Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DEI MEU CUZINHO PARA UM COLEGA DE TRABALHO

Click to this video!

Meu nome é Tâmara, sou brasiliense, tenho 28 anos, 1.70m e 59Kg. Faço o tipo mulherão com corpo de violão, porém sempre fui discreta e até ruborizo facilmente quando sou paquerada. Sou casada e meu marido é muito ciumento. Nunca fui santa, mas também nunca fui puta.



Há três meses fui transferida a trabalho para Natal, capital do Rio Grande do Norte. Lá conheci um cara chamado Alexandre. Foi paixão a primeira vista. Longe de meu marido eu, completamente carente, fantasiava com esse homem que, percebendo o meu interesse, alimentava minhas expectativas. Mas como ele também era casado, não foi fácil criar um expediente para um primeiro encontro. E era uma tortura sonhar com ele todas as noites e não poder tocá-lo. Um dia tomei coragem e parti para o ataque. Comecei me declarando. Ele escutou, foi muito doce, mas não fez nada. Alguns dias depois fui mais direta: pedi um beijo. Ele me beijou – foi o melhor beijo da minha vida. A essa altura meu fogo sá crescia. Queria esse homem de qualquer jeito. Finalmente, pedi que ele subisse a meu quarto, no hotel onde estava hospedada. Começamos com beijos mais quentes. Depois passamos ao roça-roça. Suas visitas passaram a ser mais constantes e a cumplicidade foi aumentando. Nunca havia engolido porra, mas ao ver aquele pau gostoso, todo durinho para mim, tive vontade de chupá-lo e chupei tanto, tão gostoso, que quando menos esperava estava o leitinho descendo pela minha garganta, tão quentinho e gostoso. Fiquei viciada. Queria mais e mais. Depois disso, senti despertar meu lado putinha.



Certa manhã, antes de irmos para o trabalho, marcamos de nos encontrar em meu quarto. Acordei cedo, tomei um banho delicioso, coloquei perfume e uma maquiagem de vadia e o esperei usando apenas uma calcinha vermelha, uma sandália de salto alto e um par de brincos. Foi maravilhoso, ele com aquele corpo definido, lindo. Com seu pau duro e quente esfregando em minha bucetinha enquanto chupava meus peitinhos rijos. Quando ele arrancou minha calcinha e penetrou, estava quase gozando. Gozei gostoso. Depois ele meteu com mais força e gemeu, gemeu forte como um cachorro vadio. Fiquei maravilhada com o que estava me acontecendo.



Para minha surpresa, dois dias depois de nossa manhã de amor, soube que ele iria viajar e eu também. Tratamos de tirar o atraso naquele dia mesmo. Ficamos até mais tarde e aproveitei para tomar mais um leitinho. Ficamos separados por 1.500 Km, mas o tesão não passava. Agora me sentia uma prostituta. Fantasiava de todos os jeitos, seduzia outros homens. Queria porque queria dar meu rabinho (virgem), mas tinha que ser para Alexandre! 19 dias depois de nossa separação enfrentei 4h de vôo para encontrar meu macho. Vesti-me como uma prostituta para encontrá-lo no aeroporto. Minissaia, salto e decote. Beijamos-nos ardentemente no elevador aos olhos de todos. Seguimos para o motel e finalmente pude realizar meu desejo. Dar o meu rabinho. Fiquei de quatro, passei um gel no cuzinho e no pau dele e fiquei olhando no espelho a espera que ele montasse em mim como monta a um cavalo. Sua expressão foi máscula, excitante. Ele meteu de vez e com toda a força. Dei um grito, mas sem dor nem sofrimento. Sá prazer, prazer de ver aquele homem me possuindo, em pé, me comendo e gemendo. Adorei. Ele poderia ter me quebrado em duas que eu iria gostar. Fodi de todo jeito. Até uma garrafa ele meteu em minha xoxota e eu gozei, tomei leitinho ainda queria mais.



Depois de Alexandre, passei a me sentir uma mulher plena, senti vontade de trepar com todo tipo de homem, branco, preto, magrinho, fortão. Descobri a puta que existe em mim e ainda estou descobrindo outras formas de seduzir e de gozar. Tenho a impressão de que sempre serei dele e muito mais dele do que a qualquer outro (tenho a certeza de que terei muito outros).



