Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A CALCINHA DE CAROL

Click to this video!

Oi, meu nome é Gabriela, tenho 19 anos e sou de Curitiba, faço facu de Medicina. Estou escrevendo pq recentemente aconteceu algo comigo que mexeu muito com minha cabeça. Sempre me achei uma garota normal, tive vários namorados mas em relação a sexo sempre fui meio atrasada, tive a minha primeira e única relação completa ano passado com um pedreiro aqui em casa, não foi o que se pode chamar de 1 vez. Na minha sala tem uma garota que é muito minha amiga, Lara, nos conhecemos na facu mas parece que já somos velhas conhecidas. Nesse pouco mais de um ano de amizade já passamos bastante tempo juntas, mas recentemente começamos a ficar muito ligadas mesmo, de uma frequentar a casa da outra quase que diariamente. Foi quando comecei a frequentar sua casa que conheci mais intimamente a irmã de Lara, Ana Carolina, ela tem 19 anos e faz cursinho pra medicina também, ela é uma daquelas garotas que nascem com a sorte de chamar a atenção de todos os garotos, desde o primário, cabelos pretos bem lisos e olhos puxados e azuis, realmente ela chama a atenção, ainda por cima tem um corpo perfeito sem nem malhar. Desde o inicio a gente se deu super bem, ela é uma garota bastante extrovertida, logo que a gente se conheceu já brincava comigo como se fosse amiga intima. Uma coisa que logo me chamou a atenção em Carol foi que ela não tinha vergonha de contar nada, falava sua vida pessoal numa boa quando estávamos todas juntas, certa vez a gente conversava sobre sexo e ela, que havia perdido a virgindade a pouco tempo com o namorado, nos contou que na semana anterior estava fazendo sexo oral em seu namorado quando ele sem avisar gozou em sua boca, ela contou um monte de detalhes como se isso fosse a coisa mais natural do mundo, outra coisa que ela fazia bastante era trocar de roupa na minha frente, normalmente quando ela chegava do vôlei a noite eu estava em sua casa, ela entrava no quarto, tirava a roupa e ia

Tomar banho, no começo eu ficava meio constrangida mas depois fui me acostumando, me acostumando tanto que fui ficando meio curiosa, não sei bem o que é, mas sempre que ela se trocava me dava curiosidade de ver seu corpo, não entendia porque, não sei se por comparação ou outra coisa, sá sei que quando a irmã dela não estava no quarto eu olhava cada vez mais descaradamente. Uma vez eu estava no quarto esperando Lara tomar banho quando ela chegou, como sempre ela já foi tirando a roupa e ficou sá com a camiseta do time, quando ela foi pegar uma meia que estava no chão ela se abaixou e ficou de quatro, bem na minha frente, eu tive uma sensação tão estranha quando olhei aquela cena, deu pra ver tudo mesmo, até seu anus, uns pelinhos bem ralinho em volta dos lábios, me deu um frio na barriga que naquele dia fiquei até preocupada. Fiquei com aquele negocio martelando na minha cabeça dias inteiros, não conseguia tirar aquela cena da minha cabeça. Alguns dias depois, quando estava lá de novo, não via a hora dela chegar pra ver seu corpinho novamente, mas nesse dia fui com uma idéia mais audaz, queria sentir o cheiro da sua vagina. Essa idéia pra falar a verdade não me atraia muito, mas curiosidade era muito grande. Assim que ela tirou a roupa e deixou a calcinha em cima da cama fiquei sá esperando uma oportunidade da Lara sair e eu fazer aquilo, como ela não se mexia pedi a ela que buscasse um álbum de fotos que estava dentro do carro dela, quando ela se levantou estava livre pra fazer aquilo, achava que estava fazendo uma loucura, cheirar uma calcinha, mas quis ir em frente pra ver como era. Peguei a calcinha com um pouco de medo que alguém aparecesse e abri um pouquinho, senti que ela estava um pouquinha molhada de suor nos cantinhos, e tinha uma manchinha bem no meio também, com o coração disparado levei até o meu nariz, pela primeira vez senti o cheiro de uma outra vagina que não fosse a minha, não sabia se sentia nojo ou tesão, o cheiro estava bem forte mas não cheirava mal, muito pelo contrario, era um cheiro até que gostoso, nessa hora eu já estava molhadinha mas ainda não sabia, resolvi ir mais além e sentir o gosto daquilo, sem pensar muito dei uma lambidinha bem em cima daquela manchinha, senti um gostinho salgado eu me deu um pouco de nojo, lambi mais uma vez e coloquei a calcinha de volta na cama, antes que Lara chegasse ainda tive outra idéia, esfregar a calcinha na minha vagina, levantei minha saia e abaixei minha calcinha, foi aí que vi como fiquei excitada, eu tenho lubrificação muito fácil, e naquela hora minha calcinha estava toda molhada, fiquei até com medo de molhar muito a calcinha dela e sá dei uma passadinha bem na entradinha da minha vagina, molhou um pouquinho bem em cima da manchinha. Coloquei a calcinha virada pra baixo pra disfarçar e esperei Lara chegar com o coração na mão, o que era aquilo que eu tinha acabado de fazer, cheirar e lamber a calcinha da irmã da minha amiga, foi uma loucura mas foi uma experiência totalmente nova, não sei o que quer dizer. Depois disso ela está na minha cabeça até agora, não acho que sou lésbica porque tenho vontade de transar com homem também, mas acho que tenho uma curiosidade muito grande de sentir o corpo de uma mulher, tentei achar alguma menina numa sala de bate papo pra conversar sobre isso mas não consegui. Semana que vem eu vou dormir na casa dela, vai ter uma festa de um primo dela lá, vai bastante gente e depois nás três vamos dormir juntas no mesmo quarto porque vai ter uns parentes delas que são de fora, não paro de pensar no que pode acontecer e como devo agir, pra falar a verdade não sei nem o que quero...

