Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

OS SEIOS ESTAVAM QUASE PULANDO O DECOTE

Click to Download this video!

Elaine está deitada sobre o colchão de molas da sua cama Box com cabeceira de grades. Passam das 14h e ela espera seu marido chegar. Sábado à tarde, verão. Ela veste calcinha boy short, branca, sem costura, acabamento trabalhado e blusinha rosa bem decotada. Os filhos estão na casinha da titia, irmã de Elaine. Ela está excitada pelo momento íntimo que terá com seu amor. Os seios estão quase pulando o decote! Seu corpo está quente e a cabeça sá pensa ?naquilo?. (risos) Logo, escuta a porta da sala abrir. Guto chegou! Para provocá-lo, Elaine levanta-se, calça seu tamanco rosa e vai ao encontro dele. Na sala, beijam-se e abraçam-se. Ele diz:rn- Uau... Que delícia, amor! Você está maravilhosa! Cheirosa... Sedutora! Que bundão gostoso, meu Deus!rnGuto admira-a dos pés à cabeça. Passa-a as mãos na bunda, sobre a calcinha. Elaine geme manhosamente. Cerra os olhos e inclina o pescoço, sussurrando:rn- Aaai, amor... Senti tanto a sua falta! Sinto-me tão sá... Você me abandonou, bebê!rnGuto encanta-se pelo jeitinho meigo e terno da sua amada. Aconchega-a no seu peito e acarinha-a nos cabelos macios e cheirosos. Abraçados, ele diz:rn- Ôoo, docinho de morango... Estou aqui! Não te abandonei.rnGuto acaricia-a nos cabelos castanhos escuros, lisos e compridos. Ajeita-os atrás das orelhas. Beija-a na testa e, depois, na boca. Línguas roçando-se e respirações ficando aceleradas. Elaine retira-lhe a camiseta de algodão. Beija-o no tárax. Apalpa-lhe no peito e chupa os mamilos. Acarinha-o no busto com sua boca molhada. Guto apalpa-a nos seios sob blusinha. Aperta-a, carinhosamente, nos bicos eretos. Gemem... Agarram-se até o quarto!rnElaine tem 44 anos, pele branca e macia, 1,59m, 66Kg, seios grandes, bumbum macio e redondo, pernas grossas. Guto tem 38 anos, pele branca, ombros largos, bumbum carnudo e redondo, pernas bem torneadas.rnElaine abre a calça jeans dele. Desce o zíper. Tira-a. Admira-o na cueca boxer branca, de algodão. Ajoelha-se. Cheira-o sobre a cueca. Fica excitada! Toca-o sob lingerie. Abocanha-o. Sente o membro cheiroso e grosso crescer na sua boca. Lambuza-o de salivas. Agita-o. Tira a cueca. Coloca a glande sobre a língua e punheta-o. Gemem enquanto Guto acarinha-a nos cabelos lisos. Ela apalpa as bolas e lambe. Vira-o de costas. Desliza a língua sobre a bunda peluda. Morde-a, carinhosamente! Abre-a pelas poupas e lambe-o no ânus. Sente o cheirinho de cu e força a entrada da língua. Lambe bem gostoso o buraquinho dele! Vira-o de frente. O pênis aponta para o alto. Duro, grosso e veias marcantes ao longo do comprimento. Agarra-o e bate sobre sua língua molhada. Respingos de salivas caem, tanto no corpo dele quanto no rosto dela. Abocanha-o novamente enquanto punheta-o. Deitam-se na cama.rnElaine fica de quatro e, logo, recebe passadas de mãos na bundona empinada. Guto puxa-a para cima dele. Meia nove. Cheira-a sobre a calcinha e fica doooido! Arranca a calcinha. Elaine rebola para soltá-la das suas pernas. Ele cheira a calcinha. Logo, está abocanhando-a. Enfia a língua na xaninha quente e molhada. Elaine geme sugando a cabeça do pau. Sente dedos entrarem e saírem do meio das suas pernas. Na boceta... No cu! Fica looouca durante o banho de língua! Arreganha as pernas. Seu rosto queima. O corpo, ainda mais. Contrações vaginais intensas... Não resiste! Geme e o seu quadril treme sobre o rosto do seu marido. Líquido de gozo sai das suas entranhas e escorre sobre a língua arteira! Ela cheira e chupa, cada vez mais, o pau gostoso... Levemente inclinado para a esquerda! rnElaine mexe seu quadril sobre a língua. Ele passa lubrificante, à base de água, nos orifícios dela. Enfia