Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ASSIM FUI FEMEA

Click to this video!

Quando era criança tinha um problema, e o médico recomendou que me aplicassem lavagens intestinais. Minha avá me pegava na marrava me batia e mandava a ceringa n o meu rabinho, passava vaselina...a velha me fez isso tantas vezes que já não precisava de vaselina e eu nem protestava mais...acho que até gostava...Com o tempo quando ficava sá passei a brincar com ceringa de borracha no rabo... Até que me masturbei com ela enfiada, foi uma delicia, colocava agua quente e apertava elea para espirrar a agua no meu rabo quando gozava, achava isso delicioso....me masturbava já olhando revistas de fotonovelas, imaginando ser a garota (naquele tempo final dos anos 50 inicio dos 60 era uma das poucas que se conseguia, no maximo mulheres de maiô . Com tempo passei a introduzir lapis no rabo também, e depois ceringas grandes com consolo, aí já era gostoso demais gozava bombando elas no meu cu...tinha bastante amigos, mas os garots grandes ou já rapazes, tiravam saaro com minha cara e gostavam de passar a mão na minha bunda, mas eu brigava, talvez de vergonha de meus amigos acharem que deixei sei lá. Fui crescendo assim mudamos de bairro,morava bem perto do centro antigo de São Paulo e mudamos para um bairro proximo ao morumbi. Fui crscendo estudava, mas nunca dava bandeira, e sázinho mes vestia de femea, ou pelo menos uma calcinha e já tinha metido até cabo de vassoura no rabo...tava me arrombando sem nunca ter dado, sem nunca ter sido femea...Fazia caminhadas pelo bairro nos fins de tarde ou nos períodos de ferias escolares. Ia eu no mês de julho de 1967...tinha 19 anos já e não tinha levado rola ainda. Até que num fim de tarde fui fazer uma caminhada pela região, ia de camiseta, calcão com uma calcinha apertadinha por baixo, e calçava um tenis..fumava minister e tinha um maço quase cheio. Passando pela av. Giovani Gronchi, quando acendi um cigarro, um garoto negro que subia por ali tb. ao me ver, pediu-me um cigarro, então subimos juntos um trecho da avenida e conversando, até que ele entrou a esquerda e fui pra esse lado tb., na minha cabeça passava que esse poderia ser meu grande dia...sentamos ali e conversamos um bom tempo até que deixei que le visse que eu estava usando uma calcinha em baixo do calção...ele se surprendeu, fiquei com medo que fosse me bater era maior, mais velho e mais forte que eu...me perguntou então se eu já tinha dado, falei que não, que tinha vontade de experimentar, mas contei que já tinha introduzido diversos objetos para me masturbar. Então ele falou vem cá caminhamos até perto de uma construção, baixou as calças, puxou o pau pra fora e falou pra chupa-lo, não era grande era do mesmo tamanho domeu acho, tb. pequeno, já tinha enfiado coisa maior, mas queria mesmo um de verdade, chupei meio sem jeito mas deixei durinho..aí ele brincando com meus mamilos, me mandou ficar de 4, puxou meu calção a calcinha e cuspiu no meu rabo e começou a me penetrar pela 1ª vez, não doeu claro, não tinmha o rabo virgem, mas era uma delicia estar sendo comido pela 1ª vez. Wilson era seu nome, brincou sarrou e me judiou bastante me fazendo implorar pra meter gostosos e de uma vez, eu rebolava, enquando ele me chupava ospescoço e mordiscava meus ombros e passava as mãos na minha bunda ..até que senti tudo dentro enquanto metia fundo, forte e gostoso sentia as bolas batento na minha bunda era uma delicia, pedi pra ele me chamar de Vivian, Vivi...de tão gotoso, acho qeu entrei em alfa, sá voltei a mim quando estava gozando e senti que ele tb. gozava muito enchendo meu rabo de porra quente e edeliciosa...ficou um tempo dentro de mim até que tirou, nisso uma senssação de vazio em mim... fui levanta me deu uma tontura louca, tive que ficar sentado um tempo...depois dei uma limpada por fora com papel higienico...puxei a