Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O SEGURANÇA

Click to Download this video!

Meu pai foi vitima de um assalto, e os assaltantes ameaçaram que voltariam a assaltar nossa família se ele não desse uma certa quantia em dinheiro, então meu pai colocou um segurança em nossa casa que quando eu ou minha mãe precisávamos sair tínhamos que sair com ele, foi ai que conheci o claudio um negro de um metro e oitenta musculoso e careca, pois o mesmo raspava a cabeça.



Nos primeiros dias ele mim levava no colégio e trazia de volta ate ai tudo bem, mas com o tempo foi tendo sonhos eráticos com ele onde mim via trasando com o mesmo eu branquinha e baixinha com um homem daquele, mas um dia minha mãe falou íamos passar o fim de semana na praia mas falei que tinha prova no colégio no sábado e tinha jogo do time de vôlei no domingo, ela perguntou se podia ficar sá e eu falei que sim, então ela avisou que o claudio o segurança ia ficar na casa pra fazer a segurança e eu sá sairia com ele. Falei tudo bem.

Na sexta a tarde meu pai e minha mãe foram a praia, a noite jantei e chamei o claudio para jantar comigo, conversamos amenidades e as dez fui dormir, mas não conseguia pois sá pensava naquele homem ali e eu com o tensão nas alturas, a meia noite como não conseguia dormi fui tomar um banho de piscina e resolvi tomar banho pelada pois já estava acostumada a tomar banho assim quando estava sá. Um pouco depois que entrei na piscina e olho de lado estava o claudio em pé na borda da piscina olhando para mim com a cara bem seria, foi ai que notei que ele estava com tensão em mim pois tinha se formado um grande pacote na frente de sua calça de moleton, então perguntei - aconteceu alguma coisa claudio? E ele falou - não e que ouvi barulho aqui na piscina e vim ver o quer que estava acontecendo aqui.



Neste momento já não me controlando mais de tesão saí da piscina e fui em sua direção pelada do jeito que estava e falei - é que eu gosto de tomar banho de noite sozinha, mas já que está aqui poderia me acompanhar.

Chegando em sua frente coloquei as mãos em volta do seu pescoço, me pendurei com as pernas em volta de sua cintura e dei o maior beijo que já dei em um homem. Ele me segurou com as mãos por baixo da minha bunda e depois foi esfregando aquele volume que mais parecia um cacete dentro da calça, soltei seu pescoço e fiquei de joelho em sua frente e fui baixando sua calça, quando passou do joelho que olhei para cima foi que vi aquela madeira preta e cheia de veias, fiquei admirando por alguns segundos e depois peguei com as duas mãos e ainda sobrava, comecei a chupar aquilo que mais parecia uma barra de chocolate, sá que muito mais gostoso. Quanto mais eu chupava mais ele ficava descontrolado e vi que o pau dele começou a inchar, foi ai que veio uma chuva de esperma, tentei engolir mais os jatos eram tão fortes que eu engolia um pouco e sobrava dois tantos do que eu engolia. Ele vendo eu engasgando com tanta porra tirou o pau para fora de minha boca e começou a se masturbar na minha cara, gozando mais uns cinco jatos de porra na minha cara, o que mim deixou banhada de porra.



Ele me pegou nos braços e mim levou ate uma mesa que tinha em frente a piscina, colocou-me em cima da mesa, abriu minhas pernas e começou a chupar minha bucetinha eu segurava na cabeça dele que passava sua língua que mais parecia uma lixa na minha buceta eu gozava arqueando minhas ancas em direção a sua boca quando ele viu que eu tinha gozado umas duas ou três vezes, ele ficou de pé em minha frente e começou a esfregar o pau na portinha da minha buceta abrindo os lábios e forçando cada vez mais pra dentro. Eu nunca que iria aguentar um cacete daquele calibre mais como tava em um estado de gozo permanente nem senti quando ele de um única estocada meteu o cacete pra dentro até topa no meu útero ficando ainda uma boa parte daquele pau do lado de fora. Eu sá conseguia emitir alguns gemidos de gozo, então ele foi aumentando as metidas cada vez mais rápido e mais fortes até que senti como se tivessem ligado uma mangueira dentro da minha buceta e uma torrente de porra começou a sair junto com meu gozo que também já saia em grande quantidade fazendo um barulho diferente dentro de mim.



Depois sá lembro de acordar com ele no meu quarto dando banho em mim e me colocando na cama e me cobrindo com um lençol, no outro dia acordei umas dez horas pois as catorze ia jogar e ele foi me deixar no ginásio onde fomos conversando sobre o acontecido e eu falei pra ele que queria muito mais quando voltasse pra casa, e aconteceu isto e muito mais.



