Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PRIMEIRA VEZ EM UM ONIBUS

Click to Download this video!

PRIMEIRA VEZ EM UM ONIBUS



ACONTECEU A 6 ANOS, QUANDO EU TINHA 20 ANOS DE IDADE... BEM SOU MORENO, CABELOS E OLHOS CASTANHOS, 1 E 78 E ALTURA E 82 KG... SOU BEM EXTROVERTIDO E COMUNICATIVO...

VIAJAVA DE SÃO PAULO PARA VITORIA, COM CONEXÃO EM NITEROI, UMAS DEZ HORAS DE VIAGEM NO TOTAL, COM ALGUMAS PARADAS NO CAMINHO...

EMBARQUEI EM SAMPA àS 20H E VIAJEI UMA PARTE DO TRAJETO SOZINHO, POR VOLTA DE 23:50, QUANDO PARAMOS EM RESENDE, ALGUMAS PESSOAS EMBARCARAM, ENQUANTO AS QUE ESTAVAM NO ONIBUS, INCLUSIVE EU DESCEMOS PARA COMERMOS ALGO, RELZXAR UM POUCO DA VIAGEM...

QUANDO EMBARQUEI NOVAMENTE PARA SEGUIRMOS VIAGEM, VI QUE HAVIA UMA MULHER SENTADA NA POLTRONA EM QUE EU ESTAVA (TINHA APROXIMADAMENTE 33 ANOS, PELE CLARA, CABELOS CASTANHOS CLAROS BEM LISOS, OLHOS MEL, ESTATURA MEDIANA E UM CORPO PROPORCIONAL A SUA ALTURA, SEIOS MEDIOS E QUADRIL LARGO... UMA DELICIA), PEDI LICENÇA E ME ACOMODEI NA POLTRONA DA JANELA, QUE CORRESPONDIA A MINHA PASSAGEM, O ONIBUS SEGUIU VIAGEM E A MULHER TENTAVA SE ACOMODAR NA POLTRONA VISANDO DORMIR... VIREI PRO LADO DA JANELA, ONIBUS SEMI-LEITO, SABE COMO É, DA PRA DEITAR MUITO BEM... UNS 30 MINUTOS DEPOIS A MULHER AINDA SE MEXIA NA POLTRONA... PERGUNTEI SE PODIA AJUDAR EM ALGO, SE ELA ESTAVA BEM... ELA DISSE Q ESTAVA BEM, MAS NÃO ESTAVA CONSEGUINDO SE ACOMODAR E PERGUNTOU SE EU ME IMPORTARIA D TROCAR DE POLTRONA COM ELA, TROCAMOS D LUGAR E CONTINUAMOS CONVERSANDO... FOI AI QUE DESCOBRI Q ELA ERA CASADA E Q ESTAVA INDO A CAMPOS PRESTAR UM CONCURSO... JÁ ESTAVAMOS RINDO JUNTOS DE COISAS Q FALAVAMOS, QUANDO DISSE A ELA Q EATAVA CANÇADO E QUE IRIA TENTAR DORMIR... FECHEI OS OLHOS ME ENROLEI EM UM LENÇO QUE TINHA LEVADO, ELA VIROU O ROSTO PRO LADO DA JANELA ENCOLHEU OS JOELHOS SOBRE A POLTRONA DE MODO Q SU CORPO SE ACOMODOU BEM... ESTAVA COCHILANDO QUANDO SENTI AS MÃOS DELA SOBRE MEUS PEITOS, ACORDEI E ELA ME PERGUNTOU SE PODIA LEVANTAR O APOIO DOS BRAÇOS Q FICA ENTRE AS DUAS POLTRONAS, PQ ESTAVA MACHUCANDO AS COSTAS DELA, DISSE Q SIM E ASSIM ELA O FEZ... VOLTOU A