Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NOVAMENTE O FILHO DO CHEFE(CONTINUAÇÃO DO ESTUPRO)

Click to this video!

Estou aqui de volta para contar o encontro que tive com o filho do chefe (agora ex-chefe) que me estuprou conforme relatei no conto passado (“Estuprada pelo filho do chefe e adorei”).

3 meses apás o acontecido eu saí da empresa porque consegui um emprego melhor, mas mantive contato com o filho do dono da empresa e sempre conversávamos pelo msn.

Depois de muita conversa e provocações, marcamos um novo encontro, mas dessa vez com um pouco mais de tempo e fora da empresa.

No dia 19 de maio de 2008 eu estava de folga no meu atual emprego e ele disse ao pai que tinha um compromisso no início da tarde e não voltaria mais naquele dia para a empresa.

Nos encontramos atrás do shopping e de lá seguimos para a casa dele conforme havíamos combinado pelo msn (aproveitando que a esposa dele estava trabalhando...).

Dentro do carro comecei as provocações passando a mão nele e colocando a mão dele na minha buceta. Foi quando ele disse que dessa vez seria diferente já que agora era com a minha permissão e eu disse que não, disse a ele que gostaria que fosse como a primeira vez (sexo forçado). Ele me respondeu que então seria “pior” do que na primeira vez.

Quando chegamos na casa dele ele me pediu que esperasse dentro do carro escondida enquanto fechava o portão da garagem e via se a casa realmente estava vazia.

Depois de uns 5 minutos ele veio com dois pedaços de pano, disse que estávamos sozinhos e pediu que eu saísse do carro. Quando eu saí ele me agarro e começo a me beijar me encostando contra o carro e quando estávamos num pequeno amasso ele me colocou de costas e puxou minhas mãos para trás. Quando eu perguntei o que estava fazendo ele me respondeu que estava cumprindo o dito de dessa vez ser pior do que na primeira e amarrou minhas mãos para trás de uma forma que eu não conseguia me mexer.

Bruno voltou a me beijar e começou a passar a mão pelo meu corpo me puxando para dentro da casa. Até que chegando no quarto dele me jogou em cima da cama e amarrou minhas pernas bem abertas na madeira da cama. Quando eu pensei que ele fosse me tomar de vez ele saiu do quarto dizendo que iria providenciar a segunda parte do plano e quando eu perguntei o que era ele sá me disse para aguardar.

Depois de pouco tempo voltou para o quarto já sem roupa e se jogou em cima de mim me beijando e mordendo meus seios me deixando louca. Quando pedi que metesse logo em mim ele disse que queria me fazer pirar primeiro e ao dizer isso começou a chupar minha buceta de uma forma deliciosa. Conseguia sentir sua língua lá dentro de mim e me sugando como se estivesse mamando em minha buceta. Quando eu já estava com os olhos fechados de tanto tesão ele mais do que depressa meteu em mim com força que me fez soltar um gemido alto e isso o deixou mais louco ainda aumentando mais ainda o ritmo das estocadas.

Eu amarrada não conseguia ter reação nenhuma, somente deixar ele fazer comigo o que quisesse como mordidas e chupões na buceta e seios e fortes estocadas daquele pau enorme dentro de mim.

Quando já estava prestes a gozar ele tirou o pau de dentro de mim e ainda bem que fez isso, pois a pressão foi tão grande que a camisinha estourou.

Enquanto se limpava a campainha da casa tocou e me assustei com a idéia de que poderia ser a esposa dele ou algum outro familiar até que ele me disse que eu poderia ficar tranquila porque deveria ser a segunda parte do planejado chegando. Neste momento o susto se tornou curiosidade em saber o que ele estaria aprontando. Foi aí que ouvi uma outra voz masculina que me deixou novamente assustada. Bruno voltou para o quarto e agora na companhia do seu primo Adriano.

