Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TRAVESTI FRANCIELLE CHUPA, FODE, ENLOUQUECE AMIGA AMANDA

Click to this video!

Ola, meu nome é Francielle, tenho 22 anos, sou loira, 1m74, 68 Kg,

coxas grossas, cabelos bem longos, até a bunda, bumbum enorme arrebitadinho,

empinadinho, tenho seios medios, cintura (eu amo) bem fininha, sou

bem afeminada mesmo, são poucos os que notam que sou travesti.

Quero relatar minha experiencia, com Amanda, uma jovem bem fogosa que conheci.

Eu sempre, tive muito contato com mulheres devido minha facilidade de

comunicacao, mais sempre com interesse de amizade, cresci assim,

sempre adorei falar com garotas, pra falar sobre namorados, homens lindos.

E eu tinha uma amiga chamada Amanda, morena clara, muito atraente, e fogosa.

Sempre me questionava se eu nunca tinha sentido atração por mulheres, até então,

ela me comentava que saia com mulher tambem, e que tinha um tesão imenso,

uma curiosidade de sair um dia com um travesti.

Eu nunca senti coisa alguma por mulher, nunca mesmo.. mais a partir daquele dia,

comecei a olhar para Amanda com outros olhos, nao sei direito, mais comecei a sentir

vontade de sair com ela, ela sempre de mini-saia, pernas lindas, e um dia, depois

de uma festa, Amanda me deu carona, e eu tinha bebido (não sou de beber), tomei

2 taças de vinho e um copo de cerveja, foi o suficiente pra ficar assim mais alegre.

Dentro do carro no caminho, falei pra Amanda, dos meus desejos por ela, quando menos

esperei Amanda estava entrando num motel.

chegando no quarto, sentamos na cama e Amanda comecou a me beijar profudamente, hummm,

senti algo assim subindo, um calor maravilhoso, ela percorria sua lingua na minha...

nunca tinha sentido coisa parecida, maravilhosa.. adorei aquele beijo ardente.

Comecei a beijar o pescoco de Amanda, a nunca, sua orelhinha, a susurrar no ouvido dela,

putinha... safada, ela com as pernas toda aberta ja, se esfregando...

Entao, tirei meu vestido, meu sutiã, ela comecou a chupar meus seios.. hummmm. percorria sua

lingua neles, que delicia..... mamava em um, no outro,,, agarrava minha cintura,... eu no mesmo

instante revidei, eu passava minha lingua fazendo movimentos ondulatorios naquele seio,

abocanhava eles com sede, e subia até o pescoco, amei.

Descia ate sua barriga, umbigo, e subia novamente.. ela delirava...entao, ela comecou a beijar minha barriga,

tirou minha calcinha, hummmm, pegou na minha pica, sinceramente, tenho um penis muito bonito, grosso, lindo..

e comecou a bater uma punheta pra mim, no mesmo instante ele ficou enorme, eu implorava pra ela chupar...

ela sá passava o lingua na cabeca, até que abocanhou, fazendo um vai e vem, maravilhoso... quase gozei, me seguirei

ao maximo, ela chupava a cabeca, e puhnetava ele, eu fui ate a lua de tanto tesao... eu fudia aquela boca, com

vontade, loucura, eu que era totalmente passiva, nunca me vi, naquela situacao.. com um mulher ainda;...

Dai, ela deitou na cama, e abriu as pernas pra mim, e pediu pra mim chupa-la, me deu arrepio, ajoelhei, e comecei

a acariciar aquela gruta que estava inundada, molhadinssima, entao, beijei a virilha, suas coxas, fui ate seus pes,

e voltei na virilha, ela delirava, entao, abri aquela gruta e comecei a chupa-la, eu esfregava minha lingua nela toda,

eu mordia aquele grelo bem de levinho vom os labios, enfia dois dedos juntos, fazendo movimentos, fodia ela com os dedos

e mamava no grelo, até, que nao aguentei, peguei minha pica, que ainda estava super enorme, e coloquei naquela xana,

comecei a fuder bem gostoso, enquanto ela chupava meus seios, eu fodia ela, num vai e vem delicioso, hummm, depois deitei na

cama e ela, sentou na minha pica, pulava, igual uma safada, uma cadela no cio, rebolava, deixava entrar tudo, la nao etava mais

aguentando.. ela ficou de quatro pra mim, senti um tesao imenso pelo cuzinho dela, era lindo, pequeno, rosadinho, e muita curiosidade,

eu senti, porque ate aquele dia entao, eu sá tinha dado o meu cuzinho, queria sentir o que os homens sentem quando comem um cuzinho...