SE VIRAR PRA JANELA E SE AJEITOU NOVAMENTE NA POLTRONA, SÓ QUE DESTA VEZ SEU QUADRIL AVANÇOU SOBRE MINHA PERNA E MEU BRAÇO, TIREI O BRAÇO MEIO SEM JEITO, ELA PEDIU DESCULPAS E PERGUNTOU SE INCOMODAVA, DISSE Q NÃO Q PODERIA FICAR A VONTADE... E ELA FICOU... A MEDIDA Q A NOITE AVANÇAVA, ELA TAMBEM AVANÇAVA SOBRE MINHA PERNA, JÁ ESTAVA FICANDO ALUCINADO COM A POSSIBILIDADE, POREM RECEOSO, DEVIDO A SITUAÇÃO... FOI QUANDO ELA ME PERGUNTOU SE PODIA DIVIDIR O LENÇO COM ELA PQ ELA ESTAVA SENTINDO FRIO POR CAUSA DA TEMPERATURA DO AR CONDICIONADO... DEITEI-ME D LADO NA POLTRONA E CEDI PARTE DO LENÇOL PARA ELA SE COBRIR, FOI AI Q TUDO COMEÇOU... ELA SE AJEITOU DE FORMA QUE FICAMOS MEIO QUE DE CONCHINHA, NÃO SABIA O QUE FAZER, O QUADRIL DELA SE ENCAIXAVA PERFEITAMENTE SOBRE MINHAS PERNAS, JÁ SENTIA O CALOR DO CORPO DELA EM MEU PEITO, SUSSURREI NO OUVIDO DELA QUE ELA ESTAVA FICANDOI EXCITADO COM AQUILO E ELA SORRIU, TODOS NO ONIBUS PARECIAM DORMIR, ERA POR VOLTA DE TRES DA MADRUGADA... COMECEI A ACARICIAR O CORPO DELA, PERCORRIA TODO SEU CORPO COM MINHA MÃO, ELA APERTAVA SEU CORPO CONTRA O MEU, ENFIEI MINHA MÃO POR BAIXO DE SUA BLUSA E COMECEI A ACARICIAR SEUS SEIOS, QUE JÁ ESTAVAM DURINHOS, ELA GEMIA BAIXANHO D PRAZER E CONTORCIA O CORPO LENTAMENTE, DESCI MINHAS MÃOS PASSANDO LENTAMENTE SOBRE SUA BUCETA POR CIMA DA CALÇA, DAVA PRA SENTIR A TEMPERATURA, FIQUEI LOUCO... DESABOTOEI A CALÇA DELA E COMECEI A ACARICIAR SUA BUCETA POR SOBRE A CALCINHA, PASSAVA OS DEDOS EM VOLTA, PRESSIONAVA... ELE GEMIA BAIXINHO E EMPURRAVA SEU CORPO CONTRA O MEU... COMECEI A BEIJAR O PESCOÇO DELA, A NUCA, ORELHAS AO MESMO TEMPPO QUE ACARICIAVA SEU CORPO COM MINHAS MÃOS... ELA ME PEDIU PRA PENETRÁ-LA... NOIS AFASTAMOS UM POUCO, ELA DESCEU TODA A CALÇA E A CALCINHA DEIXANDO SUA BUCETA LIVRE PRA MEU PENIS, LEVANTEI PEGUEI UMA CAMISINHA NA MOCHILA VOLTEI PRA DEBAIXO DO LENÇOL, ABRI O ZIPER TIREI O PENIS PELO LADO DA CUECA, COLOQUEI A CAMISINHA E VOLTAMOS A POSIÇÃO DE CONCHINA... ACARICIEI NOVAMENTE SUA BUCETA, MANIPULEI SEU CLITORIS COM OS DEDOS, ELA ESTAVA ENCHARCADA E PEDIA PRA PENETRÁ-LA... POSICIONEI O PENIS ENTRE AS PERNAS DELA...