Ficou roxa de vergonha pela situação dos dois estarem dentro do quarto e eu ali amarrada como um produto exposto e perguntei ao Bruno o que o primo dele estava fazendo ali e ele me respondeu que ele era a segunda parte do planejamento. Disse que isso era loucura e que era para me soltar dali que isso já estava perdendo a graça e ele me respondeu que se eu queria um sexo selvagem melhor do que a primeira vez ele ia fazer minha vontade.

Quando disse isso o primo dele já foi tirando a roupa e sacudindo aquele pau não tão grande como o que Bruno, mas quase o dobro de grossura.

Antes que eu pudesse questionar qualquer coisa os dois vieram para cama e eu me sacudia querendo me soltar até que de tanto eu reclamar o Bruno pegou um pedaço de pano e me amordaçou.

Enquanto Bruno chupava meus peitos o primo dele chupava minha buceta e o meu desespero foi se transformando em prazer.

O Adriano disse que ia enfiar em mim e Bruno disse para ficar a vontade porque a vagabundazinha estava lá para isso.

Enquanto Adriano metia seu pau grosso na minha bucetinha o Bruno me chupava os seios e quando a Adriano estava para gozar ele tirou o pau de dentro de mim e já veio logo o Bruno e enfiou o dele.

Nossa minha buceta já estava vermelha e ardida de tantas estocadas. Eu sá fazia gemer com a boca amordaçada.

Adriano pegou no bolso da calça duas camisinhas “especiais” daquelas que vem com altos relevos e deu uma para o Bruno. Adriano, que foi o primeiro a meter usando aquela camisinha, meteu com tanta força que cheguei ficar tonta na hora. Sentia seu pau rasgando as laterais da minha buceta como se estivesse com uma lixa. Logo depois do Adriano meter com força até cansar, veio o Bruno e repetiu a dose também usando essa camisinha.

No final eles viram que eu estava sangrando de tantas estocadas fortes e resolveram me desamarrar e me levaram até o banheiro e como um bicho jogaram água fria na minha buceta para lavar, me secaram e novamente me levaram para o quatro.

Ao mesmo tempo que doía tudo por dentro eu estava explodindo de prazer e para ser bem sincera não queria que eles parassem.

Quando me levaram para o quarto novamente não me amarraram na cama e sim nas pontas da porta do quarto me deixando aberta pendurada. Perguntei porque estavam me colocando daquele jeito e foi aí que o Bruno me disse que ia realizar a maior fantasia dele: comer uma mulher com um amigo ao mesmo tempo! Quando ele falou isso nem precisou me tocar que gozei nas minhas práprias pernas de tanto tesão.

O Bruno que tem um pau maior meteu na minha buceta de uma forma que fiquei pendurada em seu pau (senti seu pau bem fundo dentro de mim como se tivessem me deixado pendurada em cima de uma vassoura) e foi logo depois que o Adriano enfiou seu pau no meu rabo de uma vez sá que me fez gritar de dor. Nessa hora o Bruno ficou nervoso e me deu um tapa reclamando que os vizinhos poderiam ouvir. Os dois começaram a me espremer entre eles socando seus aus dentro de mim e eu ali pendurada como um objeto sexual. Quando cansaram da posição me desamarraram e me jogaram na cama. Desta vez o Bruno ficou por baixo e meteu no meu cuzinho (parecia que não ia caber aquele pau todo dentro de mim) e o Adriano veio por cima. Nossa os movimentos fortes do Adriano me empurravam mais ainda para baixo fazendo que o pau do Bruno lajetasse no meu cuzinho. Tive um orgasmo imenso com aqueles dois paus dentro de mim!!!

Depois do sexo duplo ficamos exaustos e os dois sá tinham forças para me chupar e fazer com que eu chupasse eles.

Depois de quase 5 horas de sexo o Adriano foi embora e o Bruno me deixou em casa porque já estava quase na hora da esposa dele chegar e teria que deixar tudo arrumado.

Trouxe o lençol usado para casa e Bruno mandou que eu guardasse como recordação do melhor estupro que alguém poderia sofrer.

Parece histária, mas isso realmente aconteceu e eu adorei esse estupro duplo.

Quero repetir mais vezes...

