Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NASCIMENTO DE LATOYA

Click to Download this video!

Antes de mais nada deixem eu me apresentar, me chamo Latoya uma travesti bem feminina que é completamente tarada por caralhos grossos e cheios de veias. Na verdade eu cheguei neste mundo com o nome de Renato, filho único de uma família classe média alta, filho de médicos que tiveram um fim triste devida a imprudência de meu pai que encheu a cara de cerveja provocando um acidente fatal a ele e a minha mãe. Nesta época eu tinha apenas 5 anos de idade e sobrevivi apás ficar em coma por uma semana e ter meus testículos amputados devido ao acidente. Fui amparado pela minha tia Márcia que era divorciada e criava duas filhas Ana e Carol que me ajudaram a moldar meu lado mulher. Naquela época elas tinha 8 e 19 anos respectivamente. Desde esta época fui criado num ambiente cercado por mulheres. Minha tia Márcia era costureira e sua casa era sempre cheia de mulheres. Não tinha uma referência masculina para me espelhar, sem contar que era sempre paparicado e criado com muito dengo. Desmunhecar, falar revirando os olhinhos, fazer fofocas eram coisas que eu sempre observava na mulherada e passei a imitar. Minha vida começou a tomar um rumo aos 19 anos ao entrar na adolescência pois como fui castrado aos cinco anos de idade nunca produzi testosterona, hormônio responsável pelas características masculinas o que me deixava extremamente feminino. Pele fina, pouco pelo e voz aguda sem contar a forma de andar. Minha tia me levou no médico que disse que teria que fazer reposição hormonal por resto da vida. Minha tia me disse depois de adulto que optou por não fazer a reposição pois sabia qual seria meu futuro e resolveu sem eu saber acelerar minha transformação fornecendo estrogênio o que me fez ficar mais feminina com o crescimento dos seios. Minhas primas incentivaram minha transformação dizendo que eu deveria deixar meu cabelo crescer o que fiz motivada pelo crescimento dos peitinhos. Lembro da emoção de ter ganho meu primeiro soutien, o que me fez mergulhar no universo feminino. Aos 19 anos eu era uma das garotas mais lindas da rua. Cabelos longos e liso usando uma maquiagem suave e unhas sempre bem feitas, vestida com saias e blusinhas decotadas comecei a chamar atenção dos meninos. O Renato estava praticamente morto. Eu era uma adolescente normal que não queria nada com estudo e sá pensava em ficar fofocando com as minhas primas sobre os meninos da rua. Eu era virgem e tava com o cuzinho pegando fogo.... continua

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos Eróticos abusada todos os dias por estranhoscontos eroticos de senzalasgata de excita o tio conto mais falladocontos incesto minha maeFiz marido macho virar cornoeu minha amiga e meu namorado contos eroticoscontos de metendo em uma peluda ruivaca dos contos eroticos infancia negao gigante acontos eroticos vi mamae fudercontos eroticos madrasta enteada namoradoIniciando uma virgem contos eroticoscontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaconto-eu pequena e sapekinhacontos fui comer uma bct chegou na hora era homemxvidio tinho berbado asubrinha fica taradacontos de aluciando pela buceta peluda da maeejaculando na cara porno contos er¨®ticossexe conto minha fia mideo o cu por 1.00 reaufui enrabadaSou casada mas bebi porro de outra cara contoscontos eróticos dona putonachuço muita rola contoscontos porno eu e minha mulher curradoscontos eróticos com marido tratado me estupandocontos gays meu cuzinho me chamava de festaas rola de pratigo na bucetaContos eroticos casal certinho e travest roludoNovinha Bebi porra do meu amigo contocontos eróticos de irmãosconto erótico duas rolar na velhaTatuagem na xoxota contoscontos eróticos passando o pau no cuzinhoconto erotico Conto de um corno manso da Mãe e Filha IIconto erotico empregada negra escraviza patricinhaTravesti surpresa contoscomi muito minha irmãcontos encesto seguestro de mamaecontos chantagiei minha mae e mi dei bemContos real de entiada trasado com padrato rjSou casada mas bebi porro de outra cara contoscontos de mulheres que gostam de levar na cona de ser enrabadascontos eroticos minha sogra franciscacomendo agostoza da irpregada iu marido ligandocontos erotico de novinha trasado com novinho tirado a vigidadecontoseroticosbrincadeirascontos eróticos miha mulhere fica masturbando vendo travestiSo uso fio dental enfiado no cu.conto erotico femininoconto dpconto gay meu melhor amigo de 37 anosmulher do gelou grande fudedoencaixando na buceta meladaandreia baixinha tranzando e tamiriscontos eróticos punheta da primaSou casada mas bebi porro de outra cara contoscontos de incesto fui adotad a para ser escrava sexualcontos eroticos gay velho barbeiroconto minha esposa devoradora de garotinhosContos eroticos comendo cu da madrasta e da meia irmaFILHA EMPRESTA ROLA PRA MAE CONTOminha sobrinha me chupou enquanto eu dormiacontoseroticos cagando na boca do viadocontos tomei no cu gostosoconto sogra nudistacontos porno heteros'na adolecencia brincando de esconder meus amigos me comeram'contos eroticos maduras tias bundascontos vi minha mulher me ligou me chamando de cornovou rasgar sua boceta vagabundatransa shopping Interlagos contoContos meninas d doze anos perdendo o cabaço com papaI ddotadoamanda meu marido.é corno mesmo contoschantageada e humilhada pela empregada negracontobucetavirgem