Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DEI MEU CUZINHO PARA UM COLEGA DE TRABALHO

Click to this video!

Meu nome é Tâmara, sou brasiliense, tenho 28 anos, 1.70m e 59Kg. Faço o tipo mulherão com corpo de violão, porém sempre fui discreta e até ruborizo facilmente quando sou paquerada. Sou casada e meu marido é muito ciumento. Nunca fui santa, mas também nunca fui puta.



Há três meses fui transferida a trabalho para Natal, capital do Rio Grande do Norte. Lá conheci um cara chamado Alexandre. Foi paixão a primeira vista. Longe de meu marido eu, completamente carente, fantasiava com esse homem que, percebendo o meu interesse, alimentava minhas expectativas. Mas como ele também era casado, não foi fácil criar um expediente para um primeiro encontro. E era uma tortura sonhar com ele todas as noites e não poder tocá-lo. Um dia tomei coragem e parti para o ataque. Comecei me declarando. Ele escutou, foi muito doce, mas não fez nada. Alguns dias depois fui mais direta: pedi um beijo. Ele me beijou – foi o melhor beijo da minha vida. A essa altura meu fogo sá crescia. Queria esse homem de qualquer jeito. Finalmente, pedi que ele subisse a meu quarto, no hotel onde estava hospedada. Começamos com beijos mais quentes. Depois passamos ao roça-roça. Suas visitas passaram a ser mais constantes e a cumplicidade foi aumentando. Nunca havia engolido porra, mas ao ver aquele pau gostoso, todo durinho para mim, tive vontade de chupá-lo e chupei tanto, tão gostoso, que quando menos esperava estava o leitinho descendo pela minha garganta, tão quentinho e gostoso. Fiquei viciada. Queria mais e mais. Depois disso, senti despertar meu lado putinha.



Certa manhã, antes de irmos para o trabalho, marcamos de nos encontrar em meu quarto. Acordei cedo, tomei um banho delicioso, coloquei perfume e uma maquiagem de vadia e o esperei usando apenas uma calcinha vermelha, uma sandália de salto alto e um par de brincos. Foi maravilhoso, ele com aquele corpo definido, lindo. Com seu pau duro e quente esfregando em minha bucetinha enquanto chupava meus peitinhos rijos. Quando ele arrancou minha calcinha e penetrou, estava quase gozando. Gozei gostoso. Depois ele meteu com mais força e gemeu, gemeu forte como um cachorro vadio. Fiquei maravilhada com o que estava me acontecendo.



Para minha surpresa, dois dias depois de nossa manhã de amor, soube que ele iria viajar e eu também. Tratamos de tirar o atraso naquele dia mesmo. Ficamos até mais tarde e aproveitei para tomar mais um leitinho. Ficamos separados por 1.500 Km, mas o tesão não passava. Agora me sentia uma prostituta. Fantasiava de todos os jeitos, seduzia outros homens. Queria porque queria dar meu rabinho (virgem), mas tinha que ser para Alexandre! 19 dias depois de nossa separação enfrentei 4h de vôo para encontrar meu macho. Vesti-me como uma prostituta para encontrá-lo no aeroporto. Minissaia, salto e decote. Beijamos-nos ardentemente no elevador aos olhos de todos. Seguimos para o motel e finalmente pude realizar meu desejo. Dar o meu rabinho. Fiquei de quatro, passei um gel no cuzinho e no pau dele e fiquei olhando no espelho a espera que ele montasse em mim como monta a um cavalo. Sua expressão foi máscula, excitante. Ele meteu de vez e com toda a força. Dei um grito, mas sem dor nem sofrimento. Sá prazer, prazer de ver aquele homem me possuindo, em pé, me comendo e gemendo. Adorei. Ele poderia ter me quebrado em duas que eu iria gostar. Fodi de todo jeito. Até uma garrafa ele meteu em minha xoxota e eu gozei, tomei leitinho ainda queria mais.



Depois de Alexandre, passei a me sentir uma mulher plena, senti vontade de trepar com todo tipo de homem, branco, preto, magrinho, fortão. Descobri a puta que existe em mim e ainda estou descobrindo outras formas de seduzir e de gozar. Tenho a impressão de que sempre serei dele e muito mais dele do que a qualquer outro (tenho a certeza de que terei muito outros).



Esse é o meu primeiro conto. Espero que gostem.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto esposa tioContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorvideo porno gay de homem que botou camisinha para comer seu parceiro apos gozar ele tira a camisinha e da para o amigo chupar seu pauabusada com vibrador contos contos erotico o coroa me fudeu em cima da sua lanchabotando caralho no cu do bebadoconto gay pirocudo da academiacontos de vizinhasContos eroticos marido pede para esposa quero ser cornocontos tias de 29 anos loiraconto erotico travesti passeano na pracadeixa eu botar meu pau na sua bandeirinha conto eróticomulher de chortinho aparesendo a beradia da bucetazoofilias inicando baby.comcontos eroticos lesbicas cintaAdorei meu primeiro anal contos eróticosContos minha irmã e minha putaContos fui trai tomei so no cuSsssssss aaaaaaaiiiiiiiii gostoso gay transandocontos heroticos meu amigo hetero dormi e eu aproveito quando ele ver mim bate e depois mim comeugostosinha bonitinha bundinha nova doze anos dando contos eroticoscutuquei a buceta da mamae contosconto eroticos garoto pede carona e e estupradoCasadas com tio contosrelato erotico marido traio cu mais largo do mundo contosgoza nuoutro egravidacontos eriticos de pai e amigos fodendo a força seu filho gayComtos namorada fodida para pagar dividas do namoradoghupa ghupi porncontos eroticos esfrega esfregadei o cu pra varios homensconto esposa com negãocontos de travestis comendo os patroescontos eróticos aquele caraComo ter pernas grossas e quadril largo em 1 mêscontos eroticos minha sogra de calcinha rendaConto erotico vizinha bobinhanegao marido de aluguel com casadas contosvideo de jovens travesti praticando incesto com padrastoChupando o peito da priminha gostosa:*eu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestocontos eroticos - alta grandona bundudacontos eroticos proibidos meu tio encheu minha boca de porracontos eroticos mulhersibha do papaicontos eroticocos de gay casados com mulher fulera cóntos eroticos eu e minha irmã chupa pau de traficantecontos eroticos tia tucacontos eróticos de bebados e drogados gaysfudi cm tds na praia contosmeteu a pica gigantesca na passista deliciosaconto agarrada no onibusFODA GRAVE arrombando ninfetinhacontos eróticos teen apostafodendo gostosa e esporo contos eróticosconto irma casadacontos de mulheres que tomaram ativador sexualcontos de primeira vez com meu cunhadolambendo a calcinha da esposa safada contosConto erotico fazendo meu irmao vira um tranvestigozando na boca da irma casada contoconto erótico f****** gostoso a b******** da minha filhax video.com madrasta me mandou eu lamber o seu cuzinhocontos eroticos namoradinha tio chuveiroConto gay comendo a porquinha zoofiliacontos eróticos do primo negrinho dotado chupando a buceta da primacontos eróticos dei ele chupar meu seio no meio da pista de uma boatecontos eróticos caminhoneiro seduziuminha sobrinha me chupou enquanto eu dormiaxvidio amaciando a esposacontos eróticos espiandocontos incesto troca de filhascontos eróticos para ler a sogramarido realizando sonhos eroticos da esposa