemia alucinadamente, aos gritos gozou, rebolou, puxou a cabeça da Rô contra seu sexo e delirou. As duas totalmente suadas se abraçaram e Rô perguntou quantas vezes ela tinha tido experiências lésbicas e ela falou que nenhuma. A Rô me olhou e disse: Agora nos duas vamos tomar banho e ao sair vamos fazer você gozar como louco afinal você nos proporcionou uma noite maravilhosa. Fomos te dar um presente e no fim quem ganhou o presento fomos nás.



Mas esta é uma histária para outra categoria

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos mostra logo filhomamae me deu seu cuzinhome casei com uma puta safadacontoerotico.com/estuprei a mamae e da titiacontos erotico.casada em casa mendigo.bateu na portanao resisti a buceta da minha maeminha namorada perguntou se eu era gay contoconto erotico madrinha pediucontos eroticocos de gay casados com mulher fulera Www.contoseroticos/grátis Ler/no aviãocontos eróticos meu segredocontos eroticos fui cuidado meu sogro e ele viu meus pritosfui comer acabei dandocontos eroticos chantagiei meu padrastoContos mulher coloca silicone no peito e marido vira cornocontos eroticos cu virgemContos eroticos gosto de estupro seiosirma putinha irmao caralhudo safado cunhado corninho contos eroticos com fotoswww.contoerotico.pai e flha na chacaradescobrindo que o primo gosta de rolacontos fudendo com minha mãe quando passo o dedinho no meu cu fico com abuceta toda babadaContos adoro verconto erotico minha irma fedorentaconto erotico cinema porno varioscontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anoscontos eróticos fiquei só de calção na frente da babámulheres que dao cu no primeiro encontro contoPeguei meu filho mostrei minha vagina contos eroticosFotos de pirozoes de machosrelatos de comadre dando a buceta pro compAdrecontos eroticos primeira vez no cuzinho da esposaPorno orgias lesbicas incestuosas iniciando as bem novinhas contoscontos eroticos advogadaamo cheirar a boceta da minha esposa pela calçaincesto reais irmão tirando virgindade de irmã pequena em van escolarcontos eroticos menininha incestocache:6FK7RI0T9TcJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_476_eu-e-2-travestis.html 3negros-_contos eróticoscontos eróticos de bebados e drogados gaysdar o cu e oda contos eróticoscontos pediu uma massagem e acabei comendoconto de professor dando.o cu por alunocontos meu namorado me possuiucontos dando pra um sessentãocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaCheiro de rola de machos de academia suado contos gaysconto erótico meu sobrinhocontos eroticos de padrinhos com virgensContos eróticos tia deixa sobrinho gozar na bucetaContos eróticos a noite todasegurou a filha para tirar cabaçoconto viajando com a maninhacontos gay genro bebadocontos e historias de zoofilia meu cachorro mamou nos meus peitos cheios de leiteo desejo de minha mae e tia ter 26 8m no cu contos eroticoscdzinhas contos reaisquero no rabo amor eroticosContos meu marido me pediu chifreguais sao as deusas da punhetaMeu amigo me convenceu eu deixa ele chupa no meu pauconto eroticos primas gostosa veio min vizitarcontos eroticos de comendo os meninos do orfanatoai ai primo eu nunca eu vou me esquecer foi você que tirou minha virgindade da minha buceta no motel conto eróticoCasada viajando contosabusada pelo filho contofetiche pelo cu sujo da sogracontos eroticos a gostosa da jussaracontos eróticos tia religiosabia cadela contoscontos eroticos de ninfetas amazonensecuzinho virgem da titia fofinha curiosa contosContos eróticos padrasto