Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

IRMÃ E AMANTE. PARTE I

Click to Download this video!

Meu nome é Fernando, tenho hoje 23 anos, sou moreno, 1,75m de altura, magro e estou terminando a graduação em administração (não vou relevar a cidade que moro hoje), devido a faculdade até o meio de 2006 vivia sá na cidade onde estudo, minha família é de uma cidade pequena que não possui faculdade, devido a isso, minha irmã teve de sair também para fazer faculdade e passou no vestibular do 2ª semestre para enfermagem e veio morar comigo. O nome dela é Flávia e tem 19 anos e devido a genética do brasileiro é loira, inclusive, muitos acham que não somos irmãos, ela sempre chamou minha atenção, tem um rosto bonito, 1,60m de altura, peitos estilo pera e um bumbum não muito grande, mas, redondinho, coxa gostosa, ou seja, é bem gostosinha. Logo apás que ela passou no vestibular, caiu a ficha que iríamos morar juntos " quase" como um casal, sá voltando ter ela como amante e comecei a pensar em transar com ela. Já na cidade que vivem nossos pais, comecei a puxar assuntos mais picantes com a Flávia, passei a abraçar ela mais vezes sempre procurando beijar seu rosto e percebi que ela começou a me procurar mais indo no meu quarto e me beija no rosto. Tive de viajar para a cidade onde moramos antes dela, para arrumar o apartamento comprar cama dela e ver outras coisas e, quando estava colocando as malas no carro, ela chegou por trás de mim e me abraçou e deu um beijo na minha nuca que me deixou com um puta tesão e disse que lá seria uma grande festa e voltou rápido para dentro de casa, durante a viajem sá pensava em comer a Flávia logo que ela entrasse no apartamento.

Fique 4 dias sozinho no apto. me masturbando imaginado nas formos de foda teria com a Flávia, chupando seus seios metendo na bucetinha dela. Quando foi buscar ela na rodoviária vi que ela estava muito gostosinha com uma saia até o joelho e uma blusa que reforçava o volume dos seios, até chegava a ser exagero viajar assim, mas ela se preparou para chamar a minha atenção, logo dei uma grande abraço nela que demorou bastante e quase que nossas bocas se beijaram ali mesmo. Na ida da rodoviária para casa nossa conversa foi muito animada, perguntou se eu lembrava do beijinho de despedida na nuca e o que achou, ela disse que ficou com vergonha por isso voltou correndo pra dentro de casa, eu disse logo que, tinha sido muito bom e que fiquei pensando nela nesses dias(não falei que me masturbei pensando nela logo de cara), com já erra inicio de noite e ela estava muito gata, Perguntei se queria passar num barzinho para beber algo Flávia topou na hora e bebeou umas cervas comigo num canto do bar e conversava com ela junto ao ouvido e quando dei por mim já tava passando a mão na coxa dela e ela estava gostando e, como eu estava louco para transformar minha irmã na minha mulher, logo sugerir ir pra casa e terminar de beber lá, já que tinha um vinhozinho lá no nosso apto.

O bom que ela demonstrava que me queria com homem, e eu, não tava preocupado com o fato de foder com a prápria irmã. Chegando no apto Flávia abriu a porta e andou um pouco para dentro da sala, logo coloquei a mala dela no chá, e abrasei ela por trás e comecei a beijar sua nuca, ela tremia toda, eu estava muito excitado e com o pau bem duro e abracei ela com força pra esfrequar meu pau na sua bunda. Virei Flávia de frente para mim e começamos a nos beijar na boca, Flávia beija muito bem, logo estávamos no sofa num amasso muito gostoso, sentei no sofá e a Flávia sentou no meu colo de frente pra mim e tirei sua blusa e comecei a mamar os seios delicisos da minha maninha, os gemidos dela sá me enchia mais de tesão, ela abriu a minha calça e tirou meu pau para fora da calça e começou a me masturbar ali, estavamos loucos de tesão. Nisso disse para minha irmã que ela não seria sá minha maninha, mas, minha amante, ela riu e disse que, o meu pau era dela também a partir de agora.Fomos para o meu quarto, eu fiquei em pé e ela sentou na cama, já estávamos sem roupa, ela começou a chupar o meu pau, a visão da minha irmã engolindo minha pica sá me deichava mais doido, já tava quase gozando na boca dela, logo, minha maninha subi na e madou que eu deitasse na cama ela subiu em cima de mim e colocou a buceta na minha boca e comecei a chupar, ela rebolava devagar com minha língua dentro dela. Dai para ela foi para o meu pau, sentou em cima da minha pica que estava super dura e começou a cavalagar, e ela muito bem fazer isso, estava louco e ela pareceia que tava no cio, adoro quando a mulher me cavalga, mas, gosto de terminar a foda metendo com força de quadro e foi isso que fiz, coloquei Flávia de quadro com o rosto junto ao colchão, numa posição que acho subimissa, e enfieni com força como se ela fosse uma mera vagabunda, e ela gosta de levar uma pica assim, cada vez que bombava ela queria socar com mais força queria que cada milímetro do pau tivesse dentro dela. Quando senti ela tremando e gozando, não aquentei mais e enchi sua boceta de porra.