Fico por aqui, pois já estou toda molhadinha sá de lembrar e preciso me recompor das lembranças.

Beijos,

Aninha.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


enrabado dormindo acordei gosteiContos examinaram minha xxoxtameu padrasto tirou minha calcinha e comeu meu cuzinhomulheres casadas morenas claras 45 a 55 anos traindo com negaocunhado fagendo sexo com cunhadacontos zoofilia cadela apaixonadacontos eróticos comendo a coroa caipiracontos enrabado na saunalouco pela minha prima contoConto eroticode incesto minha virou sogra da minha irma minha sogra viúva linda e gostosa ela mora sozinha eu fui na sua casa minha sogra ela conversando comigo no sofa ela me disse que minha esposa disse pra ela que eu adoro fuder o cu dela eu disse pra minha sogra eu adoro fuder o cu da minha esposa minha sogra disse pra mim meu genro eu nunca eu dei meu cu virgem pro meu finado marido minha sogra ela me perguntou pra mim meu genro você que fuder minha buceta e meu cu virgem eu disse pra ela eu quero minha sogra fuder sua buceta e seu cu virgem minha sogra ela me levou pro seu quarto conto eróticocontos boquinha da tiaPorn contos eroticos o mulato amigo doo filhocontos meu primo me estrupo quando tinha oito anosVideo porno de duas coroas de 45anoa saindo juntas pelaprimeira vezcache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html carla dando a buceta ora o seu filho de 18conto erotico gay motoqueiro marrentirelatos reais minha eaposa pediu pro amigo comer o cu virgem delaconto porno a virgem babivideo porno apostou e comeu a palmeirensemulher tranzndo com ponei realcontos eroticos gay game apostacontos eróticos na saída do paredão comendo c* virgemconto afoguei com galaandei com a cara gozada na ruacontos heroticos gay meu tio de dezenove anos me comeu dormindo quando tinha oito anoscontos eroticos menina de 07anos dando a xaninhaRelatos eroticos de professoras casadas brancas que foram usadas por alunos negrosmeu irmao tirou minha virgindadeconto arrembentei o cabaço da minha filha deliciavarios contos eroticos juntos para ler de cunhadas novinhas na orgiacontos de incesto minha sobrinha veio passar dois dias comigoXvideos gostosas musculos nas coxas na cabine eroticacontos gay travesti apostaeu fui arrombadocontos eroticos esfreguei um bundão gostosoadoro uma calcinha fio dental e shortinho curtinho afeminAdo contoscontos transei com minha mae gostosa peituda no banhoContos eroticos papai mamae e as gemeas o negão comeu o meu marido contos eróticoscontos eroticos gay fui enrrabado apanhei e gosei com um desconhecidocontos de coroa com novinhoConto erotico o cu da minha enteadacontos eroticos lutasvirei puta assumida eu confessoRex dando o cudiretor me comeu contosme casei com uma puta safadacontos eritico papai colocou de castigoconto minha esposa me trocou por um negãoContos pornos-mostrei o pau duro pra minha maefazenda fravia dan xeso anal lua demelContos eroticos orgia forçadafoto de mulheres que traem os maridos de Hortolândiacontos eróticos vi ele com pau inchado falou que tinha machucado contos cornos forumsexo com amigo contoscontos erotico eu minha esposa e meu primorasguei o afeminado novinhocontos pornos irmas naturistashome subimisso bebi xixi da rainha Conto gay - menininha do paiContos erocticos dei comprimido ao velhocontos eroticos gordinha ferantecontos enterra tudo devagarinho no meu cuzinhoMARIDO PÉ DE MESA CONTOS EROTICOS VERDADEvelho zinho tarado contoscontos tias putasContos fui castradoconto chicoteda na bucetaconto carona com caminhoneiro minha bucetacontos eroticos brincado de se esconder no recreiocontos eroticos comi duas professorasconto erotico a buceta enorme da minha esposameu amigo travesti me comeu contossou a cris, e esses fatos aconteceram quando eu tinha 20 anosfilho delicia contomadame currada no mato conto