calcinha o calção queria ir pra casa sentindo aquela porra toda dentro de mim...nos despedimos e marcamos de nos ver pra um dia da semana seguinte. Fui andando, mas sentia que tinha tanta porra no meu rabo que parecia até que ele tinha gozado mais de uma vez em mim, será? No caminho tive de parar em outro canto pois senti uma forte pressão no intestino como se fosse fratulencia e num canto escondido puxei a roupa e soltei um peido mas a quantidade de porra que saiu de mim era tanta que tive certeza ao ver que ele tinha me comido mais de uma vez...entrei em alfa mesmo. Cheguei em casa corri pra um banho, fiz até uma lavaginha pra me limpar legal....como dormi feliz essa noite...em que fui femea pela 1ª vez.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Travesti fode duas coroas safadas na idade de 55 anosminha esposa de shortinho na obraconto erotico fui pra fazer um teste pra trabalhar e voltei pra casa cm a buceta ardendo de tanto darconto erotico de gravida com consolocachorro pinche lambe buceta e festaMesmo contra a vontade da minha familia eu sou mulher do meu primo viuvo conto eroticoxvidio mulher xota de cabritacontos eroticos jovem transando com a negra escrava parte 1contos vizinha dona de casa tetuda caidajogadora de vôlei nua do Brasil pela tomando banhotomates conto heteromeu primo mobral contoconvidei o Celso para enrabar minha esposacomi minha cunhada fabiana - contos eroticoschupava a noite inteira ele amarradomunher ce mastuo eu ficonto eróticos c afilhadacontos de comi o cuzinho da irmã na banheiraminha esposa me contou suas aventuras sexuaisContos comi a mulher de amigo bebadacontos reais de exibicionismo com roupas sensuais para entregadorcontos er¨®ticos incesto ensinei minha filha a ser cadelacontos eroticos comi a bunda da minha tiacontos eróticos gay cuidando do cachorrão do vizinhominha iniciacao gay sendo a mulherzinha do negao contos pornoContos eroticos gay vacilei fui fudido o cabaçoPeguei minha tia veridicoContos eróticos de rabudas casadasenchemos a boceta de porracomendo a mae e a tia na piscina contos eroticoContos de sexo virgem dor extrema membro grosso teen incestovoyeur de esposa conto eroticovideos mulheres negras coroas de absorvente internoMinha namorada deu a bucetaconto garoto esperimentei da cuconto gay zoofilia com galinhacontos comi a internadaContos eroticos meteu o cu no pau do irmao que tava dormindochantagiei minha irmã parte 2sempre dou uma escapadinha contosWww.garotinhasafada.comsexo gemidosssmulher ensabuando a buceta grande.menina de menor fazendo filme pornô com minha Duduchupada buceta contomorena cabelos pretos seios durunhos e aureulas escuras deliciaDesenho porno pai bota filhar pra domir i fode ela todinharcontos gosto de ver meu marido usando calcinhafudeno cu da manu e ela gritando de dorContos dei o cuzinho para a travesti fabiola voguelContos eroticos gay olixeirovisinhalesbicaBebendo porra do filhinho contoseroticosexperimentando a bundinha da garotinha conto gratisHistoria de contos de sexo vovo mamoucontos ninfeta lesbica fodde casada hereroLora dismaiando no cu no anal em tres minutosorando outros peitões da bundona gostosaincesto furapornocontos eróticos casal Passei a noite no autorama no IbirapueraContos não consigo deixar de pensar naquele pau enormeminha prima malcriada contocomo o cheiro da maça contospornoc/japonesasetravestisporno comendo a buceta da gostosa emsima dos retalhosconto erotico gay viciei na porranovinha sequestro contoContos sempre fui o viadinho de todos os homens da familiadepois de eu ter me mastrupado depois de um tenpo comesei a goza isso e normalcontos eroticos peluda fedidasozinhacom primo contos coroasO pau que eu sempre quis contos eróticoscontos eróticos gay meu primo cumeu meu cu no sofacontos eroticos aa aaa ai ai isso mete metecontos de incestos e orgias com minha mulher minha irma emcass nudistas