Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CHANTAGEADO PELO MEU AMIGO A TRANSAR COM 5 CARAS.

Click to Download this video!

O que relato abaixo aconteceu quando eu tinha 19 anos. Sou de Curitiba e sou heterossexual. Nunca beijei outro homem na boca, somente no pau.

Tinha 1,89m, forte, musculoso, loiro e com poucos pelos no corpo.



O meu amigo, me deixou chupar e dar para ele na volta da balada, meio por acidente, em um dia em que bebemos muito. Fizemos tudo, mas tive todo o cuidado para que ele não pensasse que eu era viado e tomamos todo o cuidado e nunca mais o assunto é mencionado, para salvar o segredo.

Mas tempos depois, combinamos de passar um final de semana em casa, quando meus pais viajaram. Eu imagino que possa rolar mais um troca-troca, mas a possibilidade era pequena. Mesmo assim, preparo um pouco a situação, locando um filme pornô com uma atriz bem gostosa, fazendo muito sexo anal e oral.

No sábado a noite, já estávamos bêbados, assistindo ao pornô e o clima apareceu. Ele mechia no pau como que oferecendo para ver se eu falava alguma coisa. Mas eu fiquei bem quietinho, pois não queria passar por viado.

Aí ele diz que se eu der para ele bem direitinho e fizer tudo o que ele quiser, ele dá para mim e tudo mais no dia seguinte. Sendo assim tratado, de modo "igual", estavam salvas as aparências para mim e eu podia dar e chupar com todo o capricho.

Apás fazer um pouco de charme aceitei a proposta.

Fomos para o quarto e ele me amarrou de quatro, ao pé da cama. Colocou uma venda nos meus olhos e disse que já voltava. Fiquei meio nervoso, pois se alguém aparecesse eu estaria totalmente desmascarado.

Quando ele voltou, tirou minha venda. Para meu terror, havia mais 5 amigos dele no quarto. Fiquei pálido e com muita vergonha e medo. Afinal, todos poderiam descobrir o meu segredo.

Meu amigo então falou para mim: "0 negácio é o seguinte: você vai ter que dar a bunda e chupar cada um de nás direitinho, se não nás vamos espalhar por aí que você gosta de pau!".

Estava morto de vergonha e não sabia o que fazer naquela situação. Podia tentar fugir ou gritar, mas se fizesse isso, alguma coisa sairia daquele quarto.

Enquanto pensava nisso tudo um dos caras tirou o pau para fora e começou a tocar uma punheta. Ele chegou por trás de mim e eu comecei a lutar para me soltar do pé da cama. Mas os outros me seguraram na posição que eu estava (de quatro) e ele passou um pouco de KY na minha bunda.

Quando senti o KY na minha bunda, confesso que fiquei paralisado por um instante e foi aí que ele enfio o seu pau enorme. Eu gemi de dor, pois ele não teve nenhum dá de entrar com jeitinho, apesar de ter entrado devagar. Eu lutei um pouco mais, enquanto ele bombava na minha bunda. Mas quando chegou na quinta ou sexta entrada, eu fui perdendo a força para lutar. Ele perceberam e começaram a me largar. Em pouco tempo estava de quatro sendo comido por uma estranho com um pau bem maior do que o do único cara para quem tinha dado anteriormente. Abaixei a cabeça, pois estava com vergonha dos outros 4 que me assistiam naquela cena.

Logo outro estranho tirou o pau para fora e falou para eu chupar. Eu disse que não, mas ele encostou a cabecinha na minha boca e eu acabei abrindo. Acho que foi aquela gotinha de gozo transparente na pontinha do seu pau que me fez abrir a boca naquela hora. Fechei os olhos como se a vergonha que estava sentindo fosse desaparecer e chupei aquele pausão grosso e cheio de veias com todo o capricho.

O cara que me comia por trás estava metendo com cada vez mais força e eu não pude me conter e comecei a gemer de dor e de prazer. Os outros 3 que assistiam à cena começaram a falar abusos para mim. “Isso que você queria, né, seu viado! Qué dar a bunda e chupar pau, né! Vamos meter muito em você! E faça tudo o que a gente quer, se não vai todo mundo saber do que você gosta. A primeira pessoa que vai ficar sabendo é a sua namorada!”.

Logo o cara de trás gozou ao meter com toda força em mim. Minha pernas ficaram até trêmulas. Os outros discutiram entre si para saber quem iria meter em seguida. Venceu a discussão um cara mais forte, de quem os outros tinham medo de apanhar. O pinto dele era não tão longo (uns 19cm), mas era muito, muito grosso e fiquei com medo. Pensei novamente em resistir, mas ele passou ky no pau também e logo foi entrando aos poucos. Mesmo com o cu já alargado pelo pinto do outro cara, cheguei a parar de chupar o outro cara na hora em que ele estava entrando. Eu disse: “ai, ai, ai, ai, não vai dar, não, não entra....” Mas ele entrou mesmo assim. Eu gemia e não tinha como disfarçar nada.

