Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

NO ESCURINHO DO CINEMA

Click to this video!

No Escurinho do Cinema



Certo dia, decidi entrar num cinema pornô no centrão de São Paulo. O ambiente era um pouco estranho para mim, mas logo me acostumei. Passando pelas fileiras vi que o cinema não estava muito cheio mas tinha um bom numero de machos, alguns punhetando enquanto assistiam ao filme e outros interagindo entre si.



Decidi ir pro fundo e me sentar numa poltrona. Todo aquele ar de sacanagem junto com o filme me excitaram rapidamente. Meu pau já estava pulsando dentro da calça. Não demorou muito e um cara se aproximou de mim, ele não disse nada, apenas se sentou ao meu lado e começou a acariciar o pau assistindo ao filme.



Como já disse em outro conto, não sou exatamente gay, não tenho atração por homens, apenas por seus paus, então não notei se o cara era bonito ou não, apenas observei sua pica que era grande mas um pouco fina. Percebendo meu olhar, ele pegou minha mão e colocou em seu pau duríssimo.



O cara passou a me alisar também, então tirei meu pau pra fora e ficamos um tempo numa punheta dupla. Mas punheta por punheta eu teria saído com minha namorada, o que eu queria era rola, então logo me debrucei sobre aquele pau e comecei a chupa-lo com vontade. O cara não aguentou muito e gozou logo, deixando minha boca cheia de porra.



Aquilo para mim não tinha sido suficiente, mas felizmente logo apareceu um moreno meio gordinho ao meu lado já com o pau de fora, perguntando se eu queria chupar o pau dele também, minha resposta foi engolir toda aquela pica. Ele em pe na minha frente e eu sentado na poltrona. Eu apertava sua bunda e ele fazia o vai e vem na minha boca como se estivesse fodendo uma buceta.



Meu tesão era tão grande que nem me preocupei em ir para o reservado dos banheiros, abaixei minhas calças e fiquei de quatro na poltrona. O gordinho colocou a camisinha, me deu algumas dedadas e enfiou lentamente o caralho no meu cuzinho. Eu dei poucas vezes então meu cu não esta laceado, por isso pedia que ele fosse devagar, depois da dorzinha inicial tudo virou prazer. Como estávamos no meio do cinema todos podiam nos ver, e aquela situação me excitou mais ainda.



Derrepente apareceu outro cara na minha frente, ele já chegou com a pica de fora esfregando na minha cara. Como prazer pouco é bobagem, comecei a chupar aquele pau que era um pouco pequeno pro meu gosto enquanto o gordinho bombava meu cuzinho com vontade.



Logo o cara do pau pequeno gozou e foi pra outro lugar, mas não demorou e um coroa com uma rola enorme me fez começar outro delicioso boquete. Aquele pau mau cabia na minha boca, eu lambia sua bolas com vontade e o coroa batia com o pau de leve no meu rosto me chamando de putinha.



Ao meu lado se sentou um cara que se masturbava olhando a cena. Ele começou a bater uma punheta gostosa para mim enquanto eu chupava o pau do coroa. O gordinho parecia se excitar com aquela cena e passou a bombar mais forte e dava tapas na minha bundinha.



O cara ao lado colocou o pau perto do meu rosto, eu tirei o pau do coroa da boca e mamei um pouco na outra rola, mas logo voltei ao caralho do coroa que era muito mais gostoso. O cara ao lado continuou batendo uma punheta práximo ao meu rosto e logo gozou na minha cara enquanto eu chupava o coroa e era enrrabado pelo gordinho que gozou pouco depois.



O coroa aproveitou a oportunidade e passou a fileira de cadeiras para me enrrabar bem gostoso. Confesso que doeu para entrar, pois aquele pau era bem grande. Com o coroa me fodendo apareceu mais dois caras para eu chupar, eu revezava entre as picas, mas o coroa me bombava tão gostoso que larguei daqueles paus e me concentrei em me masturbar enquanto sentia aquele membro arregaçando meu cuzinho. Gozei gostoso e fiquei gemendo enquanto o coroa continuou me comendo até gozar também.