Esse é o meu primeiro conto. Espero que gostem.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


historias eroticas de amigo hetero e como eu fiz pra pegar elecontos porno de zoofilia minha buceta cabeluda engoliu o pintao do cachorrobucetao arombada de adivogada conto eroticoler contos de sexo de mulheres sendo chantageada na estrada por dotadoscontos de traicao anal,postados no facebookContos me bateu e comeu minhamarido realizando sonhos eroticos da esposamandou fotos nua e recebeu chantagemnamorada virgem.conto"amor vou dar" amigo colegaEu e mamãe fudendo com papai contoseroticosconto gay carona rebolei calcinhaconto aproveitou a irma dormindo e sentou na pica do cunhadoconto ele ficou sabendo do tamanho da bucetaCADELINha DOS homens e dos cachorro cpntp pornocontos eroticos sexo com minha empregada de vestido curtinhoterceira idade de calcinha no cucomi minhairmãzinhade criação.com conto eróticoconto erotico.de novinha gosando com o paiconto erótico arrombei o fortãocontos eróticos caminhoneiro seduziuConto gay dei meu cu primeira vez depois da farracache:BEpQkv0OPJUJ:idlestates.ru/conto_4507_eu-o-namorado-corno-e-sua-namorada.html a minha mulher e o casetao cavalarconto erotico enteada brincadocdzinhas contos reaisvistorias eroticas de zoofiliaContos eróticos de tio sopinhasContos eroticos comadrecontos de velhas dos seios bicudocasa dos contos eroticos novinhas delicias seduzindo o tioainda havia dor mamilo grande e pontudo vídeo pornôcontos minha namorada pelada meu amigoencoxada onibus apagado contosminha tia atendeu a porta sem calcinha contos eroticoscontos ela pedio para desviginarconto erotico tarado come o viadinho de calcinha a forçawww.contos de a primeira gozada no incestoPai,tio e filho contoscontos eroticos filho fez chantagem e comeu a maecontos eroticos corno e amigo camagreludinha na praia contocontos de mulheres casadas que colocaram o dedinho no rabinho de seus maridos e eles adoraramVem amor segure a rola dele para eu sentar em cima, vem meu corninhovou contar como transei com minha filhacontos-pego teu pau e coloco no meu cuzinhocontos encoxada na crente rabudaSsssssss aaaaaaaiiiiiiiii gostoso gay transandocontos eróticos dormindo na casa do namorado depois de uma festaas gozadas mais lonjesContos mulher coloca silicone e vira putaconto erotico gay: meu amigo japones me arrombouconto tia gostosa de microcalcinhapassivosrj sexomãe e amigo contos eróticoscontoscomi minha cunhadinha dormindoconto punheta depois futebolcontos-meu cuzinho contraindo no teu dedoconto com teens fudrndo as duas sobrinhas de dez e doze anosmulherbrasileira conversando putaria contoseu amante xe um dog alemao contoContos eróticos gostosa na praia com o maridocontos eroticosirmazinhanovinha deixou lamber sua xana contos heroticosContos eroticos guspe na bocacontos eróticos trai meu marido numa rapidinhacontos eroticos ele massageia arrombando o bundudoAquela seria uma luta inédita e muito estava em jogo para Marilia. Há 3 meses ela havia descoberto que eu tinha uma ...Contos porno minha namorada mi engañocontos eroticos com meninas no colo Seios grandes e buceta LuisinhaContos eroticos gang bangcanto erótico meu marido viajou ficou em casa eu e minha filhacoroas de buceta quadril e coxas enormes dando para cachorrocontos erótico pai ficou muito bravo ao saber que seu filho é gayRespira fundo e relaxa que vai entrar no seu culoira gostosa goza sozinha comtá um poko da sua safadadeConto erotico dei pro meu papai e tiomacho coñoca calcinha e da o cuContos porno minha noiva bebadafui consolar a cunhada carente comi ela contoswww condos erotiscos garotas mastubandomulher compra cachorro pra fudelaProvoquei o policial e ele me pegou contos eroticosConto erotico aos 60 anoa dei a buceta para o garotocontos eroticos fui comida pelo meu chefe e chingada feito uma puta vadiaconto erotico gay jerimuile fudeo nacaxueraeu conto cunhada casada foi acordar o cunhado de manhã em joelho redondocontos eroticos em ferias em casa de tia gostosa na piscina e marido nao vervideo porno 45cm de rola na filhinha dormindoconto erótico gay tio me estuprou contos minha mãe punheta entregadorcontos filha foi pescar com pai e foi arrombada na barraca no escuroconto erotico namoradinhos de infancia