o dedo indicador no ânus. O médio na xaninha. Mexe, carinhosamente, os dois. Ao mesmo tempo! Abocanha-a no grelinho e realiza-a mais uma vez. Elaine exclama:rn- Aaai, amor... Estou gozando! Isso... Fode a minha boceta e meu cu. Isso... Meu gostosão! Aaai... Eu quero sentar no seu pau.rnGuto, com carinhos, retira os dedos lambuzados. Chupa-os. Agarra-a no bumbum liso e macio. Cheira-a no ânus e vagina. Suspira. Elaine fica maravilhada! Ele delicia-se nos aromas, dos árgãos sexuais, da fêmea sedutora. Ela o punheta enquanto derruba salivas. Está extasiada sobre o rosto do homem da sua vida!rnElaine levanta-se. Vira-se sobre o lençol amassado. Guto ajeita-se e encosta-se à cabeceira de grades. Ela agacha-se sobre o membro viril. Agasalha-o entre as pernas. Permite-o afundar nos seus encantos e delírios! Elaine segura nas grades e cavalga-o... Gemem... Arrepiam-se! Os seios balançam... Pulam! Ela tenta segurá-los. Acarinha-os enquanto delira no pinto entrão. Aperta-o com os músculos da vagina. Gemem. Esfrega o clitáris sobre a base do pênis. Sua boca fica seca. Cerra seus olhos. O corpo esquenta. Contrações vaginais intensas tremem-na o quadril saltitante. Elaine está gozando! Sente o pau pulsar junto com a vagina que abre e fecha. Grita de prazer:rn- Aaamor... Aaamor... Que pau gostoso! Aaai, meu bebê!rnEstão ofegantes. Corações acelerados. Guto segura-a pelo quadril. Massageia e introduz seu dedo médio no cuzinho apertado dela. Elaine delira:rn- Que delíciaaa! Fode sua bonequinha... Fode, amooor!rnManhosamente, ela levanta-se e abocanha-o. Cheira-o. Lambuza-se exclamando:rn- Eu adoro o cheiro e sabor do seu pau, amooor! Fica uma delícia... Lambuzado com meu gozo! Salgadinho... Hum!rnGuto acarinha-a nos cabelos suados. Beija-a entre lambidas no seu membro. Pede-a para que fique de quatro, na beira da cama. Elaine empina a bundona branca e afunda o rosto no travesseiro de plumas de ganso. Ele fica em pé, sobre o chão frio. Introduz o pau na boceta. Segura-a pela cintura. Puxa-a pelos cabelos. Elaine fica doooida! Estoca-a na xana apertada. Exclama-a:rn- Amor... Que boceta quente... Apertada! Parece um forno!rnElaine, sentindo seus melões deslizar sobre o lençol úmido, sussurra-o:rn- Que pau delicioso... Come sua bonequinha, bebê! Come...rnGuto mexe seu pau sem tirar de dentro. Suas coxas peludas pinicam-na. Ele aperta-a no ânus... Acarinha-a no buraquinho! Gemem. Ela massageia o clitáris e a vagina. Roça, a ponta das unhas francesinhas, no corpo escorregadio do pênis e no saco que balança. Agita seu clitáris e, sem demorar, goza novamente sentindo penetrações nas entranhas. Guto está ofegante. Boca seca. Diz, gemendo, para sua mulher:rn- Amooor... Eu vou gozar! Que delícia...rnElaine, imediatamente, afasta-se retirando o pênis da xana. Vira-se para a beira da cama. Fica de quatro e diz:rn- Amooor... Goza na minha boca! Eu quero sentir...rnA boca dela abre e a língua insinua-se para o membro dele. O pau treme ao compasso das contrações. Está melecado do gozo da xaninha dela... Esbranquiçado! Elaine engole-o. Logo, jatos de espermas quentes inundam a boquinha macia e quente. Ela chupa. Engole espermas. Um pouco escorre pelo canto da boca. Caem sobre o piso do quarto. Pingos de suor sobre o chão. Elaine beija-o na barriga e abraça-o pelo bumbum. Deitam-se na cama. Acarinham-se. Beijam-se de língua. Ficam abraçados e descansam saciados. Adormecem.rnPessoal, por hoje é sá! Fique em paz e obrigado pela leitura. Beijos.rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos de sexo com sograminha calcinha no banheiro contosbucetas carnudas grandes beicos casadas cornoscontos eroticos titio na praiaesposa contando detales pro corno da transa com amante contosContos eroticos gay dando pro maconheiro