coloquei ela de 4, pequei a cabeca do meu pau, e forcei na entrada daquele cuzinho que piscava, me dejesava, quando ela ficava o

cuzinho, parecia que ia dar um treco em mim de tesao.. entao, enconstei a cabeca, e morrendo de tesao, quando eu forcava, nao aguentei..

gozeiii bem gostoso.... nunca tinha gozada em tao gande quantidade... passei meu liquido na bunda dela toda, como ela ja tinha tido muitos orgasmos,

ficamos alguns minutos, abracada, num beijando... assim foi minha primeira vez com uma mulher. Mais ainda quero outas vees, principalmente.. matar minha

fantasia, que é fuder um cuzinho feminino. Me escrevam. [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de homens relatando sobre o crescimento do pênisvidio porno mulher enloquede ao ve um pau grossoComendo cu de mulher dormindo conto eroticocontos eróticos tomei chute no sacoas coroa metendo a casa do corpo da pulsocontos quero ser corno secretocontos quis dar pra um travestiminha priminha titio contos eróticosconto erotico era p ser so uma caronacontos sexo.eu meu sogro sograconto flagrei minha irma dando e enrabeicontos eróticos seios devem ser mamadoscontos eroticos peluda fedidacontos enquanto dormiaContos eroticos sou madura vadia e filhoConto Meu Amor é um Traficante parte 3- Contos Do Prazercontos sexo minha.filha.minha sobrinha queriam leitecontos eroticos gay fiquei sozinho em casa meu vizinho veio mim comerdividindo a enteada teen com o filhohttps://idlestates.ru/mobile/conto_5492_sonho-de-menino-q-se-torna-realidade.htmlconto gosto de usar roupas femininasminhaesposaparaoutroContos eroticos tristeza primeira vezver contos eroticos de irma dando pro irmaocontos eroticos bv e virgindadepriminho dormiu chupo a vara comigo contoscontos meu vaqueiro me comeu na marracontos mulher que coloca silicone no seiocontos erotico fui pozar na casa da minha irma casada e comi seu cuzinhocontos eróticos. bonita e exibidaViagem a trabalho contoscontos eróticos de bebados e drogados gaysconto erotico familia praia nudismo sobrinha dormindo chãoconto lesbica humilhei minha amigacontos eroticos puta vadia safadaconto erotico comi minha prima enquanto ela dormiahistorias eroticas com saúnas masculinasbucetas insasiaveis em contocontos mulher do primo lesbicashttp://transei com meu sogro gay no banheiro dele contos eroticos gaymulher ver pica no carro e fc com o cu piscado de tenzaoContos eróticos coroa casada na praiaDesvirginando a sobrinha de 18 anosporno contos eroticos filhinhas enrabadasconto gay zoofilia com galinhacontos eroticos tia do amigocontos meu marido adora me ver sendo chupada por outra mulherzoofikia contis eriticos homem aosixonado pela eguacontos eroticos minha namorada virgemcrescendo o pau aqui na frente da filha contos eroticoscontos cavalonas evangelicasTravesti que dá de graça em bhcontos eróticos virgimdade com o jardineiro coroaconto gay de pai com vaqueirocontos de crossdresser me seduziu e me fez putacontos zoo meu marido sem eu saber viciou o cao passando minhas calcinhas para ele cheirarconto erotico com pedreiro velho coroa grisalho peludocache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html sexo no arpoador conto eroticoconto de mulheres que trazam com cavalo no curalver gordinhas de ndegas fofinhassou loira baixinha paguei de puta no samba contos eroticosvirei puto dos segurancas sadomasoquismo conto gayConto eroticos das coroas 42 lindas e gostosas de 41 anos com teu afilhadoContos erotico sogra fiu filha batendo punhetaquadrnhos eroticosninfeta beijando peitoral de travesticontos eroticos sequestro eu e minha amigaamo ser rasgada fisting contocontos eroticos de estupros entre primoscastigo anal sadomasoquismo contosgorda sobe a saia e transa na ruaconto erotico gay o pinto do vizinho velhobolinei minha cunhada por baicho da mesa videocontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigodescabaçando um hetero contochupadinha no xibiu contoscontos de fudendo coroas dos seio bicudo de mais