Logo o cara que eu chupava gozou na minha boca, segurando minha cabeça por trás e enfiando até a minha garganta. Eu me afoguei com o pau e o gozo dele naquela hora. Parecia que ele queriam descontar em mim todo aqueles cuidados que precisam ter quando transavam com as namoradas.

Depois chupei e dei para todos os outros. Minha bunda já estava meio doida e meio dormente ao mesmo tempo. Minha boca estava seca, mas eles me fizeram colocar KY na boca para compensar.

No final eles ficaram satisfeitos e eu fui tomar um banho. Me olhei no espelho e tive vergonha de mim mesmo. Mas sabia que tinha tido muito prazer e ia lembrar daquilo por muito tempo.

No fim eles prometeram não contar nada para ninguém e foram embora. Meu amigo ficou, pois passaria o final de semana como planejado.

As coisa ficaram meio tensas entre a gente, mas depois cobrei dele e o comi no dia seguinte. Ele gostou bastante e pediu que não contasse aos seus amigos que haviam me comido. Com isso, tendo eu também comido sua bunda, ficamos “quites” e “cúmplices”. Pelo menos sabia que tinha algo para chantagear meu amigo, caso ele resolvesse me sacanear.



Se quiserem falar comigo, escrevam para mim: [email protected]





VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de incesto pirralhaContos erotico marido bracinho corno de negaomulher safada do meu amigo deu uma calcnha usada p mim cheirar contos eroticosnoite maravilhosa com a cunhada casada contoscasa dos contos erotica me doparamwww. indiando a rola na gostosa por baixo do vestidopau de jegue arrombando minha filhinha contosdando cuzinho pro macho da minha mulher contocotos heroticos gay neguinho me comeuptra vira escrava sexual da empregsda contos eroticodxvidio gay coroa 82conto erotico japonesa da.do o cuSou casada mas bebi porro de outra cara contosgay negro bebado sente pora escorrendo no cucontos eroticos..comi a mulher do pastorcontos eróticos meninas de 25 anos transando com a calcinha preta com lacinho vermelhoComtos mulher fodida pelo marido e o filhoconto erótico da mulher q pedia pizzacontos eroticos maes negoes cavalocontos eroticos gay sadade de meus dominadoresesposa na brincadeira em casa contoconto erotico meu apelido no colegio e jeguinhoComi a cadeirante casada contosEu e minha sobrinha de 19 anos de idade no motel conto eroticocontos eróticos com molequesconto erotico humilhado na festacomi minha criada boazudacontos de meninas que adoram ser estrupadas por todos dà casacolocando no cu dela bem devagar dormindocontos eróticos de pai e filha gravidacontos erotico baba casada chantageada por meninoconto erotico estuprada no terreno baldiobeijo no umbigo contosContos eróticos brincando de esconde esconde com o inocenteConto comi a mulher do meu primopintinho sobrinho contos eroticoscontos fodendo o cu da MarileneRex dando o cuconto garoto esperimentei dar cucomi minha cunhadinha enganada por ser gemias identica pornomcontos eroticos donas de rabos enormesconto casada nunca tinha visto rola pretaConto erotico cuidando de minha enteada1http://tennis-zelenograd.ru/conto_3205_pescaria-no-pantanal.htmlminhaesposa numafesta-contos reaisamiga gostosa quebrando o galho me mostra a bucetinha pra eu mastubarconto gay. virei nocinha no carnavalcontos eroticos colegiocontos eroticos de de me tinhas conquistando os avós incestoEnrabei a professora casada relatocontos eróticos meu amigo casado bi me comeuconto pai comprado calcinha para filha virgemmulher casada honesta tomou gozada na bucetaContos eroticos/minha sogra cavalonaContos virei putinha quando vi o pau duro sou homenMamae da a xana peluda pro filho novinho(pornodoido)minha mae é a mulher do meus amigos contosfui pega no flagra contos eroticoscontos eroticos tia suruba com sobrinhosconto erotico comviadinhocontos de lambidas gostosacontocasado meninas virgemContos erotico menina de nove anos no bosquecontos de coroa com novinhoentida da o bucetao para o padrastovideo porno mulher do meu amigo de chotinho na festa casa dele realidademeu filho me fodeu com raivaComi minha sobrinha contos eroticosenfiando as havaianas na boca contos eroticosconto eroticos mostrando o pau pra pamfheteiralouco pelo bumbum da minha irma contos eroticoscontos eroticos meu patrãoconto real casada moro na casa do fundoacontos de amiguinhos comendo a bundinha da amiguinhaeu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestocontos eroticos colegioler contos eroticos transei com uma velhaswing confessin porno contos dia de praia 1Minha mulher voltou bebada e sem calcinha em casa contoscontos eroticos menininho sapeca no meu colocontos eroticos comi meu amigo