Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CAÇA E CAÇADOR

Click to Download this video!

Caça



Seu corpo desliza sobre o meu, pantera faminta, preparada para me devorar, roça meus lábios, invade minha boca, esfrega seu corpo no meu e arma o bote. Mas hoje é o dia da caça, meus lábios percorrer seu rosto, deslizam pelo seu pescoço, meus dentes prensem seu lábulo, minha lingua te diz que foi presa na sua armadilha, minhas mãos confirmam a virada com seu arrepio e te conduzem.

Minha lingua saboreia seu corpo enquanto minhas mãos conduzem o seu quadril, n altura de seus seios ela desliza abusada entre eles, se aproxima numa espiral e engole um deles por inteiro enquanto minhas mãos roçam suas costas e seu torso. Meu sexo e o seu se roçam e se alvoroçam, mas sá por alguns instantes porque continuo te elevando, enquanto minha lingua traça mil arabescos em tua barriga.

Continua subindo, suas mãos me adivinha e já se apoiam no espaldar da cama, roço seus pelos com a minha face e meu queixo e sá de leve eixo que sinta minha língua ávida fechando a armadilha, minha cabeça se posicionando para devorar o banquete do seu desejo.

Percorro seus caminhos mais secretos, sinto seu desejo palpável em seu calor, percorro contornos, entornos, me aprofundo em ti percorrendo tantos caminhos que quase me perco neste labirinto. Chego então ao prêmio final da caçada da qual fui isca e passei de caçado a presa, o engulo com fome, enquanto com a lingua traço volteios, sugo com suavidade, mas a lingua o percorre ávida, e a avidez da lingua vai contaminando tudo, minhas mãos apertam esta sua bunda, passeiam pelo vale enquanto engulo seu grelo sugando com força, sentindo em seu corpo os efeitos.

Bom ouvir você gritando para que eu chupe mesmo, para que eu te engula, sua boca falando o mesmo que os seus quadris que se esfregam em mim como se quisessem me colocar inteiro dentro de você.

Meus dedos deslizam entre sua bunda, percorrem seu sexo, um deles vasculha seu interior enquanto eu te chupo alucinado. Meu dedo percorrem seu interior, se revirar dentro dele, por um instante minha lingua chicoteia seu grelo, o deixa para vasculhar também seu interior enquanto o dedo a substitui brincando com ele.

Mas volta a te abocanhar de surpresa, aumentando os movimentos, percorrendo seu corpo, suas costas, seus seios, sua barriga. Mais veloz, mais guloso vou devorando mil vezes seu grelo, recolhendo de seu corpo as sensações o seu prazer, tão bom sentir seu corpo assim agitado, quase deixo que sá seus movimentos me comandem.

Sinto seus estertores, continuo acelerando, acelerando, sugando seu sexo, percorrendo seu corpo, ouvindo seus gritos, vendo o terremoto se espalhar até que não aguenta mais e foge do chicote da minha lingua e se aninha exausta me meu colo...

Quem é a caça, quem é o caçador, nem sei mais!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Minha namorada festa na chacara cornoSexo gay cinebolsocoroas defloração relatocontos porno fui na festa depois fui comida na frente do namorado bêbadoconto de quando era novinho chorei com uma pica grande no meu cuzinhovideodemorenaclaraContos eroticos tarado por seioscontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandrosbucetas carnudas grandes beicos casadas cornoscontos de sexo anal bissexual com mulheres gordas comendo marcontos amigo dorme em casa esposaminha bunda grande contocasa dos contos incesto carl conto erotico brincandoconto comi a freiraconto erótico da b******** Doeu muitocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaConto erótico namorada mestiçaMeu irmão me comeu conto gaycontos a primeira ves que comi uma fravidavoyeur de esposa conto eroticoelagozouquedesmaiouzoofilia cadelagozouMeu namorado virou corno contos teenconto erotico eu fui no ensaio da escola de samba e dei o cu la2 ome pega uma mulher afosa prafase pornoContos meninas d doze anos perdendo o cabaço com papaI ddotadoEROTICO-minhas ferias lindasvídeo de pornô com as moletinho as mulatinha pornô vídeos sexoperdi a virgindade com peão contosconto comeu meu cu gostosocontos safadezas com a tia casada inrrustidacontos eróticos me bater castigohttp://porno contos eroticos de meninas virgensDei meu cu para um amigo do meu maridocus rijos bom analContos eroticos de sexo na infancia safadinha desde me nininhaporno relatos veridicos atuaisaravando as pregas do cu virgem fa espozacomendo amae domeuamigo porno leisbicocontos eróticos danielemae amigo contoFoderam gente contos tennsmete vai vo gozar aiiiii uiii dlçmulher pelada e o cu melado de manteiga no corpo inteirocontos eróticos frio inverno geladocontos comendo a velhavamos a mulher Helena chupando sua filha com mulher mulher mulher mulher mulher mulher com mulher chupacontos meu marido dxou o amigo dele me massagiarcontos eroticos mulher do primochupando coroa contoconto meu vizinho paneleirocontos.veridicos erabando uma,.pretinhamulher depravadabaixo forte troncudo e pau grosso gayCasada leva marido bebado e o sogro fode a gostosa contoPornofamiliacontoscontos eroticos entregadorRelatos sexuais me encoxando na cozinha e o corno na salacontos eroticos minha mulher mandona e dominada ppr outromeu marido me flagrou conto eroticoA melhor foda da minha vida, contoscontos de quen comeu coroas dos seios bicudosContoseroticos estuprando Vitóriacontos gay menino hormonio virou mulhercontos eroticos o pinto do meu irmaocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casabrincadeiras excitantes contos eroticoscontos eróticos de empregadasContos eroticos minha avo e mamae foderam com os mendigoscomendo e falando sacanageme gozando contoscontos eróticos comi o cu da minha dormindo meu patrão pervertido , tive que sentar com o buceta para não perder o emprego contomiminha oze aminho pidinho rola bucetaconto erotico comeu a amiga da. minha mãe seios gg doutor esporreando muito no travedti