Satisfeito fui ao banheiro me limpar deixando os dois caras na vontade, o coroa satisfeito e mais alguns curiosos muito excitados. No banheiro um dos caras que eu parei de chupar chegou perto de mim falando que minha chupada era uma delicia, mas pena que tinha durado pouco. Então resolvi chupar o pau dele antes de ir embora do cinema. Um boquete rápido dentro do banheiro foi suficiente para deixar aquele rapaz feliz e minha boca cheia de porra novamente.



Até Mais!!!



[email protected]



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos me ensinaram a bater uma siriricacontos erotico transai com uma negona vizinhacontos escondido no churrascoMinha filhinha com shortinho muito curtinho ve contosdeixa eu botar meu pau na sua bandeirinha conto eróticocontos gay meu primo ensinouminha tiade fio dental exibidacasado contos eróticosmarido libera esposa para pagar o aluguel contoflogdosexo.compauloelizabethv¨ªdeo porno pai enfia o dedo na bucetinha?contos papai socou tudo no cu da filha ela se cagoucontos eróticos de bebados e drogados gayscontos de homem que teve relacoes sexuais com a mae com buceta raspadaContos eroticos de esposa na estradacontos chantageada pelo genro e pela filhapaquerei ex nanorada do neu primo é pau?primeira vez em fraldas tesãoContos eróticos a baixinha gostosonaconto erotico gay viado fica com medo da piroca do coroa e e fudido a forcacon erot vendo meus amigos estoura esposinhaGozando na boca Abrantes dela chuparconto de não aguentei a pica grande de meu avôconto sobrinha curiosana frente a mamãe motel sábado padrastovideosIncestochupandocontos travesti e mulher casada juntas dando o cu pra homem e o cãocontos eroticos me comeram feito puta e chingada de vadia e cadelacoloco sobrinha no colo contosurra vaginal amordaçada contoxvidio amaciando a esposaconto de uma ninfeta que adorava mostrar a xotaContos d uma menina estrupada por taxistavou contar como realizei minha voltade de trepar com dois e der duas rolas na bucetacontos de menininhas sentando no colo de homenscontos eróticos minha tia virou p*** do seu sobrinhoConto erótico minha irmã me chamou pra ir ver a porta do guarda fato que quebrou e ela enpinou a bunda pra mimcontos eróticos mulheres casadas greluda que gosta de meninas virgem"comi uma caloura"porno traicao roludo conto pornoConto erotico aproveitei e forceicontos eroticos silvana no casamentocontos de adolecentes escultando.adultos tranzaporno minha rotinconto erotico meu genro comeu meu rabo na marracontos eroticos transei pelo celulardona redonda arreganhado o cuzaorelatos de cheirando calcinhacontos er com negfui toma uma no bar da coroa safadinha e acabei comendo seu rabinhocontos eróticos trair namorado atrãocontos eroticos fudendo a mae travestinao contar para ninguem da familia. Quando eu achei que o papo ia terminar ali, ela me fez a pergunta que levou a tudo: perguntou porque eu tinha tanta coisa sobre lésbicas incestuosas no pc? Quando ela me perguntou isso, confesso que pensei em desconversar, mas aí pensei também que ela não faria essa pergunta à toa. Aí comecei a falar que aquilo me excitava muito, que gostava de ler sobre aquilo. Sem brincadeira, acho que a gente deve ter ficado uns 10 segundos em silencio ali na cama, depois que eu falei isso. Uma olhando para a outra. Aí, ainda bem, ela tomou a iniciativa, colocou a mão na minha perna e perguntou: Você pensa em mim?  contos eróticos babá olhando o volumecontos eroticos tapou a bocacontos eroticos adoro um pau grandedeu pro vizinho trans e ficou grávida contoschaves comendo cu da chiquinharelatos reais ciumento casado corno aconteceu na praiaContos eroticos tatuagem da esposacontos mulheres que gostam de ser preenchido no cuzinhocontos eroticos flagrei minha namoradacontos eróticos incesto/dava por dinheirofode rebola nele vaicontos eroticos de fui fudido junto com minha mulherela pegou no pinto dele na marra mais ele gozoucontos encoxando mulher do amigofoda louca na empregada até o orgasmoconto erotico garotinho de shortinho socadoContos eroticos gay dando pro maconheiro safadocontos verdadeiro de filha de 10 aninhos dando o cuzinhocontos eroticos pauzudo