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos coroas na casa de repousoconto erotico a patroa e fachineirocontos e fetiches minha enteada minha perdiçãose eu deixar no seu sobrinho como é lá dentro da piscina e gozar na sua caraera virgem e minha liberou pro marido da minha tia contocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casadei pra um estranho num baile e meu marido viu conto eroticocontos tia de 57 anoscontos eróticos de patricinhas trasando com os paisxvidio travesti ta duendocontos eroticos menina. na fazendaTennis zelenograd contocontos eroticos de menina adolecente transando com homem maduro e bem dotadocontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casaesposa contando detales pro corno da transa com amante contosso conto erotico de mendigoscontos eroticos minha mulher com roupa curta e decotadacontos de incestos na madrugada ele se encaixou em mimcontos de inversao e podolatriacontos eróticos vendadaconto erotico mulherzinha gaycontos eroticos corno e amigo mesmContos fingindo dormirpatroa dando a buceta pro vendedor ambulante contos eroticoscontos erotoco menininha na trilhaconto erotico safado me comeu com meu marido do lado dormindode calcinha na frente do meu pai contoscontos eroticos sou casada mas adoro pica de cavalosconto noivo corno na sala porta abertaconto erótico de casada que chegou em casa completamente arrombada e o marido percebeuconto cabaco xota cucontos tias putascontos eroticospica grossa rasgando bucetacontos erótico de coroas casados trancando com novinho BA baladasver filme porno com massagista se a susta com o tamanho da piroca do clientes e pede para tocar uma pueta e pede para ela bater um pueta ele goza na boca de delacontos tranzei com a minha colega,de trabalhocontos das danadinhas perdendo cabaçinhover rapasea novos grizalhos pelados de pau duroContos de sexo... A mini saia mal cobria a bunda delaesposa novinha gostosa dominada por velho roludo contos eroticoscontos o velho fez casada de putaconto fui na casa do patrinho e ele comeu meu cucontos eroticos mendigo gays orgiaContos eroticos..marido incentiva esposa ter outro comendocantos erotico de casada co catado de latilhameu amigo cumeu minha mãe e minha tia 2. conto eroticoO amigo do meu namorado me comeuconto erotico vi meu tio velho coroa grisalho peladocontos eróticos com senhor de idade com rapazsexo contos mendiga estuprocasadas que postam fotos de itanhaemContos eroticos bem safadoo com.varios carasocasada meu patrão me comprou e arrambou meu cú virgemZoolofia cominha cadela ler istoriaReguinhocontoscontos tomei no cu gostosowww.conto eu vi o pedreiro mijandocontos eroticos dando pros 5 irmaoscontos eroticos escritos lesbicos me dar melzinho.encostei o braco na buceta da cunhada contosdei pra um estranho num baile e meu marido viu conto eroticodeixa eu ver seu peitinho contosimagens de conto de homem macho transando com amigo caminhoneiro machoconto fodi a filha adolescete da vizinhacontos eróticos esperava o meus dormir eia na cama do papaicontos eroticos meu alunocontos eroticos ajudando uma amiga e suas duas filhas adolecentehistória canto erocito meu marido trouxe um cachorro e ele comeu minha bucetinhameu cu aberto e ardido de picaso putao dando o cu e gozando e gritandocontos eróticos menina pequena dá o c* no pedágiocontos eroticos brincado com meu irmao acabei perdendo o cabacinhoconto erotico comendo o cuzinho do menino de ruacontos de siririca de mulher acima dos 60 anosdia dos namorados incesto contotiti do cu apertado emnconto erotico com o velho padrinhoconto agarrada no onibuscontos eróticos mulher gostosa cuidando de menininhosMeu oai meu primo e eu contos gayContos Mulatinha do titiocontos eroticos minha filha de fio dentalcontos eroticos so casadinhas e velhinhoscontos eroticos filha pequenaprimos q pegaram primas pela cinturaquero ser arronbada por outro cassete contocontos eróticos esposa sodomizada no metrôContos eroticos de casada peidando e goatandocontos eróticos fui pra casa da tia e meus primos me arrombaramcontos eroticos enrabando o cliente bebadoconto gay tirei o atraso do meu primocontos eroticoscomi minha irma drogadamamei naquele cacetao contocontos de incesto dez anoscontos de noiva putinha corninho safado titío caralhudo noiva putinhaconto erótico maltrato minha mãecontos eróticos de gatinhas novinhas dando para super hiper dotadosconto erotico virei cadela barolhei aquele pauzao do cara meu marido nao percebeuconto erotico gay com cunhado velho coroa grisalho