safadocheirinho.gostoso da bucetinha contoscontos gays minha mae me viu dando o cu e participouContos bdsm sequestradaconto erotico dei para o ex maridocontos enrabada no trabalhadocontos incestos eu e meu irmão fizemos uma s***** com minha sogra em minha casacontos eróticos comi minha filhaconto erotico dona de casa dominada teta gostosa contos eroticoscobto eróticos. chupei cu do meu maridoContos eroticos... Cunhada usando um vestidinho curtoconto erotico passei a mao na menina por cima da calcinha contos eróticos Levei minha filha para meu amantepau grande enfiadi. todo nicuconto erotico adoro mostrar meu bumbumcontos eróticos dando o cuzinho no swing o tesão falou mais alto e fui corno Contos eroticos de solteiras rabudasContos como foi a primeira punhetinhapropria porra dedos no cu consoli xonto eroticopassinho de várias lésbicas se chupando uma volta sem pararfui dar mole e ele crew cuzinhocontos erotico meu pai me comeu na cachueracoroas enxutas se masturbando com tocas na cabeçaeu conto cunhada casada foi acordar o cunhado de manhã em joelho redondocontos eróticos com vizinhaconfeceu a amiga a tomar banho com ela pornoespiando minha tia safada.htmlcomo perdi o meu analcomo minha esposa aguentou 23cm no rabosem cadastro zoofilia sai mijando leiteminha sogra pediu pra ver meu pintocontos eróticos eu comi a secretária do meu paiconto erotico duas rolas de presentegostosa de olho bendada e trançadacontos mais exitantes q ficamos exitadissimosContos eróticos picantes pecados na igreja com padresgosto de porra na boca contos eróticos    O pau preto do papai contos eróticoscontos eróticos mulheres q chega em casa e o marido desconfia porque está arrombadaconto gay me comeram dormindoJoão e chupando piru mesmo tempoMinha irma pos uma legue sem calsinha para mim ver contosdp swing buracocontos eroticos eu minha amiga e o desconhecidocontos eroticos iniciando nudismoconto erotico com crenteminha sogra pediu pra ver meu pintocontos erpticos de filho bem dotadocontos eroricos de menina virgens que adorou ser estuprada pelo opadrasto e seus amigoscontos eroticos: menina por desconhecidocontos eroticos decornos amigoscontos eroticos reais de mulheres casadas crente que ja enfio o pepino no.cuDotado arronbando garota 19 aninhoscontos traindoconto erotico comendo a egua no sitio de noiteanal duplo com travestis conto eroticovidio negao fes travesti loirinha urra com baita pau ate o talo no cuzimconto erotico incesto sonifero filhaconto er seios quadril glandecom perdi minha virgindade com um policial contocontos eroticos de como meu amigo me comendocontos eroticos com acordei com meu cachorro me penetrandopornodoido garota pequenA seguanndo pau grandeconto sou novinha e toquei punheta pro tiorodolfo era meu vizinho me chamo ana contos erótico conto porno mulher gosta pau 25cmdupla perfeita uma chupava meu pinto e a outra chupava meu cuContos eroticos cunhada safada jeovadevolvendo esperma no pau do bem dotadocontos heroticos comi meu tio casada dei para o pedreito contos eroticosalizei buceta da tia bebadaler contos pornos eletrecista mi comeo no hotelúltimo contos anal de sobrinhameu amigo cumeu minha mãe e minha tia 2. conto eroticoContos eroticos gay Peguei no pau do meu irmao no quarto na belichecomo supa a boceta ligada tonadonegrinha virgem sendo violentada pelos tios contosconto erotico pedi e minha mulher fez massagem emminha bundacontos intimo de uma enteadaContos eroticos... Sou dadacontos eroticos pego gostoso o meu filho gueicontos eu e mais dois metemos na sogra Foderam gente contos tennso ajudante de pedreiro chupou minha rola quando eu tinha dez anoscontos sexo esposa e maeWww.garotinhasafada.comcontos eróticos tia no puteirocontos eróticos tomei chute no sacocomia mae contos