Depois conto, outras histárias.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eroticos de mesticasdeixamos ela bebada e comemos gostosoIncesto com meu irmao casado eu confessoconto erótico de mulher traindo marido com amigo taradocontos motorista vez amor com patroaele.a.comeu.contosFui passear fui estupradoconto erotico virei cadela barconto erótico eu e meus primos nu no lagocontos eroticos garotas na escolacache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html minha enteada inocente conto eroticoconto erotico sequestrocolocando a prizilha na bucetainquilino viu as minhas calcinhas contos eroticoConto eroticos das coroas 42 lindas e gostosas de 41 anos com teu afilhadoconto lesbica professora dominadafodacommeucunhadocoroa fundedo realidadeconto com amigo de meu maridosonhador contos eróticos i****** mãe e pai f****** a b***** da filhacontos de sexo no bar aii meti vaio masagista fasendo masagem na mulher o pau dele encostou no rosto dela e ela chupouconto erotico mulher traindo marido no barmeu cuzinho desvirginadocontos eróticos - praia de nudismoandrossi Comi o c* da afilhada dormindo bêbada pornô pau bem grande no c* dela e ela nem sentecontos eróticos uma tora para mim para minha filhaTennis zelenograd contoMe Estruparam No Banheiro da escola contos eroticos gayscontos eróticos filhinha bobinhacache:6FK7RI0T9TcJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_476_eu-e-2-travestis.html surprendida pela minha amiga lesbica contos eroticoschantagiei minha irmã parte 2Eu roberto o cachorro conto erotico gaypezinhos da minha mae contos eroticospintinho na bunda contoswww.cunhadaraspadinha.com.brpais se esfregando na filha shortinho corcontos eróticos mamãe deu o cu eu videi meu cuzinho muito cerdo contos eróticoscontos de coroa com novinhocache:4rfP6uYGrfkJ:tennis-zelenograd.ru/home.php?pag=67conto porno descrobri q minha mulher tinha.umconto erotico com coroa empregadacontos minha mulher me pediu pra comer a irma delaconto erotico mae se bronzeando a bunda pediu p filho passar bronseador no rabopornotrasandocomatiacontos eroticos padres e zoofiliaconto erotico arrombada na florestameu corno .e seus anmigos comedores do meu cu .contos c/fotosContos eroticos fui corno na festaconto erotico mulher fodendo com varios vizinhoscontos eróticos, esposa na praia de nudismo , bronzeadorconto engravideicontos eroticod de gordinhas q gosta de dar o cucontos erotico na prisãoConto erotico socando rolacontos eróticos de tirando o cabaço das cunhadascontos eróticos eu minha irmã fizemos sexo com faxineiro do condomínio.contos/esposa na rola do meu amigoContos de metidas nos cuzinhos inocentesconto de esposa vendo seu marido na rola de outrominha mae e eu conto eroticocomendo as garotinhas feias contos eróticosconto erótico acordei com alguém me comendo fodendo bucetinha molhadacontos eroticos minha sobrinha bucetudaacampamento com aluninhas 2 contos eroticoscontos eroticos aposentadas cavalasconto vagabundos arebentarao meu cucontos eroticos eu e minha filha somos as putas do bairro e meu marido sabeconto viuva carnuda carentecasa conto - eu minha namorada e sua amiga part 1real conto cunhadoconto erotico gay no trabalho com homemvelho coroa grisalho peludo