E FIQUEI PASSANDO LENTAMENTE, INDO E VINDO, ESFREGANDO E SENTINDO O CALOR DO CORPO DELA... ELA IMPLORANDO PRA EU COLOCAR... SUBI MINHAS MÃOS PARA OS SEIOS DELA E VOLTEI A ACARICIAR SEUS MAMILOS, ELA SE CORTORCIA FEITO UMA LOUCA, DESCEU SUA MÃO SEGUROU MEU PENIS, POSICIONOU EM SUA VAGINA E JOGOU FORTEMENTE SEU CORPO CONTRA O MEU FAZENDO COM QUE MEU PENIS A PENETRASSE. COMECEI A MOVIMNETAR-ME DENTRO DELA NUM VAI E VAI LENTO E GRADATIVO, FUI AUMENTANDO AS ESTOCADAS à MEDIDA QUE O CORPO DELA IA REAGINDO, FICAMOS ASSIM POR UNS VINTE MINUTOS, ELA GEMIA E SUSPIRAVA DE PRAZER, EU ACARICIAVA SEUS SEIOS, BEIJAVA SUA NUCA, ENQUANTO AUMENTAVA FRENETICAMENTE OS MOVIMENTOS... CADA VEZ MAIS FORTE E MAIS RÁPIDO, ESTAVA PRESTES A GOZAR, QUANDO ELA COMEÇOU A SE CONTORCER AINDA MAIS, SUA VAGINA SE CONTRAIA DESCOMPASSADAMENTE, ELA ESTAVA GOZANDO, NÃO AGUENTEI E GOZEI JUNTO DELA... FIQUEI DENTRO DELA POR ALGUNS MINUTOS, DEPOIS ELA SE VIROU ME BEIJOU, SORRIU, DEITOU SUA CABEÇA EM MEU PEITO, E FICAMOS NOS ACARICIANDO POR HORAS, ELA ADORMECEU, COCHILEI COM ELA EM MEUS BRAÇOS... QUANDO ACORDAMOS, ESTAVAMOS CHEGANDO A CAMPOS ONDE ELA DESEMBARCARIA... NOS RECOMPOMOS, TROCAMOS TELEFONE, E-MAIL... DEPOIS DISSO ACONTECERAM OUTRA AVENTURAS QUE DESCREVEREI EM OUTRA OPORTUNIDADE, MAS ESTA POR TER SIDO A PRIMEIRA VEZ EM UM ONIBUS, FOI ESPECIAL... ESPERO QUE TENHAM GOSTADO, EMBORA LONGO, TENTEI SER O MAIS FIEL POSSIVEL AOS FATOS... ABRAÇOS!!!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto menor me comeucontos eroticos comi a casada carentepai engravidou a esposa do filho contopornô doido p*** fazendo fio terraPornô.de4.na.anacondaconto punheta depois futebolcontos eróticos de bebados e drogados gaysMe comeram ao lado do meu namoradoconto casada nunca tinha visto rola pretacomi o cu da minha sogra linda e da filha elas gritavalimpador de quintal me comeu sou casada contosna moto contos eróticosachei que era uma mulherao mas era um travecao que me enganou e socou no meu rabinhoConto gay heteroNovinha Bebi porra do meu amigo contocontos eroticos a festa na picina do meu partao e minha eaposa de biquinecomo arrombar um cu virgem ticaPorno contos incesto familia prazer total qualquer idadecontos fui comer o cu da minha esposa dormindo tava alagadochaves comendo cu da chiquinhaMeu doutor chupou meu grelinhobosque conto heterofudeno com duas gostoda e cozamo na carafui pra casa da minha tia ela cuidou de mim conto eroticocontos incestos dividindo o filhocontos trai meu marido na viajemViadinho Loirinho O Pedreiro tirou meu cabacinho contos eroticosContos erotico eu e minha tia no jogo da garrafaTudo q uma puta deve fazer na camamulher comenta como fodeu a buceta com teu sogro historia herotica como tudo aconteseuconfia minha madrasta no pornô chorando gostosacontos airoticos gay desmaiando no pau do padrastocontos eroticos aa aaa ai ai isso mete metemasturbando com as amigas contotransformação contos eroticoshumilharam meu namorado contosconto erotico.de novinha gosando com o paimulheres que estejam dispostas a fazer zoofilia que mora no Rio Grande do Sulfudedo a tia bombadacontos erotico mi ha esposa e eu no ci emacontos de sexo pau e pau mais eu prefiro grande e grosso no cuzinhocomeu a baba madura contoscontos erotico gay dei pro amigo do meu pai e comi a cachora dele sorfilacoloquei minha sobrinha de quatro virgemTrai meu marido com mais de 60 anos ate o cu eu deiWww.contoseroticosvirgindade.comcontos eróticos mulheres da b***** grandecontos eróticos com vários homenscontos tava batando uma derrepente minha prima me pegacontos minha aluninhaconto eurotico namorada chupeteiraAs minhodas aser tirado cabasu putas.comcontos eroticos chantagiei meu padrastoCasa dos Conto a beira de uma suruba esposa casadacontos er safadoNovinha Bebi porra do meu amigo contocontos eroticos primeira vez de coroa rabuda de cornoliliane sabe quero seu cuSou gay e tranzei com um travest contos eroticoContos eroticos violento seiosnegro beijando garotabranquinhaContos eroticos de sexo na infancia safadinha des de me nininha19cm que tinha contos incestoconto gay meu cunhado comeu meu rabo e virou meu namoradoestuprada na festa contos eroticoscontos eroticos medicotravesti bem dotado chupando o c****** da mulher do cumolicesxvideo cuzeiras de pelotascontos eroticos mexicanominha namorada e meu tio contomeu amigo me pediu para fazer sexo anal com ele gay contoZooxoxotaContos eroticos danadinha colo do velhocontos eroticos de spankingsou puta do meu enteado contomulheres aguachadas com as pernas abertas so de calcinha fotosConto erotico ZoofiliaContos eroticos selvagens brutais incestos com xingamentos surrasConto morena 37 anosconto erótico enteada querendo dar po padrastorabinho impinadinho em fio dental da irmaenchemos a boceta de porravou contar como transei com minha filhaconto erotico comi minha mae emquanto ela estava trancada na janmeu pai comeu meu cuzinho dedo do carromeu irnao mas velho dormiu bebado bitei i pau na bunda deleContos: namorada safadacontos eróticos incesto minha putinha dengosadei tanto minhA buceta no carnaVaL q to toda ardidacontos eroticos priminha rabuda no coloSobrinhas do prazer contosconto ru e minhas filhasOq deu a chantagem do sindicoconto erotico vendedor.de.mandiocacontos comi o cuzinho dela dormindoSenhoras cinquentonas casadas praticando Zoofilia prla primeira vezBucetas grandes fog lp i