Se acontecer alguma coisa vou escrever, mas se alguém já tiver tido alguma sensação assim talvez possa me dar umas dicas.

Até mais.

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos eu e minha filha somos as putas do bairro e meu marido sabeconto macho fica pelado Contos erotico com equilina da minha patroasapata velha greluda e ninfetacontos virei escrava por chantagemencoxada onibus apagado contosContos eróticos de gay Comi o filho do meu patrãozoofili negao magro com umaaconto sem calcinha a troco de docegay de zorbinha enfiado no regovídeos de********* pornô da mulher morena que tem os peito grande para batata chupa a goza na cara melada cara tôcontos eroticos relatados por mulherescontos eroticos tios gordinhos tirando o cabaço do cu do sobrinho novinhoConto comi a mãe da minha namoradacunhado fagendo sexo com cunhada noivinha gostosaContos eroticos de calcinha fio dental saia rodada no coletivocalcinhas usadas da minha tia contoscontos porno esposas estuprados submissosboqueteira gaucha conto Pornô rosto crispado de tesão pornô no matoMamando piroca do filhinho contoseroticosmega rolas mega bucetas mega gozadas profundascontos comendo mulher na despedida de solteira no carnavalMães chupando filho contoseroticosContos eróticos menina com bucetinha lisinha e putinhacontos meu marido ajudou amigo dele me comerContos implando porra na bocaconto gay filho ve o pai com o pau duro e perguta o que a quinlocontoseroticosdecalcinhaContos minha irmã e minha putacondos erodicos Contos.encestos.mae.no.campo.de.futebolcontos eroticossobrinha brincando com bonecacontos eroticos com a diretora da escolacontos de big rolacontos eróticos lésbicas casada vira escrava da vizinhacontos eroticos com escravas sendo humilhadaporno idoido na purberdadecontos gays/sendo chantageado e levando ferro a forçagay negro bebado sente pora escorrendo no cuConto carona de trabalho leva amiga da minha mulhermeu primo me comeu no churrascontos meu marido da pica pequenaCONTOS EROTICOS MARIDO BEBADO FOI ENRABADOnovinho da pica gigante atolando no mulequeinhoContos a amiguinha fielcontos eroticos caminhoneiro obriga meninaporno bundas de morenas com cabelos longos mastubandosComtos erotecos de imcesto minha mae sentou no meu coloconto erotico minha mulher nua na frente do paicontos eroticos priminha rabuda no colocontos eróticos gay com monstrosainda havia dor mamilo grande e pontudo vídeo pornôOs travestis qui São quaz mulhercontos heroticos gay meu tio de dezoito me comeu dormindo quando eu tinha nove anosconto fui abusado pelo tio da van gaycontos eroticos carnaval sai de cuzao e shortinhominha iniciação gay contoscontos eroticos gay o pastorconto comenndo a tiacontos deu o cuzinho por um celularcasa dos contos putinha desde novinhaconvenci meu primo a me fuder bem novinha contoscontos eroticos comi toda a familiacontos eroticos cuzinho pro paiContos eroticos primeira vez no puteirojapinha.de.baixo da mesaarrombada no rodeio comtosdudududu pau no seu cu contos eroticos um casal de amigos nos convidou pra uma jantainspetora viu meu pau contosGoiânia conto local cu borracharia gaygozoo na bucetakcontos eroticos linguada no cucachorros rendidos gozando pornoconto ganhando mamadeira de porraconto os peitos bicudos de maebundinha com calcinha sensual da virgemhistorias pra gozar minha menima dd 19 aninhose delirarela gritou dizendo q seu cu tava doendo contoscontos eroticos incesto pai e filha fistingchupando pica abrancando o namorado pela cintura amador