Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMENDO MINHA CUNHADINHA

Click to this video!

Era uma noite de Sexta feira quando aconteceu, eu tinha ido para a casa da minha namorada na época eu tinha 19anos, e minha namorada tinha 19 e sua irmã tinha 14.

Os pais da minha namorada não estavam no dia, minha namorada não estavam no dia eles tinham ido a uma festa, então minha namorada tinha ido para a casa dos seus pais.

Lá quando chegamos os seus pais logo lihgaram pedindo para ela ir para lá, logo eu tive que ir junto.

Ao chegar lá minha namorada tinha esquecido sua bolsa, e como mulher se liga muito nestas coisas então ela pediu que eu voltasse para pegar sua bolsa, eram 20 minutos de carro, mais no dia estava chovendo muito e ao chegar na casa dos pais de minha namorada descobri que uma árvore tinha caido na estrada que ligava até a casa de festas onde ocorria a festa, então tive que ficar na casa da minha namorada.

Lá sá ficou eu e sua irmã, sua irmã era muito gostosa tinha peitinhos durinho, uma bundinha empinadinha.

Então ela se levantou e foi no banheiro trocar de roupa iria por seu pijama que ela disse.

Tentei olhar de todos os jeitos, mas não consegui, quando ela voltou para a sala ela exstava com uma blusinha curtinha e um shortinho apertadinho.

Então eu a perguntei se ela não estava com frio, ela disse que gostava de sentir um pouco de frio, quando fui me deitar ela me chamou para ficar na sala.

Ela estava deitada no sofá mexendo na tv através do controle, então ela com o seu pé acertou uma foto que ficava numa mesinha ao lado do sofá.

Ela foi pegar o retrato e ficou de quatro com a bunda empinadinha para mim, então meu pau ficou duro na hora.

Comecei a acariciar meu pau, ela logo percebeu e me perguntou o que eu estava fazendo.

Eu fiquei com um pouco de vergonha e respondi que estava coçando.

Neste instante ela ficou muito brava e começou a reclamar que ninguém levava ela a sério, tentei acalmá-la respondendo que ela ainda era um pouco pequena, ela disse que já estava mais do que na hora de fazer sexo com alguém, neste momento fiquei maluco.

Então ela se sentou ao meu lado e começou a dizer que me achava muito bonito, e queria tranzar comigo, eu disse que não era certo pois eu era namorado de sua irmã.

Então ela me perguntou por que meu pau estava tão duro, neste instante ela me pegou, eu fiquei sem palavras.

Então ela começou a acariciar meu pau, então ela abriu minha calça e começou a dar uma bela chupada, era a melhor chupada que já tinha visto, então ela tirou sua blusinha e começou a pagar um espanhola, então ela baixou a calça e a calçinha ficou de quatro e disse "vem tira minha virgindade", no mesmo instante eu peguei ela e dei várias estocadas naquela bucetinha apertadinha, eu senti então que foi afrouxando aos poucos, então enfiei nela mais rápido ainda.

Depois eu comi o cuzinho dela, no início foi difícil de enfiar meu pau naquele cuzinho, mas depois que enfiei comi muito, depois voltei a comer a bucaetinha dela, botei ela toda aberta na pia da cozinha, e enfiava muito naquela bucetinha apertadinha, entãoq quando senti que ia gozar botei ela para chupar meu pau, gozei pimeiro na boca dela, assim ela engoliu muito do meu esperma, depois gozei no seu rosto e fui passando pelo seu corpo, deixei ela toda gozada, depois botei ela na cama e fiquei lambendo sua bucetinha, era uma bucetinha maravilhosa até que ela gozou, quando fomos tomar banho comi ela mais um pouco e gozei na cara dela de novo, então ela deu uma mamada no meu pau e terminamos, ela foi dormir e eu fui para o quarto de háspedes, mais com certeza aquela foi uma das melhores noites da minha vida, aquela bucetinha é inesquecível.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto incesto minhas irmãs gritaram no meu pauSou casada fodida contocontos eróticos pra lésbicas miga sapatacontos eróticos homem velho casa caipirinha novinhacontos escondido no churrascoConto erotico levantaram minha microsaia e me comeram gostosoprono irmão comeno a irman branquinho cabelo pretopapai comeo meu cusinho virgincontos eroticos gay meu pai me comeucontos eroticos novinha espiando seus tios transaremnamorada virgem.contoconto erótico "totalmente peladinha" ruaos nomes dos geladinho do ice lokocontos orgia com maeContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorcontos eroticos inocentedividindo a enteada teen com o filhopornoxota video casada fudendo com serventecontos japonesa rabudacontos porno sou putinha pra minha mae no puteiro da familiacontos comi a amante do meu paisurprendida pela minha amiga lesbica contos eroticosloira jardineiro trai contoscontos eroticos Araguaina Toconto sexo de madrasta fazendo fio terra no entiadocoroa da buceta griluda espirando poro logeconto erotico loira casada aprendendo a traircontos eu virei puta e amante do meu paiContos de novinho chupando kct de caminhoneiroeu adoro usar calcinha hoje sou travesti fresca afeminadaconto erótico chupada do nada escondida mel sugar babarcontos eroticos so era pra ela chuparcontos de lesbianismo no acampamento de escoteirascontos eroticos foi comer cu de esposa e viu que tava arrombadacontos erótico comi minha amiga qusndo fui estudarcontos siririca com docenovinha p****** dando para o bodãoconto sentando no colo no carro sexoviado dando o rabo desfasandocontos eróticos para ler a sogravideo porno gostozinha de vestido preto sndo fodida com amae do ladaContos de putas safadasContos eroticos: Eu dei o cu na frente do meu portãoeu minha namorada e uma amiga carioca conto eróticopor causa da zoofilia virei escrava 3 Casa dos Contos EróticosContos eroticos detalhes por detalhes e falas dos autores e personagens eu era uma menina de 18anos o cara do onibus me fudeuvem ver meu corninho contocontos submissa para pagar dividasbaixinha de 1m 60 porno boa fodacontos eroticosmeu marido me chamou pra ver um filme porno com os amigoscontos eróticos de infânciaconto erotico com morador de ruacontos eroticos exibi minha mulhermeu marido sempre tras tres amigos em casa conto erpticodepiladas muas na sauna contosminha vadia jemendo muito contos eroticostransando pela primeira vez no boa f***contos eroticos sodomizadofui apraia e levei a filinha da vizinha conto eroticocontos eroticos vizinha curiando por cima do murocontos de cú de solteironacontos eroticos, aprendi desde pequeno com o padrecontos eróticos professor e alunacontos eroticos fomos enganados e fodidosConto minha filha so anda de fio dental em casacontos marido atolou a geba grossa no cu d esposa na pescariacontos negras visinhas gostosasConto a tia vadiacontos eroticos ele insistil que deixei tira camisinhacontos eróticos comendo vizinha sueli coroaconto gay viciei na rola do negÃo  Marilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalha. Ambas traziam nos corpos as marcas feitas pela outra em combates violentos e sangrentos. Marilia vestia tão somente uma minúscula tanga branca fio dental. Juliana uma  foto de travestis arreganhadas de frenteconto erótico casada leva rola sendo xingada de putano trem uma coroa ficou acareciando meu pau verídicofetiche mulher atola cueca no rabo do caraConto cu afrouxadoFui enrabada ao lado do meu marido e ele não viuvideo de morena clara casada traindo com um bem dotado acima de 22 cmcache:a_zOfGtuspUJ:tennis-zelenograd.ru/conto_14627_marido-confiante-mas-nem-tanto..html conto gay "nao puta"mulher. safada. botado o leite do peito para fora